FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

6. Depois da luta


Fic: Amores Verdadeiros


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Lutaram. Lutaram muito. Gina, conseguiu (ninguém sabe como) levar Hermione para o castelo onde pediu ajuda. Alguns comensais morreram, outros fugiram e outros presos; Rabicho sumiu e ninguém sabe onde se meteu! Lúcio Malfoy foi levado para Azkaban e todos pensam que Voldemort morreu com o último golpe dado por Harry.
Após terem saído da floresta proibida junto com Dumbledore Harry, Rony e Draco foram para ala hospitalar e só no outro dia puderam conversar.
- Bom dia - disse Harry.
- Bom dia - respondeu Rony. Madame Pomfrey acabara de entrar.
- Vocês poderão sair daqui após o almoço, ela - apontou para Hermione - vai ter que ficar.
- Por que? - perguntou Malfoy que até o presente momento estava calado.
- A Srta Weasley disse que ela havia desmaiado e de lá até agora ela não acordou.
- É grave? - Malfoy parecia bem preocupado com ela.
- Não. Ela bateu com a cabeça, passou muito tempo sem comer e alguns machucados são graves, mas não se preocupe que ela ficará bem - e saiu.
- Só saio daqui quando ela acordar - disse Malfoy.
- Você realmente gosta muito da Mione Malfoy - disse Harry.
- Mas do que você imagina!
- Malfoy eu queria agradecer por você ter dado uma força pra gente.
- Não precisa. Faço tudo por causa dela. E eu não iria deixar vocês sozinhos, Hermione me pediria pra que não deixasse.
- Mas mesmo assim obrigado.
- É valeu mesmo Malfoy - disse Rony - nunca pensei que um dia eu iria agradecer a um Malfoy!
- Meu nome não muda nada. deixa esse papo pra lá! Meu pai vai apodrecer em Azkaban e não está mais aqui pra ditar essas regras idiotas!
Passou-se um tempo e Rony e Harry ficaram conversando até entrar uma garota desesperada.
- Harry amor! Fiquei tão preocupada! - Cho o abraçou mais ele não fez movimento algum.
- Tire suas mãos de mim! - ele a empurrou.
- Você é tão fingida! - disse Rony.
- Não sei como você namorou isso Potter! - disse Malfoy olhando com desdém para Cho.
- O que foi hein? O que eu fiz?
- E ainda é cínica! - disse Malfoy se virando na cama.
- Harry o que está acontecendo?
- Se você não sabe não sou eu quem vai te dizer, não quero ficar mais nem um minuto ao seu lado sua traidora! Acabou, acabou tudo! Não sou mais o palhaço que você enganou! O que você fez foi imperdoável e pode ter certeza de que eu vou entregar você!
- Mas... eu... é...
- Além de mentir pra mim, me trair ainda ajudou Voldemort!
- Eu fui obrigada!
- E também foi obrigada a passear pela floresta proibida de madrugada de mãos dadas com o Justino?
- É... Harry você tem que entender que...
- CHEGA!!!! Eu não quero ouvir mais nada! - ele pegou no braço dela com força - Nunca mais aparece na minha frente, eu não me responsabilizo pelos meus atos!! - e a soltou empurrando-a.
Ela saiu da ala hospitalar e tudo ficou silêncio. Na hora do almoço Harry e Rony desceram pra almoçar, Malfoy ficou ao lado de Hermione e não quis comer.
*********************************************************************
Não demorou muito e Hermione abriu os olhos e viu Malfoy que cochilava ao seu lado com a cabeça apoiada nos braços encostados na cama, ela passou a mão nos cabelos dele que pela primeira vez estavam partidos ao meio e do jeito que ele estava havia algumas mechas caídas em seu rosto. Ele acordou e viu ela sorrindo, Draco retribuiu o sorriso e a abraçou.
- Fiquei tão preocupado com você! - ele pôs as mãos no rosto dela - você está se sentindo bem?
- Estou me sentindo melhor.
- Você precisa comer, já passou da hora do almoço mais eu posso arranjar algo pra você comer.
- Tudo bem meu amor. Eu já tô legal - se beijaram após um sorriso.
*********************************************************************
Malfoy levou alguma coisa que Madame Pomfrey providenciou para Hermione comer e ao lado dela ficou conversando.
- Ai Draco isso ta me enjoando.
- Você não quer mais comer?
Não deu tempo dela responder pois havia posto tudo pra fora. Após ter vomitado ele a deitou na cama com cuidado.
- Está se sentindo bem amor? - perguntou ele.
- Tô um pouco enjoada - chega Madame Pomfrey.
- Srta Granger. A senhorita não poderá sair daqui até que se descubra o que você tem e curar.
Draco e Hermione se olharam e Madame Pomfrey saiu depois de falar com Draco dizendo que ele não poderia ficar lá por muito tempo.
*********************************************************************
Uma semana depois

Gina vinha em um corredor quando deixou sem querer seus livros caírem, nesse momento Harry chega.
- Oi Gina.
- Oi Harry.
- E aí o que você ta fazendo? - ele começou a ajudá-la a pegar seus livros.
- Eu estava indo pra sala comunal, acabei de sair da biblioteca.
Nessa hora eles pegam o mesmo livro fazendo com que ele pegasse em sua mão, eles se olharam e em uma questão de segundos ele sente uma vontade invadi-lo. Uma vontade louca de tê-la em seus braços, de beijá-la, de amar aquela garota. Então sem pensar duas vezes ele puxa-a pela nuca e dá o maior beijão.
Após uns minutos de beijo (beija moooooiiiiiiinnnnnnntuuuuu!!!) eles se largam, se olham e ela faz uma cara de confusa.
- Harry... eu...
Ele põe o dedo nos lábios dela e diz com a boca bem perto da dela num sussurro audível: - Não vou mais me enganar e não quero que você se engane. Não vamos mais mentir pra nós mesmos - e beijo-a novamente.
*********************************************************************



Rony após o procurou por Ágatha e achou-a na biblioteca sentada na última mesa lendo um livro sozinha.
- Oi!
- Rony! - ela o abraçou - eu estava tão preocupada! Acordei e não te vi. Adorei a surpresa que você deixou pra mim pena que você não estava lá pra eu poder dividir com você - se beijaram.
- Em outra oportunidade eu te mando outra cesta de café da manhã maior que aquela, aí a gente divide! - se beijaram de novo (mas que povo beijoqueiro! Tinha q ser igual à autora! Ei eu só beijo meu namorado (quem quer saber disso!!!)!) - vem, vamos conversar no jardim.
No jardim, deitados na grama...
- Ai Rony tomei um susto tão grande depois do que eu soube! Entrei em estado de choque!
- Mas o que importa é que eu estou aqui agora com você e nada vai nos separar! - se beijaram e continuaram conversando até a hora do jantar.
*********************************************************************
Draco resolveu visitar Hermione na ala hospitalar e ao chegar lá encontrou-a lendo um livro.
- Oi meu bem. - disse ela beijando-o.
- E aí amor você ta melhor?
- Estou. Parei de ter enjôos e de vomitar. Nem tontura não tenho mais, Madame Pomfrey me deu um treco pra beber e eu to legal.
Madame Pomfrey entra apressada e agoniada (com sempre!): - Srta Granger! Eu vim lhe dizer o porque de seu mal estar e de tudo o que a senhorita sente, ou melhor, sentia - Draco e Hermione se olharam com uma cara de curiosidade e ansiedade.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.