FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

5. A luta


Fic: Amores Verdadeiros


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Depois do que Harry disse Malfoy saiu andando sem esperar ninguém, os outros depois o seguiram e passaram o caminho todo sem dizer uma palavra. Logo chegaram a um local onde havia umas tendas e uma fogueira que estava se apagando, um pouco afastado das tendas estava um homem gordo que brincava com a fogueira e vigiava a menor tenda que havia ali. Eles quiseram se aproximar mais Gina não deixou.
- Não é seguro nos aproximarmos.
- Por que não? - perguntou Rony.
- Rabicho vai nos impedir e vai acordar os outros comensais.
- Gina tem razão. - disse Harry.
- E o que vamos fazer? - perguntou Rony.
- Eu sei o que vamos fazer! - disse Malfoy.
Eles se afastaram e Malfoy contou-lhes a idéia. Depois de tudo explicado e entendido eles resolveram executar o plano. Gina ficou encarregada de distrair Rabicho; pegou uma pedra e começou a fazer barulho e ele foi atrás. Harry e Rony estavam vigiando para que ninguém os visse. Malfoy foi até a tenda menor e entrou, ali ele viu Hermione dormindo e sorriu. Estava em um estado horrível, tinha um arranhão na testa, estava suja e em algumas partes do corpo havia ferimentos e sangue. Ele não queria acordá-la mais não seria fácil tirá-la dali levando-a no colo então que resolveu chamá-la.
- Mione amor acorda.
- Ahã? Draco?! - ela o abraçou - ai Draco até que enfim! Foi horrível!
- Calma, calma! Eu to aqui. - e beijou-a - eu vou te tirar daqui mi, você pode andar?
- Não sei, acho que torci o tornozelo.
- Tá eu vou te ajudar vem.
Ela se levantou com dificuldade - ai Draco to com muita dor não consigo andar direito!
Ele se esqueceu de tudo o que havia pensado antes e pegou ela no colo e saiu. Quando estava do lado de fora ele viu Voldemort sair de sua tenda e gritar: - RABICHO!!! - Rabicho há essa hora já havia se perdido na floresta e estava tontinho com o feitiço de Gina. Voldemort viu Draco com Hermione e gritou mais ainda: - ELA ESTÁ FUGINDO!!!
Logo se viu os comensais indo atrás deles, Harry e Rony tentavam duelar com alguns deles e Gina apareceu pra ajudar. Um comensal acertou Draco com um cruccio, ele caiu no chão junto com Hermione que bateu a cabeça e desmaiou. Draco se contorcia no chão, logo Harry chegou e fez um feitiço no comensal e desfez o feitiço de Draco.
- Tire Hermione daqui Malfoy! - e saiu.
*********************************************************************
Quando Harry estava voltando Gina vinha em sua direção mas um comensal a pegou fazendo sua varinha cair, ela começa a gritar e se debater.
- NÃO! ME SOLTA! HARRY SOCORRO!!!
Harry a vê se debatendo na mão do comensal e vai até eles quando o ouve dizer: - Fica quieta sua nojentinha! - Ela continua se debatendo e ele sem dó nem piedade joga-a no chão que bate com a cabeça no chão fazendo um ferimento que sangra muito. O comensal pega sua varinha e diz: - Agora você vai ver! - mas antes de falar o feitiço Harry faz um nele e logo começam a duelar.
********************************************************************* Depois de Draco ter se recuperado do cruccio pegou Hermione no colo, ela estava desmaiada e sangrando muito e leva-a para um local seguro. Ele deita-a no chão e olha para a briga, não podia deixar Rony e Harry brigando sozinhos tinha que ajudá-los mais ao mesmo tempo não podia deixar Hermione só. Então ele resolveu ir atrás de Gina.
*********************************************************************
Harry estava duelando com os comensais e Gina aproveitou para fugir, mais pra onde? Ela não via nem Malfoy nem Hermione. O que iria fazer? Não poderia ajudar, estava machucada e com muita dor, foi então que viu Malfoy vindo na sua direção.
- Weasley você tem que ir lá com a Hermione!
- Onde ela está?
- Siga naquela direção e a encontrará. Ela está desmaiada e não quero que ela acorde e não veja nenhum de nós.
Ela foi e Malfoy foi ao encontro de Harry, depois ajudá-lo a acabar com alguns comensais eles foram ajudar Rony e para variar Voldemort entrou na briga.
- Nos encontramos de novo Potter!
- Infelizmente!
- Infelizmente pra você!
Ele jogou um cruccio em Harry que caiu no chão se contorcendo e gritando de dor, ao ver isso Rony quis atacar mais um comensal o impediu e logo a briga voltou pois alguns comensais se levantaram os outros mais fracos fugiram. Estavam todos duelando até que Voldemort conseguiu capturar Harry.
- Chega! - Todos olharam pra ele - ou os dois amiguinhos de Potter se entregam junto com a sangue-ruim e a garota ruiva ou ele ta morto.
- As duas fugiram Lorde! - disse um comensal.
- Mas nós temos esse dois - logo Rony e Draco foram pegos. Voldemort olhou para Draco e ergueu as sobrancelhas - Espere! Você é filho de Lucio Malfoy!
- Ele mesmo senhor! - Lucio acabara de chegar com Rabicho, eles haviam capturado Gina e Hermione.
Draco olhou para Hermione que chorava muito e cada vez mais as lágrimas escorriam de seus olhos. Ele resolveu se pronunciar: - Deixem elas fora disso!
- Porque? Essa sangue-ruim não representa nada pra você não é Draco? - perguntou Lucio sabendo da resposta.
- HERMIONE NÃO É UMA SANGUE-RUIM!!! Ela significa muito pra mim. Muito mais do que você e suas regras idiotas!!
- Olha como fala comigo moleque!
- Foi-se o tempo em que eu te servia!
- Servia?
- Essa é a palavra certa! Você não queria um filho queria um idiota que te obedecesse e mais tarde se tornasse seguidor dessa caveira ambulante que você chama de mestre! E eu não vou ser mais esse idiota!
Lucio pega a varinha e aponta para Draco - Você vai ver do que eu sou capaz! Cruccio! - nesse momento Hermione se joga na frente de Lucio e o feitiço acaba pegando nela que cai se contorcendo no chão e Draco desesperado ao vê-la naquele estado vai até ela e desfaz o feitiço.
- Hermione! Você está bem?
- Draco me tira daqui! Não agüento mais!
- Eu vou te tirar daqui, tudo vai ficar bem! - ele olha para o pai e grita com todo o seu fôlego - EU TE ODEIO!
- Vamos parar com esse sentimentalismo! - disse Voldemort - vocês não importam! Eu já tenho quem eu quero e agora posso finalmente ter o mundo bruxo e quem sabe o trouxa em minhas mãos!
Harry com todo ódio diz: - Você vai virar pó! - e dá um chute em Voldemort, eles caíram, Harry pegou sua varinha e eles começaram a duelar novamente, de imediato Rony começou a brigar com os outros. Draco pegou Hermione no colo,ia tirá-la dali quando Lucio o impediu.
- Onde você pensa que vai?
- Eu vou tirá-la daqui e você não vai impedir!
Lucio pegou a varinha mas Gina se soltou de Rabicho e empurrou Lucio. Gina grita - FOGE MALFOY!
- Weasley vem comigo!
- Por que?
- Sem perguntas!
Eles saíram correndo com os dois atrás deles e Malfoy com dificuldade e esperteza consegue despistá-los e ao ver que estavam seguros e sozinhos ele diz:
- Mione eu tenho que voltar pra ajudar o Potter e o Weasley!
- Draco eu... eu não estou me sentindo bem... não me deixe sozinha...
- Calma Mi a Weasley ta aqui! Eu tenho que ir ajudá-los.
- Draco... eu estou com medo... - ela começou a chorar.
- Nada vai acontecer a você! - ele a abraçou - eu não vou deixar!
- Cuidado meu amor. Por favor!
- Eu terei cuidado - ele beijou Hermione e ao olhar pra ela notou que estava pálida, com os lábios roxos e tremia muito - Mione você está bem?
- Estou tonta e... - ela não terminou pois acabara de desmaiar.
- Mione! Acorda Mione! - ele começou a entrar em pânico.
- Calma Malfoy! - disse Gina - volta que eu cuido dela, quando ela acordar eu vejo se dá pra levá-la pro castelo.
Ele apenas olhou pra ela, fez que sim com a cabeça e saiu.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.