FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo



______________________________
Visualizando o capítulo:

27. Quando um bebê nasce


Fic: Diário de Hermione Granger Mudanças


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

21 de Julho de 2007 - Quando um bebê nasce

Diário,
Bem.. Hoje foi um dia até um tanto cômico, eu diria que ele seria hilário se não fosse emocionante... Acordei nessa manhã de quinta feira sentindo a doce brisa do rosto, desci as escadas e pude escutar a discurssão de Draco com Shian nossa Elfa Doméstica, bem eles "discutiam" o fato de quem iria levar a bandeija de café da manhã para mim, quando me depararam olhando para eles, Draco soltou a bandeija e Shian tentou segurar sem sucesso.

- Bom dia meu doce! - Ele dizia sorridente.
- Pelo visto já acordou querendo me mimar não é querido? - Eu sorria.

O puxei pela mão até nosso quarto e o beijava, Draco no entanto me parecia desconcentrado demais.. O que estava me deixando completamente irritada!

- Draco Malfoy! Qual é o problema? ¬¬
- Err.. Sabe o que é Mione, é que você agora tá gravida né? E bem... Já vai completar 9 meses daqui a uns dias, e é meio errado agente fazer esse tipo de coisa...
- É errado dar... PRAZER A SUA ESPOSA? ¬¬
- Não é isso querida é que.
- Escute aqui Draco Malfoy, eu estou a meses me sentindo completamente desconfortável, tem 3 meses que eu não sei o que significa sexo e pra completar meu mal humor essa CRIATURA QUE TÁ DENTRO DE MIM NÃO NASCE! E VOCÊ AINDA SE RECUZA A DAR PRAZER A SUA ESPOSA?
- Amor tente entender.. É que já pensou que isso.. - Ele apontava para a calça. - Pode bater na cabeça do nosso filho?

Por Merlim... Ele é burro ou se faz? Eu completamente desconfortável, necessitando de um mimo e o INFELIZ tem que estragar a minha felicidade... Enfim levantei-me com raiva e entrei pro banho, escutei um suspiro cansado de Draco, tomei meu banho e me arrumei, com a bolça debaixo do braço o olhei com a minha famosa pode de açucareiro e ainda batia o pezinho.

- VAMOS!
- Pra onde mulher? Ficou maluca? - Ele perguntou surpreso e erguento akela bendita sobrancelha.
- Vamos a minha médica! Nós vamos fazer um exame e retirar suas dúvidas, afinal eu não quero ficar nem mais um DIA sem saber o que é sexo!

Bem ele ficou mais branco que uma cera, e depois de um belo berro de "VAMOS LOGO!" ele pulou do sofá e se trocou, ele reclamou o caminho todo dizendo que não queria que essa médica soubesse de nossas intimidades e blá, blá, blá... O deixei reclamar! Eu num queria nem saber afinal quem estava pesando quase duzentos quilos e carregando uma criança que parecia mais um canguro na barriga era EU! Chegamos ao hospital completamente estressados, entrei na sala da médica, Draco tremia da cabeça aos pés, ele odiava hospitais e eu tava achando aquilo tudo muito engraçado.

- Bom dia ! - Madame Salerno falava gentilmente.
- Bom dia! - Eu sorri cinicamente.
- E então, o que devemos a sua visita?
- Ah... Na verdade meu amado marido queria tirar umas dúvidas com a Sra.!

Percebi que na hora Draco estava com as bochechas coradas, eu senti vontade de gargalhar, aquilo tudo estava sendo divertidissimo!

- E então Sr. Malfoy? Qual é a duvida?

Draco ficou em silêncio, ele devia estar pensando "Eu não tô acreditando que a Hermione tá fazendo isso comigo!", dei um riso abafado, e começei a falar.

- Ah... Ele é tímido, não se incomode querido eu posso falar por você! - Ele me olhou com um olhar assassino. - Bem, faz mais ou menos 3 meses que estamos sem fazer aquilo sabe? Bem, Draco me disse hoje quando estavamos lá que ele tem medo que isso.. - Apontei pra calça. - Bata na cabeça da criança!

Bem eu e Madame Salerno caímos na gargalhada e Draco se sentia totalmente constrangido e irado.

- Oh não se preocupe , isso não vai bater na cabeça de seu filho! É até recomendável relações sexuais no período de gravidez, pois ajuda a criança a sair de dentro da mãe! Ajuda para a bolsa estourar! - Ela deu um sorriso maternal e Draco apenas confirmava com a cabeça.

Depois desse constrangimento saímos dali, Draco não dava nenhuma palavra no carro, chegamos em casa e ele praticamente me empurrou para nosso quarto.

- O que pensa que está fazendo Draco? - Perguntei incrédula quando ele tirava a blusa.
- Bem... Você não queria que essa criança nacesse logo? Se isso aqui vai ajudar que seja logo! Porque eu não aguento mais você grávida!

Dizendo isso ele começou a me beijar furiosamente, nos beijávamos com paixão, era esse tipo de atitude que eu esperava dele! Bem.. O problema foi que..

- Draco para... PARAAAAAAAA!
- Que isso? Ficou doida? - Ele dizia tampando os ouvidos.
- A bolsa estourou...
- Ah tah.. Depois agente compra outra.
- DRACO A BOLSA ESTOUROU!
- HAM? AQUELA BOLSA?
- É DRACO! QUE BOLSA SERIA? ¬¬
- Por Merlim eu sou bom mesmo! Nem precisamos usar o Draco Júnior! Ele dizia sorrindo.
- Dá pra parar de se vangloriar e me ajudar! Isso aqui tá duendo...

Bem... Draco me carregou escada abaixo, pediu a Shian para fazer uma mala o mais rápido possivel, me colocou no carro, o engraçado era que parecia que ELE é que estava tendo um bebê já que ele também fazia a respiração cachorrinho! risos Aí Shian me apareceu com a mala, Draco entrou no carro e mandou ela ligar para os meus pais, enviar uma coruja a Harry, Rony e Gina e para todos irem para o . Ai ele acelerou o carro, eu juro que se um dia eu vo morrer eu num morro mais, depois que eu sobrevivi naquele carro com Draco eu num morro nem tão cedo! Ele quase atropelou umas 15 pessoas!
Chegamos ao e ele chingava todos de bando de inuteis! gira os olhos Depois eu que sou estressada! Bem aí a Madame Salerno apareceu e ela me deitou na maca, ela me deu uma possão para que eu não sentisse tanta dor, Draco foi impedido de entrar na sala de parto já que ele estava "exaltado demais", entrei lá naquela sala onde eu estava cercada de médicos e enfermeiros, eu chorava, aquele momento seria perfeito.

- Muito bem , eu preciso que a Srta. faça força!

Bem se ela pensava que eu não tava fazendo força ela devia estar bêbada! Simplesmente parecia que uma enorme bola tava saindo de dentro de mim, foi quando eu escutei... E senti... Escutei um choro de um bebê e senti uma enorme paz invadir meu ser, foi quando me entregaram um ser lindo enrrolado em uma toalinha azul, sorri e chorei, foi quando o meu filho se aninhou em meus braços e me mostrou seus lindos olhos avelã que nem os meus, mas a pele branquinha e os cabelos loiros, era a cara de draco só que com meus olhos, me encaminharam para um quarto.
Não demorou até Draco entrar, os olhos dele estavam avermelhados, ele havia chorado, ele tinha o maior sorriso do mundo nos lábios, e eu amamentava nosso pequeno Cold.

- Ele é a sua cara.. - Eu disse sorrindo.
- E vai ser inteligente como você... - Ele sorriu e sentou-se na berada da cama e me abraçou.

Draco pegou Cold no colo, completamente sem jeito.

- Eu tenho medo de quebrar ele... - Ele disse com receio
- Não se preocupe, ele é forte como o pai... - Eu ria.

Draco acariciava Cold, quando Harry entrou junto de Gina, Rony e todos os Weasley, inclusive Fleur e Luna! Todos me davam os parabéns e queriam segurar meu filho, fiquei com um pouco de ciúmes, mas acho que era normal né? Só sei que agora nesse quarto de hospital olhando nesse pequeno bercinho de vidro a meu lado meu filho dormir, eu me sinto a melhor pessoa do mundo! Draco está adormecido no sofá aqui do lado, e eu posso dizer que eu sou a mulher mais sortuda do mundo mágico!

-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o

01 de Agosto de 2007 - Bebêzinho não chore mais...

Diário,
Hoje finalmente eu vim para casa, o quarto de Cold estava o esperando e parece que ele se deu bem com o pequeno Dragão de pelúcia que Draco comprou para ele! Draco e eu estamos melhores do que nunca, Harry se apegou bastante ao afilhado e Gina também, Draco disse que em breve teremos outro bebê! Olha só eu acabei de sair de um parto e ele já quer outro! Só o Draco mesmo! Tirando que a neura dele com nosso primogênito tá hilária! Ele morre de medo de alguém "machucar" o Cold, enquanto o bebê parece gostar apenas de coisas que digamos... Sejam mais... Ham.. Aventuras sabe? AuhAHuahU... Enfim, eu estava dormindo essa noite quando escutei um choro de bebê, pensei em me levantar mas Draco deu um pulo da cama e correu ao quarto do pequenino, passou uns minutos e o bebê havia parado de chorar, levantei-me e coloquei meu hooby, quando cheguei a porta do quarto de Cold, Draco estava o segurando em seu colo, e cantando numa voz rouca.

Converse comigo suavemente
Há algo em seus olhos
Não baixe sua cabeça em tristeza
E por favor não chore
Eu sei como você se sente por dentro
Eu ja passei por isso antes
Algo está mudando dentro de você
E você não sabe

Não chore esta noite
Não chore hoje a noite
Não chore hoje a noite
Há um paraiso acima de você, meu filho
E não chore hoje a noite

Dê me um suspiro
Me dê sussuro
Seu papai é rico
E sua mamãe é linda!
Então não chore...

Não chore esta noite
Eu e sua mãe ainda amamos você!
Não chore esta noite
Não chore esta noite há um paraiso acima de você, meu filho!
Não chore esta noite

E, por favor, lembres-se que eu nunca deixarei que o machuquem
E, por favor, lembre-se como eu e sua mãe o amamos
Você tem que ser forte
Mais você vai ficar bem agora, é forte como eu
E é lindo como sua mãe!
Você vai se sentir melhor
Seu papai é rico
sua mamãe é linda!
Então não chore!

Não chore nunca
Não chore esta noite
Não chore
Não chore nunca
Não chore
Esta noitei

Cold pareceu adormecer e Draco olhou para mim com um sorriso nos lábios, eu apenas enchuguei as lágrimas que caíam de meus olhos, Draco acomodou o pequeno Cold no berço, o beijou e o cobriu, foi até mim e me beijou carinhosamente nos lábios e fechou a porta, abraçamos forte.

- Agora é tudo diferente não é Draco?
- Sim.. Agora é tudo mais feliz... - Ele sorriu e beijou minha testa. - Obrigado por existir em minha vida Hermione...

Nos abraçamos forte e adormecemos abraçados, acordei agora a pouco e beijei a testa de Draco, caminhei até o quarto de Cold e o vi dormindo, finalmente eu me sentia feliz.. Finalmente eu me sentia completa!

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.