FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

5. Uma Brilhante Lua Crescente


Fic: Só Queria Dizer Que Te Amo --- R/Hr D/Hr ---


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Capitulo 5 - Uma brilhante lua crescente

Harry abriu os olhos. Estava dentro de uma casa, uma casa que nunca tinha visto antes. Procurou os óculos, e não os achou. Então alguém lhe deu os óculos. Ele colocou.

-Você está bem? –perguntou um homem meio careca - Você caiu de uma altura considerável. Sou Ted Tonks, pai de Tonks, prazer.

Harry apertou um pouco testa, onde havia sua cicatriz fina em forma de raio, doía um pouco.

-Acho... Que estou bem. E os outros?

-Hagrid esta sendo cuidado, ele ainda deve estar desmaiado, Ninfadora acordou há uns 5 minutos, perguntando por todos, e já, bem, querendo sair e lutar de novo, muito enérgica, minha filha. O seu amigo, Rony Weasley, ainda está desmaiado. Acabei de chegar de lá. Mas não se preocupe, minha mulher está cuidando de todos.

-E... Os outros?-perguntou Harry com medo da resposta.

-Antes de você desmaiar você disse que Voldemort e Snape ainda estavam lutando e, que, McGonagall, você e Quim também, mas achei que estivesse delirando. Bem... Eles não voltaram ainda, e eu não sei o que está acontecendo.

Harry ficou apavorado. E Hermione? E Lupin que estava se fazendo passar por ele? Harry se levantou.

-Creio que é melhor o senhor ficar aqui. Estamos cheios de proteção a nossa volta. E ir lá para fora vai causar mais problemas.

Harry teimou durante um tempo, mas, seu braço estava ferido e sua perna doía muito. É verdade, já teve ferimentos piores. Mas se sentia muito cansado. E ele estava com medo, com medo de descobrir sobre a morte de mais alguém.

Então, sentou.


Rony olhou a sua volta. Havia uma mulher pegando alguns remédios ali perto. Ele estava numa cama. Será que estava num hospital?

E os outros? Onde estariam?

Estava começando a se levantar, então, a mulher chegou perto dele e sorriu.

-Olá. Sinto lhe informar, mas o senhor terá de ficar deitado.

-Estão todos bem? –perguntou Rony.

-Porque todo mundo que acorda pergunta dos outros e não de si?-Falou a mulher tristemente-Eu sou a mãe da Ninfadora, Andrômeda, prazer. Você está em minha casa.

-Prazer. Estão todos bem?

A mulher suspirou.

-Os que chegaram estão.

Rony arregalou os olhos.

-Como assim os que chegaram?

-Vocês eram oito não eram? Metade de vocês chegou. E todos que chegaram estavam levemente feridos. A Tonks é a que está mais tranqüila. Quer dizer eu não disse a ela da garota... É minha filha, e não tive coragem... Os outros são adultos, e ela sabe que eles sabem se cuidar bem.

Rony se assustou. A garota? Não. Não podia ser. Ela o salvara.

-Quem que não chegou?

-Bem, me informaram que chegaria minha filha, o namorado dela, a Minerva, o meio-gigante Hagrid, o Harry Potter, uma garota de cabelos castanhos muito cheios, chamada Hermione, você, que era um ruivo alto, cheio de sardas, o Weasley, e o Quim.

-E quem desses chegou?-Perguntou Rony ficando mais nervoso.

-Minha filha, que mal acordou, quis sair para lutar, mas eu não a deixei. O meio-gigante Hagrid que ainda está desmaiado, você, e...

-Querida, Harry Potter acabou de acordar. Ele foi que nem Tonks, já quis sair da cama e ir lá fora lutar. Esses jovens inconseqüentes... – Disse a última frase em tom brincalhão.

-Quer dizer que a Mione não chegou? Ela me salvou! Eu podia ter morrido!-Rony falava rápido demais. -Eu Vou lá! Tenho que ajudar! Tenho que...

-Creio que o senhor não poderá, porque está machucado. – interrompeu Andrômeda - Eu sei que ela era só uma garota. Que só tinha 17 anos, e...

-Deixe-me ir lá! Por favor!

-Sr. Weasley, eu compreendo, ela é sua amiga, mas creio que...

-Que você não sabe o que pode estar acontecendo! Você sabe quantos comensais tinham? Até Voldemort apareceu! Deixe-me ir lá!

A mulher pegou a varinha e imobilizou Rony na cama.

-Desculpe, mas se acontecesse algo com você, sua mãe me mataria.

Rony começou a chorar silenciosamente.


Então Hermione sentiu que não podia mais. Finalmente fechou os olhos. E sentiu o poder abandonar o seu corpo

Ela estava sonhando? Não. Ela sentiu. Ela não sentia mais o poder abandonar ao corpo, e sim voltar a ele, mais forte. Sentiu como se outra pessoa houvesse entrado na sua alma. Outra pessoa que deu todo o seu poder para ela.

Abriu os olhos. O tempo parecia ter parado, como se ela tivesse apenas piscado. Então de repente ela sentiu como se pudesse fazer qualquer coisa, como se pudesse ter qualquer poder.

Então percebeu que estava ajoelhada no chão. Caíra, de joelhos. E, então se ergueu. Sentiu que poderia controlar qualquer um por ali. Sentiu que estava mais alta. Mais alta que todos ali.

E Hermione viu, Bellatrix arregalou os olhos de medo. Voldemort, de repente parou de lutar, e, Quim e Lupin olharam para onde Voldemort estava olhando, então todos ficaram olhando, apavorados para Hermione.

Hermione, além de parecer mais alta como que por encanto, como se ela estivesse fazendo de propósito. Seu cabelo, normalmente castanho estava mais moreno. E na testa, viram um sinal que nunca tinham visto antes: uma brilhante lua crescente.

Hermione, daquele jeito, parecia mais bonita. Parecia que podia trazer paz a quem precisasse, quando quisesse. Mas, naquele momento, parecia ameaçadora. E dava medo a qualquer um.

Agora McGonagall e Snape também pararam de lutar e estavam olhando para Hermione e Bellatrix.

Então, Hermione disse, com a voz baixa, mas clara, apesar da voz baixa qualquer pessoa na rua poderia ouvir o que ela disse, como se tivesse sido treinada para isso:

-Como tenta lutar comigo se não irá vencer? Você é uma simples bruxa, como qualquer outro. Enquanto eu... -Hermione abriu um sorriso. Ela se ouviu falar, como se fosse outra pessoa. Mas sentia que era ela. E estava calma. Calma apesar de tudo, apesar de não entender porque estava fazendo aquilo, apesar de não saber o que estava dizendo.

Bellatrix desdenhou um sorriso.

-Acho que sei o que você é que eu não sou... Uma sangue-ruim... É...

-Bella!-Ouviu-se a voz de Voldemort. -Bella, cuidado. Snape. Bella. Vamos.

E os três desapareceram. Enquanto Lupin, Quim e McGonagall ainda olhavam para Hermione, que estava sorrindo. Ela se virou para eles, o sorriso desapareceu de seu rosto, a cor dos seus cabelos voltara ao normal, não estava mais grande nem ameaçadora. Estava cansada, sentiu que iria cair.

Mas, segundos antes de desmaiar, todos viram bem forte, ao lado esquerdo de sua testa ainda havia uma brilhante lua crescente.



[(N/A).: Ola! Eu sei que eu disse que ia postar até dia 19, mas é que eu fui viajar e aí nao deu... Mas de qualquer forma não fez muita diferença, já que ninguém ta lendo, e eu fico triste, e por isso que demoro mais pra postar! =/
Mas tudo bem... Proximo capitulo? Não tenho a minima ideia, talvez essa semana, já que ainda estou de férias, mas se eu não postar até domingo, não sei quando eu posto.

Bom, era isso, o cpaitulo está uma viageeeeeemmm, eu sei, mas fazer o que? Eu sou pirada... Tudo bem, beijinhos, e até o capitulo 6!
Bruxinha Mione]

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.