FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

4. Capítulo 4 - Editado


Fic: O Início de uma Vida Sexual


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Capítulo 4

Eram mais ou menos seis horas da tarde, Lílian e Tiago caminhavam abraçados pelos corredores de Hogwarts. Estavam indo ao lugar que tanto ansiaram por uma semana inteira, a Sala Precisa.

Logo os dois entraram na sala, que poderia ser definida como quarto, mas que na verdade era um mundo... Um mundo que era só deles. Onde os dois podiam amar-se ao extremo, sem se importar com o que é certo ou errado.

E nesse clima de cumplicidade, os dois concretizaram o que é o amor. Com um simples beijo. Apaixonado, romântico e cheio de desejo. E assim se iniciava mais um ritual da paixão entre os dois.

Enquanto Lílian beijava o namorado, ela ia acariciando a sua nuca... e Tiago a dela. Num movimento rápido ela desce as mãos até o membro dele. Massageando de leve por cima da calça. Tiago por sua vez, mal podia esperar para ter as mãos macias e quentes da namorada. E isso Lílian já havia percebido...

Mas ela tinha outra coisa em mente. Começou a lembrar-se da conversa que tivera com as amigas na noite anterior... E se eu pegasse o Ti de surpresa e fizesse aquilo para ele? Será que ele gostaria?

Isso eu só posso saber se eu tentar...

Ela parou de beijá-lo, encarou o namorado por uns instantes, como se avaliando se deveria ou não fazê-lo. Decidiu que tentaria. E com a ajuda dele tirou-lhe a camisa.

Mais uma vez ela se deparava com o corpo másculo e perfeito do namorado. Não resistiu. Começou a beijá-lo por inteiro, começando pelo seu peitoral definido e depois descendo até a barriga...

E foi descendo... descendo... até chegar ao membro de Tiago. Lílian abriu-lhe a calça e começou a tirá-la... e logo depois foi a cueca...

Tiago olhava para Lílian apreensivo. Nunca a namorada tinha sido tão ousada e, bom, ele estava ficando realmente excitado com tudo aquilo...


- Tiago, você sabe que eu nunca fiz isso, e eu sei que você não teria como me ensinar... então eu gostaria que você me dissesse se está bom, ou ruim e quando fica melhor, para que assim eu possa aprender.

- Li...Lily? – Tiago estava surpreso, poderia ter imaginado qualquer coisa, menos isso. – Você tem certeza do que está dizendo?

Ela não respondeu. Apenas deu uma lambidinha significativa no pênis do namorado. Que estremeceu com o toque. Lílian deu um sorriso maroto e continuou.

Começou colocando a cabeça na boca e chupando, depois foi indo mais longe, e chupando um pouco mais. Aquilo até que era bom, pensou ela divertida enquanto chupava até onde coubesse em sua boca.

Com certeza o melhor daquilo tudo era ver o quanto Tiago sentia prazer. Ela reparou que uma das mãos do namorado apertava com força o travesseiro, enquanto ele mordia o lábio inferior tentando reprimir um gemido. Vendo isso ela começava a chupar com mais e mais vontade, até que ficava praticamente impossível de Tiago esconder quanto prazer sentia.

Alguns gemidos baixos eram ouvidos, e eles serviam como combustível para o desempenho de Lílian. Mas ela estava começando a estranhar. Porquê ele ainda não disse nada?

- O que você tá achando? Tá mais ou menos? – perguntou ela parando de repente.

- Lily... Tá maravilhoso... – disse Tiago sem fôlego.

- Ah... Mas assim você também não ajuda a melhorar! Você tem que dizer a verdade!

- Mas Lily, eu estou te dizendo! Não precisa melhorar em nada, tá perfeito!

- Tem certeza? – duvidou ela.

- Tenho. Aquela hora eu já estava quase lá...

- Humm... que gostoso! – disse ela com um sorriso maroto, e logo depois voltando a chupá-lo.

Enquanto Tiago gemia baixinho, Lílian ia chupando cada vez com mais e mais vontade. Não sabia porquê, mas aqueles gemidos a instigavam.

Não demorou muito e Lílian ouviu Tiago dizendo que gozaria. E não deu outra... segundos depois sua boca se enchia daquele líquido esquisito. O gosto não era muito... hum.. agradável... era um pouco amargo para se dizer a verdade. Mas mesmo assim Lílian engoliu tudo.
Tiago não conseguia pronunciar nada. Estava sem palavras. Aquilo tudo era tão maravilhoso... e ao mesmo tempo ainda não tinha se recuperado do choque. Lílian estava muito mudada, aquilo realmente o havia surpreendido, mas pelo lado bom é claro... lado maravilhoso por sinal...

Lílian buscou as roupas que estavam atiradas pelo chão. Depois ajudou Tiago a vestir-se novamente. Menos a camisa é claro! Ainda queria apreciar aquele corpo perfeito.

Tiago agora tinha um sorriso no rosto que expressava tudo o que ele gostaria de dizer, mas que não conseguia. Primeiramente deveria dizer o quão boa foi a surpresa, e que ele no momento era o homem mais feliz do mundo. Poderia também dizer que ela fora maravilhosa e que ela era perfeita demais.

Mas aquelas palavras não seriam suficientes. Limitou-se então a beijar-lhe a testa e dizer que a amava.

Lílian estava radiante por dentro. Uma felicidade a preenchia, como se não precisasse de mais nada naquele mundo, senão estar com ele.

Ele passou os dedos de leve pelo rosto da namorada e veio se aproximando. Lílian beijou Tiago com ternura. Porém por pouco tempo, pois logo eles já estavam pegando fogo e o beijo romântico havia se tornado sedutor.

Tiago fez com que Lílian viesse para cima dele, e ela percebeu que o namorado já estava novamente excitado. Não cansa nunca! Pensou ela divertida.

Lílian, tão compenetrada em beijar o namorado e passar as mãos por seu corpo perfeito, não percebeu que os botões de sua blusa iam sendo muito lentamente abertos, só quando seu sutiã já estava completamente amostra que ela se deu conta.

Tiago, de olhos arregalados, admirava os seios perfeitos da namorada. Um sutiã rosa claro cobria parcialmente aquelas divindades. Redondos, branquinhos... quanta vontade ele sentia de meter a boca neles...

Lílian corou completamente e saiu de cima do namorado. Morria de vergonha do seu próprio corpo. Tinha medo do que Tiago fosse pensar. E se ele achasse ela um monstro e não quisesse mais nada com ela?

- É melhor irmos agora Ti, amanhã você tem jogo. É melhor você dormir cedo... – disse ela para afastar os maus pensamentos e tirar do ar o clima ruim que se intensificava.

- Tudo bem meu amor... nós vamos...

E eles saíram de mãos dadas da Sala. Tiago ainda surpreendido com tudo que ocorrera naquela noite...



Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 2

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Srta. GrangerFoy em 10/04/2014

AAARRREEE LILY! Cara, eu tenho namorado e sei que isso broxa a dele mano... mas tudo no seu tempo!!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por CacaBlack em 04/07/2011

Eu vou matar a Lily!

Cacá!

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.