FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

7. Abóboras


Fic: Hermione Granger Está Morta e Vivendo em Nova York


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Abóboras

A ação começa na calçada. Em frente a um prédio sujo. Close em Hermione Granger. Está usando um vestido preto apertado, tamanho 44, que está um pouco apertado. A tomada não devia ser tão nítida, já que a Srta. Granger se esqueceu de raspar as axilas esta manhã. Hermione, prestes a entrar no prédio, tropeça e cai na calçada, rasgando a meia no joelho direito e se machucando. A Srta. Granger esconde o rasgão com a bolsa e manca até o próximo restaurante.
Ela entra (ainda mancando) e vai até o banheiro. Limpa o joelho com toalhas de papel, rezando para que ninguém entre no banheiro. Tira a meia que rasgou, e se olhando no espelho, decide por razões óbvias, que é melhor tirar as duas.
Calça os sapatos, que doem horrivelmente sem as meias, joga a meia estragada no lixo, coloca a boa na bolsa e volta ao prédio.
Corte rápido para o escritório onde o Sr. Alvo Dumbledore lhe dá as boas vindas à organização e lhe diz que o grupo musical infantil Esquilos da Alegria esperam para o próximo natal não um ou dois, mas três grande sucessos. O Sr. Dumbledore apresenta a Srta. Granger a Sra. Sprout, sua chefe. Atravessando o escritório, aliás, uma sucessão de pequenos escritórios cinzas entupidos de escrivaninhas também cinzas, Hermione nota que não há um único homem trabalhando para Alvo Dumbledore. A Sra. Sprout, uma mulher de meia idade com cabelos bagunçados, curtos e pintados de preto, unhas sujas e botas brancas (!!!), dá-lhe as boas vindas e pergunta se sabe usar um computador. Uma Hermione extremamente deprimida diz:
- Sim.
Bem, amantes do cinema, eis ai A História de Hermione Granger . Os críticos adoraram.

Photobucket

Nada parecido com as atrizes das comédias românticas está acontecendo comigo, Gina ou Gabrielle. E quando as coisas não acontecem em Nova York, é preciso fazer com que aconteçam.

FATO: garotas apaixonadas não dão festas. Garotas a procura de amor vivem em festas.

- Sabem o que podíamos fazer? Dar uma festa de Halloween. – disse Gabrielle, em pé, nua diante de nós, jogando cinza no minúsculo tapete verde para qual todas nós havíamos contribuído e só eu passava aspirador.
- ótima idéia.
- é uma grande idéia.
- quando vai cair?
- no dia 31.
- Eu sei, que dia da semana?
- Daqui a 3 semanas, num sábado.
- Perfeito.
- Será então no sábado à noite.
(Eu) – E o que vamos servir? Acho que devíamos comprar uns frios, salgadinhos, salsichas e iscas de fígado.
(Gabrielle) – Bastam umas tigelas de batata frita. Que negocio é esse de iscas de fígado?
(Eu) – Não podemos servir só batata frita. E se as pessoas ficarem com fome?
(Gina) – Por que não compramos umas batatas fritas e uns frios?
(Eu) – Não podemos servir apenas alguns frios. Ou se tem bastante ou então é preferível não ter nenhum.
(Gabrielle) – vai ser batata frita e que se fodam.

Photobucket


Tirei Xerox dos convites no escritório, enquanto a Sra. Sprout estava no banheiro retocando a maquiagem. Todos os convites para as mulheres eram o iguais a esse acima. O dos homens tinha um Traga seus amigos embaixo. Tínhamos estado em festas onde havia cinco mulheres para cada homem. É uma sensação horrível entrar numa festa e ver a dona da festa torcer a cara porque esperava que do outro lado da porta houvesse um homem. Uma coisa dessas não podia acontecer no nosso Halloween.
Na noite anterior a festa, Gina e eu tentamos fazer uma cara numa abóbora meio torta. Mesmo apesar de não haver abóboras perfeitas em Manhattan, a pergunta fica: o que eu e Gina, judias, entendíamos de abóboras de Halloween? (Não que agora eu entenda, mas...)
Tínhamos em casa máscaras de abóbora de plástico e compramos uma torta de abóbora em uma loja. Levamos a abóbora de verdade até o lixo e o que vimos?
Vimos o primeiro homem que jamais havíamos visto no prédio jogando fora o seu lixo. O prédio era cheio de garotas. Víamos duas, três mulheres de cada vez na lavanderia, nos elevadores, nas caixas de correio. Há uma lição nisso. Se você deseja encontrar o seu príncipe no corredor, não more em prédios com porteiro. O macho da espécie é forte e musculoso, e não se preocupa se o prédio tem ou não porteiro. Nem ao menos tem medo de ser estuprado.

FATO: Há mais homens em prédios sem porteiros .

Portanto, Imagine a nossa surpresa de ver um homem, ali, no nosso prédio de mulheres.



- Mamãe, conte de novo como você conheceu o papai.
- Será que vocês não se cansam nunca dessa história?
- Por favor, mamãe!
- Ta bom. Sua tia Gina e eu estávamos jogando uma abóbora de Halloween ridícula no lixo e lá estava ele. Morávamos naquele prédio há um mês e meio e nem sabíamos. E agora, vão para a cama. Dêem um beijo na mamãe.



No primeiro momento, Gina e eu ficamos animadas com aquele cara bonitão parado ali, mas eu fiquei menos animada quando reparei que o lixo dele estava meio que organizado. O professor Fudge também jogava o lixo assim. Ah, mas que inferno!
- Oi.
- Oi.
- Oi.
- Meu nome é Gina Weasley, e essa é minha amiga e companheira de apartamento Hermione Granger.
-Simas Figinnan – ele disse, sorrindo. Alguma coisa naquele sorriso me fez pensar: “Eu sabia. Gay.”
- Oi – disse Gina, novamente. Por que perder tempo com alguém que tem o lixo arrumado?
- Estamos dando uma pequena festa de Halloween amanhã. Por que não aparece, se puder? Sei que está muito em cima da hora, mas se puder...
-Sinto muito, já tenho um compromisso, mas se voltar a tempo...
-ótimo. Nosso apartamento é o 14. – disse Gina.
- Tchau.
- Até logo.
- Até logo.
Simas saiu da área do lixo e nós ficávamos observando-o atravessar o hall. Ele era realmente bonito. Pena que gostasse de homens.
Eu acho.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.