FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. Se conhecendo


Fic: O que o futuro nos aguarda...


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Hermione parou na porta como se estivesse tentando acreditar no que via. Acabara de voltar do café da manhã, e parecia que ele ia voltar todo. Os marotos e as meninas estavam paralisados diante de Hermione, ninguém sabia o que dizer, até que Sirius pareceu se recuperar um pouco do susto e foi o primeiro a falar:
- Hum... oi. – disse ele meio desconcertado.
- Sirius! Quem sabe o que mudou no futuro? Às vezes ela nem está te entendendo! – ralhou Lílian.
- Ora! É claro que eu estou entendendo! – exclamou Hermione meio aborrecida – A única coisa que eu queria saber é: como vocês chegaram aqui?
- Você não pode fazer essa pergunta! Você nem nos conhece! – disse Remo.
- Ah, não? Então como eu sei que você é Remo Lupin, ele é Sirius Black, ele é James Potter e ela é Lílian Po-, Lílian Evans?!
- Nossa! Somos famosos no futuro! – exclamou James.
- Mas eu só me pergunto uma coisa, cadê o Rabicho e quem é essa aí? – disse Hermione apontando para Raissa.
- Essa é Raissa. Perai! Como você sabe sobre Rabicho? Daqui a pouco vai dizer nossos apelidos – disse Sirius rindo.
- Aluado, Almofadinhas e Pontas.
- Caramba! Quem é você? – perguntou Remo.
- Hermione Granger.
- E como você sabe de tudo isso?
- Porque eu conheci, hum, todos vocês – mentiu Hermione – e eu estudo e sou melhor amiga de Harry Potter.
- Quem? – perguntaram todos surpresos.
- Harry James Potter – disse Hermione.
- Ah, Meu Deus! – exclamou James – Eu sou...
- Hermione! – exclamou uma voz da escada interrompendo James – Vem logo! Vamos nos atrasar.
- Já vou Rony!
- Vem logo! Harry disse que se você demorar mais um pouco vai sem você!
- Espera! – gritou Hermione – Já volto. Vocês fiquem aqui – disse Hermione para os marotos e as meninas.
Hermione desceu as escadas correndo e se deparou com Rony e Harry a esperando.
- Até que enfim! O que houve? Você está branca, ta parecendo que viu uma aranha – disse Rony.
- Meninos, vocês podem ir. Eu não estou passando muito bem.
- Quer que a gente te leve na ala hospitalar? – perguntou Harry.
- Não! Eu só quero ficar no meu quarto – disse Hermione subindo correndo.
Hermione entrou no quarto e viu que já estavam todos sentados em sua cama. Trancou a porta e se dirigiu até eles.
- Então, nós temos que pensar em alguma coisa.
- Com certeza – disse Lílian – você tem algum vira-tempo?
- Não! Eu tinha, mas todos foram destruídos.
- Por quê?
- Longa história... Já sei! Vamos falar com Dumbledore!
- Dumbledore ainda está vivo? – perguntou Sirius surpreso.
- Sim, Sirius. Ele é o diretor.
- Caramba! Jura? – perguntou Lílian – Não podemos ir falar com ele! Eu prometi a ele que não ia usar o vira-tempo para outras coisas a não ser para os estudos.
- Eu também já prometi isso para ele e quebrei a promessa. E sabe o que aconteceu? Salvei duas vidas com o Harry.
- O Harry? – perguntou James se metendo – O Harry por acaso é...
- Depois a gente conversa sobre isso, mas primeiro vamos achar uma solução! – disse Lílian.
- Lílian, não tem solução! A única solução é falar com Dumbledore – disse Raissa, no que Remo concordou.
- Ela tem razão.
- Ótimo! Se vocês querem assim, se ele me der uma bronca vocês contam a verdade!
- Tá! Ótimo mesmo. Então vamos logo e... – mas o que Hermione ia dizer ninguém soube pois nessa hora eles ouviram alguém batendo na porta:
- Senhorita Granger, a senhorita poderia abrir a porta?
- É a Minerva! Fiquem quietos – sussurrou Hermione – Professora, eu não estou me sentindo muito bem. Acho que é contagioso, é melhor eu não abrir a porta!
- Senhorita Granger, se a senhora está passando mal é melhor eu te ver. Harry e Rony me pediram para vir aqui.
Hermione desistiu e acabou deixando a professora entrar.
- Então, qual é seu problema? Diga-me logo e... – a professora ficando branca e não conseguiu terminar a frase.
- Professora e-eu não sei como isso aconteceu, quando eu cheguei eles já estavam aqui... – tentava disser Hermione.
- A culpa é deles aqui – disse Lílian apontando para os marotos.
- Ei! – disse Sirius – Sua fofoqueira!
- Agora chega! – disse Minerva recuperando a voz – Senhorita Granger, vá chamar o diretor Dumbledore para mim, por favor.
- Sim professora, já volto. – disse Hermione saindo do quarto.
- Agora, por favor, senhorita Evans, me conte o que aconteceu.
Lílian tratou de narrar toda a história, e quando o professor Dumbledore chegou teve que narrar pela segunda vez.
- Estou decepcionado com vocês, meninos. Achei que tivessem um pouco mais de juízo. – disse Dumbledore e os meninos coraram ligeiramente – Brincar com o tempo é perigoso. Os senhores fiquem aqui até eu e Minerva acharmos uma solução.
Dito isso saiu, deixando Hermione com eles.
- Ufa! Essa foi por pouco! – disse Sirius.
- Cala a boca! – gritou Lílian.
- Hermione deixe-nos subir! – gritou uma voz da escada.
- É! – gritou outra.
- Quem são esses? Seus namorados? – perguntou Sirius.
- Oh! Claro que não! Já volto. – disse Hermione descendo as escadas – Que foi Rony?
- Ouvimos uma voz de um garoto vindo de seu quarto.
- Vocês estão imaginando coisas.
- Hermione – disse Harry – o que você está escondendo?
- Nada! Agora, dá para vocês pararem de me encherem o saco? – disse, subindo as escadas.
- Venha Rony! Vamos ver o que ela está aprontando.
- Você acha que tem algum garoto lá em cima? – perguntou Rony com ciúmes.
- Não sei – disse Harry entrando no dormitório masculino – Juro que não farei nada de bom. Venha! Ajude-me a encontrar o dormitório feminino.
- Ali! – apontou Rony na mesma hora que Harry deixava cair o pergaminho.
- Não é possível! – disse, ficando branco.
- Harry, você ta legal? Você parece meio mal e ...
- Rony! Olhe! – disse esfregando o mapa dos marotos na cara do amigo.
Os dois ficaram parados encarando o mapa por longos minutos, até que Harry saiu correndo.
- Hermione! Deixe a gente subir! Nós sabemos o que tem aí em cima.
- Ah, meu Deus! – gritou Hermione assustando os marotos.
- Nós vimos o mapa! – gritou Rony.
- Mapa? Que mapa? O nosso mapa? – perguntou Remo.
- Hermione, agora!
- Está bem, entrem.
Demorou alguns segundos até que a porta fosse aberta e entrassem por ela Harry e Rony. Rony entrou primeiro e foi logo abrindo caminho para Harry, que entrou causando um grande susto.
- Caramba James! Ele é igualzinho a você – exclamou Lupin.
- Olá, Harry Potter. Posso saber se você é meu ...
- Filho? Óbvio, NE James Potter! – ralhou Lílian – Só quero saber quantos mais você colocou no mundo!
- Só ele – disse Rony.
- Ahá! Viu?! – riu James apontando para Lílian – E o Sirius? Quantos colocou?
- Nenhum – disse Harry.
- Graças a Deus! – falou Sirius fazendo os meninos rirem.
- Ah! Vejo que já se conheceram – disse uma voz vinda da porta enquanto ela revelava Dumbledore com Minerva atrás dele.


Todos foram levados até a sala do diretor e o grupinho do passado foi o primeiro a entrar.
- Já resolvi o problema. Tenho um amigo que pode consertar o vira-tempo, só é necessário paciência e tempo. Quanto ao disfarce, bom, creio que necessitam de uma mudança na aparência. Só os que sabem a verdadeira identidade de vocês os verão da forma que são. Me deixe fazer o feitiço em cada um... Pronto! Ah! Os nomes! Raissa, você não necessita de uma mudança de nome, nem você, Lílian. Potter, você se chamará Mike, Sirius, você se chamará Renato e você, Lupin, se chamará Lúcio. Um lembrete, vocês serão como alunos normais que vieram de outra escola de magia. Podem sair e aguardar com a professora Minerva. Chamem os outros.
O professor esperou que Rony, Harry e Hermione se sentassem:
- Bom, não tenho muita coisa a dizer. Só peço que não contem a ninguém. Lancei um feitiço que faz com que as outras pessoas os vejam com uma aparência diferente. E lembrem-se: não podem contar nada do futuro que o mude.
- Nada? – gritou Harry.
- Nada, Harry.
- Mais professor, eu...
- Sem mais nem menos. Sinto muito. Regras são regras.


Todos estavam sentados na sala comunal, a sala estava vazia.
- Então companheiros – começou Sirius – vocês são?
- Hermione Granger e Ronald Weasley. E esse é Harry Potter.
- Então, você é mesmo meu filho?! Meu Deus! Eu tenho um filho. – disse James.
- É James. Eu só queria saber quem foi a louca que se casou com você!
- Ué! – exclamou Rony – Foi você.
- RONY! – gritaram Harry e Hermione.
- Foi mal.
- Como assim, eu me casei com ele? Isso é um absurdo!
-Parece que não, Lílian. – disse Raissa – Os olhos dele são igualzinhos ao seu.
- Isso é impossível!
- Parece que não, meu lírio.
- É Evans, Potter!
- Parece que Pontas conquistou mesmo a ruivinha – brincou Sirius – Boa Pontas!
- Me diga Hermione, se isso for verdade, por acaso eu moro em um hospício? – perguntou Lílian.
- Não, por quê?
- Porque eu só posso estar ficando louca.
- Ah, meu lírio, você finalmente se rendeu aos meus encantos.
- Desencosta Potter!
- Então, me conte Harry, o que mais acontece no futuro? – perguntou Lupin.
- Não podemos – disse Hermione – Desculpa professor Lupin.
Todos se viraram com os olhos arregalados.
- E-eu? Pro-professor?
- Putz! Escapuliu.
- Depois fala de mim! – reclamou Rony.
- Isso aí, Aluado! Professor! – brincou Sirius.
- Vai nos dar uma detenção, vai? – falou James.
- Cala a boca vocês dois! Eu sou mesmo professor? – perguntou Remo para Hermione.
- Era! E o melhor de todos.
- Aeh!!!!! – berraram James e Sirius – Remo! Remo!
- Fiquem quietos! Vem vindo alguém. – disse Lílian.
No momento seguinte o retrato se abriu e Gina entrou por ele.
- Oh! Olá pessoal.
- Olá Gina. – disse Hermione.
- E quem são esses?
- Esses são Raissa, Lílian, Mike, Renato e Lúcio. Eles vieram da Durmistrang.
- Prazer. Bom, eu já volto.
- Que ruiva linda – disse James fazendo com que Lílian lhe desse um tapa no braço – Aí! Que foi?
- Ela poderia ser sua filha!
- E por acaso é minha irmã – ralhou Rony.
James vendo as caras furiosas resolveu mudar de assunto:
- Como será que eu sou?
- É só você se ver no espelho que você saberá! – disse Hermione arrastando todos para perto de um espelho.
Todos estavam lindos. Remo estava loirinho de olhos azuis, Sirius continuava moreno só que com o cabelo curto, e James agora estava com o cabelo menos rebelde e com o cabelo num tom castanho meio ruivo. Lílian estava loura com o cabelo na cintura e olhos verdes, já Raissa estava ruiva com os olhos pretos.
- Continuo perfeito – disse Sirius.
- E modesto também – disse Lílian.
- Você continua a mulher mais linda do mundo, Lílian. – disse James fazendo Hermione e Raissa soltarem um “oh” e Lília corar.
- Obrigada, Potter. Você também não está tão mal.
- Eu sei minha ruiva. Mas você prefere minha real aparência, não é?
- Idiota! – exclamou Lílian fazendo todos rirem.
Harry fora o único que não se levantara, e continuava olhando para o fogo com uma tristeza no olhar. Gina que descera o viu sentado em um canto e se aproximou devagar. Lílian percebeu o ato e ficou analisando os dois.
- Está tudo bem, Harry? – perguntou Gina.
- Hã? Ah! Oi Gina, está tudo ótimo, obrigado.
- Harry, você não mente bem.
- Obrigado.
- Alguma coisa em que eu possa ajudar?
- Não, não. Só estou cansado.
- Saiba que pode contar comigo. Bem, eu vou indo, tchau. – disse Gina dando um beijo na bochecha de Harry fazendo-o corar.
- Tchau.
Harry voltou a contemplar as chamas, ouvindo as risadas dos marotos, mas sem prestar atenção. Também não estava ciente de que os seus pais lhe observavam.

__________________________________

Me desculpem pela demora.
Algumas pessoas podiam postar alguns recados, é legal quando a pessoa posta um recado pra vc!
bjs

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por LilyLuppin2 em 18/12/2013

AMEI! QUE FOFA A GINA!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.