FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

19. Capítulo XV


Fic: Só Esquece Por Um Momento


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Antes de començar eu queria dizer apenas que estou com três fic's novas (Yasmin, uma desocupada? o.O não gente, é que algumas ves - bem raramente mesmo. - tenho estes estatos e me ponho a escrever) Todas terminadas, porque são shorts. Todas são HH, claro! XD

- A Vingança de Bludshanks (que é uma tradução, e é de autoria da: syzygy-galaxia); comédia com uma coisinha de nada de H².

- Good Enough - minha songfic H²;

- So easy (presentinho básico de páscoa) - que é um(a) (?) Drabble H²;

***//***//***


Então, agora, vamos ao que realmente interessa:

Capítulo XV


Eles mal aproveitaram aquele jantar. De fato, se entretiveram na ‘pequena’ caminhada naquele lugar, talvez por estarem longe das pessoas que decerto não queriam falar, ou ao menos, encontrar.
O jantar já estava sendo servido quando Harry e Hermione resolveram voltar. Na verdade, ele já havia sido servido e, agora, a sobremesa estava a mesa. Ninguém, entretanto, comentou acerca do atraso do casal.
Gina e Neville apenas lhes lançaram olhares muito peculiares que não passaram despercebidos por Rony. Os morenos fizeram questão de ignorá-los. Com certeza, Neville e Gina tinham extrapolado novamente no álcool. O que, Harry comentara com a amiga, acontecia algumas vezes.

Depois do jantar, ao qual Harry e Hermione não aproveitaram nada - a não ser uma pequena quantidade da sobremesa, que não puderam recusar. -, as pessoas foram direcionadas para um salão e conversas paralelas passaram a surgir.

-Como foi o passeio? – Gina indagou com um sorriso insinuante que Hermione assim que respondeu não percebeu.

-Foi maravilhoso. Muito desopilante, se quer saber.

-É mesmo?! Ótimo, me conte detalhes... – a morena a encarou, Gina ainda mantinha aquele sorriso maldoso.

-Ah! Por Deus, Gina! O que está pensando? Não aconteceu nada entre Harry e eu lá fora, você esqueceu que somos apenas bons amigos?

-Não, mas talvez vocês possam ter esquecido... – ela abriu um sorriso ainda maior. – Não que eu não ache certo, meu anjo. Creio que tenha toda razão... Harry realmente é alguém bem... hmm... Apetitoso – Hermione corou furiosamente. – Vamos lá, Mione. Eu sei que não é cega, admita, Harry se tornou alguém fabuloso. E acredite, você ainda não sabe de um quarto do que ele é capaz – murmurou erguendo a sobrancelha.

-Chega Gina! Você está completamente fora de si! Não quero saber do que Harry é capaz – falou com veemência.

-Deveria! Não iria se arrepender, te juro.

-O que? – Harry e Neville haviam chegado. – Se arrepender do que?

-Nada que tenha importância, Harry – Hermione se adiantou a falar. Tinha quase certeza de que se Gina abrisse a boca, diria coisas muito constrangedoras.

-Bem Neville. Eu ‘tô exausta! – disse com a voz em tom fraco. Hermione a olhou de lado, Gina estava muito animada há minutos atrás, não parecia nem um pouco cansada antes. A ruiva lhe deu uma piscadela enquanto tomava o braço de Neville. – Ainda preciso me despedir do meu irmão.

-Você acha saudável deixá-los sozinhos?

Harry lhe sorriu. – Eles são adultos e vacinados, Hermione.
*

-O que acha de irmos embora? – Harry indagou meia hora depois.

-Ótima idéia – ela já não agüentava mais aqueles olhares dirigidos a si.

Antes que pudessem passar despercebidos até a saída, Rony e Luna estavam a frente deles. – Já vão? – Rony indagou com um pequeno sorriso.

-Sim. Foi bom reencontrá-lo, Rony – Harry retrucou dando um abraço no amigo. – E a você, Luna.

A loira sorriu beijando-lhe o rosto e depois abraçando Hermione. Quando Rony foi fazer o mesmo, isto é, abraçar Hermione, a morena lhe ofereceu uma das mãos, mantendo uma distância confortável do ruivo. Sorrindo amarelo, Rony também estende a sua.

“Educada sim, sangue de barata nunca!” – Tenham uma boa noite – Hermione falou.

Harry “tomou” seu ombro. – Vamos?

-Ótimo – retrucou com um sorriso, apertando levemente a mão do amigo.
**

Em alguns minutos, já estavam em “casa”.

-Foi uma noite maravilhosa – Hermione disse “Principalmente enquanto estivemos fora daquele lugar...”.

Harry sorriu. – Ela ainda não terminou. Eu não sei você, mas estou faminto – disse enquanto andava pelo cozinha. – Irei fazer um breve lanche, me acompanha?

-Eu adoraria.

-Sente-se, senhorita Granger – o moreno falou pomposamente, fazendo a morena rir, e lhe mostrando um lugar à mesa.

-Não quer ajuda?

-Não é necessário. Num piscar de olhos a comida estará a sua frente.

De fato, Harry era muito hábil na cozinha, ainda mais estando com sua varinha em mãos. Então, o lanche não tardara a chegar.

Hermione observava cuidadosamente sua xícara quando dissera muito baixo, talvez na esperança de Harry não ouvi-la: – A Luna está linda, não é? – seu olhar voltando-se para o moreno.

Harry não respondeu de imediato. – Sim. Ela se tornou uma mulher muito bonita – ele pausou. – Assim como você – Hermione levantou os olhos, fitando-o incerta. Ele sorriu afagando sua mão livre. Os olhos dela decaíram para suas mãos juntas. – Você sente falta dele não é? – indagou retirando sua mão da dela.

-Não em verdade. Não agora – retrucou. – Mal posso acreditar em tudo que perdi – murmurou segundos depois. – Às vezes, quando estava sozinha, naqueles anos, eu tentava imaginar o que você... – ela sorriu com nostalgia, seu olhar distante. – ou Gina poderiam estar fazendo naquele momento, o que poderiam estar pensando...

“Bom, quando eu não estava estudando – sim, porque eu não tinha mais a amiga que sabia de tudo para me ajudar... -, ficava a pensar o que diabos me fez deixá-la ir” ele pensou em dizer, mas preferiu guardar em silêncio.

-Senti sua falta – Harry falou. – Mas disso você já sabe, não é? Acho que já disse umas “trocentas” vezes... – falou rindo-se e balançando a cabeça negativamente. – Sabe Hermione – ele a olhou seriamente desta vez. – Eu nunca mais vou deixá-la sair da minha vida, da nossa vida. Esteja certa disto.

-Não irei me esforçar pelo contrario, Harry – replicou com um sorriso cansado. – Não quero mais perdê-los de vista. Nem a você, nem a Gina.

Harry sorriu e afagou levemente a bochecha da mulher. – Ah minha amiga... Não sabe o quanto a prezo.

Ela segurou a mão que lhe acariciava o rosto, a entrelaçando a sua. – Talvez eu saiba, Harry.

Ele a fitou com um pequeno sorriso. Hermione preferiu, desta vez, sustentar o olhar. Não era segredo sua fascinação por aqueles olhos verdes e, em verdade, sem os óculos, aqueles verdes tornavam-se ainda mais encantadores...
A vista dele decaiu lentamente para os lábios dela, mas a morena estava muito distraída para perceber. Ela suspirou, com suas próprias ponderações. Nunca se sentira tão atraída por Harry Potter quanto naquele momento, queria beijá-lo...

Seus rostos estavam mais próximos do que suas consciências estavam cientes. E, no momento, seus lábios estavam a um par de centímetros de se tocarem.

Mas não era a hora. Sobressaltaram-se quando ouviram a porta da cozinha se abrir, dando espaço a uma Gina e um Neville muito à vontade... Harry e Hermione se entreolharam de testa franzida, choque estampado em todo o rosto.

Não era para menos, no entanto. A vista dos morenos foi do abraço por trás que Neville dava em Gina, este estando ainda a beijar seu pescoço. Para a ruiva (com um sorriso quase afetado de tanta felicidade) apenas com uma blusa masculina que ia até um pouco acima de seus joelhos. Então para os cabelos mais que desgrenhados de Neville e, por fim, pausaram na aparente falta de vestimenta de Neville. Hermione desviou a vista, constrangida.

Quando estiveram cientes que não eram os únicos na cozinha, Gina riu nervosamente enquanto Neville corava furiosamente. Estavam sem ação.
Hermione persistia olhando para a mesa, como se nesta houvesse algo muito interessante. Ela tentava, ainda, conter o riso. Harry, de sobrancelha erguida, já sorria, completamente abobado com a situação em que se encontrava.

-Nós... – Neville começou. Harry ergueu as mãos.

-Sem comentários, Neville. Sem comentários – disse balançando a cabeça. – Não creio que possam explicar algo assim. Bom, acho que é hora de nos retirar... – Harry disse. Hermione assentiu de pronto.

Mas a morena não se moveu, ruborizava só de imaginar encontrar Neville daquele modo. Parecendo entender, Harry decidiu ajudar a amiga, brincando um pouco. Ele a levantou e, com uma das mãos, tapou sua vista... E então, com Hermione rindo-se e as cegas sendo guiada pelo moreno, eles se dirigiram para a saída do lugar.

Sorrindo maliciosamente, Harry os olhou de cima a baixo enquanto passava. - Quanta indecência! – exclamou debochado, rindo-se quando ambos coraram mais. E então saiu do lugar.

Harry retirou a mãos da vista da amiga. – Pronto, agora já está a salvo – brincou. – Tenha uma boa noite, Mione - e balançou a cabeça tentando, em vão, retirar mexas insistências que caiam sobre sua vista.

Hermione riu retirando os cabelos que caiam sobre a vista do moreno. – Boa noite, Harry – retrucou beijando levemente seu rosto. – Até amanhã.
**
(continua)
**
Obrigada pelos comentários!^^
Fico feliz que estejam gostando... E tenham paciência... Logo, logo Harry e Hermione estarão, digamos, "mais felizes".
Beijo!

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.