FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

9. IX - Poções


Fic: Análise Frontal


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

-----------------------------------------------------------


::N/A :: Acho que vou decepcionar vocês nessa detenção. Não, eu não acho. Tenho certeza ! Kisses para vocês.
Kisses para voces.



-----------------------------------------------------



..:: POÇÕES ::..

Capítulo IX




-----------------------



Ele sentou numa carteira e fechou os olhos pondo sua cabeça pra trás.


Eu ia tentar a ultima vez (estuporar a Parkinson foi bem mais fácil) ele no minimo deve ter achado que não vi mas percebi que abriu um olho pra ver.


Na hora que eu ia proferir o feitiço a Profª Cristy entrou, eu me assustei logicamente, aquela sala é muito silenciosa, faz até eco e derrepente tem aquele barulho de porta que range altíssimo, era pra qualquer um dar um pulo logicamente.


Pular ?


Pular ?


Tudo bem se eu tivesse levado um sustinho á toa.


Acontece que abaixei a varinha com tudo e acabou acertando uma inocente caixinha, uma pobre e adorável caixinha, e ela fez um barulho sórdido como se estivesse explodido.


O mais improvável foi que Cristy NÃO percebeu nada por que estava entertida relendo minuciosamente a lista.


Já te falei como ela é nas aulas ? Os alunos podem por a Sala abaixo que ela não escuta nada enquanto lê.


Só que se ela percebe algo ....


O.k, eu voltei branca como giz para uma carteira qualquer, situado em um lugar qualquer, e eu daria qualquer coisa pra poder enforcar o Malfoy com uma mãe tampando a boca por que estava rindo.


Devia ter sido de propósito, não teve graça nenhuma viu ?


Desculpa, mas eu não acho, tenho certeza que vou vomitar.


Foi resolvido algo mais ou menos assim, Snape mandaria uma lista todo dia, isso, até Sexta com a relação das poções individualmente.


Mesmo que Cristy disesse que essas listas eram iguais eu me lembro de perguntar pela quinta vez entre uma das aulas , se elas eram REALMENTE iguais (eram iguais), ela tinham que ser entregues no final do dia, o que me incomodava e muito, é que como era dia de semana era dia de aula e em dia de aula o único tempo livre era depois da aula, ou seja, a Cristy de uma certa forma só confirmou o que ela própria disse mas que não seje por isso, também confirmei o que pensava: isso não daria certo.


- Gina, você não deve ficar arrumando briga com o Malfoy pelos corredores, poderia Ter ocorrido algo grave .


QUEM, diria que Rony pensaria assim um dia.


- Rony, tudo bem - falei pela décima e quinta vez.


Eu já sabia o resto da cena de cor, nós entramos na sala comunal e ele falaria possivelmente com Harry (que estava escrevendo algo) ou Mione (que lia um livro com face franzida).


Rony tinha ficado todo alegre por Malfoy Ter se dado mal no primeiro dia de aula, ele simplismente não tinha o direito para me dar um sermão, e tenho dito!


Any estava sozinha numa das mesinhas.


Parecia estar com um ar levemente pensativo.


- Pena que o Colin não tirou fotos - falou ela se lamentando.


- QUE ? - perguntei com olhos saltando das órbitas.


- É que acho que nunca verei mais aquela expressão do Malfoy ... - falou ela praticamente em tom de desculpa.


- O que houve? - perguntei.


- O que Houve? Acho que as perguntas estão trocadas, só que não se estresse, guarde algumas grandes doses de paciência para daqui 5 minutos, Johnathan ficou muito fulo, uma tal de Moon ganhou 25 galeões na aposta, eu - Any Hesitou nessa parte por um instante - quis apostar mas...


Ela derrepente ficará sem-graça.


- Jonnathan começou a fazer apostas de diversos tipos nessa semana - comentou ainda furtivamente.


- Se ele for pego, não quero nem ver.


- Eu sei.


Começamos a subir para o dormitório, Rony, Harry e Mione estavam num canto conversando na sala Comunal, Catherinne, Colin e Johnathan também, só que pareciam estar despreocupados.


- Catherinne soube ?


- Só um pouco depois.


O tom era descontraído.


- Como foi lá ? Quero dizer, Detenções né ?


Comecei a contar tudo de repente. Ela ficou com a mesma expressão que estava quando eu cheguei na sala Comunal.


- Any, você está estranha! Aconteceu alguma coisa?


- Não é nada, vocês iniciarão a Detenção amanhã né?


- Tá vendo? Pela milésima vez, sim.


- Gina, você não é tão boa em Poções.


Não tão boa ?


Sei que ela queria me consolar.


A questão é que a relação de Virgínia Weasley com Poções não era somente uma coisa em que se diz "Ela não é tão boa em Poções".


É de dizer que eu sou Péssima, Horrível, isso sim !


- Eu sei, eu sei, vou ter que ver isso ainda - fingi que não tinha escutado aquele comentário.


- Pede ajuda pra Mione!


- Ah, claro. Vejamos, que tal eu ir daqui á cinco minutos ? É o tempo exato de meu irmão me sacrificar em palavras e ela dizer que "sim", o ajudaria a fazer com que sua eu fosse mais paciente.


- Aí você está querendo demais! Mione é Mione, ela só quer seu bem assim como eu.


- Ficou muito na cara que eu ia tentar estupora-lo? Perguntei sem jeito. Lógico que pensei em azarar porém...


- Uma ótima maneira de ele calar a boca, não é mesmo? - comecei a rir.


- Any, responde sinceramente ?


Ela fez um aceno enquanto mexia em uma das gavetas


- Estava lendo um dia que a imagem de uma pessoa é a verdade dela para cinqüenta porcento das pessoas. Quero dizer, das pessoas que não nos conhece, os de fora olham para nós e tem uma idéia por causa de nosso jeito. Nesse caso eu passo uma imagem meio de boba não é?


- GINA ! Deeeee nooooooooovooooooooo ??? - disse fechando a gaveta com bruscalidade.


- Sim ou não ? - falei em tom esperançoso.


Ela parou um pouco e começou a falar devargazinho.


- Vejamos, vou tentar ser delicada no meu modo de falar. Não sou a pessoa certa pra responder isso, essa é a verdade. Já sei ! Vou lhe dar um exemplo;


Sentei-me em uma das camas. Devia ser a da Kitty.


- Se for mesmo como você disse então mais da metade de Hogwarts acha que perco tempo lendo romances, e pensam que sou uma tonta completa.


Abri a boca pra protestar e ela fez sinal pra eu esperar.


- Talvez a Catherinne tenha uma resposta mais convincente para você, é verdade, só sei que não vale a pena ficar pensando nessas "coisas".


Eu peguei a revista que estava em cima da cabeceira de Catherinne e comecei a folhear, Any parecia saber o que estava pensando.


- E mudar sua aparência também não vai adiantar nada. Pelo Amor de Deus Gina, tente gostar mais de você assim mesmo ! Não há nada de errado com você, e por favor não insista nisso. Eu vou ver alguns livros que Teo tinha me trazido ontem, ele fez um poema para mim - disse ela toda pensativa.


- Suponho que a senhoria Any Glaids tenha ficado nas nuvens - falei rindo muito.


- Hunf ! Até você ficaria viu? Bem, se essas idéias que acabamos de conversar voltarem, sugiro que leia alguma coisa, ler um livro não é uma total perca de tempo sabe ? Normalmente tenho muito ciúmes de meus livros mas como se trata da senhorita Virginia Weasley eu abro algumas excessões.


- Que honra - falei ainda rindo.


De manhã praticamente saímos em uma trupe, a Catherinne receiava que Parkinson quisesse descontar em mim, então acharam melhor eu não andar sozinha por aí, duvidava muito que fosse mesmo, sinceramente.


E na Aula de Aritmancia mais uma conversa indesejável (Como se isso não fosse normal ocorrer comigo).


- Kitty, sinto muito mas ele provocou e MUITO, só que veja pelo lado bom: Ele não poderá mais azucrinar ninguém se não perderá o crachá de monitor.


- Rony gostaria de saber disso - disse Iris rindo.


Ela não sabiam que se eu tivesse mais alguma reclamaçãozinha sequer eles mandariam uma coruja para meus pais, e aí meus caros, eu estaria estrepada.


- Só uma coisa - exclamei perto do final da aula - não apostem em mim mais por favor - disse rindo.


- Não poderíamos mesmo. Johnathan falou que como somos muito ligadas à você e nós poderíamos exercer algum tipo de influência.


Iris e Kitty que estavam na mesma mesa ouviam atentamente, até que o Professor tinha sido bem legal deixando nós sentarmos em quinteto quando normalmente os grupos eram sentados em quarteto, somente.


- Eu estava brincando.


- Hum, então esquece o que eu disse - falou Catherinne sem graça.


NÃO ACREDITO NISSO.


ATÉ ELA ??


Terminando a aula, elas me desejaram um tímido boa sorte, era legal quando estavamos todas juntas, tagarelávamos muito.


E a maioria das informações trocadas era de pura inutilidade, refletindo um pouco agora.


A porta da sala nas masmorras estava entreaberta e não havia ninguém. Ainda bem né?


Eu queria ficar num canto sem ser incomodada, somente fazendo o que deveria ser feito.


Estaria pedindo muito ?


Montei o caldeirão e iniciei o preparo, fazendo tudo muito depressa, logicamente. Alguns minutos depois chegou outra pessoa na porta sem pedir licença. Peço que por favor não me perguntem quem era.




----------------------------------------------------


"Enviado por uma coruja especial...."

..:: Angelina Michelle ::..


Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.