FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

10. Capítulo X


Fic: SURPREENDIDOS PELA PAIXÃO fic de Dyone Smith


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

* N/A Entre [i] e [/i] é o pensamento da Mione!

Quando Hermione chegou ao salão principal, todos já estavam tomando café. Avistou Harry e Rony e sentou-se junto a eles.

- Nossa, pensamos que você estava na ala hospitalar novamente. – disse Rony rindo enquanto comia um pedaço de bolo de abóbora.

[i] É, Rony, eu realmente estava lá...[/i]

- Eu acordei cedo e decidi caminhar um pouco. Acabei perdendo a noção do tempo. – Hermione serviu-se de um pouco de suco de cenoura. – E o jogo de vocês, como foi? – preferiu mudar de assunto.

- Foi bom. Pena que não pôde ir conosco. – Harry disse tristemente. – Como foi a detenção com o Snape?

A pergunta fez Hermione paralisar por alguns instantes.

- Er... Tivemos que organizar o estoque de poções. – Nesse instante seus olhos castanhos encontraram-se com olhos azuis acinzentados no outro lado do salão. Ambos sustentaram o olhar, até que Rony chamou a atenção de Hermione.

- E o Malfoy não criou problema? – ele conseguiu colocar um pedaço de torta na boca ao mesmo tempo em que comia um bolinho de arroz.

- Nós... Não nos falamos, na verdade. – Ela olhou para o copo em sua mão e tomou um gole. Quando olhou novamente para a mesa da Sonserina, Draco não estava mais lá. Seus olhos procuraram pelos cabelos loiros de Malfoy, e encontraram-no saindo do salão.

- Bom... Eu tenho que ir. – Ela disse aos amigos, enquanto se levantava.

- Aonde você vai? – perguntou Harry encarando a amiga.

- Eu... - Hermione precisava sair logo antes que pudesse perder Draco de vista, não podia ficar ali explicando o que ia fazer e não podia dizer algo que eles pudessem se interessar. – Vou revisar a minha redação de História da Magia. – O efeito das palavras foi instantâneo.

- Hermione, é sábado! Você não pode deixar isso pra depois, não? – Harry falava olhando incrédulo pra amiga.

- É que, eu acho que está errada. – Draco tinha ido pro lado da porta principal. – Depois vejo vocês, ok?! – ela deu as costas aos dois, quase correndo para alcançá-lo.

- Eu hein... Acho que ela está realmente doente. Não é possível alguém em pleno sábado querer revisar uma matéria chata como essa. – Rony disse enquanto pegava o copo de suco que Hermione havia deixado praticamente cheio.

- É, às vezes ela me surpreende! – Harry disse enquanto comia seu pedaço de bolo.


Hermione olhava para todos os lados. Ele tinha que estar em algum lugar! Poderia ter ido para o campo de quadribol, mas não tinha levado vassoura. Estava um dia agradável, porém um pouco gelado. Hermione passou as mãos nos braços, que se arrepiaram com o vento frio da manhã. Correu os olhos até encontrar Draco encostado em uma árvore olhando o lago. Foi até ele em passos rápidos, pensando em como iniciar a conversa, mas nem precisou porque ele se adiantou.

- Que foi Granger, anda me seguindo? – ele disse quando ela chegou perto sem nem ao menos encará-la.

- Até parece, Malfoy! – Hermione sentiu raiva dele ser tão convencido. – Eu quero falar com você.

- Ah é? E quem disse que eu quero falar com você? – ele olhou em sua direção. Seu rosto não tinha expressão nenhuma e a voz não demonstrou raiva.

- Olha! – ela apontou na direção dele. – Eu vim aqui pedir desculpas por ter duvidado de você, e não pra receber patada! – ela colocou as mãos na cintura. – Você poderia pelo menos ser educado.

- Ser educado? - Draco levantou-se encarando a garota. – Você queria o que? Que eu simplesmente aceitasse suas desculpas? – Ele aproximou-se da garota. – Não Granger, eu não aceito! Você só veio até aqui porque tirou tudo a limpo com a enfermeira, e não porque acreditou em mim. – Ela ficou calada, e ele tomou isso como confirmação. – Você só veio até aqui porque é muito orgulhosa, e não ia suportar olhar pra minha cara sabendo que você esteve errada! – ele deu dois passos, ficando cara a cara com Hermione.

– Malfoy, realmente eu sei que está zangado comigo, mas... – ela tentou dizer, mas sua voz não saiu tão firme quanto desejava.

- Não adianta. – ele a interrompeu. – Eu não aceito suas desculpas. – ele deu mais um passo em frente, passando do lado de Hermione e seguindo em direção ao castelo.

Hermione ainda fez menção de dizer alguma coisa, mas abriu a boca várias vezes e nenhum som saiu. Ficou ali parada próxima ao lago, enquanto via a figura de Draco passar pela porta principal.

Ele tinha razão. Ela tinha ido até lá por ter confirmado a versão dele dos fatos, e não porque acreditara no que ele dissera. Mas ele não precisava ficar daquele jeito! Precisava?

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.