FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

4. [A05C04] O Pote De Ouro.


Fic: FreGeMione: How Can I Resist U?


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________


* * *


G E O R G E


 




 


Quando finalmente estávamos de volta ao corredor, diante da porta já fechada do quarto de Gina, os sons e a claridade dos fogos já não mais se faziam presentes diante dos meus olhos. Eu segurava o riso como era possível, implorando a Merlin para que ninguém mais naquela casa pudesse escutar minha vontade insana de rir.


Missão Pufoso fora um sucesso, eu tinha certeza. Talvez até mesmo tivesse feito jus ao nome, fazendo Gina molhar a cama de medo como quando tinha seus cinco anos. Bons tempos. Era legal pensar que eles podiam estar de volta graças à minha mente genial.


 


Ao olhar para o lado, pude ver Fred no mesmo estado que eu ou pior. O riso escapava pelo seu nariz em um som engraçado, enquanto suas bochechas estavam vermelhas como eu jurava que as minhas também estavam. Foi então que guiei meu olhar através das mãos que me puxavam e na outra extremidade dos braços encontrei ninguém menos que Hermione Granger.


 


— Você está ficando boa em fugir conosco na hora do aperto. — eu disse, a vendo corar ligeiramente. Era divertido vê-la assim.


 


— Eu salvei vocês. — ela falou entre risos, enquanto levava nós gêmeos risonhos em direção ao nosso quarto — Agora me salvem.


 


— Com todo prazer, donzela em apuros. — Fred profanou meu pensamento, recompondo-se.


 


Uma vez dentro do quarto, enquanto a porta era fechada por mim, nós dois nos olhamos com curiosidade. Eis que meu gêmeo havia sugerido que Rony pudesse estar planejando passar a noite ao lado de Hermione, mas, pelo visto, nós é que o faríamos. Não pelo lado carnal da coisa. Era só questão de protegê-la do furacão Gina.


 


— Desculpem-me garotos, eu não queria incomodar. — ela disse, aconchegando-se na poltrona laranja que havia num extremo oposto do quarto — Posso dormir aqui sem problemas.


 


— Não é um incômodo.


 


— E você não vai dormir na poltrona. — Fred concluiu.


 


— Mas...


 


— Sem mais. — eu ri do equívoco dela — Vou usar um feitiço para expandir as camas.


 


— E nós podemos dividi-las. — meu gêmeo sorriu genuinamente, acalmando-a.





Eu sempre soube que éramos irresistíveis – eu ainda mais do que Fred, considerando que sou o gêmeo mais bonito –, mas não achei que fosse tão sugestivopassar uma noite dividindo a cama conosco. Porém, Hermione o parecia considerar. Eu não a culpava por fazê-lo, visto que Gina deveria inventar a ela mil histórias tenebrosas sobre nós. Ela mesma já o havia dito que faria tal coisa, visto que já tinha que dividir a amiga com Rony e não desejava mais disputa pela atenção dela. Hilário.


Enquanto eu pensava em todas essas coisas, olhei para Fred. Ele havia transformado o seu sorriso genuíno em um sorriso maliciosamente embasbacado, como só nós dois conseguíamos fazer. Divertidamente sexy, costumávamos debochar quando um via o outro o fazendo. Eis que minha curiosidade era imensa e eu precisei acompanhar o olhar do meu gêmeo para entender o que estava causando tal sorriso, visto que ele era bem raro de surgir.


 


Oh sim, uma bela visão. Permita-me descrever: Hermione estava sentada na tal poltrona laranja. Até aí, ok. O realmente interessante não estava no contexto, mas simnela. Sim, Fred estava apreciando a sabe-tudo, melhor amiga do nosso irmão. E eu estava começando a fazer o mesmo descaradamente. A razão? A camisola que ela vestia era curta e semi-transparente, instigando a mente sem mostrar demais. Sem contar os cabelos ondulados – que um dia haviam sido cacheados – que estavam espalhados ao redor do rosto de um jeito sexy. Parecia que ela havia acabado de se arrumar como uma verdadeira leoa para dormir ali naquele quarto, entre nós dois. O que era bobagem, visto que ela ainda era uma pré-adolescente que não via maldade em suas camisolas infantis.


 


— O que foi? — ela perguntou, me tirando dos meus devaneios. E que devaneios. Pude ver a cor da vergonha estampada no seu rosto.


 


— Fred, limpe a baba. Está escorrendo pelo canto da boca. — eu falei entre risos e ele realmente o fez, mesmo sabendo que era apenas brincadeira minha — Não é nada, Mione querida. Vamos ajeitar essas camas.


 


— Eu posso voltar, não se preocupem. Gina não faria nada comigo.


 


— Ah sim, ela o faria. — Fred disse. Por algum motivo, eu soube que ele diria qualquer coisa para convencê-la a ficar. — Acredite em mim. A conheço há treze anos.


 


Hermione pareceu pensar por alguns minutos. Devia haver uma batalha dentro da cabeça dela, imagino. A Hermione boazinha, vestida de anjo, dizia a ela para voltar ao quarto de Gina e que a amiga estaria em um sono tranqüilo. A Hermione má, com seu jeito ousado, lhe dizia para permanecer ali e ver onde tudo aquilo a levaria. Tanto a boa quanto a má estavam me seduzindo imensamente e isso parecia loucura.


 


— Certo... — ela sussurrou não muito convincente. Aposto que nem mesmo notara que concordava conosco. — Mas poderiam me fazer um favor?


 


— Claro...


 


— O que deseja? — eu concluí a frase de Fred, infelizmente não conseguindo evitar deixar a frase com certo duplo sentido.


 


— Eu... Eu esqueci meu pijama no quarto de Gina. — ela respondeu com cautela, me decepcionando por dentro. Que pena que era só isso.


 


— Não se preocupe...


 


— Você pode usar uma das nossas camisetas de treino de quadribol.


 


— Elas são ótimas para dormir. — eu concluí, enquanto Fred se esgueirava em direção ao guarda-roupas e apanhava uma para que ela vestisse.


 


Hermione a olhara em nítida análise. Vira o comprimento, se era transparente ou muito cavada no peito. Para sua sorte, e nosso azar, estava dentro dos seus desejos. Enquanto ela ia para o banheiro, trocando-se, meu olhar se encontrara com o do meu gêmeo instantaneamente.


 


— Seu pervertido! — eu sussurrei — Foi golpe baixo ter escolhido a sua camiseta para ela usar.


 


— Quem perguntou a ela “O que deseja?” com a maior voz de pegador do mundo, foi você. — ele falou na defensiva.


 


— Não podemos fazer isso, Fred.


 


— Não estamos fazendo nada. Apenas admirando.


 


— É, você está certo.


 


E então Hermione voltou ao quarto, sorrindo satisfeita e jogando-se em cima das camas – que agora estavam unidas e formavam uma grande única – sem a vergonha excessiva que antes havia em si. Era apenas a Hermione que fugira conosco após nos ajudar, ainda que indiretamente, a pregar uma peça na amiga.


Fora pensando nisso que eu me deitara ao lado dela, como se estivesse me aproximando de um leão perigoso. Hermione é como nossa irmã, eu repetia mentalmente sem parar. Por que eu tinha que vê-la ali daquele jeito sem poder fazer nada? Ela podia ser Angelina ou qualquer outra garota e então não haveria problema algum. Exceto o fato de o meu gêmeo estar ali ao lado. De todo modo, antes que eu pudesse reparar, ouvi o chuveiro ligar-se e o som da água ecoar através da parede.


Por sorte, Hermione já havia caído no sono ao meu lado e não percebera, mas eu sabia que Fred havia precisado de uma boa ducha gelada após vê-la apenas com a sua camiseta de treino de Quadribol.





* * *


Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.