FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

5. Ação de graças


Fic: Da ação a sedução


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

_Sr Quin!Sua fotografa quer vê-lo diz que tem mais fotos.-Ouvi minha secretária dizer.
_Pode mandá-la entrar.-Disse.
Não demorou muito para uma loira adentrar minha sala com um envelope nas mãos.
_Prazer em vê-la Srta Bronw.-Disse para ela.
_O prazer é todo meu Quin.-Ouvi ela dizer._Acho que desta vez você vai gostar mais das fotos, por que além delas, eu tenho um áudio gravado de uma conversinha de sua agente.
Peguei as fotos e olhei Hermione falando com o Potter, e pareciam muito bem enturmados.
_Quando foram tiradas?.
_Há duas horas no museu britânico.-Ouvi Lilá me responder.
Coloquei o áudio para escutar.
_Lina, venha cá por favor!.-Disse para minha secretária.
Quando ela chegou lê dei as ordens.
_Sim Sr?.
_Quero os telefones de todos o chalés e sítios existentes nas montanhas!, Façam uma busca completa se for preciso de todos de Londres!ache-os!.-Disse com a raiva tomando conta de mim.
_Sim Sr.
_Me desculpe Hermione, mais foi você quem pediu.-Disse mais para mim mesmo.

Acordei, olhei meu relógio era cinco e meia da manhã, como era possível!Nunca fiquei ansiosa assim com nada! A não ser nas noites de natal quando tinha cinco anos, levantei peguei minha mala e comecei a arrumar minhas roupas quando me celular tocou, olhei e vi que era uma mensagem.

[i]Bom dia,esqueci de te avisar para levar roupa de banho, lá tem piscina,beijos Rony Potter[/i].

Sorri e olhei que tinha apenas um biquíni lilás, peguei e coloquei ele na bolsa,peguei mais alguns cremes de cabelo, de corpo e coloquei na bolsa menor.Quando peguei uma coisa que nunca deixaria de pegar, meu livro Contos de Inverno, amava aquele livro.

Tomei meu banho troquei de roupa, quando olhei já era sete horas, meu celular tocou de novo, e era outra mensagem.

{i] Estou aqui em baixo[/i]

Fui até minha janela e vi o ruivo encostado no carro, peguei minhas malas e fui até sala,e deixei um bilhete pra Gina.


Não demorou muito para ver a morena aparecer saindo do portão do prédio.

_Tudo bem?.-Ouvi ela me perguntar.

_Tudo bem.-Disse abrindo a porta do carro pra ela que sorriu e entrou.


A viagem até as montanhas, foi um tanto longe, mais quando chegamos no sitio pude ver o olhar dela se admirar,a estrada de terra separava a grama verde que tinha um cercado de fora a fora, uma casa de alvenaria vermelha, um pequeno lago, com uma ponte que dava aceso a um pequena ilha que havia dentro dele, entramos e fui apresentar o quarto dela.

_Bem..aqui tem o guarda roupas a suíte e logo ali,espero que tenha gostado daqui.

_Esse lugar é perfeito.-Ouvi ela dizer olhando a imagem do logo que ficava bem debaixo da janela dela.

Esperei ela trocar de roupa, coloquei um short mais largo uma camisa pólo, naquele dia não estava tão frio quanto eu esperava.

Sentei na sala e esperei ela descer as escadas, quando dei por mim vi a cena mais linda que eu poderia ver em toda a minha vida, a morena estava de vestido lilás solto um chinelo branco com os cachos solto.


_Esta linda.-Disse pra ela que sorri sem graça.

_Obrigada pelo elogio Rony.-Disse ela enquanto caminhávamos sobre a grama fofa e verde.

Andamos um pouco mais sobre o sitio e ela parecia admirada com tudo,olhava tudo com máxima atenção e prestava atenção em cada coisa que eu dizia.

_Então você é um cara urbano, que não gosta de mentiras, e adorar uma mulher de cabelos cacheados!.-Ouvi ela dizer enquanto os olhos delas contratavam com as chama s da fogueira que tínhamos acendido.

_Bem resumido!, Sabe você é a primeira mulher que vem aqui.-Disse pra ela que sorriu, e Deus aquele sorriso era lindo.

_Mentira!, Não sou a primeira mulher que vem aqui.-Ouvi ela dizer e me assustei.

_Por que esta falando isso!, é verdade!.-Disse.

_Não!, Não é!Você disse que teus pais vem aqui certo?.-Ouvi ela em pergunta e assenti._Então! A menos que sua mãe seja um homem, uma mulher já veio aqui!.-Ouvi ela dizer sorrindo.

_Levanto isso em consideração sim!.-Disse olhando ela sorrir vitoriosa.


Acho que as horas nunca se passaram tão rápido como naquele dia, estávamos conversado sobre todos os assuntos, quando olhei para as estrelas,as poucas arvores que cobriam o lugar deixava o lindo céu estrelado a mostra.

_Me sinto tão pequena em relação a esse céu, dá só uma olhada.-Disse pra ele que olhou imediatamente pro céu.

_Quando eu era pequeno costumava a vir pra cá de noite, pegava um lençol que tinha umas listras vermelhas e amarelas, forrava e ficava contando as estrelas, quando dava por mim já tinha amanhecido e estava coberto por uma colcha que mamãe sempre me cobria.-Ouvi ele dizer mirando as estrelas.

Sorri, olhei como os olhos dele, ficavam da cor dos cabelos com reflexo da fogueira, parecia que cada sarda se acentuava mais o seu tom laranja.

_Tem horas que às vezes eu posso estar no meio de milhões de pessoas, mais me sinto muito sozinha._Disse e ele me olhou como que esperando eu terminar a frase._Mais já tem horas que eu me sinto completa por estar ao lado de uma só.-Disse olhando ele se aproximar de mim perigosamente.

_É assim que me sinto agora.-Ouvi ele dizer e logo depois me beijar.

Senti ele me deitar sobre o lençol que tínhamos forrado sobre a grama quando interrompi.

_Aqui fora?.-Ouvi ele me perguntar e balancei a cabeça que não.

Senti ele me levantar e me levar pra dentro de casa, ele estava sendo o mais carinhoso possível, me deitou, sentia ele beijar cada parte do meu corpo ainda pro cima da roupa, ajudei ele a tirar a camisa pólo que ele vestia, quando ele me pegou e me sentou sobre ele, os beijos iam de intensificando cada vez mais, senti ele levantar meu vestido passando as mãos nas minhas coxas e suspirei alto,meu ponto fraco,se eu estivesse de olhos abertos naquele momento de juro que eu teria tido um enfarte, mais com as mãos pude contar os músculos das costas do ruivo,quando dei por mim, já estava totalmente entregue, os movimentos hora delicados, hora brutos estavam me fazendo suar, como se eu estivesse em uma sauna,passava as mãos nos cabelos lisos, sentia ele percorrer cada parte do meu corpo com as mãos,cada toque dele em mim era como fogo no gelo,olhei pra ele no fundo do olhos, enquanto sentia os movimentos ficando cada vez mais fortes e rápidos,soltava minhas lamúrias sufocando minha voz no pescoço dele,quando chegamos no clímax juntos,senti ele me abraçar e ficamos apenas ouvindo os dois corações baterem descompassados juntos.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.