FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

7. Quadribol e suas Surpresas...


Fic: Garota Malvada


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Vamos voltar atrás,
Vamos recomeçar...
Voltar para quando a Terra, o Sol, as estrelas, todos eram alinhados...


-Seu miserável, eu já disse que tem que usar o Mineralis!-Gina gritou pela milésima vez com Harry, que começava a rir ao ver ela ficar vermelha de raiva.

-E eu já te perguntei porque tem de usar o mineralis!-Harry fez cara de incompreensão.

-Se eu tiver que te explicar tudo, nunca acabaremos!

Harry analisou a sala, quase ninguém tinha terminado!

-Mas, só você e a Mione que terminaram!

-Er...-Gina olhou ao redor.

Realmente só ela e a Hermione tinham terminado, isso era realmente deplorável!Reprovador!

-Vai explicar ou não?-Harry perguntou erguendo uma sobrancelha enquanto sorria torto.

-Você não ouvia a professora dizendo?Você é um idiota sabia?

-Sabia, agora me explica, por favor!

-Tá, você tem que usar o feitiço mineralis para tirar os sais da água!-Terminou respirando profundamente.

-Odeio Herbologia!-Harry resmungou.-Pra que isso tudo vai servir?

-Se você por acaso um dia aparecer com um monte de furúnculos na cara, eu quero ver só!

-Quem vai me azarar?-Harry perguntou sorridente.

-Sei lá, se você não terminar isso logo, quem vai te azarar sou eu!-A ruiva respondeu em tom de ameaça.

-Que meda!

-Deveria ter...-Fungou.-Agora termina isso logo!


Harry sorria de uma maneira estranha e começou a fazer tudo que Gina dizia, mesmo que fosse de mau gosto.

-Você tá se achando um máximo né Weasley?-Harry perguntou enquanto acabava de proferir o feitiço desferrovis para tirar o acido da baba de dragão.

-Não acho, eu simplesmente sou!-Crispou os lábios enquanto via que Harry tinha terminado e conseguido fazer uma Xinopsilina, claro que não tão boa quanto a sua, mas quase perfeita!

-E ai?Prestou?-O moreno perguntou ignorando o comentário da ruiva.

-Dá pro gasto!

-Sei...Você que não quer admitir que saiu ótimo!

-Olha Potter, se saiu ótimo foi graças a mim, porque eu que fiquei te dizendo o que fazer e o que não fazer!

-Sim Sra!-Ele respondeu rindo e indo até a professora Sprout.

-Sim Sr Potter, ficou bom!-Sprout respondeu olhando para Gina que vinha em sua direção.-Fizeram um bom trabalho em equipe!


Dali instantes a aula havia terminado e todos saiam dando graças a Merlin!

-Gina...-Nicolly gritou pela ruiva que parecia querer matar Harry.

-Já vou...-Ela gritou sem olhar pra trás.-E olha Potter, eu acho que você me deve pelo menos um obrigada!

-Sério?-Harry riu baixinho.-Valeu vossa majestade!-Proferiu fazendo uma reverencia e dando as costas para a ruiva, que se segurava para não estrangula-lo.

-Babaca!-Virou-se e saiu da estufa se juntando a Nicolly.

-Ajudando o Potter né?-A amiga perguntou ironicamente.

-Não começa Nick!

-Calma!Tá de TPM amiga?-A morena perguntou fazendo um gesto com as mãos, que significa ‘não se estresse’.

-SIM!-Gina gritou espontaneamente.

-Nossa!Não precisava gritar!-A amiga respondeu se sobressaltando.

-Desculpa!-Gina revirou os olhos, mas logo voltou a falar!Dessa vez mais calma.-Tipow, meu problema é com o babaca do Potter!

-Hum...Ficou com ciúmes porque ele beijou a Juliana?-Nicolly perguntou rindo.

-Não!Para com isso sua morena sem graça!

-Sei...Mas tudo bem, eu paro!-Suspirou.-Mas qual seu problema com ele então?

-Falta de paciência!

-Aham!-Nicolly piscou ironicamente para Gina.-Convenhamos amiga, eu queria ter um Harry Potter me enchendo o saco do jeito que ele faz com você.

-Ah é?Tá bom!Experimenta trocar de corpo comigo por um dia!

-Seria legal, quer tomar a poção polissuco?

-Esquece, eu não ia querer beijar meu próprio irmão!-A ruiva revirou os olhos enquanto Nicolly bufava descontrolada.

-Nem vem Virginia!

-Tá vendo como é bom!

-Tá, não vamos falar mais em garotos!-A morena propôs enquanto se dirigiam até a sala de Transfiguração.




Malfoy estava estranho!Não falava com ninguém!Ficava apenas olhando para o nada, como que se procurando uma resposta no ar!
O que será que ele tinha?Ah!Iria descobrir, e faria isso agora...

-Ei loiro oxigenado!-Cassandra se aproximou e sentou-se ao lado de Draco no tapete do Salão Comunal da Sonserina.

-Qual o problema agora?-Draco perguntou revirando os olhos.

-Essa era minha fala...-Cassandra suspirou.

-Que?

-Aff!Quero saber porque anda assim!-Perguntou passando os dedos pelo cabelo.

-Vou andar como?Com os braços?-Sorriu ironicamente.

-Você entendeu o que eu quis dizer!

-Entendi perfeitamente, e acabei de te dar uma resposta.

-Tá, tudo bem, vou ser mais objetiva!-Arqueou as sobrancelhas.-Porque você está com essa cara de bunda?

-Problemas...

-Hum, o filhinho mimado tem problemas?

-O que é garota, vai ficar enchendo agora é?-Draco se estressou olhando nos olhos de Cassandra, que como sempre pareciam frios e sem sentimento algum.

-Não!

-Então dá o fora!-Disse mal humorado.

-Nossa, eu só queria ajudar!

-Sei...Ia ajudar dessa maneira?Grande merda!-Draco revidou ficando mais pálido que o normal.

-Tá!Eu admito que fui meio inconveniente, mas...

-Meio?Foi por inteiro...

-Okay, me desculpa!

-Tá, só porque eu sou um loiro gostoso, legal, compreensível...

-E convencido!-Cassandra acrescentou.

-Não!Sou realista...

-Nossa!Ponto pra você!-Cassandra zuou.-Não esqueceu de mais nenhuma qualidade?

-Se esqueci depois eu falo...-Respondeu dando de ombros.

-Tá!Vi que você já voltou ao normal!

-Eu sempre estive normal!-O loiro disse se levantando.

-Hahaha sei...-Cassandra gritou se levantando.

-Precisa gritar?

-Sei lá, quem sabe assim você não me escuta!

-Te escutar?-Draco riu perversamente.-Pensa bem...-Ele a olhou de rabo de olho enquanto ela se levantava.-Se eu te escutasse seria um ponto para que eu estivesse anormal.

-Olha Malfoy, eu só não vou te dar uma resposta à altura, porque hoje eu estou de muito bom humor!-Cassandra disse calmamente enquanto sorria ao se lembrar de Nicolly contando que havia voltado a falar com Gina.

-Tá feliz?Hum...Pensei que depois do berrador...-O loiro disse ironicamente.

Cassandra o olhou cruelmente e saiu a passos firmes do salão.




O dia passou em um pequeno prazo de tempo, pois as aulas estavam bastante puxadas e cheias de coisas pra fazer!Assim, depois do jantar todos se dirigiram para seus respectivos Salões Comunais.

Na manhã de terça, a primeira aula que Gina teria eram de Poções, e o pior, dois períodos!


***

-Atrasada de novo Srta Weasley!-Snape resmungou ao ver Gina entrando as pressas na Masmorra.

-Eu não tive culpa!-Gina protestou jogando seus materiais e bolsa em cima da mesa ao lado de Nicolly.

-Ah não?-Snape se dirigiu até ela com um suntuoso olhar faminto.-Então foi minha?

-Provavelmente...-A ruiva resmungou, fazendo todos presentes na sala deixarem escapar exclamações de surpresa, enquanto Snape soltava fagulhas pelo olhar.

-Como é que é?-Snape arregalou os olhos.

-É sim!-Gina se sentou meio nervosa.-Se o Sr cuidasse dos pivetes do 4º ano da Sonserina, eles não ficariam atazanando a vida dos outros...-A ruiva resmungou bufando.

-A Srta está insinuando que eu não dou conta do cargo de coordenador da Sonserina?

-Com todas as palavras!

Nicolly arregalou os olhos meio aflita!Será que aquela ruiva tava ficando mais pirada do que já era?

-Olha aqui Weasley, eu nunca te dei direito de me...

-O Sr perguntou e eu respondi!-Gina disse ficando pálida, mas aparentemente calma.

-Cale-se!-Snape ordenou, fazendo todos ali presentes estremecerem, menos uma certa ruiva que cerrou os olhos no mesmo instante.-Detenção hoje as 8:00 da noite!-Snape anunciou.

-Mas não é justo!-Gina gritou.

-Ainda é pouco Weasley, muito pouco!-Disse as ultimas palavras com seus olhos frios a fitando.

-Mas...-Gina ia dizer, mas Nicolly a olhou como que se quisesse dizer para Gina ficar de boca fechada.

A ruiva parou num suspiro e resmungou algo incompreensível.

Parecia que haviam se passado décadas enquanto todos se mantinham presos nas masmorras!

Finalmente a aula acabou, fazendo a maioria sorrir e sair quase que depressa da sala.

Gina apanhou sua bolsa e ia fazendo o mesmo quando foi parada.

-Não se esqueça Weasley, hoje as 8:00 da noite!

-Não esquecerei...-A ruiva disse de mal grado, logo em seguida saindo da sala.

Logo após as aulas infernai de Snape, Gina e Nicolly se dirigiram até a aula de Runas Antigas, que por sinal passou super rápido, assim tendo um tempinho livre.

-Que horas são?-Gina perguntou para Nicolly que estava jogada em cima do sofá do Salão Comunal.

-3:30!-A amiga resmungou.

-Wow!-Gina sorriu.-Tenho que ir!

-Pra onde?-Nicolly perguntou.Ela parecia meio sonolenta.

-Depois te conto...-A ruiva sorriu mais uma vez e saiu em disparada pelos corredores de Hogwarts, saindo até o campo de Quadribol, onde já havia vários alunos em uma fila, outros estavam em arquibancadas, enquanto a alguns voavam em suas vassouras.

Ao longe Gina focalizou um certo moreno fazendo alguns gestos com as mãos.

Foi até a fila e ficou atrás de uma garota loira que tinha olhos...VIOLETA?

-Hei, o que você tá fazendo aqui Jordan?

-Vim fazer o teste!-A loira disse sem dar muita atenção a Gina.

-Sei...E você por acaso é da Grifinória.

-Não!-Patricia respondeu dando de ombros.-E daí?

-E daí?-Gina sorriu em deboche.-Esse time é da Grifinória meu bem!

-Tenho certeza que o Harry me deixara entrar!-Respondeu dando de ombros novamente.

-Se o Potter por acaso fizer isso, eu acabo com a raça dele!-Gina esbravejou encarando Patricia.

-Vamos ver...!


O teste passou rapidamente, logo só faltavam um grupo de quatro pessoas.

‘Gina, Patricia, Isac e Tom’.

Harry desceu de sua vassoura mais uma vez.Passou os dedos pelo cabelo suado e olhou para o ultimo grupo.

Gina era a ultima da fila!Com certeza ele não estaria a enxergando do ângulo de vista que ele estava.

Um por um dos três que faltavam foram subindo em suas vassouras, até que chegou a vez de Patricia!Gina estava logo atrás dela!Harry não havia á visto ainda.

-O que você quer Patricia?-O moreno perguntou ofegando um pouco.

-Fazer o teste!

-Desiste, nem que você fosse da Grifinória eu deixaria você Participar!

Atrás de Patricia, Gina se segurou pra não cair na gargalha.

-Mas...Porquê?-A loura parecia pasma.

-O primeiro motivo é que você é da Corvinal!E o segundo é que você nem deve saber subir direito em uma vassoura imagina só voar em uma!

-Harry...

-Cai fora Patricia!-Harry pediu calmamente.

Patricia o olhou pela ultima vez, como que querendo implorar algo, mas foi em vão, pois Harry fechou os olhos esperando que ela se retirasse.

-Harry...-A loira tentou mais uma vez.

-Olha aqui Patricia, eu só vou abrir meus olhos quando eu ouvir seus passos indo embora daqui!

Patricia suspirou e se virou olhando pra Gina que sorriu meio satisfeita.


Como ele ficava lindo de olhos fechados!As maças do rosto dele estavam coradas!Provavelmente por causa do cansaço e um pouco pelo sol.
Podia ouvir a respiração ofegante dele!

Sem saber, ele estava na sua frente, de olhos fechados, sem nem imaginar que quando abrisse os olhos, daria de cara com uma ruiva o encarando.

-Pode abrir os olhos Potter, ela já foi...

Harry arregalou os olhos no mesmo instante, para ver uma certa ruiva o encarando e sorrindo...Bem, docilmente, por incrível que pareça!

Ela parecia mais adorável e simpática, e na sua humilde opinião, ela estava bela.

O cheiro dela era de rosas...Como gostava daquele cheiro, transmitia calma!Pelo menos quando ela mantinha a boca fechada e não começava a encher o saco!Esses pensamentos eram realmente estranho, isso acabaria em algo encurralante, como agora que seus olhares haviam se encontrado e ambos não conseguiam desviar.

Porque aquilo?Porque será que não conseguia parar de fitar aqueles olhos azuis claros dela?

Tinha que colocar um ponto nisso e isso seria agora, antes que essa ruiva viesse com suas inconveniências.


-Você?Eu não imaginava que viria!-Harry disse sorrindo sarcasticamente.

-Pois é, mas estou aqui...-Respondeu rapidamente.

-Vamos só ver no que isso vai dar!-O moreno respondeu sorrindo de uma maneira estranha.

-Pra já!-A ruiva subiu na vassoura e deu impulso... ...

-Nossa!Apressadinha!-Harry sorriu e deu impulso na sua vassoura também, sentindo o ar entrando por seus pulmões e lhe dando a mais pura sensação de prazer e liberdade.




Não conseguia se lembrar com o que havia sonhado, mas se lembrava nitidamente de um certo ruivo!

Merlin!Será que nunca conseguiria parar de pensar nele?

Alem de pensar 12 horas ao dia nele, nas outras 12 sonhava!

Isso era sacanagem!Jogo baixo!

Tinha que parar de ver aqueles cabelos ruivos, aqueles olhos castanhos que brilhavam tanto, aquele tórax másculo, a mandíbula se contraindo em um sorriso sexy.

-Merda!-Resmungou enquanto se sentava com pernas de índio no sofá que á poucos estava deitada.

O que iria fazer agora?Já eram 4:00 horas, e as aulas do dia já tinham se acabado sabe-se lá porque, pois algumas haviam sido adiadas.

-Já sei!-Disse se levantando de súbito e indo até uma mochila roxa que estava jogada perto de uma poltrona.




Uma, Duas, Três, Quatro, Cinco, Seis...Seis!Gina com certeza havia sido a melhor artilheira até o momento!Ou melhor, o tempo já havia se esgotado!

-Descendo!-Harry ordenou.

Gina fez uma careta, mas logo desceu atrás dele, parando meio confusa.

-Parabéns Weasley!-Harry prontificou-se a dizer atrás da ruivinha.

-Valeu!-Gina agradeceu dando de ombros.-Mas fala logo quais foram os melhores.

-Okay...-Harry sorriu.

Todos estavam á sua volta, esperando com feições ansiosas;

-Diz logo Harry...-Rony pediu ficando pálido.

O ruivinho havia feito a prova, como Fred e Jorge!É claro, era regra, mas claro que eles haviam passado já que ambos tiraram notas mais altas que os outros.

-Fred e Jorge e Rony continuam no time...-Harry anunciou.

Ambos sorriram felizes enquanto Harry piscava.

-Gina entra como artilheira...

A ruiva sorriu e abraçou os irmãos, ignorando Harry.

-Dino também tá dentro!-O moreno sorriu.-E Katy também.

Todos do time se cumprimentaram e se deram aos parabéns por terem sido escolhidos.

Harry estava muito contente com seu time!Rony tinha lá seus problemas de autoconfiança, mas isso era tolerável!Fred e Jorge eram ótimos jogadores, Katy era razoável, Dino também, e...-Pensou meio confuso enquanto sorria.-Gina era ótima, tirando o fato dela o odiar.

-Nosso primeiro treino vai ser na sexta feira ás 4 da tarde okay?-Harry anunciou em voz alta.

-Beleza Harry!-Dino apoiou, enquanto os outros sorriam, com exceção a uma certa ruiva.




Merda!Ficara a mais de 20 minutos tentando abrir aquela maldita bolsa, sem conseguir nenhum sucesso!

Alguém deve ter colocado algum tipo de feitiço naquilo!Algum feitiço que iria conseguir desfazer.

Sorriu desdenhosa e retirou sua varinha do bolso do sobretudo.

-Diffindo!-Murmurou quando um feche de luz azul saia da ponta da sua varinha.

A bolsa se abriu rapidamente, deixando amostra vários livros tinteiros e penas.

-Fácil, fácil!-Nicolly murmurou jogando tudo da bolsa no chão.-Ah Fred, você me paga.

A bolsa jogada no chão, era de nada mais nada menos que Fred Weasley!

-Nem é tão inteligente assim!-A morena murmurou enquanto procurava por algo entre as varias coisas inúteis jogadas no chão.

Já haviam revirado várias vezes os livros de Fred, sem encontrar nada de interessante entre eles.

Na verdade, também se achava burra por achar que Fred deixaria algo de importante ou valor sentimental dentro de uma bolsa protegida apenas com um feitiço babaca como aquele.
Ás vezes se sentia tão ingênua e infantil!
Mas...Pra falar a verdade, porque estava afim de achar algo de valor sentimental a Fred?Porque queria tanto se vingar daquele ruivo doido?
Bem lá no fundo da sua mente uma vozinha irritante gritou: porque você gosta dele sua anta!

Será que realmente gostava do Fred?

Não podia ser!Nunca se imaginou gostando de um garoto tosco como o irmão da sua melhor amiga!Era estranho e ao mesmo tempo diferente!

Fred era doidão, alegre, bem humorado, tinha um delicioso cheiro de campo, olhos que brilhavam intensamente, era gostoso...E...-Suspirou nervosamente.-Arrogante sem sentimentos, um completo idiota sem o que fazer...

Chega!-Mais uma vez a voz gritou em sua mente.

Quando terminava de guardar o ultimo livro, deixou um papel amarelado cair!

-Ahá!-Indagou surpresa.-O que será isso?

Abriu rapidamente, bastante excitada e nervosa para saber qual o conteúdo daquele papel super dobrado e preso por uma fita vermelha.
Finalmente conseguiu desprender um nó superbem dado no laço e o abriu!

-O que?-Se indignou ao ver que o papel estava todo em branco, apenas com umas manchas e alguns ângulos.-Finite Incantatem...

Nada!O papel continuava branco...Ou melhor, amarelo!

Mais uma vez se nomeou uma grande burra!Estava tão ansiosa pra ver se Fred tinha algum segredo surreal, que acabou por começar a se confundir!
Apenas viu o papel e já foi logo achando que era algo mirabolante!Extraordinário!

Bufou estressada.

-Aparecium...-Murmurou tentando pela ultima vez...

Arregalou os olhos ao ver que apareciam palavras em auto relevo sobre as folhas amareladas...!Só que...Todas em código ou sabe-se lá que língua era aquilo!

Mas pensando pelo lado positivo!Tinha descoberto algo, só não sabia o que por causa daquelas malditas palavras sem sentindo.

-Num to falando que esse ruivo é meio pirado?

Tentou jogar mais alguns feitiços!Todos sem significado algum!Como era idiota...E o Fred também!Será que ele não podia ter escrito num simples inglês?Aquele babaca era um...-Suspirou enquanto dobrava o envelope.-Garoto esperto e super dotado!

-Hei...-Ouviu passos e uma voz a chamou.-Expelliarmus!

Caiu deitada no chão quando um feche de luz vermelha á atingiu em cheio!Logo após sua varinha voou longe, indo parar na mão de um certo...RUIVO?

Nicolly se levantou meio que cambaleando e olhou meio confusa para Fred, que sorria vitorioso enquanto olhava para o papel nas mãos da morena.

-Parution!-Murmurou mais uma vez, fazendo novamente que o envelope voasse na mão de Nicolly e fosse parar na sua.

-O que você pensa que tá fazendo seu débil mental?-A morena perguntou meio atrapalhada.

-Te impedindo de virar uma ladra!-O ruivo afirmou se dirigindo até onde havia uma Nicolly meio confusa e de boca aberta.

-Ladra?O que você pensa que...

-Minha bolsa está aberta, você está com a varinha na mão e com este certo envelope que estava no meio do meu livro de Poções!-O ruivo afirmou apontando para o envelope em sua mão.

Por incrível que pareça, ele viu Nicolly ficar pálida, vermelha, roxa... Tudo de uma vez só naquele momento.

-Olha, eu apenas estava...

-Tentando se vingar de algo?

-Não!-Prontificou-se a afirmar.-Eu só queria saber...

-O que?-Fred perguntou erguendo um a sobrancelha e parecendo irônico.

-Bem!-Murmurou abaixando a cabeça e mordendo o lábio inferior.

-Tá vendo só?-Fred riu vitorioso.-Estava tentando achar uma cueca minha né?

-Eu?Claro que não!-A morena afirmou meio confusa enquanto corava violentamente.

-Sei...Então o que?-Ele se aproximou ainda mais sorrindo de uma maneira sexy enquanto erguia um de seus ombros a olhando fixamente num olhar penetrante, intimidador e confuso.

-Nada, eu só queria...

-Me achar lá dentro?-Fred a interrompeu novamente.-Sem chances...Eu só muito maior.

Ele olhou pra baixo, já que era uma cabeça mais alto que Nicolly.

-Você tá afim de tirar uma com a minha cara né?-A morena parecia querer se esconder em algum lugar para não ter que ficar encarando Fred.

-Não, só quero uma explicação.

-Okay, você tava certo.

-Eu sabia!- o ruivo ergueu o punho em vitória.-Tentando achar minha cueca né?

-Não!-Ela gritou.-Eu só queria me vingar de você!

-Ah, é isso?-Ele abaixou a cabeça em fingido desanimo.-Assim você me desaponta!

Ficaram em silencio por alguns segundos.

-Mas não conseguiu achar nada que servisse né?

-Achei esse envelope, que por sinal tá em Russo, Latim, sei lá!-Suspirou pesadamente em desanimo.

-Ah, está em Lithurgioou!-Fred disse sabiamente.

-Lithur o que?

-Lithurgioou!Um código que eu e o Jorge criamos!

-Ah!Saquei!Eu meio que já desconfiava de ser um código babaca!

-Sacou é?Babaca?Então porque não conseguiu ler?

-Bem...Er...-Merda de ruivo!Mais uma vez com a razão.

Porque a Gina tinha que ter um irmão tão chato?E porque esse chato tinha que ser a pessoa a quem gostava?

-Não tem resposta!-Fred parou de falar e a fitou intensamente.

Mesmo que não quisesse, um calafrio percorreu sua espinha, junto com uma enorme vontade de sentir aqueles lábios vermelhinhos juntos ao seu!
Como ele conseguia ser tão sexy daquela maneira?Era simplesmente estonteante a maneira com que ele a olhava, com que respira, o jeito dos olhos dele brilharam maliciosamente daquela maneira, o jeito de andar, a maneira com que seu tórax se movimentava ao arfar da respiração, e ainda por cima, o jeito daquela mandíbula se contraindo em um sorriso!

Porque será que nunca conseguia resistir à aquele olhar penetrante de Fred?O odiava e ao mesmo tempo amava!Era algo estranho...!Meio ridículo do seu ponto de vista!Mas naquele instante, ele sorrindo parecia simplesmente mais belo na sua humilde opinião.

-Er...-Tentou dizer para ver se saia daquela situação petrificante e ao mesmo tempo excitante.

-Shh...-Fred pediu enquanto passava a palma de suas mãos sobre a face corada de Nicolly, que deixou escapar uma exclamação ao toque ousado do ruivo.

Ele se aproximava cada vez mais...Era perfeita aquela sensação de prazer mutuo, e mesmo que parecesse impossível, sentia como que se Fred também clamasse por toda aquela sensação estranha, maravilhosa, gostosa de sentir!

Seus corpos já estavam colados, e em uma fração de segundos as mãos de Fred já estavam pousadas em sua cintura, como sempre sonhou que elas estivessem!Como sempre clamou tê-las lá apenas mais uma vez, por apenas alguns segundos amais!Como queria que aquilo nunca terminasse.

Meio que em um movimento gracioso, pousou uma de suas mãos nas costas do ruivo, que estremeceu, enquanto sua outra mão permanecia jogada ao lado de seus quadris, como que se não servissem da nada.

Os lábios foram se aproximando, até que se encontraram por uma fração.
Foi estranho, diferente, como se fosse o primeiro!

Na verdade, achou estranho porque antes tentava se enganar sobre gostar de Fred, e agora admitia que o amava, e que por mais que odiasse isso, estava amando a sensação de tê-lo só pra si, como que se ninguém nesse mundo pudesse tira-lo.

O amava, mais que tudo, talvez até mais que si mesma, mas uma coisa tinha certeza!Ele só saberia disso no dia que tivesse certeza que seria recíproco.

As línguas se enroscavam em uma dança lenta, e o que era pra ter sido apenas um beijo rápido se tornou algo demorado e cheio de surpresas e sensações estranhas.

Poderiam ter ficado ali se beijando por horas se não fosse a falta de ar e os barulhos de gente entrando no Salão Comunal.

-Pensei que você ia me esperar companheiro!-Jorge fez-se presente no Salão.

-Ahn, eu estava com pressa!-Fred gaguejou sem olhar para Nicolly que abaixara a cabeça.

-Tá tudo bem Nick?-Gina perguntou se aproximando da amiga enquanto fitava Fred conversando com Jorge.

-Tudo okay!-A morena sorriu enquanto levantava a cabeça.-E como foi o teste?

-Passei, sou do time!

-Parabéns Gin...Você é realmente boa no Quadribol!-Nicolly prontificou-se a dizer.-Er...Cadê o Potter?

-Deu chá de sumiço!-Gina ironizou tranqüilamente.

-Suspeito...

-Suspeito?-Gina riu baixinho.-Sorte, isso sim!

-E ai, alguma novidade interessante?

-Sim!-Gina começou a gargalhar, fazendo Michael que se encontrava lá á olhar.

-Conta ai...

-Bem, a Patricia foi fazer o teste...

-Que?Se não me falta memória ela é da Corvinal!

-É!-Gina riu mais uma vez.-O demente do Potter praticamente a enxotou de lá!

-Demente?Ele foi super inteligente...E...Pensou!

-Pois é...-Gina empurrou os óculos de encontro ao rosto.-Tenho que admitir que deu a louca no Potter e ele pensou!

-Oh, louvemos Sr, ouve um milagre na face da terra!-Nicolly protestou caindo na gargalhada sem perceber que um certo ruivo a fitava de longe.




Entrou naquela sala vazia!Podia-se ver as arvores da Floresta Proibida Farfalhando ao longe.O sol já estava se podo e logo seria noite.

Porque para seu azar não conseguia parar de pensar em uma certa ruiva estranha sorrindo ironicamente?

Ela de uma certa forma mexia com seu subconsciente!

E de alguns dias pra cá, ela era a garota que não se repelia de sua mente!Havia até se esquecido dos problemas com Voldemort por vários dias!E esse era o problema...Voldemort ainda existia!

A porta se abriu revelando uma loira que entrava sorrindo.

Oh sorte amargurada viu!Queria ficar sozinho e derrepente uma loira de olhos violeta entrava pela porta como que se fosse ou se tornara a pessoa mais feliz do mundo só em vê-lo.

-Harry, que sorte te encontrar!-Murmurou indo se postar em frente ao moreno que estava sentado em um canto da janela.

-Pena que não posso dizer o mesmo.

Por incrível que pareça, Patricia sorriu, revelando que não se importava com uma só ofensa vindo de Harry.

-O que você tem Harryzinho?-Ela perguntou de uma maneira melosa e estupidamente carinhosa.

-Nada que venha a te interessar!

-Está pensando em mim!?

Harry teve vontade rir naquele momento!Na verdade, ele estava pensando em Gina e em seu problema com Voldemort, e não nela.

-Se você se alto denomina Voldemort!

Patricia estremeceu e fez uma careta.

-Não fale esse nome!

-Porque não?-Harry sorriu.-Um simples nome faz você sentir medo?

-Não, um simples nome faz ‘o mundo sentir medo.

-Não!O nome não, e sim a própria pessoa!-Harry riu ironicamente.-Você nunca entenderá!

-Me explique!

-Não tenho tempo pra perder agora, e...Por favor deixe-me sozinho!-Ele pediu virando o rosto enquanto a brisa levantava seus cabelos.

-Harry, me dá mais uma chance...Por favor,...-Ela pediu com uma voz manhosa.

Porque aquela loira salafrária tinha que pedi isso justo naquele momento em que estava tão vulnerável?

Ela aproximou seu rosto de queixo pontudo no de Harry, que era perfeito e super branco.

-Por favor,...-Ela murmurou antes de encostar seu lábio frio no quente e com gosto de menta de Harry.

Naquele beijo não rolava nenhum tipo de química!Eles realmente não combinavam.-Harry pensava enquanto sua língua passava entediante pela gélida da loira.-

Harry queria estar beijando alguém de lábios macios e quentes...Carnudos!

Enquanto beijava Patricia, tentava mais que tudo imaginar outra pessoa...Ou melhor,...Uma ruiva chamada Gina Weasley!

-Chega...-Harry murmurou rouco enquanto se desvencilhava daquele beijo frio da loira que sorria radiante.

-Então você está me dando uma segunda chance?

-Encare como quiser...-E dizendo essas ultimas palavras frias saiu de lá.

-Te Amo Harry!

Ele pode ouvir antes de sair do alcance das Palavras de Patricia!




-Hei, fica quieto!-Murmurou em voz baixa tampando a boca dele para que não pudesse gritar.-Fica bem quietinho que eu preciso falar com você!

Ele a olhou com raiva e confusão.

-Promete que se eu destampar sua boca você vai ficar quieto?

Ele confirmou com a cabeça.

Retirou suas mãos da boca dele, que tinha se cortado por causa da pressão.

-O que você quer?-Ele chiou.

-Shh!Mandei ficar quieto.

-Fala...

-Vem cá.-Se levantou e saiu do dormitório, sendo seguida por ele as suas costas.

-Agora pode dizer!

-Okay...-Suspirou e deu de ombros.-Eu ouvi um barulho lá em baixo...

-Sério?E você me acorda pra isso?

-Lá em baixo eu digo na Floresta Proibida.

-E daí?

-Seu estúpido, tem alguém a plenas 2:00 da manhã andando pela Floresta Proibida!É tão simples como um beijo né?




Next Chapter (Próximo Capitulo) :

*-O que?Você voltou com aquela loura oxigenada?-Gritou.Como aquele estúpido fora burro e corno manso.

*Porque sentia aquele nó na garganta como que se estivesse á anos sem chorar e precisava desabafar agora...Porque?Ainda não sabia!

*Agora era só ver no que ia dar!Só que se aquela olhos de violeta aprontasse apenas uma pequena coisinha de errada, ela estaria simplesmente ferrada!





N/A: Oiiieeeee Peoples!Belezinha com vocês???E ai, ficou bom?ótimo?ruim?deplorável?Esquisito?Trasgo?Dêem suas opiniões okay?Agora eu termino com um enorme beijo e um simples pedido por comentários okay?Kissess....
Ahh, Beijin Especial pra Pryscilla a prima do meu coração que diz que AMA a fic...!Te Adoro Pry!

PS2: Beijao pra Ginny Potter, Miaka e NaniGuedez!

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.