FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. Capítulo 03


Fic: Procura-se um namorado para Hermione Granger FW-HG


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Capítulo 3


 


Hermione olhou para o calendário. Seis meses...


 


Gina falara de um novo jogador que entrou para seu time de quadribol, mas devido a algumas incompatibilidades de horários, eles ainda não tinham conseguido se encontrar.


 


No entanto, não poderia dizer o mesmo de Fred, ele estava tão presente quanto nunca. Às vezes, aparecia para almoçar. Ou jantar. Sempre sem avisar. E ela gostava daquela espontaneidade. Tão diferente do seu jeito certinho.


Outras vezes, ela quem passava na Loja. Sempre no final do expediente e eles conversavam sobre tudo. E sobre nada. Geralmente sentados no telhado da loja, cobertos por algum cobertor e envolvido em um pouco de magia para aquecê-los. Se fosse durante a semana, compartilhavam um chocolate quente. Aos finais de semana, um choconhaque ou um uísque.


Num desses dias, assim que Hermione foi embora, Fred ouviu seu gêmeo perguntar:


- Juro, Fred, você não está na maldita aposta, mas te dou os galeões se você convidar Hermione para sair!


A fisionomia de Fred tornou-se séria como poucas vezes acontecia.


- Que merda é essa que está falando, Jorge? – sentindo o peito bater com violência. Que tipo de insinuação era aquela? Hermione...


Jorge começou a rir. A rir violentamente. Dobrava-se de rir. A mão no ombro do irmão.


- Cara... Acho que essa foi a primeira vez que pensou em me azarar! E se pensou isso é porque você realmente está de quatro pela Granger.


- Odeio quando você tem razão, Jorge! Vá à merda! – ele xingou e Jorge continuou rindo, sabendo que Fred xingava mais a si mesmo.


---


- Então, você vai sair com o carinha que a Gina escolheu.


- Sim. – ela falou, terminando de se arrumar. Dessa vez, Gina passara mais cedo e deixara tudo separado sobre a cama. Fred estava encostado de maneira casual ao batente da porta – E sua lição já me ajudou.


- Como assim? – ela estava na frente dele, pedindo passagem.


Ele não deu.


- Ele vem me pegar aqui. E vamos jantar juntos.


- Sei. Jantar. – ele comentou dando um passo para trás.


Ela passou por ele.  Fred sentiu vontade de pegá-la pelo braço. E também de tirar aquele batom dos lábios dela com os próprios lábios...


Bagunçou os cabelos e bufou.


- Está tudo bem?


Ele percebeu que ela tinha notado.


- Sim. Escute, Hermione...


- Venha para a sala. Daqui a pouco Leonard chega. – ele foi até lá e observou enquanto Hermione ajeitava a blusa.


- Hermione, esses encontros...


- É apenas o segundo.


- Mas será que... Será que precisa disso?


Hermione o olhou, interrogativa.


- Fred, não tem nada de mais. Além disso, você disse que me ajudaria. Não é como se eu estivesse transando com um cara por semana...


O ruivo sentiu os punhos se fechando perante essa ideia e enfiou as mãos nos bolsos da calça. Ele tentava se convencer de que eram apenas encontros sem sentido... Mas e o que ele vinha tendo com ela? Era o que? 


Apenas um amigo... Mais um entre tantos amigos ruivos... Se ela pudesse ao menos entender...


- Hermione, eu queria...


A campainha tocou e ela sorriu.


- Ele chegou! – ela foi animada até a porta, enquanto ele sentia seu coração bater descompassado. Machucado. – Oi! Leonard? – ela disse, estendendo a mão.


Ele era alto, com os cabelos escuros caindo-lhe sobre os ombros. Seus olhos também eram de um escuro profundo e cativante. Estava bem vestido, com uma calça social azul marinho e uma blusa de um azul mais claro.


- Hermione? Prazer. – ele deu um beijo na mão dela – Para você. – ele entregou um buquê de rosas vermelhas. Fred observava tudo calado. O peito doendo de ciúmes. – É muito mais bonita que as fotos que Gina me mostrou.


Ela corou perante o elogio.


- Obrigada...


Fred pigarreou alto. Novamente as feições sérias. Hermione estranhou, mas não sabia o que dizer.


- E você é... – Leonard perguntou.


- Fred Weasley.


- Irmão de Gina? – o ruivo rolou os olhos.


- É um amigo também. – Hermione falou, sorrindo – Só um minuto para eu colocar as flores em um vaso. Entre.


- Você tem uma bela casa, Hermione. – ele disse, ignorando o olhar mal humorado do outro homem.


- Obrigada. – ela foi até a cozinha e Fred a seguiu.


- Vai mesmo sair com um jogador de quadribol?


- Não é a primeira vez que faço isso, Fred. – ela disse, dando de ombros e ajeitando as flores. Sorria.


Aquilo irritou Fred. Aproximou-se dela e falou:


- Você parece uma tola rindo desse jeito!


Ele arrependeu-se na hora. Porque ele queria que ela risse assim por ele.


- Melhor aparatar. E não apareça aqui amanhã! – ela forçou um riso. As palavras doendo mais do que deveriam. Ela voltou para a sala, forçando um sorriso – Vamos, Leornard. – e aporta bateu, deixando-o sozinho.


---


Fred voltou para seu flat com vontade de quebrar alguma coisa. Agradeceu mentalmente por estar sozinho. Não queria nem mesmo ver Jorge.


Encheu um copo com uísque sem acreditar que tinha dito aquelas palavras idiotas para Hermione. Mas fora mais forte que ele. Vê-la rindo daquela forma. Arrumando-se daquela forma. Ansiosa daquela forma. Por outro. Não por ele.


- Merda!


E Fred fez o que Hermione pedira. Não aparecera na casa dela no dia seguinte. Não porque ela havia pedido ou porque ele não queria, mas por causa de uma conversa que entreouvira entre seu gêmeo e a Gina.


- Acabei de chegar da casa da Mione. – Gina disse, sem esconder a superioridade na voz.


- E... – Jorge falou, mostrando despreocupação.


- E você sabe que ontem ela saiu com o cara que eu indiquei.


- Sim, e daí? – ele disse enquanto comia seu cereal.


- E daí que eles vão se encontrar novamente. Marcaram outro encontro.


Fred sentiu a cor sumir do seu rosto. Novamente o peito doendo de uma forma estranha.


- Não vai dar certo.


- Claro que vai dar certo! - Gina rebateu.


- Hermione não combina com um jogador de quadribol.


- Ela já saiu com o Krum. – a caçula continuava, defendendo sua posição.


- E não deu certo.


- Ela tinha 15 anos! Agora é diferente.


Jorge deu de ombros e emendou:


- Não vai dar certo, Gina. Espero que tenha o dinheiro. Hermione já conheceu o cara certo, ela só ainda não sabe que o conheceu.


- Do que está falando?


- Espere e verá! – Jorge disse.


Gina não conseguiu arrancar mais nada do irmão e foi embora.


- Fred, eu sei que está aí. – o ruivo apareceu e serviu-se de cereal também – Que cara é essa?


- Nenhuma.


- O que eu falei é sério, Fred. Ela não vai ficar muito tempo com esse tal de Leonard. Confia no seu irmão.


- Sei... – mal-humorado, ele começou a comer em silêncio.


---


Quinta-feira, Fred não aguentou mais. Desde sábado, quando brigara com Hermione, que ele não a via. E estava acostumado a vê-la praticamente todos os dias. E por isso estava lá, parado na frente do apartamento dela, com uma única flor na mão. Hesitava entre bater na porta ou voltar para casa.


Bateu na porta.


- Uma flor? – Hermione indagou quando ele esticou o braço.


- Desculpe. Eu fui um idiota. Eu... Eu não sei por que falei aquilo. – ele disse.


- Mentira. – ela falou, cruzando os braços.


Ainda na porta. Ainda impedindo-o de entrar.


- Aceite minhas desculpas e no tempo certo eu dou minhas sinceras explicações.


- No tempo certo? – ela perguntou, insegura.


- Sim. No tempo certo. – ele suspirou, ainda segurando a flor – Aceite a flor e vou saber que me desculpou. Por favor. – Hermione olhava dos olhos claros para a delicada flor – Eu sinto falta do tempo que passamos juntos.


Hermione também sentia. Muito mais do que ela poderia imaginar.


- Eu também sinto. – ela pegou a flor da mão dele e deu um passo para trás, para que ele pudesse entrar.


Assim que passou ao lado dela, Fred a envolveu em um abraço apertado. Hermione, no início, assustou-se, mas depois relaxou nos braços dele. A cabeça no peito, ouvindo as batidas aceleradas.


Fred não pensou e não ligava para o que ela poderia pensar. Precisava apenas senti-la assim, perto de si. Ele precisava dizer... Explicar...


- Hermione,...


- Obrigada pela flor. – ela falou, fechando a porta. – Pensei em pedir uma pizza. Me acompanha?


- Claro. – ele sorriu.


Ela foi até o telefone e fez o pedido, já sabendo o que ele gostaria de comer. Depois, foi até a cozinha e voltou com duas cervejas amanteigadas.


- Fred, e você? Vai ficar nessa vida de solteiro? Como Charlie?


- Acha que preciso de alguém?


- Não... Charlie, por exemplo, ele leva a vida de solteiro muito bem, com namoros esporádicos, mulheres lindas e exóticas,...


- E você acha que eu não procuro alguém mais... sério?


- Não sei... Procura? – ela perguntou, tomando um gole da sua bebida, sem entender porque resolvera falar sobre aquele assunto.


Curiosidade, provavelmente. Afinal, só falavam da vida afetiva dela.


Fred pensou por algum tempo no que poderia dizer. A maioria pensava que ele não gostava de relacionamentos sérios devido à sua natureza “trocista”. Claro que, na sua adolescência, ele não pensava nisso, queria mais era sair com diversas garotas, beijá-las, transar... Só que, agora, ele tinha 27 anos. Sentia vontade de ter alguém em quem confiar, estar junto e fazer coisas... As coisas simples que fazia com Hermione.


- Não procuro por que eu já achei essa pessoa. – ele disse, olhando-a fixamente.


Hermione sentiu um arrepio percorrer seu corpo. Algo remexeu-se dentro dela. Incomodada.


- Ah é? – ela disse depois de poucos segundos – E posso saber quem é?


- No devido tempo, Grangerzinha. No devido tempo...


---


- Sabe que esse encontro não vai dar certo...


- E por quê? – ela perguntou, cruzando os braços. Ambos estavam na sala.


Fred olhou Hermione vestida de maneira despojada. Após muito pensar, decidiu que aquela era a melhor estratégia: mostrar que nenhum outro homem servia para ela porque o que servia estava lá, diante dela.


- Porque é o segundo encontro de vocês, certo?


- Certo...


- Você beijou esse Leonard? – ele perguntou com uma falsa tranquilidade.


- Não... Nós não nos beijamos. – Hermione respondeu e Fred mordeu o interior da bochecha para evitar sorrir mais do que deveria.


- Então, um cara que não te beijou, mas quer te beijar...


- Como você pode saber isso? – ela o interrompeu.


Hora de um pequeno... ataque. Fred aproximou-se um pouco, não muito, e falou num tom mais baixo:


- Impossível um homem em sã consciência não querer te beijar. – Fred viu o rosto dela corar e virou-se rapidamente. Não poderia agir de forma precipitada e perdê-la. Porém, sua vontade era beijá-la naquele instante – Continuando... Ele quer te conquistar levando você a um jogo de quadribol?


- Qual o problema?


Fred voltou a encará-la.


- Você não gosta de quadribol.


- Eu assistia aos jogos em Hogwarts.


- Quantos jogos de Gina você viu fora de Hogwarts?


Ela gaguejou, piscou, estalou os dedos,...


- Um... O jogo de estreia... – disse contrafeita.


Ele fez um grande gesto cênico pedindo aplausos para si mesmo. Hermione riu.


- Não tem nada de mais. É apenas um jogo e depois ele vai me levar para jantar.


- Qual time?


- Quê? – ela perguntou.


- Qual time que ele torce?


- Rebeldes de St. Mungus – ela disse após pensar um pouco.


Fred começou a rir histericamente. Hermione não entendia o porquê. Ela não gostava de não entender.


- Rebeldes do St Mungus??? – o ruivo perguntou rindo e rindo.


- Não entendi qual a graça.


Ele se acalmou, respirando profundamente.


- Seguinte... Vou dar uma passada na Loja, trabalhar um pouco. Depois eu venho para cá e espero por você... Tenho certeza que vai precisar de um... ombro amigo, já que não irá a jantar nenhum... –  ele disse, voltando a rir e murmurando Rebeldes do St Mungus...  Antes de aparatar.


---


- Gina? O que faz aqui? – Fred perguntou.


- Eu que deveria perguntar isso, afinal, essa é a casa de Hermione. Ela mandou um recado que me esperava aqui.


- Eu vim consolá-la... Sem dúvida o encontro deu errado.


- Claro que não deu errado. Hermione estava bem calma no telefone.


- Calma, é?


Antes que Gina pudesse pensar sobre as palavras dele, uma Hermione totalmente descabelada e com o rosto pintado de azul e preto aparatou. Ela não usava mais a calça jeans que saiu e sim uma calça de moleton com dizeres: “rebeldes com causa”. Vestia uma camiseta com o desenho de um bruxo com aparência lunática sobre uma vassoura sendo perseguido por curandeiros do St. Mungus. Aquela era a camiseta da torcida organizada do time.


Não apenas seu rosto, mas seus braços também estavam pintados. Azul e preto, azul e preto.


- GINEVRA WEASLEY!!!


Fred mordeu os lábios, segurando a risada.


- Hermione, eu...


- O QUE TINHA NA CABEÇA PARA ME APRESENTAR UM CARA COMO ELE? VOCÊ SABE O QUE PASSEI? SABE???


- Eu, é...


- EU TIVE QUE VESTIR ESSA CAMISETA RIDÍCULA E TIVE MEU CORPO PINTADO! MINHA CALÇA FOI TRANSFIGURADA NESSA COISA COM ESSA FRASE IMBECIL!!! – Hermione respirou fundo e controlou a voz – Aí, seu amiguinho, me enfia no meio de um bando de loucos, ignorando tudo o que eu dizia! Eu queria beber alguma coisa, comer alguma coisa... Mas nãoooooo, PORQUE EU TINHA QUE FICAR PULANDO E DANÇANDO E CANTANDO UMAS MÚSICAS ESTÚPIDAS INVENTDAS POR QUEM NÃO TEM MAIS O QUE FAZER!


- Então, tinha esse detalhe sobre ele...


- DETALHE???


Fred ria da situação, mas uma coisa era certa: jamais, jamais ele pensaria em irritar Hermione. Raramente, alguém punha medo em sua irmã.


- É... Ele é um pouquinho viciado em quadribol...


- POUQUINHO? Olha meu estado, Ginevra! Não ligo para palavrões, mas juro que os que eu ouvi hoje... Tenho tinta no meu cabelo!!! E tinta mágica!


- Eu posso te ajudar a... – a ruiva tentou.


- Não. Já fez o suficiente! Só te chamei aqui para te dar essa bronca mesmo. Agora pode ir embora. Quando eu me acalmar, nós conversamos...


- Certo, Mione... Mas é que o Leonard...


- Ele combina com quem pira em quadribol como ele. Depois conversamos. – a voz mais calma.


Gina despediu-se da amiga e do irmão, depois sumiu pelas chamas da lareira.


Hermione caiu pesadamente no sofá, ao lado de Fred.


- Vou parar com isso. Não está levando a nada...


- Hermione. - Fred fez com que ela o olhasse. Até assim, toda pintada ela era linda aos seus olhos – Você não deveria ficar perseguindo uma imagem falsa de um sonho de encontro perfeito... Às vezes, a pessoa já está ao seu lado e você ainda não enxergou.


Ela sorriu.


- Sim, Fred. – ela segurou a mão dele – Ficarei mais atenta. – Hermione deu um beijo no rosto dele e levantou-se.


O ruivo passou a mão pelo cabelo, bagunçando-o. Ela não tinha entendido...


- Estou morrendo de fome e não tenho ideia de como tirar isso do meu corpo, do meu cabelo...


- Venha. – Fred disse levantando-se – Eu te ajudo...


- Você sabe como se livrar dessa tinta?


- Claro. – ele disse – Eu e Jorge que a inventamos...


Hermione sorriu e abraçou o ruivo. Ficou na ponta dos pés e deu um rápido beijo no rosto dele.



- Obrigada, Fred!


O ruivo sentiu o peito encher-se de alegria...


 



N.A.: Agradeço a Rê Malfoy pela sugestão do encontro-fiasco!!!! Rsrsrsrs Não deixem de comentar.... Agradeço aos comentários, mas tem mta leitura querendo o Fred!!! Saibam que eu já o peguei para mim! rsrsrsrsr Para saber mais: http://fanfic.potterish.com/menufic.php?id=42896


 


 N.B: Olha, preciso dizer que a fic é boa? Não, né, já que é Ártemis que escreve. Se a betagem vai ser boa aí é outra coisa kkk Então, betei cap, posso dizer, tive vontade de esganar a autora, mas quero o cap 4, então, to me segurando!!! Fic sensacional, Fred é sensacional... Artemis, me passa o 4 logoooooooo!!!!


 


 


 

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 7

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Nathália Pina em 07/01/2013

Amei !

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Rosie Bolger em 16/03/2012


Amei o Fred sempre achei ele um cara perfeito, e agora...

Amei o cap e espero ler logo o 4°

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Tonks Fenix em 14/03/2012

Preciso dizer que amei?
Acho que não...rsrs Menina, essa fic tá cada vez melhor, e pra qm fala q não consegue escrever comédias, está se saindo bem pra caramba! Morri de rir com esse time! Deveria ser Ala Psiquiatrica do St Mungus, pq né... kkkkkk
Quero muito ver os dois juntos, Mione abre o olho menina!
Bjinhus Flor, até o próximo! 

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Isabelle Munhoz em 13/03/2012

Oii;
Adorei demais o cap.
Bem q nosso lindo, gostoso, erotico e muitos outros adjetivos q eu tenho em mente mas não posso dizer podia aparecer e deixar po Fred morrendo de ciumes.
Posta logo.
Bjs 

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por jessica salicio da silva em 13/03/2012

eu fico agoniada querendo ver aonde vai dar esses capitulos. Tão lindos!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Coelha dos Lovegood em 12/03/2012

Todas queremos um Fred >.< Acho que devia ser essa a campanha deles e noa arruma-se um namorado para a Hermione ;p
Artemis querida POSTA LOGO O CAP. 4, SE NÃO EU VOU PIRAAAAAAR  

Nota: 4

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por more1weasley em 12/03/2012

aaaaaaaaaaah, eu quero um Fred. oiwopeiwoieopwioepiw'
posta logo o cap. 4  Ártemis >< kk

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2021
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.