FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. Éden


Fic: Ressaca?


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

N/B: Antes de lerem, procurem a música Nasty Naughty Boy de Christina Aguilera.


 


Finalmente chegara o final de semana, Hermione devia chegar antes do almoço e de lá, apenas Harry e Tonks sabiam o caminho que tomariam.


-Pare quieto Harry –Reclama Tonks, olhando-o andar de um lado para o outro em frente à casa dos Dursley. –Ela já deve estar chegando.


-Mas já era pra ela estar aqui –Explica, parando de andar e se virando para a auror.


-Ela está cinco minutos atrasada Harry –Esnoba –Merlin te proteja quando for o casamento –Brinca recebendo uma careta em resposta. –Relaxe garoto.


Harry suspira, mas antes que pudesse falar algo, um carro aparece derrapando na esquina da rua indo rapidamente até onde ele e Tonks estavam esperando e freando no último instante, parando perfeitamente ao lado dos dois bruxos impressionados.


-Definitivamente você estava certa quando me fez comprar esse carro –Comentava o Rapaz loiro que saía pela porta do motorista. Agora, em pé, dava para perceber que ele devia ter mais de dois metros de altura e um corpo escultural.


-Eu te disse que o Aston Martin Rapide Luxe era perfeito, não disse –Se gaba Hermione, também saindo do carro cor grafite e indo em direção aos amigos, abraçando Tonks e logo depois indo beijar Harry –Senti saudades –Confessa ao se separarem. Harry, que ainda estava surpreso, abre um sorriso amplo a beijando de novo.


-Espera aí –Diz o rapaz de antes, também se aproximando e parando ao lado de Tonks, que o olhava com atenção –Essa melação é sempre? - Pergunta apontando para os morenos e fazendo uma careta.


-Ah você não faz ideia –Sorri Tonks.


-Ei –Reclama Hermione ainda abraçada a Harry –Não comecem vocês dois.


-Então pare de agarramento e me apresenta esse teu namoradinho –Pede Josh, sorrindo, fazendo Hermione revirar os olhos.


-Esse é Harry Potter, como você já bem sabe –Fala apontando para o moreno que olhava curioso o rapaz a sua frente –E Harry, esse é o Josh, meu primo –Explica vendo os dois apertarem as mãos com força.–Já essa é a Tonks, Josh. Ela vai com a gente –Fala se virando para Tonks e sorrindo discretamente para a amiga.


-É um prazer conhecê-la –Cumprimenta charmoso, beijando as costas da mão de Tonks, enquanto a olhava nos olhos.


-O prazer é todo meu –Sorri feliz, sem conseguir desviar dos olhos azuis do rapaz.


-Então –Cantarola Hermione contente –Vamos indo. –Pede puxando Harry para o carro, sendo seguida pelos outros.


---


O carro para em frente a um parque de diversões, do qual dava para ver por trás da entrada os brinquedos enormes, como a montanha russa, o elevador e a roda gigante. Josh avisa que vai comprar os ingressos e Harry aproveita para ir comprar bebidas para todos. Assim que eles se afastam, Hermione puxa Tonks para um canto mais afastado.


-Será que agora eu estou perdoada por tudo que eu fiz você sofrer Tonks? –Sorri Hermione, olhando a amiga de lado.


-Nossa Mione, eu vou te dar uma medalha de melhor amiga –Comemora abraçando garota –Eu nem sei o que vou fazer com aquilo tudo só pra mim –Brinca apertando a garota mais apertado.


-Tonks... ar, eu preciso de ar –Reclama se afastando da mulher sorridente. –E faz o que tem que fazer oras, só mantenha ele longe por um tempo –Pede em confidência –Ele não me incomoda muito com ciúmes, mas é o espião da minha mãe –Explica com uma careta.


-Não se preocupe, a gente vai no trem fantasma e se perde lá dentro –Brinca Tonks –Mas não saiam do cronograma.


-Que cronograma? -Pergunta interessada, Tonks responde mostrando a língua –Isso não é justo! Fala, vai –Pede curiosa, fazendo olhinhos de pidona.


-Não, é surpresa do Harry –Fala séria –Agora vamos lá que eu ainda tenho que distrair o loirinho –Sorri predatória, vendo os rapazes se aproximando.


-Aqui estão as bebidas –Fala Harry entregando os copos para cada um –Agora vamos –Diz já pegando a mão de Hermione e saindo na frente.


-Esses dois combinam mesmo –Comenta Josh seguindo ao lado de Tonks.


-É verdade –Sorri Tonks. –Mas e você, como terminou seguindo eles hoje? -Pergunta mais para continuar a conversa do que pela resposta dele.


-Minha tia pediu pra vigiar eles –Ri divertido –Mas acho que meus olhos estarão ocupados demais com outra coisa –Insinua a olhando de cima a baixo.


-Muitas distrações? -Pergunta não disfarçando o sorriso.


-Apenas uma –Responde charmoso, puxando-a pela mão até alcançar os morenos que já estavam na fila da montanha russa.


---


Depois de irem a boa parte dos brinquedos perigosos, o grupo se acalma e resolve ir em algum mais calmo. Dão uma volta e se deparam com o trem fantasma, Hermione os puxa na direção do fim da fila e cutuca Tonks discretamente, recebendo um aceno positivo da mulher, que se aproxima de Josh começando uma conversa animada.


Quando chega a vez de eles embarcarem, Tonks empurra Josh para os primeiros carrinhos, deixando Harry e Hermione para ocuparem o carrinho de trás. O brinquedo começa a funcionar e Josh passa o braço por cima dos ombros de Tonks, que apoia o corpo contra o loiro.


Eles entram na área escura e o carrinho começa a perder velocidade, os preparando para uma série de sustos. É quando um palhaço é iluminado, que Tonks pode ver que os morenos estavam pulando do carrinho de trás e Hermione acenava para ela fazer alguma coisa que distraísse o loiro.


Josh, sentindo a agitação de Tonks, a observa e nota que esta olhava para alguma coisa por cima de seu ombro. Ele começa a virar a cabeça na direção, mas ela o impede, segurando o rosto dele virado para si. Sem saber o que fazer em seguida, Tonks faz a única coisa que veio a mente e o beija.


Hermione abafa o riso com a mão e puxa o moreno para longe do novo casal que começava a se empolgar no beijo. Ao conseguirem sair do brinquedo, eles se esgueiram até um canto mais afastado do parque e começam um beijo lento e saudoso.


-E agora senhor Potter –Pergunta Hermione ao se afastarem –Qual o resto do seu misterioso plano?


-Agora nós saímos daqui –Responde animado, puxando a morena em direção a saída do parque.


-Mas Tonks...


-Ela sabe Mione –Interrompe –Já ta tudo programado –Pisca um olho para a morena, que sorri encantada –Agora vem.


Harry a leva até o ponto de táxi que havia ao lado da entrada do parque e entra em um carro dando um endereço que Hermione não conhecia ao motorista. No caminho Hermione pode notar que estavam se afastando da parte movimentada da cidade, até pararem ao lado de uma casinha rústica a beira de um rio calmo. Harry a puxa para fora e paga ao taxista, que vai embora deixando os dois na beira da estrada.


-Onde estamos, Harry? -Pergunta olhando para tudo encantada –Esse lugar é lindo.


-É onde vamos passar o fim de semana –Responde dando um selinho na morena e a puxando em direção a porta de entrada.


A casa era pequena, mas aconchegante. Possuía uma pequena sala, com um sofá em frente a uma grande lareira que no momento estava apagada, mais a frente era possível ver a divisória que mostrava parte da cozinha e ao lado havia um pequeno corredor que sabiam levar até o quarto do casal.


Harry observava as reações da garota com atenção e não conseguia segurar o sorriso de orgulhoso quando essa suspirou em contentamento. Ele se aproxima a abraçando pela cintura e beijando docemente.


-Gostou? -Pergunta carinhoso, a olhando nos olhos.


-Amei –Suspira o beijando de novo.


Harry a puxa contra si com mais força, aprofundando o beijo e a guiando em direção ao corredor, parando apenas quando as costas da garota batem contra a porta do quarto. Ela tenta achar a maçaneta sem parar de beijá-lo e quando finalmente consegue, os dois quase caem para trás quando a porta se abre. Voltando a se equilibrar, rindo um para o outro, continuam o beijo, já se dirigindo a cama de casal.


---


Tonks sente as costas baterem contra a parede atrás de si e ofega, Josh a segurava pelos pulsos, sem deixar que ela se mexesse. Ele a havia arrastado até um canto completamente isolado do parque, depois que percebeu que os morenos haviam sumido.


-Onde aqueles dois foram? -Pergunta firme, mordiscando a orelha da mulher,  vendo os cabelos dela mudarem para vermelho fogo.


-Deixa eles pra lá –Pede tentando libertar os braços, mas sem realmente se esforçar para tal. Vira, então, o rosto procurando os lábios do loiro.


-Eu disse pra minha tia que eu ia ficar de olho naqueles dois –Encosta a testa na dela, a olhando nos olhos –Eu cumpro as minhas promessas. –Fala com firmeza. –E te prometo que vou te recompensar pela informação valiosa –Sussurra malicioso e a beijando levemente.


-Então vamos cuidar da recompensa e depois eu te falo o que você quiser  –Concorda ofegante, olhando para os lados para confirmar que ninguém os via e depois aparatando, levando Josh com ela. Eles aparecem em uma casa parecida com a que Harry e Hermione estavam, mas sem sinal dos dois. Tonks sorri predatória, jogando o rapaz no sofá e subindo em seu colo.


-Nada disso, primeiro você tem que me falar onde aqueles dois estão –Negocia, tentando tirar ela de cima de si.


-Não –Responde se mantendo firme –Se é pra negociar, vamos fazer direito –Sorri com languidez –A Mione deve ter te dito que eu sou uma metamorfomaga, não é mesmo? –Pergunta puxando uma mexa de cabelo e fazendo essa mudar de cor, depois voltando para o vermelho ardente de antes. Josh afirma com a cabeça, sem desviar os olhos da ruiva –Mas ela não deve ter te dito o mais interessante. Não é só o meu cabelo que muda de cor –Sorri matreira, se levantando e ficando de pé em frente a ele. –Eu posso mudar muitos aspectos do meu corpo –Sussurra com a voz rouca –Ser do jeito que você mais desejar –Promete, mudando o volume do busto, deixando maior –Posso ser o seu sonho particular –Brinca apoiando as mãos nas pernas de Josh, que engole em seco –Então eu te dou isso e você me da a minha recompensa –O beija de leve, se afastando antes que ele pudesse aprofundar o beijo e se dirigindo até a orelha do rapaz –De acordo? -Pergunta recebendo um gemido como resposta.


-Eu preciso saber Tonks –Tenta resistir.


Tonks, cansada de brincar, pega a varinha e aponta para si mesma. As roupas dela somem aparecendo dobradas no outro sofá, a deixando nua. Ela se senta novamente em cima do loiro o olhando nos olhos, enquanto o mesmo não desviava das curvas dela.


-O que você quer Josh –Sussurra de encontro a sua orelha –Cabelo, olhos? -Oferece já mudando por conta própria, lhe dando apções –Ou quem sabe o quadril, as pernas? –Pergunta maliciosa, o olhando nos olhos.


Josh morde o lábio inferior, sem conseguir pensar com clareza. Ele sabia que tinha que perguntar algo, se manter forte, mas sua concentração já não o pertencia. A mulher a sua frente o estava deixando louco, seu corpo já respondia ao dela e já não sabia se podia suportar por muito tempo.


Tonks, ao perceber o momento de fraqueza do loiro, se posiciona mais perto e lhe dá um beijo profundo e quente, que faria o rapaz esquecer o próprio nome. Passeando a mão pelos ombros fortes, não pode deixar de agradecer mentalmente a Hermione. Sendo que essa estava na cabana do outro lado do rio, coincidentemente agradecendo a Tonks pelo final de semana sozinha com Harry.


-Morena… eu prefiro você morena. Com cabelo comprido até o meio das costas, não precisa ser todo liso –Pede com a voz rouca ao se separarem –E os seus olhos... eu quero eles verdes, verdes-claros –Fala fazendo Tonks sorrir docemente.


-O que mais? –Instiga, fazendo carinho na nuca do loiro, que aperta os olhos de prazer.


-Sua pele –Fala fazendo um leve carinho com as costas da mão pelo rosto dela –Dourada pelo sol.


-Está tentando me fazer uma italiana ragazzo? -Pergunta divertida, mas para de rir vendo o rapaz corar envergonhado. –Por que se é o caso –Sussurra o beijando de leve. –Eu vou te dar o que você quer –Sorri docemente, deixando o quadril maior e as pernas torneadas. O busto diminui um pouco e ela fica mais alta, com cerca de 1,90. –Gostou? -Pergunta percebendo que o loiro não conseguia desviar os olhos dela.


-Eu… eu… você está perfeita –Elogia o rapaz passando as mãos pelas belas pernas e apertando.


Tonks sorri e o beija profundamente, explorando a boca do loiro com calma e sendo retribuída com a mesma intensidade. Ela passa as mãos dos ombros para o peito do rapaz, abrindo os botões da camisa lentamente. Josh sobe as mãos pelas pernas da morena, apertando com força o quadril da mulher contra si, fazendo essa gemer alto.


Em retaliação ao movimento inesperado, Tonks puxa a camisa, arrebentando o resto dos botões. Ela move as mãos para o cinto dele, abrindo com habilidade. Josh segura o lábio inferior dela com os dentes, enquanto acaricia com a língua, a instigando a continuar. Depois do cinto aberto ela se dirige ao zíper, o abaixando com cuidado e escorregando a mão por dentro da calça, fazendo Josh segurar a respiração.


---


Começava a anoitecer e o quarto já estava banhado na escuridão quando Harry começa a despertar e olha em volta confuso por um momento, até se lembrar de onde estava e olhar para a morena ao seu lado, que começava a se mexer em sinal de que iria acordar em breve. Ele sorri docemente e lhe acaricia os cabelos, esperando. Quando ela finalmente abre os olhos ele se inclina dando um leve selinho.


-Oi –Cumprimenta com a voz baixa e rouca.


-Oi –Responde no mesmo tom, o afastando e se sentando. –Então esse era o seu plano, me trazer pra um lugar afastado e me corromper com a sua malícia –Sorri o olhando de lado.


-Basicamente isso –Brinca a beijando novamente e se levantando –E pra isso dar certo você tem que comer, então vem que é hora de fazer o jantar. –Pede já com o roupão colocado e a puxando para se levantar.


-Mas eu não sei cozinhar Harry –Faz manha –Você pode fazer isso.


-Eu te ensino –Fala charmoso, colocando o roupão nela e a puxando em direção a cozinha.


Ao chegarem, Harry vai direto a dispensa, trazendo de lá todo tipo de ingredientes e o espalhando pelo balcão em frente ao fogão. Hermione, ainda com preguiça se senta no mesmo balcão, ao lado dos ingredientes.


-E posso saber o que pretende me ensinar a fazer? -Pergunta maliciosa se inclinando para trás e se apoiando nos braços, deixando o rosto de lado. Harry a olha em cobiça e se aproxima, também se apoiando nos braços e se inclinando para ela, quase a beijando.


-Macarronada –Sussurra contra os lábios da garota que tenta se aproximar, mas o moreno afasta o rosto, abrindo uma gaveta e tirando uma faca afiada –Agora prepare os vegetais querida –Sorri maldosamente, entregando a faca a Hermione e indo até a pia encher a panela com água.


Hermione olha das costas do garoto para a faca e da faca para o garoto, sem saber o que fazer. Ela se coloca de pé e se vira para os ingredientes na mesa, finalmente achando algo que reconhecia e puxando para si. Ela procura por uma tábua que pudesse usar de suporte e depois de posicioná-la, começa a cortar uma cebolinha em pedaços irregulares.


Harry, que a observava disfarçadamente, sorri docemente e se aproxima pelas costas da garota, passando as mãos pelos braços de Hermione até parar os movimentos desajeitados.


-Calma -Pede movendo as mãos junto com a morena -É assim, devagar e forte -Sussurra mostrando o movimento fluido -Depois que você pegar o ritmo, você ganha velocidade, assim -Hermione começa a respirar mais rápido e morde o lábio inferior, sem parar de movimentar a faca, mesmo quando ele solta sua mão.


Harry continua a abraçando e começa a beijar o lado do rosto de Hermione, descendo até o pescoço e a apertando em seus braços -Harry -Ofega angustiada, fazendo ele sorrir docemente e se afastar, pegando outros ingredientes e se posicionando ao lado da garota que o olha em expectativa. Em meio a brincadeiras e beijos, os dois trabalham em conjunto, mesmo que Hermione fosse um desastre e Harry tivesse que salvá-la a maior parte do tempo, eles conseguem terminar os preparativos iniciais.


Com as panelas já no fogão e Harry mexendo o molho, Hermione se senta no balcão observando o moreno trabalhar, reparando em como era alto e os ombros eram largos. Nunca tinha parado antes para notar como Harry era bonito e másculo, mas ali, naquela cozinha, ela não podia imaginar homem mais perfeito, vestindo apenas um roupão e concentrado em preparar o jantar dos dois.


Ele a deixara sem palavras com seu jeito malicioso e suas mãos fortes. Ela que achava que conhecia tudo de Harry, foi deliciosamente contestada quando ele a levara a cama e mostrara o quanto ela estava enganada. Harry era apaixonado e carinhoso, se preocupando com o prazer que ela sentia antes mesmo do próprio, fazendo com que ela perdesse o chão e a sanidade. Ele apresentou a ela um novo Harry, um Harry que ela definitivamente estava feliz em conhecer.


É tirada de seus pensamentos quando o moreno se aproxima com um sorriso malicioso nos lábios.


-Eu preciso que você prove o molho –Avisa levando a colher em direção a boca dela, que faz a prova fechando os olhos em contentamento.


-Está divino –Suspira ainda de olhos fechados. Harry se inclina a beijando levemente, provando do molho que permanecia em seus lábios.


-Realmente divino –Concorda com os olhos turvos e entreabertos –Pena que o molho não tenha esse gosto –Completa passado a língua pelo lábio superior da garota, arrancando um gemido da mesma.


-Harry, a comida –Avisa sem se afastar.


-Eu estou cuidando dela, não se preocupe –Sussurra aprofundando o beijo.


Hermione entrelaça os dedos no cabelo do moreno e abre as pernas para acomoda-lo melhor contra seu corpo. Harry se aproxima a rodeando com um braço e apertando a coxa da garota com a outra mão, deixando o beijo mais ardente e se inclinando para frente, fazendo que Hermione o rodeie pelo pescoço, se equilibrando sem parar o beijo.


Ao se separarem Harry começa a deslizar a mão para cima, em direção ao meio das pernas da garota, que ofega em expectativa, mas acaba percebendo um leve cheiro de queimado, ela empurra os ombros do moreno, que lhe olha confuso.


-A comida Harry –Sorri docemente, vendo o moreno arregalar os olhos e correr até o fogão, salvando a janta dos dois.


Hermione respira fundo tentando recobrar o controle.


---


Harry e Hermione estavam saboreando o jantar perfeito que Harry conseguira salvar.


-Mione, Josh não vai ficar irritado por nós termos saído de lá sem avisar? -Pergunta preocupado com a morena, que faz cara de descrença.


-Ele nem vai lembrar da gente –Sorri maliciosa –Acredite em mim.


-Como assim? -Pergunta curioso.


-Apenas deixe ser, Harry –Pede sem revelar nada –Mas como estão os seus sonhos Harry? Algum sinal de Voldemort? -Pergunta preocupada, vendo os olhos tristes do garoto.


-Antes sim, mas desde que a gente ficou junto, nunca mais aconteceu –Responde confuso –Fico feliz, pois acho que ele não sabe de como estamos agora, mas isso também está me deixando preocupando –Confessa suspirando.


-Nunca é um bom sinal quando Voldemort some –Concorda –Devemos falar com Dumbledore o quanto antes possível.


-Mas vamos falar da gente? -Pergunta surpreso.


-Não, ainda não –Responde rapidamente, deixando Harry um pouco incomodado pela reação imediata. –Só falamos pra ele sobre Voldemort.


-Certo, você que sabe –Sorri, afastando o sentimento incômodo e se inclinando por cima da mesa, a beijando levemente –Já terminou de comer? -Pergunta maroto.


-Querendo ter bons sonhos? -Pergunta no mesmo tom, mas o empurrando para a própria cadeira –Eu ainda estou comendo Harry –Explica –É sua culpa por fazer uma comida tão boa.


-Minha culpa? -Repete indignado –Da próxima vez vou tratar de deixar a cozinha em suas mãos capazes, assim não demoramos para comer –Brinca recebendo um chute por baixo da mesa –Ai Mione, vai com calma –Ri o garoto, afastando a cadeira, a olhando divertido –Temos alguns filmes pra ver ainda hoje –Conta  bebendo suco enquanto espera a garota terminar. –Eu trouxe cartas, caso você queira perder –Provoca divertido.


-Vai sonhando Potter –Devolve animada.


-Mas tem uma condição pra jogar –Avisa a deixando curiosa –Estaremos apostando nesses jogos –Sorri maroto.


-Eu vou ganhar mesmo –Sorri convencida, terminando a última garfada e se levantando, pronta para o resto da noite.


---


Depois de dois filmes e muita pipoca e beijos, os dois finalmente se encontram na mesa, com Hermione embaralhando de forma habilidosa, tentando intimidar Harry.


-Em qual o jogo você quer perder, Potter?


-Não sei, que tal pôquer? -Pergunta observando a reação da garota e se decepcionando quando esta abre um sorriso maroto. Ele esperava que ela não soubesse jogar.


-Tem certeza? -Pergunta como quem não quer nada –Não quero que venha culpar as cartas.


-Jogue –Responde firme, acreditando em si mesmo –Vamos jogar por pontuação –Fala pegando os grãos de feijão que seriam considerados as fichas do jogo –Cada um tem dez e quando o outro conquistar todas, um pedido pode fazer, entendeu? –Pergunta malicioso.


-Você vai se arrepender tanto disso -Se anima já separando as cartas e as distribuindo.


A primeira rodada passa normalmente, com Harry ganhando dois dos feijões de Hermione e sorrindo vitorioso, enquanto ela sorria com calma, sem se abalar. Depois de Harry ganhar mais uma rodada, é que Hermione começa a jogar de verdade, fazendo o moreno apostar alto e ganhando com maestria a maior parte das rodadas seguintes, fazendo vários pedidos.


Harry já havia feito massagens, carinhos, se humilhado ao correr pelado em volta da casa e quase congelado ao pular no rio gelado. Mas finalmente a hora dele havia chegado e ele tinha um pedido em mãos.


-Então –Começa fazendo suspense, vendo a garota morder os lábios nervosa – O que será que eu devo pedir pra você, querida? -Provoca, apertando o roupão envolta do corpo ainda gelado pelo nado repentino no rio. –Você que foi tão carinhosa comigo há poucos minutos atrás –Ironiza, vendo o medo nos olhos de Hermione.


-Harry...


-Eu fico pensando –Interrompe se levantando e indo até o lado da cadeira de Hermione –Tantas, tantas possibilidades –Sussurra na orelha da garota, que continua encarando o outro lado da mesa.


-Calma Harry –Pede prendendo a respiração.


-Mas eu acho que finalmente me decidi –Fala a puxando e colocando de pé, a virando para si e a fazendo encará-lo.


-Qual é o seu pedido? -Engole em seco, sem conseguir desviar os olhos. Ele se inclina até sua orelha e sussurra o pedido, fazendo com que ela arregale os olhos em descrença. –Isso não –Pede, mas Harry a olha impassível, a deixando desesperada –Harry… –Implora.


-É o meu pedido, Mione –Sussurra malicioso, passando os lábios pelo rosto da garota. –Você vai cumprir ele? -Pergunta se afastando e olhando com expectativa, deixando a garota sem saber o que dizer.


-É o seu pedido –Se decide, sem conseguir acabar com o animo do garoto e se sentindo contagiar pelo sorriso largo que esse lhe deu. –Eu não acredito que vou fazer isso. –Ri sem acreditar em si mesma.


-Relaxe Mione, isso vai ser ótimo –Promete a puxando para perto, tentando beijá-la, mas ela se afasta.


-Certo Harry, mas se eu vou fazer isso, vai ser nas minhas condições. –Sorri matreira, já o empurrando para o sofá e o fazendo sentar. –Você vai esperar aqui, quietinho –Ordena, puxando a corda do próprio roupão e amarrando as mãos dele atrás das costas. Ao terminar ela se afasta e busca um lenço –E sem ver nada –Sorri maliciosa, quando volta a se aproximar, vendando o moreno. Harry resmunga incomodado pela situação, mas resolve não contestar e esperar quieto até a volta da morena.


---


Harry tentou o seu máximo para ficar calmo, mas na situação em que se encontrava e com o que sabia que ia acontecer, poder-se-ia dizer que não foi a tarefa mais fácil da vida dele. Na verdade ele estava mais nervoso do que era humanamente possível. O que só piorou quando ele ouviu a música sensual invadir o ambiente.


Garoto Indecente Malcriado


Venha cá, garotão


 


Harry engole em seco, notando uma movimentação por trás da venda, mas sem poder fazer nada quanto a isso. Ele a sente se inclinar para ele e as mãos de Hermione deslizarem por seu peito, passando pelos ombros, pescoço, até chegar ao seu rosto, perto da venda. Harry segura a respiração ansioso, mas ela apenas o abraça pelos ombros, sussurrando a letra da música para ele, roçando os lábios com isso.


Você tem sido um garoto muito, muito mal


Eu vou me divertir, então curta


Não precisa sentir vergonha


 


Ele tenta beijá-la se inclinando para frente, mas é parado pelas mãos da morena em seus ombros o empurrando de encontro ao encosto do sofá. Harry solta um resmungo perdido entre o reclamar e o implorar.


Relaxe e tome um gole do meu champanhe


Porque eu quero te dar uma pequena prova


Do doce debaixo da minha cintura


Seu garoto safado


 


Soltando o ar com força, ele tenta livrar as mãos da amarra, ouvindo Hermione rir com suas tentativas em vão.


Eu vou te dar um pouco de Uh La La


Você quer dormir comigo?


Eu te tenho todo suado


Tenho você quente, contrariado e excitado.


Seu garoto safado. (garoto sem vergonha, imundo)


 


Sentindo a impaciência de Harry, Hermione finalmente tira a venda dos olhos do garoto. O olhando sensualmente e se afastando, ficando a dois passos dele, que a olha de cima a baixo com cobiça.


Ela vestia a camisa branca de botões que ele usará aquela mesma tarde, mas essa desaparecia por baixo de uma faixa preta, seguida pela saia de prega azul-marinho que ela vestia no parque. Para completar o visual, a roupa era quase toda coberta por um sobretudo que chegava até o meio das coxas da garota.


Baby, por tudo isso, vale a pena


Eu juro que serei a primeira a enlouquecer tua mente


Agora se você está pronto, venha e me pegue


Eu te darei um amor quente, doce e sexy


 


Hermione começa a se movimentar no ritmo da música, sem tirar os olhos de Harry. Ela se vira de costas para ele e deixa o sobretudo escorregar pelos braços, caindo com um som surdo no tapete fofo da sala.


Se apresse, não diga uma palavra


Eu vou dar o que você merece


Agora é melhor você me dar uma prova


Ponha a sua cobertura no meu bolo


Seu garoto safado


 


Quando ela se vira para ele de novo, ela já trás a ponta da faixa nas mãos, a puxando levemente e fazendo com que essa caia ao lado do sobretudo. Sem se deter, se aproxima abrindo a camisa lentamente, vendo os olhos de Harry passearem por cada pedaço ínfimo de pele que mostrava a ele.


Oh, aqui vou eu de novo


Eu preciso de umas palmadas, porque eu tenho sido má


Então deixe meu corpo falar


Eu vou te meter em um amor quente, doce e sexy


 


Ela sorri sensualmente ao terminar de abrir a camisa, mas não a retira, deixando essa pendurada em seu corpo e dirigindo as mãos até Harry. Se apoiando em seus ombros, ela o puxa em direção a saia, oferecendo o zíper, que era ao lado da perna esquerda, para que ele abrisse. Harry obedece rápidamente, usando os dentes para puxar o zíper para baixo e permitir que a saia caísse.


Vou fazer você suar


Tenho você quente, contrariado e excitado.


Seu garoto safado. (garoto sem vergonha, imundo)


 


Ofega ao ver a peça íntima da garota, que fazia conjunto com o sutiã, de cor vermelha. Tenta soltar as mãos novamente, mas é parado pela morena que o beija levemente e o faz se recostar no sofá, subindo em seu colo, mas se mantendo de joelhos, sem encostar realmente no garoto. Ela aproveita e retira de vez a camisa, a jogando no chão.


Baby, por tudo isso, vale a pena


Eu juro que serei a primeira a enlouquecer tua mente


Agora se você está pronto, venha e me pegue


Eu te darei um amor quente, doce e sexy


 


Harry tenta levantar os quadris para que ela note seu estado, mas Hermione mais uma vez o impede, apoiando uma das mãos em sua perna para o manter sentado e afastando o corpo o suficiente para que ele tenha um bom ângulo de visão. Ela leva a outra mão às costas, abrindo o sutiã e o deixando deslizar para baixo, com um sorriso cada vez mais malicioso no rosto.


Harry acompanha o movimento e geme quase em dor vendo a peça cair em seu colo, deixando-a exposta. Hermione o beija ardentemente levando as mãos lentamente pelos braços do moreno, alcançando a amarra e a puxando, libertando os braços do amante.


Agora me dê umas palmadas


É tudo o que você sabe fazer?


Venha agora


Não brinque comigo


Me dê aquele quente, doce e sujo


Garoto, não me faça esperar


É melhor você deixar eu provar


Coloque a tua cobertura no meu bolo, seu garoto safado


 


---


 


N/A –Finalzinho quente *abana*


N/A² -Quem aprendeu com a Mione levanta a mão o/ rsrsrs


 


Lílian Granger Potter -Pois eh, dessa vez vc é a primeira a ter resposta ;D Nossa Náy, só vc pra me aturar, corrigir meus erros e ainda elogiar kkkkk Brigada por tudo madrinha, vc é a melhor ^^


 


Tito Shacklebolt Finnigan - Adorei seu comentário Tito! Eu ainda não estou muito confiante, mas a Náy da seu jeito pra isso funcionar ^^ Espero que tenha gostado desses capitulo e continue acompanhando a fic.


 


jéssica j -Calma, que a hora desses dois vai chegar e eu posso te adiantar que não vão estar muito felizes com as novidades.


 


Rosana Franco -Você continua achando que eles "pegam fogo juntos", depois desse capitulo?! rsrsrs


 


s2HarryHermione -Não posso prometer nada, mas esses HH estam esquentando cada vez mais ^^




Suelen Granger - Obrigada pelo coment! O plano é ter um poste por semana ^^




Punkeeslaw Potter - Eu não estou nem falando com vc!! Serio Pâm, não é possivel que vc tenha caido na própria armadilha ¬¬ Pelo menos tivesse sido depois de comentar decentemente affz

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 7

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Diênifer Santos Granger em 18/08/2014

Puta merdaaaa!!!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Isis Brito em 05/11/2011

Tá quente aqui, hein? 

xD

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Tito Shacklebolt Finnigan em 26/09/2011

Ahhh... eu demoro a aparecer mas comento viu? Estarei sempre por aqui!! =]

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Tito Shacklebolt Finnigan em 26/09/2011

PUUUUUUUUUUUTZ!!! Nossa May... que capítulo cabuloso!! =]

Como você ousa acabar desse jeito?? Já vou direto pro próximo, to numa curiosidade danada... mas então...

A Tonks tem uns bons argumentos quando quer tirar a atenção das pessoas né? =] e ri muito quando ela disse que pode mudar a aparência do que bem entender!! Muito comédia... =]

E sem comentar das cenas da Hermione e do Harry!! Poxa, será que depois das aulinhas do Harry a Hermione vai aprender a cozinhar?? Deixa eu ir pro próximo capítulo!!

Meus parabéns May! =] sua fic está fantástica!! =*

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Angeline G. McFellou em 18/09/2011

MUITO BOM!!

Amei a fic muito perfa, e muito perva tbm!

Agora esse final, foi para que ?

matar seus letores?

Mancada.

rssrsrs Amei, curiosa pela continuação, att assim que der, por favor.

Beijos...

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Naaty A. Silva em 17/09/2011

Putz, como é que você acaba o capítulo assim? Quer matar teus fãs é? kkkkkkkkkkkkk Tá MUITO ótima a fic, to apaixonada!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por rosana franco em 15/09/2011

ELES VÃO INCENDIAR O PLANETA.MAS PQ A MIONE INCISTE EM NÃO CONTAR NADA PRA NG ISSO AINDA VAI ACABAR MAL.

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.