FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

7. Capitulo Sete


Fic: Alugando Hermione Granger II - Cap 19 ON - Concluida


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Aloha para todos!! =)


Meninas/Meninos, acredito que eu tenha comentado com voces sobre o meu trabalho de conclusão do Curso. Bem, acontece que eu o apresentei na 6 feira... e na 5 feira, como voces podem ter deduzido, eu não estava com cabeça para postar! Estava muito nervosa, ansiosa e tals! Mas aqui está o capitulo, e eu espero que todos voces gostem!


Agora vamos as respostas dos reviews:


Marina Ribeiro Baldini: Ahh flor, infelizmente, não pude postar no feriado. Acredito que eu tenha comentado em algum post anterior, mas eu estava para entregar meu Trabalho de Conclusão do Curso e não pude postar. A apresentação do trabalho foi na 6 feira, dia 22... e acredite, estava sem cabeça para nada.
 =/ Maaas, aqui está o novo capitulo, e espero que voce goste!! =D
Espero por um review, hein? Beijos e obrigado pelo carinho! *-*

Aninha Snape: Será? Beeem, voce vai descobrir nesse capitulo! hehehe. Fico esperando por review, hein? Beijos.

Landa MS: Sim, voce deu algumas ideias para a fic, sem dúvida nenhuma... mas eu não posso falar nada, neh!? oaksoaksokas. Diga-me, quais são suas outras muitas ideias?
Huuum... eu não posso falar se eu vou usar ou não... hahaha, sabe como é neh?! Mas continue falando, suas ideias são sempre muito bem vindas! =D Espero um review nesse novo capitulo, hein? Beijos.

Jaque Granger Malfoy: Sim, existem muitas possibilidades. E logo logo voces vão descobrir qual é o plano do Draco! Tenha calma, não vai demorar muito! hehehe. =D
A questão da familia Malfoy vai ser mais bem explorada na 3 temporada! Tem muitas coisas para acontecer nessa temporada, então, tenha calma, ta?! =)
Bem, o Draco é um fofo... ele só precisava mostrar! hehehe. Daqui por diante, uma nova faceta dele irá aparecer, algumas coisas vão surprender, pode ter certeza! Quero saber sua opinião sobre essas mudanças que irão acontecer na fic.
As coisas com a Duquesa ainda vai dar muito o que falar, já o Rony... ele é um personagem totalmente terciário.
Sim, os pais da Hermione ainda irão aparecer mais algumas várias vezes, há uma trama envolvendo eles que será explicada aos poucos. O Draco ainda não disse a castanha que ela não vaipoder trabalhar,mas há muito o que rolar, não se preocupe com isso!
Ainda não sabemos se a 3 temporada vai ou não ser a ultima, tem coisas que a gente decide na hora! hehehe.
Muito obrigada pelos seus reviews gigantescos! São, simplesmente, maravilhosos!! *-* Se eu respondi alguma pergunta, me avisa!
Muito obrigada pelo carinho, ta?! =D E não esquece do meu review hein? Beijos.

Janayna von Uckermann: Ahhh que bom que voce está gostando!! Eu fico tão feliz! =D Não só eu, mas a Thys tb, neh?! hehehe.
Calma, as coisas vão com o tempo... espero que voce goste desse novo capitulo, ta? Fico esperando pelo review! Beijos.

Jaque Granger Malfoy: Oi flor, tudo bem? Eu estou postando de 15 em 15 dias, as 5 feiras. Não postei nessa, pois estava na véspera de apresentar meu Trabalho de Conclusão do Curso! =)

Nikki W. Malfoy: Vou postar agora! Não poste nessa 5 feira,pois estava em véspera de apresentar meu TGI. Então, a fic ficou em 2 lugar, mas aqui está o post, e espero que voce goste!

Nana-moraes Malfoy: Bem, eu jamais iria querer levar esse gostosão a sério. Primeiro, pq o que eu iria querer com ele não seria nem um pouco sério! Aiaiai, melhor eu não continuar! hahaha. Espero que voce goste desse novo capitulo, e obviamente, deixe um review! =D Beijos.

Carla Ligia Ferreira: Eu acho que todo homem gosta de ser esnobado, sabe? Acredito que esse seja o segredo... não que eu aplique isso no meu namoro, maas vejo que, todas as minhas amigas que ignoram seus namorados, tem um relacionaento bom! Que bom que voce gostou do capitulo, fico super feliz! ehehhe. Fico esperando por um review, hein? Beijos.

Undiscovered: Ahhh que linda!! Espero que goste do novo capitulo! Fico esperando por um review! =D Beijos.

Mira Huet OConnell: É mega complicado postar toda semana. Não tem como fazer isso, mesmo porque, é gostoso incitar a curiosidade das leitoras! hehehe.
Ahhh, então eu estou "relativamente" no final da minha faculdade! Ainda tenho mais um semestre pela frente. Vou ter muito o que estudar ainda. Nossa, dá um desanimo que voce não tem ideia. =/
Nossa, que romantica que voce é! Bem, algumas coisinhas que voce citou irá acontecer na fic, mas o que é, eu não posso contar, neh?! Os Granger ainda são um caso aparte. Ainda há muito o que acontecer... vai ser uma trama interessante que será explorada mais para frente. =)
Fico feliz que voce tenha gostado do capitulo, e espero que goste ainda mais desse novo! hehe. Fico esperando por um review nesse novo capitulo hein? Beijos.

Gabriela-15: Que bom que voce gostou!! Espero que goste ainda mais desse novo capitulo, aqui! =D hehehe. Não esquece do review, hein? Beijos.

Thalassa: Será? Será? Voce só vai descobrir lendo o capitulo! hehehe. Não esquece do review nesse novo capitulo, hein? Beijos.

sonimai: Bem, voce só vai descobrir se ela se "deu" bem ou não lendo! hehehe. Ahhh sim, a Gina vai voltar para fic, mas a presença dela não é algo constante. Mas ela, sem dúvida, é uma personagem importante, hehehe!
É sério sim, vai ter a 3 temporada... eee já começou a ser escrita!
Bem, eu vou conversar com a Thys, quem sabe não transformamos a fic em um livro. Pode ser algo realmente interessante... para isso, teremos que explorar ainda melhor o assunto! Não é algo muito simples a se fazer! Mas obrigada pelo carinho, e eu vou conversar com a Thys sobre isso sim! hehehe
Espero que voce goste do novo capitulo, e claro, deixe um super review! *-* Beijos.

Leticia Franciele Borghi: Ahhh, não fica triste! Prometo que esse capitulo vai compensar! ehehehe. Espero que voce goste desse novo capitulo! Fico esperando por review! Beijos.

Mandy: Prometo que esse capitulo aqui irá compensar! =D
Bem, se eu e a Thys não parecemos nesse momento, não seriamos nós, obviamente! hehehe. Espero que voce goste do capitulo! Vou ficar esperando pelo review! Beijos.

Miss Perfection: Fico feliz que voce esteja gostando!! *-* Mas por experiencia propria, não perca aulas na faculdade! hehehe. Fico esperando pelo review, hein? Beijos.

Tonks Fenix: Posso falar para voce que, em partes, voce acertou na sua suposição! Mas não irei dizer mais nada além disso! =D
Espero que voce goste do novo capitulo, e claro, vou ficar esperando pelo review! =D Beijos.

slytherin rules: Com relação a Gina e ao Potter, fica complicado inseri-los na fic, apesar deles aparecerem. Calma... a Gina faz parte de uma trama importante na fic, mas o Harry... ele, assim como Rony é coadjuvante!
Então, a questão do cargo é o seguinte: Só se assume um cargo como esse após a morte. Draco assumiu o cargo como substituto, ele não o tem efetivamente! Isso vai ficar mais claro, logo logo! =)
Bem, meu trabalho de conclusão do curso deu certo! Apresentei e passei! =) Agora estou "um pouco mais" tranquila. Ainda tenho matérias para estudar... o que irá me consumir um bom tempo. hehehe.
Espero por um review me contando o que achou do novo capitulo! Beijos.

Anna Malfoy: Sabe que eu também sinto o mesmo, as vezes? Existem algumas fics, que eu leio, que tem esse poder de me fazer imaginar que aquilo está acontecendo em algum lugar no mundo! *-* E é isso que nós, eu e a Thys, tentamos passar para as leitoras! E bem, é muito importante saber que nós estamos conseguindo! hehe.
Espero que voce goste desse novo capitulo, e claro, deixe um review! É sempre muito importante saber o que voce ta pensando!! =D Beijos.

The: Então, a fic não é muito voltada para as NCs, mas vai acontecer uma, e eu espero que voce goste!
Quando bolamos a fic, não tinhamos a intenção de focar nas NCs... elas iriam existir, mas não seriam o principal! Há muito o que ser explorado! hehehe.
Fico feliz que, apesar de não tem muitas NCs, voce esteja gostando! hehehe. Espero um review nesse capitulo, hein? ^.~ Beijos

Anny_Malfoy: Nãoooo, pode continuar me balujar, eu deixo! kasokaosk. Só que meu ego vai ficar maior que o mundo!
Sério que dá para notar quando sou eu, ou quando é a Thys que escreve? Voce é a primeira pessoa que me fala isso! Voce já leu outras fics minhas?
Muito obrigada pelo carinho, viu? Fico esperando por um review, me contando o que voce achou do capitulo! Beijos.

Firebolt: Que bom que voce gostou!! Espero que goste ainda mais desse capitulo! =D Fico esperando pelo review, hein? Beijos.

Renata Di-Lua Lovegood: Voce é advogada? Que linda! =) Fique a vontade para dar uns palpites em que aula ela deve fazer! Sabe como é, neh!? Sou da área de exatas! oaksoaksoaks.
Eu tb vi essa reportagem... deve ser meio fo** ser da realeza e não poder gastar o quanto quiser neh?! oaskoaksokas. Caaalma, as coisas entre a Kate e a Hermione ainda vão esquentar um bocado, não se preocupe! =)
Gostei da sua ideia, acho que eu vou usa-la em uma das minhas fics!! *-* voce é um genio! É, mas acho que nessa fic não vai dar certo não! hehehe.
Espero por um review me contando o que achou da fic, hein? Beijos.


Muito obrigado pelo carinho de voces, e eu espero muitos reviews, hein?


Beijos
Angel_S


---***---


Erguendo-se sobre os cotovelos, Hermione observou o lugar em que se encontrava e logo suspirou, para deixar seu corpo cair sobre os travesseiros macios, enquanto se dava conta do corpo nu embaixo do lençol. As lembranças da noite anterior rapidamente tomaram sua mente, fazendo instantaneamente um sorriso brotar em seus lábios enquanto suas bochechas coravam.


 


-- Flash Back --


 


- Você sabia que não deve me levar a sério quando eu digo isso – respondeu ele com um sorriso sacana.


 


Rindo ela acertou um tapa em seu peito, o que só despertou em Draco ainda mais desejo, rapidamente ele a pôs melhor sobre seu corpo, os beijos se tornando mais voluptuosos. Ofegante, ele afastou um pouco o rosto do dela, para logo separar seus corpos.


Mas foi apenas por tempo suficiente para se erguer e puxá-la para seus braços, apoiou-a contra a parede, novamente distribuindo beijos por seu pescoço, e sorriu ao sentir as mãos pequenas e femininas subirem por baixo de sua camisa.


 


- Você tem certeza? – ele perguntou com os olhos brilhosos pelo desejo, vendo nos olhos castanhos dela o mesmo brilho de desejo refletido.


 


Com um meneio de cabeça Hermione assentiu, por simplesmente não encontrar voz para responder a ele.


As preliminares duraram mais que de costume, refletiu Draco, mas daquela vez queria fazer tudo certo, o sexo entre eles era incrível, disso ele já sabia, mas estavam se reconciliando aos poucos e travar aquela intimidade era avançar para um nível que não tinha certeza se Hermione estava pronta para aceitar, assim que se prolongou nos beijos, beijando o pescoço e o colo dela, deixando rastros úmidos e avermelhados por seus seios e pelo ventre liso, sentindo como, aos poucos, ela se tornava mais e mais relaxada em seus braços, ao mesmo tempo mais entregue.


Quando Hermione voltou a percorrer aos mãos pelo seu corpo foi que Draco teve certeza de que ela também queria, além do mais, sinais do que fariam não faltaram, afinal ela sabia que cada vez que se dispunham a estudar juntos, era em sexo que tudo acabava, mesmo que depois estudassem, a intimidade estava sempre relacionada.


E também havia dado a ela a chance de se afastar, de dizer que não, havia perguntado se ela estava segura, estando ele pronto para parar caso ela não quisesse continuar. Seria frustrante, ele sabia, mas a partir do momento em que se dispôs a conquistá-la custasse o que fosse, sabia que teria de se sujeitar a situações nem sempre favoráveis.


Para sua sorte – e alivio – ela estava tão envolvida quanto ele, tão saudosa quanto, distribuindo beijos em seu pescoço e no peito masculino, observando o corpo masculino e viril com olhos excitados, nublados pelo desejo.


Beijou-a nos lábios após tirar sua blusa e o sutiã, e também após tirar sua calça e a lingerie. Ela o acolheu em seus braços quando Draco se despiu, e mordiscou seu ombro quando ele se posicionou sobre seu corpo.


A penetração foi longa e prazerosa, e Hermione suspirou ao sentir o corpo masculino invadi-la com aquela intimidade que só os dois tinham, mordiscou o ombro dele novamente quando as investidas se tornaram mais fundas, e Draco gemeu ao sentir como ela o recebia.


Os movimentos foram fortes e fundos, mas nenhum dos dois se importou com isso, pelo contrário, Hermione o queria cada vez mais forte e mais fundo, saudosa demais daquele corpo, pedindo sempre mais, querendo sempre mais dele.


Draco penetrou com força, sentindo-a lânguida em seus braços quando o orgasmo chegou, ela gemeu em seu ouvido, sentindo as pernas bambas e o corpo leve, e com ele não foi diferente, sentindo-se saciado ao atingir seu clímax, deixando seu corpo cair sobre o dela. Beijou-a no rosto, e ela retribuiu os beijos, com um sorriso satisfeito em seus lábios, os olhos fechados enquanto ainda desfrutava da sensação pós-orgasmo.


Não demorou para Draco colocá-la por cima, admirando o corpo feminino, a curva dos seios pequenos, mas que ficavam perfeitos no corpo dela, na medida certa, e que tinham a medida certa para caberem em suas mãos. Assim não demorou a sentir seu pênis erguendo-se novamente, excitado pela visão de uma Hermione excitada, com os mamilos túrgidos e o corpo arqueado, posicionando-se sobre seu corpo de forma quase obscena, desejosa de mais.


Ela se arqueou sentindo o pênis dele roçar em suas nádegas, e se inclinou beijando-o no peito e nos mamilos, devolvendo as caricias que Draco havia lhe feito anteriormente, e mostrando a ele que estava pronta para recomeçarem de onde a intimidade entre eles havia parado – quando já se encontravam a vontade um com o outro, sem vergonha de serem mais ousados, ela principalmente.


Gemeu sentindo a língua dela deslizar de maneira erótica sobre seu peito, mostrando a ele que esse tempo de espera e abstinência seriam logo recompensados.


Suas mãos pousaram de forma possessiva sobre a cintura fina dela, erguendo-a com facilidade para guia-la em direção ao seu membro, e rapidamente ela se posicionou, descendo lentamente sobre seu membro, proporcionando a ele uma visão erótica, fazendo seu pênis latejar de excitação. Gemeu ao primeiro contato, e depois disso ambos perderam o controle, fazendo com que ele a penetrasse num ritmo frenético, ouvindo os gemidos manhosos dela, o modo languido como ela pedia por mais e seu corpo se arqueava o excitavam ainda mais.


Arqueou-se na cama, sentindo seu pênis bombear nela, até o clímax novamente atingi-los, fazendo Hermione cair exausta, e satisfeita, sobre seu corpo, e Draco a acolheu com todo prazer, beijando sua cabeça, enquanto ela enlaçava os dedos no cabelo já desgrenhado dele.


Ficaram por alguns minutos na mesma posição, seu pênis latejando pelo pós-coito e ela lânguida pelo orgasmo que a atingira, conforme a sensação de satisfação ia se esvaindo, o cansaço pela noite mal dormida e pelo recente esforço fez Hermione fechar os olhos, pronta para se entregar ao sono.


 


- Eu senti falta disso – ela disse com a voz manhosa enquanto se aninhava melhor nos braços dele, gemendo ao sentir seu corpo ser separado do dele.


- Eu também – Draco sussurrou em seu ouvido, mas apostava que ela já estava dormindo e nem ouvira.


 


-- Fim do Flash Back --


 


O barulho do chuveiro ligado despertou Hermione de seus devaneios, fazendo-a sentar na cama, trazendo o lençol consigo por puro hábito, afinal não havia ninguém que pudesse vê-la nua naquele quarto. Riu sozinha vendo as roupas espalhadas pelo chão e maneou a cabeça, ao aceitar ir ao apartamento de Draco havia tido em mente que tudo era possível, além do mais, como ele mesmo dissera, ela sabia que não devia levar muito a sério quando Draco disse que iriam só estudar. Havia pensado mais em beijos e amassos, não em sexo, mas não se arrependia.


Afinal Draco estava se esforçando, ela tinha de reconhecer isso, ele vinha se portando como um cavalheiro, era paciente e tolerante – principalmente em seus dias de TPM –, agora era sua vez de também fazer algo por ele, além de mostrar que também estava disposta a fazer que desse certo.


Além do mais, não era mais tão ingênua e sabia que, mais cedo ou mais tarde, era na cama que as coisas terminariam.


Espreguiçou-se e logo estava de pé, com um sorriso seguiu até o banheiro e suspirou ao ver a silhueta masculina contornada no box, o calor do lugar tornara o vidro do box embaçado, permitindo ver apenas o contorno de um corpo bem delineado.


Abriu a porta de fininho e o abraçou por trás, rindo alto quando, de surpresa, Draco a segurou pela cintura, colocando-a de baixo da água. Seu cabelo rapidamente estava todo molhado, o corpo arrepiado pelo contato da água. E também pela intimidade que voltavam a compartilhar.


 


- Sentiu falta disso também? – perguntou ele de forma divertida e ela riu, dando um tapa em seu peito.


- Aposto que você sentiu mais falta – desdenhou.


 


Negando com a cabeça Draco a ergueu no colo, beijando seus lábios com volúpia.


 


- Bom dia – disse de forma debochada.


- Bom dia – ela riu enlaçando os braços ao redor de seu pescoço.


 


Ele a prensou contra a parede, e beijou seu pescoço sabendo que ali era um de seus pontos fracos.


Minutos mais tarde ela ria jogada na cama, enquanto Draco terminava de se vestir.


 


- Aonde você vai? – perguntou com o cenho franzido.


- Resolver um assunto com o advogado da empresa...


- Que não seria você? – questionou com uma sobrancelha arqueada.


- Não – ele riu maneando a cabeça. – Não sou só eu, por isso quero resolver isso logo e me livrar. Tem uns contratos que ele tem de ler, depois já trago o nosso almoço, pode ser? – perguntou.


- Eu vou fazer o nosso almoço – disse ela sentando na cama.


 


A expressão de descrédito no rosto de Draco fez Hermione cruzar os braços, sentindo-se irritada, de repente.


 


- Não seria a primeira vez – retrucou ela. – Mas se minha comida é tão ruim assim, tanto faz.


- Faz tempo que você não cozinha – ele deu de ombros. – Não achei que quisesse.


- Eu gosto de cozinhar – pontuou ela e ele se aproximou.


 


De joelhos ela andou sobre a cama até se aproximar dele, com um suspiro conteve a vontade de enlaçar os braços sobre o pescoço dele e trazê-lo para mais perto – ainda não eram desses casais românticos e melosos, lembrou-se.


 


- Além do mais, aprendi vários pratos quando não estava com você! – retrucou ela para complementar.


- Tudo bem – ele deu de ombros. – Só não estou acostumado a ter uma namorada que cozinhe – riu e ela maneou a cabeça.


- Você foi muito mimado, Malfoy!


 


Rindo ele beijou-a nos lábios de forma rápida, e logo se afastou.


 


- Me surpreenda então – disse pegando sua pasta. – Não devo demorar.


 


Ele se afastou e Hermione se jogou sobre a cama, sabia que quando Draco dizia que não iria demorar, significava que levaria pelo menos duas horas. Ainda tinha tempo. Olhando no relógio não acreditou ao ver que ainda eram nove horas da manhã. Maneando a cabeça se aconchegou entre as cobertas, abraçando um travesseiro que continha o perfume de Draco.


Droga. Estava começando a se comportar como aquelas mocinhas melosas. Com a diferença de que não estava apaixonada por Draco. Ou pelo menos era isso o que dizia para si mesma.


 


 


Dirigindo apressado pelas ruas de Cambridge, Draco tirou o momento para por seus pensamentos em ordem e logo deu um murro no volante. Não sabia descrever como se sentia, estava com Hermione, a tinha novamente em sua cama por uma vontade mutua, mas ainda assim algo o incomodava.


Suspirando pensou no plano que tinha traçado semanas atrás, um plano que envolvia esse contato íntimo entre eles e que poderia ou não estar em ocorrendo. Era isso o que tanto o incomodava. Ao pensar no que queria, havia se esquecido de ponderar o que Hermione planejava para a vida dela, e certamente suas ideias conflitariam. O problema era que agora podia já ser tarde demais. E do jeito que a noite havia sido agitada – e a manhã também – não duvidava que já estivesse ocorrendo.


Maneando a cabeça pensou que não era hora de refletir sobre isso, além do mais, já estava feito. Tinha agora era de tratar dos assuntos da empresa que sua mãe herdara, e que seu pai soubera administrar muito bem – o que trazia uma grande responsabilidade para Draco, que mesmo estando confiante, sabia que seus pais estariam sempre com um olho em cima, acompanhando cada lucro, cada conquista, comparando valores.


Afinal de contas, por mais que Narcisa estivesse mais tranquila com o relacionamento dele com Hermione, não significava que ela havia aceitado, pelo contrário, isso até o preocupava. Pois como sua própria mãe já dizia, se a cobra está quieta demais, é porque está preparando o bote. E isso se adequava perfeitamente na situação.


Isso, somado a falta de confiança de sua mãe em sua capacidade de gerir os negócios, e somado também a preocupação com a saúde de seu pai, que um dia estava 100% no dia seguinte estava definhando na cama por motivos que ninguém sabia esclarecer, faziam uma pressão tamanha em toda a situação, que consequentemente fazia com que Draco exigisse ainda mais de si mesmo.


E por um lado era bom estar tão bem com Hermione, pelo menos ela não lhe cobrava tanto, e com ela podia relaxar e deixar um pouco de lado tudo isso. Era um homem de negócios, jamais abandonaria a empresa de sua família ou o seu cargo no parlamento, mas isso não significava que gostasse de lidar com os dois, ainda mais ao mesmo tempo.


 


- Senhor Malfoy – a voz de sua secretária o fez se mover e sair do carro.


 


Holly era quem cuidava dos negócios na sede em Cambridge, uma sala de tamanho razoável que mantinham ali para que ele pudesse lidar com tudo, afinal nunca gostara muito da vida atribulada de Londres.


Ela era uma senhora de quase cinquenta anos, que tinha uma neta de pouco mais de cinco para sustentar. Draco ainda se lembrava de quão chocada Hermione ficara ao conhecê-la, haviam discutido durante todo o caminho, ela acusando-o de mentir, porque a secretária de alguém como Draco Malfoy tinha de ter pelo menos um metro e meio de pernas e ser loira. Grande fora o choque ao se deparar com aquela senhora, e quando Holly lhe contou da neta, que vivia com ela porque sua filha inconsequente mal era capaz de cuidar de si própria, Hermione ficou cheia de remorso por ter desconfiado de Draco, e toda sentimental pela senhora e sua neta.


 


- Daniel já chegou? – perguntou Draco entrando em sua sala, seguido por Holly, que tendo sua agenda em mãos lhe ditava cada compromisso.


 


Uma reunião na segunda pela manhã. Outra na terça.


Ótimo, pensou ele, eram em horários que Hermione estaria em aula, de qualquer jeito.


 


- Ele ligou que já está a caminho – respondeu ela de forma solicita.


- E quanto as passagens que eu lhe pedi? – perguntou tirando o paletó e apoiando-o em uma cadeira.


- Já providenciei – ela respondeu rapidamente. – Pedi o avião privativo do parlamento, mas disseram que como o senhor ainda não tomou posse não pode usá-lo, a menos que seu pai o acompanhe – Draco fez uma careta e Holly soltou um risinho baixo, que logo a fez corar e se desculpar.


- Não tem problema – deu de ombros. – Aposto que mesmo se eu pudesse usá-lo, alguém encontraria algum defeito para eu não sair daqui com ele. Além do mais, me sinto bem o suficiente viajando de primeira classe.


- Tenho certeza que sim – ela assentiu.


- E quanto ao  apartamento, está tudo certo?


- Falei com a sua governanta em Nova York, ela vai providenciar tudo.


- Ótimo.


 


Não demorou e Daniel Ferrer entrava em seu escritório, sua pasta em mãos, a aparência impecável como sempre. Com um aceno de cabeça, Draco dispensou Holly assim que ela lhes serviu café, e apontou a cadeira para que Daniel se sentasse.


 


- É bom vê-lo, rapaz.


 


Tendo quase idade para ser seu avô, de certa forma era assim que Daniel o via. Sendo ele um velho amigo da família, conhecera seu avô materno e com ele tratara sobre os assuntos da empresa, o mesmo acontecera quando Lucius comandava todos os negócios, e agora era a vez de Draco assumir o posto.


Mas de certa forma era engraçado tratar de negócios com aquele senhor que o vira crescer, Daniel era uma presença quase constante em sua casa durante sua infância, houve uma época em que ele e Lucius eram quase inseparáveis. Mas então a mulher de Daniel falecera, poucos anos atrás, e o senhor nunca mais fora o mesmo. Sentia-se solitário, tendo apenas uma filha já crescida e casada. Hoje Daniel era mais profissional que nunca, empenhando-se cada vez mais em seu trabalho, afinal, como ele próprio dizia, era a única coisa que lhe restava.


 


- O que você tem para mim hoje? – perguntou o senhor com certo humor e Draco maneou a cabeça.


- A revista que resolveu fazer um dossiê da família Malfoy publicou algo sobre eu ter me relacionado com Catherine Middleton antes dela se casar com William – disse de forma ríspida, pois só pensar em Catherine já lhe causava um mal estar. – Pensei que tudo que mencionava nós dois juntos havia sido excluído, para sempre.


- E deveriam ter sido – Daniel respondeu com o cenho franzido. – Apesar de que, deixe-me dizer garoto, duvido que alguém vá comprar essa história, não agora depois de tantos anos, ainda mais com Catherine estando casada com William e tendo a história deles estampada em tantas revistas, até livros fizeram sobre os dois.


- Pensei a mesma coisa, mas de todas as formas gostaria de garantir que nem um boato me ligasse àquela mulher – respondeu Draco.


- Você ainda a odeia, não é? – suspirou ele. – Eu sempre lhe disse que não a achava boa o suficiente para você, garoto.


- Sei disso – riu Draco. – Mas não é só sobre ela que eu quero falar... Até ontem estive em Londres, tratando de tudo que envolve a posse do cargo. Os contratos estão nessa pasta, claro que deveriam ser confidenciais, mas você sabe que eu não lhe escondo nada.


 


Com um sorriso fraco Daniel maneou a cabeça, realmente, sabia tudo sobre a vida de Draco Malfoy. Provavelmente bem mais que a própria família dele.


 


- E? – questionou ele apressado.


- Quero que você os revise, não é novidade que metade do parlamento me julga incapaz de assumir esse cargo, portanto não duvido que haja algo nessas clausulas feito para que eles provem estarem certos.


- Mas o que eles ganhariam com isso? – questionou Daniel com o cenho franzido.


- Meu pai vem acertando com William para que Annelise e Henry se comprometam, isso junto com o fato de eu estar na frente de muitos deles na linha de sucessão já seria um grande motivo.


- Não acredito que seriam capaz disso.


- Daniel, se tem uma coisa que eu aprendi convivendo a vida toda nesse meio é que não se pode duvidar de nada, além do mais, só ler os contratos não fará mal algum.


- Claro que não – respondeu solicito. – O que você achou deles?


- Encontrei algumas cláusulas duvidosas, mas prefiro que você o leia antes para depois discutirmos, afinal pode ser só coisa da minha cabeça – deu de ombros. – Desde o casamento de William a pressão parece só ter aumentado, assim como o mal humor daqueles homens – resmungou.


- Em breve você será um desses homens – apontou Daniel.


- Por isso quero estar preparado – retrucou Draco. – Eles acham que eu sou só um garoto mimado que cursou direito em Cambridge simplesmente por poder, engano o deles.


- Sei disso – Daniel assentiu parecendo orgulhoso.


- Não tenha pressa – Draco disse erguendo sua pasta para entregá-la ao homem a sua frente. – Até porque, foi você mesmo quem me ensinou que a pressa é inimiga da perfeição.


- Exatamente – assentiu o homem com humor. – E quando o grande dia vai ocorrer?


- No primeiro mês do ano – suspirou. – Está próximo.


 


Com um suspiro Draco se ergueu e abraçou o senhor que de braços abertos o esperava.


 


- Seu pai nunca disse, eu sei, mas ele tem orgulho de você, Draco – murmurou Daniel antes de se afastar.


- Obrigado – respondeu.


- Eu ligo para você assim que ler toda essa papelada – comentou com humor ao erguer a pasta pesada.


- Não tenha pressa, tenho uma cópia desse processo – respondeu Draco.


- Ótimo – respondeu com humor – assim posso rabiscá-la a vontade.


 


Maneando a cabeça Daniel se afastou, e Draco sorriu, apreciava verdadeiramente a presença daquele homem em sua vida, e lamentava por ele estar tão sozinho. Mas isso estava fora de seu alcance, e não fora por faltas de tentativas.


A verdade era que Daniel sentia muito a falta de sua esposa, Amanda, e preferia viver seu luto sozinho.


Aquele era, sem dúvida, um dos homens que o inspiravam. A adoração que Daniel tinha pela esposa fazia Draco desejar ter uma mulher como ela, e quando conhecera Kate, pensara que havia encontrado, mas ela partiu seu coração e agora ele não acreditava mais em amor eterno, almas gêmeas nem nada disso. Para Draco cada um tinha uma chance, Daniel soubera aproveitar a dele, enquanto ele próprio a desperdiçou com alguém que não valia a pena.


Sorte a de Daniel. Azar o seu.


Olhando no relógio, Draco viu que nem se dera conta do tempo passando, Hermione estava a sua espera, e sabia que ela ficaria muito irritada se ele se atrasasse ainda mais.


 


- Agora eu tenho de ir – disse Draco cumprimentando-o com um aperto de mãos.


- Soube que tem uma nova garota – Daniel comentou com um sorriso. – Será que essa é a certa? – perguntou com humor.


- Espero que sim – disse rindo e deu de ombros. – Mas você sabe que eu não acredito mais em tudo isso de amor que você fala ter vivido com Amanda.


- Pois deveria – disse Daniel dando um tapinha em sua mão. – Você pode se surpreender.


- Ou não – respondeu. – Eu já me surpreendi, agora prefiro me manter seguro.


- Você perde mais se mantendo assim...


- Não acho – deu de ombros. – Estou bem assim. Hermione também.


 


Se mantendo cético ele mantinha seu coração seguro. Era isso que importava no final das contas, pensou Draco.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 17

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Diênifer Santos Granger em 06/08/2012

Adorei *---*

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Leticia Franciele Borghi em 14/07/2012

Ain!!! 
Quanto tempo estive fora... mas cá estou eu para dizer que esse caliente capitulo foi tudibão!!! 

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Barbara Nascimeto em 04/07/2012

Hey querida!
Sinto muito não ter mandado review nos últmos capítulos, mas sabe né o primeiro bimestre não foi dos melhores pra mim, um pouco de rebeldia talvez que me resultou num belo de um castigo até o fim do bimestre! Bom, agora que já acabou, e a fase da rebeldia ja passou, eu tenho a internet de volta e posso lhe mandar reviews sempre!!
Bom, FINALMENTE Hermione resolve ceder aos encantos de Draco Malfoy. É. Eu tinha certeza que ela não aguentaria muito tempo, mais dia ou menos dia ela cederia, afinal, que homem, ein!?!? 
Difícil aguentar muito tempo com essa gostosura ao lado dando condissão, e ainda sentindo o que ela sente por ele né? 
É muito bom ler todo esse envovilmento deles, e toda essa confusão de sentimentos, de planos e de tudo mais sabe, eu particularmente a.d.o.r.o
Eu acho que talvez a Hermione não ficará muito feliz quando descobrir o plano, mas seila né? ;)
Òtimo capítulo, você escrevendo com paixão com sempre né? 
Só acho que talvez os cap poderiam ser maiores né? Seila também! mas poderia....
 enfim, parabén novamente, muito sucesso!!!
 

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Tonks Fenix em 01/07/2012

O plano é um bebê? A Mione vai pirar se engravidar mesmo, mas, tenho certeza q aceitará casar-se!!
E a  Kate morre o coração! kkkk
Ótimo cap como sempre...
esperando por mais!
 Bjinhus!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Miss Perfection em 01/07/2012

Graças a Deus eu estou de ferias agora =^.^=

a sua fic está simplesmente fantastica. A reconciliação foi linda, e realmente espero que Draco leve Hermione junto com ele pra Nova york... se não for levar, poderia ter cenas romanticas dos dois falando ao telefone todos os dias ou coisas assim, ainda quero ver a Kate apanhar nessa fic viu? kkkk

louquinha pelo proximo cap.

bjs

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Natalie Mayer Black em 28/06/2012

eu queria um bebê draquinho.... u-u 

como sempre, eu ameiiii o capitulo e aguardo o próximo ANCIOSAMENTEEEEEEE
bjooo 

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por sonimai em 28/06/2012

esse cap foi quente e esclarecedor,ele quer engravidá-la,cara,que loucura ela é tão nova,mais velha que eu ,hehehe,mais espero que de tudo certo torço pelo Draco,e essa viagem pra onde será,ansiosa pelo prox cap

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Undiscovered em 28/06/2012

Aah o que eu mais queria era o Draco com ciumes da Hermione... Posta algo assim, por favor! hahaha. Esse plano e deixa-la gravida, nao? Nem quero imaginar a reacao da coitada!

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por the em 27/06/2012

aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah vá... queria mesmo é uma cena bolada de draco com ciúmes, falo mesmo.
Ele tá se achando de mais hrum u.u".
 te contei que amei o fora da hermione na kate ?/ bom amei mesmo.
 a esse capítulo foi legal. não tão interessante, até mesmo curto acho eu.
Mas tipo faz um ceninha de ciúmes.. adoooooooooooooooooraria*-*
homem com ciúmes é lindo ainda mais o draco bjks
 

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Minerva Lestrange em 25/06/2012

Adoreeeii o capítulo, muito bem escrito. Ai, a Hermione tá morrendo de vontade ficar com Draco pra valer, não só pelo acordo *-* Ele também, lógico, mas a Hermione tá muito mais evidente. Espero q não demore p/ postar o próximo capítulo!! Bjoo

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Renata Di-Lua Lovegood em 25/06/2012

Menina do céu... esse jogo tá cada vez mais perigoso e mais delicioso... dois cabeças duras que têm medo de amar, só que c-o-m-p-l-e-t-a-m-e-n-t-e apaixonados um pelo outro... vamos ver até onde eles vão com isso... espero que seja só medo e que o orgulho não atrapalhe também.. porque esse sim pode pôr tudo a perder.
Tenta não demorar tanto pra postar amiga.

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Carla Ligia Ferreira em 25/06/2012

Tenho um pouco de pena do Draco.. tão jovem e tão desiludido.. Não digo que ele deveria ser ingênuo, mas poderia ter seu coração um pouco mais suave... afinal é visto que o amor por Hermione está florescendo dentro dele, e a negação não vai ajudar nada... Adorei o capítulo. Beijos e até mais.

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Anny_Malfoy em 24/06/2012

Bom, não é preciso dizer o quanto eu amei o capítulo, que estou anciosa por mais e ser sua aduladora como sempre certo ? Rsrsrs. Não sei como você consegue nos deixar tão curiosas e insaciáveis assim sabia ? Isso é maldade. E finalmente, tudo voltou a ser como antes, Draco e Hermione felizes, reconciliados, quentes e mais um montão de outros adjetivos. Tomara que agora não haja mais Kate, nem Narcisa e nem Pansy para interferir certo?
Bom, dá pra perceber sim quando é você ou a Thys que escrevem. Fica realmente muito parecido, é fato, mas eu, com 7 anos de fanfiction já deveria ter aprendido algo, certo? Rsrs. Infelizmente ainda não li outras fics suas D=. Minha lista de fics para ler anda  muito extensa ultimamente, mas tem um espaço para as suas ok ? Bjs

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Tha em 24/06/2012

Eu gosto muito desse relacionamento dos dois, ao menos agora. Esse ceticismo dos dois só ajuda a controlar as emoções, mas a verdade é que a gente tá louca pra eles assumirem que se amam, haha. Ainda é cedo, e nossa, como tô curiosa pra saber esse rolo do Draco com relação aos segredinhos dele aí... já ansiosa pelo próximo cap! Aliás, essa fic deveria virar série de TV hahaha <3 beijo!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Nikki W. Malfoy em 24/06/2012

Ai, nossa...já estava pensando que vc tinha desistido! shasuasuahsushu isagerada não?!
Amei o cap., deu até um alorzinho aqui... uiii.
E é pura impressão minha ou parte desse plano tem a ver com uma viagem "digamos romantica" para Nova York?
Agora que o prox cap. vai ser mais cobiçado do que td!
Não demore mt pf, se não vou ter um ataque!
bjs e até o prox!
Ah vc vai querer que eu mande o livro ou não? Lembra "A Noiva".     

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Nana-moraes malfoy em 24/06/2012

Que maravilha! Até que enfim..., esses dois se entenderam... nanana,! Estou igual uma criancinha qdo ganha um doce! kkkk! Então, só queria saber pq estou curiosa demais, vai demorar para eles se apaixonarem e se não for muito atrevimento,por favor..., quem vai se apaixonar primeiro, pliss! Õh, meu Deus, como é triste ser curiosa! Amiga alivia ai, vai só uma dica, alguma coisa pra dar uma saciada nessa mulher perigosamente curiosa!kkkkkkkkkkkk Adorei o cap, amei, esperava ansiosa por isso. Beijos!
nana 

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Mandy em 24/06/2012

Ameiiiii    *---* 
  Muito perfeito esse cap,  a reconciliação dos dois foi simplesmente muiito quente e fofa kkkk
Mas como assim Nova York ?  Draco irá para lá com a Hermione??  curiosa agora kkkk
 Esperando anciosamente pelo próximo cap.

BeijOs*
PARABÉNS PELA FIC ^^ 

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.