FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

1. unico...


Fic: CoMe tO Me sOnGfIc


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

“Abaixo das estrelas de prata
Onde ele quebrou seu coração
Garota, você sabe, eu lhe daria tudo...”


Era uma noite agradável de primavera, e Hermione estava sentada na beira do lago, pensando.
De repente ela sentiu alguém se aproximar e se sentar ao seu lado. Fechou os olhos e sentiu um perfume masculino, era o perfume dele. Já ia se levantar quando ele segurou seu pulso.
–Vai fugir de mim pra sempre? –perguntou ele, procurando o olhar dela.
–Não estou fugindo, Malfoy! –respondeu ela, sem encará-lo–Pode me soltar?
Ela achou que ele não soltaria, porém se surpreendeu ao sentir a mão dele largar seu pulso.
–Por que você não acredita em mim, Hermione? –sussurrou ele, encarando o céu estrelado–Eu realmente te amo...

“..Eu quero pegar sua mão
E dizer as palavras que ele nunca disse
Eu vou fazer promessas que você pode acreditar...”


Ela ficou quieta por alguns instantes, e depois se sentou novamente ao lado do loiro e o encarou.
–Eu quero acreditar... –confessou ela, sentindo uma lágrima escorrer pelo seu rosto–Mas eu tenho medo de sofrer...
Draco pegou a mão dela e entrelaçou seus dedos aos dela.
–Me dá uma chance... Uma só. –falou ele, sem desviar seus olhos dos dela–E eu prometo que eu não vou te fazer sofrer. A minha felicidade depende da sua, Hermione. Eu estou morrendo por dentro, só de ver você assim, sofrendo, chorando.

“...Deixe-me ser o único
Dizendo-lhe que está tudo certo
Dividindo os sorrisos e as lágrimas que você chora...”


Hermione não agüentou, e mais lágrimas silenciosas desceram pelo seu rosto.
–Não chora Hermione! –soltou a mão dela e a abraçou.
Ele esperou ela se acalmar e prosseguiu.
–Eu sei que você ama o Weasley... –começou ele–Mas estou disposto a fazer você a garota mais feliz do mundo. Nem que isso custe minha vida.
Após alguns segundos em silêncio, Hermione falou.
–Você realmente mudou, não Malfoy? –perguntou ela, se distanciando para encará-lo.
–Mudei... –falou ele, se perdendo nos olhos castanhos dela–Por você...

“...Deixe-me ser o único
Amando-lhe quando você está fraca
Para toda a força que você precisar
Você pode vir para mim...”


Hermione nunca pensou que um olhar pudesse fazer ela se sentir assim. Draco a encarava de um jeito que parecia que ele podia ver sua alma, mas ela também sentia que podia ter as respostas que queria só de olhar naqueles olhos azuis acinzentados. Naquele momento Hermione não via frieza naqueles olhos, mas sim sinceridade.

“...Quando você está pra baixo e se sente sozinha
Dê a volta, você pode vir para mim...”


–Eu quero estar sempre do seu lado, Hermione! –falou ele–Quero que você venha pra mim toda vez que precisar de algo, quero te fazer sentir bem.
Hermione estava sem palavras, apenas ouvia o que ele dizia.
–Eu quero que você sinta o que eu sinto quando estou perto de você. –continuou ele–Eu me sinto forte, reconfortado...

“...Quando você está pra baixo, querida, eu serei o único
Você pode vir para mim...”


–Você é vital pra mim. –murmurou ele.
–Mas e as outras garotas? –questionou ela, Draco Malfoy nunca foi de uma garota só.
–Nenhuma chega aos seus pés. –falou ele.

“...Você pode ser apenas você mesma
Porque eu não quero ninguém mais...”


–Não sei o que você pode ter visto em mim... –comentou ela, com o rosto corado.
–Você é diferente delas. –Draco sorriu ao vê-la corada–Você é única. Por isso eu quero você e mais ninguém.

“...Todos os seus segredos estão seguros comigo
Pelo tipo de amor que você pode confiar
Por mais do que uma atração
Querida, você não vai vir para mim?...”


–Vamos, Hermione... –pediu ele–Uma chance... É só o que eu te peço! Me deixa te fazer feliz...
Ela não sabia o que fazer, ou responder. Continuava confusa.
–Mas... E se não der certo? –falou ela, meio nervosa.
–Pelo menos a gente tentou. –disse ele, aguardando uma resposta.
Ela continuou em silêncio.
–Eu... Eu preciso ir! –disse ela, se levantando rapidamente.
Draco levantou de um pulo e a segurou pelo antebraço, agora eles estavam cara a cara.

“...Deixe-me ser o único
Dizendo-lhe que está tudo certo
Dividindo os sorrisos e as lágrimas que você chora...”


–Eu só quero que você me responda Hermione. –suplicou ele–Por favor...
–Promete que não vai me fazer sofrer? –murmurou ela, deixando uma lágrima solitária escorrer pelo seu rosto–Promete pra mim, Draco?
Draco a soltou e colocou a mão no lado do rosto dela, secando a lágrima. Hermione fechou os olhos.
–Prometo... –murmurou.

“...Deixe-me ser o único
Amando-lhe quando você está fraca
Para toda a força que você precisar
Você pode vir para mim...”


Hermione sentiu Draco se aproximar e deslizar a mão para a sua nuca.
–Te amo Hermione! –sussurrou ele, antes de beijá-la.
Era um beijo apaixonado, calmo... Perfeito. Daqueles que não dá pra descrever com palavras. Draco puxou Hermione para mais perto de si e com um braço abraçou-a pela cintura. E logo depois aprofundou o beijo.
Hermione não queria que o beijo acabasse. Ela sentia que estar nos braços dele era o seu lugar, e se dependesse dela, ela jamais sairia dali. Porém em certo momento o ar faltou aos dois. Draco se afastou um pouco, mas sem deixar de abraçá-la, e encarou-a.

“...Quando eu lhe tiver nos meus braços
Diga que é onde você quer estar...”


–Você é perfeita! –sussurrou ele, meio ofegante.
Hermione encarou-o com um olhar brincalhão.
–Até parece... Você que é gentil! –disse ela–E perfeito!
–Então somos o casal perfeição! –desdenhou ele, sorrindo de canto.
Hermione sorriu. Ele não podia ser tão perfeito. Não mesmo. Aquilo só podia ser um sonho, não era real.
–No que você está pensando? –perguntou ele, ao perceber o olhar distante da garota.
–Isso não pode ser real... –respondeu ela, voltando a encará-lo.
–Por que não? –questionou ele, tirando uma mecha de cabelo do rosto dela.
–É tudo tão perfeito! –continuou ela, encostando a cabeça no peito dele–Parece um sonho.
Draco ergueu o rosto dela, fazendo eles se encararem por alguns instantes, e logo depois a beijou. Foi um beijo mais curto que o outro, porém tinha a mesma paixão de antes.
–Se for um sonho eu não quero acordar nunca mais, Draco! –murmurou ela, de olhos fechados.

“...Por que garota, eu estou ajoelhado
Prometendo meu coração, meu coração...”


–Adoro ouvir você dizer meu nome! –comentou ele, sorrindo.
–Um dia você vai se enjoar... –falou ela, encarando o loiro.
–Nunca... Eu nunca vou me enjoar de nada em você! –falou ele, admirando o rosto dela–Porque eu te amo!
Ficaram em silêncio, porém Hermione quebrou-o.
–Vem! –pediu ela, puxando o loiro para eles se sentarem sob uma árvore ali perto.
Draco se sentou e puxou Hermione consigo, fazendo com que ela se senta-se no colo dele. Hermione se ajeitou e olhou para o céu. Estrelas. Antes eram sinal de rejeição, agora eram sinal de conforto, amor... Sentiu os olhos marejarem.
–Não pensa nisso! –falou ele, como se tivesse lido seus pensamentos–Não quero te ver triste hoje!Por favor...

“...Deixe-me ser o único
Dizendo-lhe que está tudo certo
Dividindo os sorrisos e as lágrimas que você chora...”


Hermione enxugou a lágrima antes que ela escorresse pelo seu rosto.
Virou e admirou o rosto dele por alguns instantes, e depois encarou aquela imensidão azul.
–Te amo... –ela murmurou, encarando-o.
Draco sorriu e a beijou apaixonadamente.
–E eu sempre vou te amar! –falou ele, acariciando o rosto dela.
Depois de algum tempo sentados sob a árvore, Draco sentiu Hermione se aconchegar mais junto dele. Olhou o rosto dela e percebeu que ela adormecera...

“...Deixe-me ser o único
Amando-lhe quando você está fraca
Para toda a força que você precisar
Você pode vir para mim!!”


Hermione acordou e abriu os olhos lentamente, o sol brilhava fortemente no céu.
Virou o rosto e observou Draco dormir. Não fora um sonho, ele realmente estava ali, abraçado à ela. Ajeitou-se delicadamente e se pôs a admirar o céu.
Alguns minutos depois ela sentiu Draco abraçá-la.
–Bom dia! –murmurou ele, dando um leve beijo em seu pescoço.
Hermione fechou os olhos e suspirou. Era tão bom estar nos braços dele.
Virou o rosto e beijou-o docemente.
Ficaram ali se beijando durante mais um tempo e depois foram para o castelo. Ao chegarem perto da porta que dava no Salão Principal, Draco parou e segurou Hermione pela cintura.
–Você vai voltar pra mim, não? –perguntou ele, ansioso.
–Deveria voltar? –perguntou ela, fingindo pensar.
Draco fez uma cara de aborrecimento.
–Claro que volto bobo! –falou ela, jogando os braços em volta do pescoço dele e beijando-o.
–Te amo... –sussurrou ele, após o breve beijo.
–Também te amo, Draco! –murmurou ela, em resposta.
... Você pode vir para mim..!”




P.S.:Oi..Oh eu aki..
Gnt qria dizr q eh minha primera song d/hr..
Pur ixu goxtaria d xabr a opiniam d vxex..
Dskupa pelu final xm graça..
Eu toh a 3 meses tntandu akba exa fic..
I ainda axim xaiu ec fim..
Cnfessu q d/hr não eh meu casal preferidu..
Max pelo menus eu tntei..
Intaum..Pliss..Komentm..
Jah agradsu dsd agola pa qm comentoh..
Milhões d bjinx..Bye..
Ah i c pd paxa nas minhas otras song..:D!!

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.