FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

24. Vou mandar matar o rapaz


Fic: Moulin Rouge - Amor em Vermelho


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Capítulo 24: Vou mandar matar o rapaz




No quarto de Malfoy, este já fora encontrado e acordado, uma de suas criadas cuidava de sua ferida na testa enquanto ele falava com Zidler que fora chamado imediatamente ali.

- Ele a está seduzindo com suas palavras, eu a quero de volta, Zidler. Encontre-a. – ele afastou com grosseria sua criada – Diga-lhe que o show vai terminar como eu quero. Ela virá a mim quando baixarem as cortinas, ou mandarei matar o rapaz.

- Matar? – perguntou Zidler.

Nesse momento, Goyle adentrou o aposento, tinha um sorriso malicioso no rosto e encarava Zidler, praticamente o servo gostou do que o dono disse.

- Matar! – confirmou Malfoy.

***

Em seu camarim, Gina arrumava depressa seus pertences, sendo ajudada por Hermione que já voltara a si e se sentia um pouco melhor depois de uns remédios e um pouco de descanso e também apoiava integralmente a decisão de Gina e Harry de fugirem juntos.

Gina mal acabara de colocar suas bijuterias numa bolsinha quando Zidler entrou no camarim sem bater na porta.

- Perdoe a invasão, meu anjo. – disse ele muito sério.

- Está perdendo seu tempo, Harold. – ela falou decidida indo até em frente ao espelho e vestindo um casaco branco por cima de seu vestido verde simples com espartilho.

- Você não entende, o duque vai mandar matar o Harry.

Gina congelou na hora, olhou sua imagem assustada no espelho e os olhos marejados de lágrimas.

- Está enlouquecido pelo ciúme. – continuou Zidler sério – Faça o final que ele quer e durma com ele amanhã à noite, ou ele vai mandar matar Harry.

Uma lágrima escorreu por seu rosto, mas Gina a limpou engolindo o choro e tomando uma atitude se virou para Zidler séria.

- Ele não nos assusta.

- É um homem poderoso.

Gina encarou-o e depois tirou seu casaco branco jogando-o no chão com raiva, foi em direção ao guarda-roupa decidida a continuar arrumando seus pertences. Hermione apenas olhava-os.

- O que está fazendo? – perguntou Zidler começando a ficar nervoso, mas isso não era nada comparado à raiva que Gina sentia.

- Não preciso mais de você! – gritou Gina se virando para ele – Desde que vim para cá você me fez acreditar que eu só valia aquilo que pagavam por mim! Mas o Harry me ama. Ele me ama, Harold. Ele me ama! E por isso eu faço qualquer coisa. Vamos para longe de você, para longe do duque, para longe do Moulin Rouge! Adeus, Harold.

Gina se virou para sair e chegou até a porta a tempo de ouvir Zidler dizer calmo e sério.

- Você está morrendo, Gina. – ela parou de andar entre o vão da porta com a cabeça baixa.

- Mais um truque? – perguntou ela séria.

- Não, meu amor. O médico nos disse.

- Mione... – disse ela virando-se para a amiga, Hermione não disse nada, mas seu olhar de profunda tristeza confirmava tudo.

_____________________________________________________________________________________

Continua...

No próximo capítulo...


“Harry era agora a sua principal razão de viver, ela o amava e ele a amava e isso bastava, ele fazia sua vida valer a pena e sentia vontade de viver.”

“Ela estava mais arrasada do que nunca, mas ainda assim, ela conseguia cantar, mesmo que fosse uma música triste e baixinha.”

“- Você é uma grande atriz, Gina. Faça-o acreditar que você não o ama.”

“- O show deve continuar, Gina. Somos criaturas do submundo, não podemos nos dar ao luxo de amar.”


Bjus a todos

Lady Potter

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.