FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. Invasão


Fic: Um Verão Quase Perfeito ( TERMINADA!! )


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Mas a noite ainda não havia terminado (embora já fossem três horas da manhã!). Subindo as escadas, eles chegaram a um corredor muito sombrio em cumprido... Foram andando por ele com apenas a iluminação fraca de velas. Ninguém falava nada.

Quando chegaram num Hall bem iluminado que dava para cinco portas Fred interrompeu o silêncio.

- OK cambada, em cada quarto cabem duas pessoas.

- E aquele lá é o nosso, caso precizem da alguma coisa... - disse jorge apontando para a porta do meio onde se podia ler as palavras "Gêmeos Weasley"

- Boa Noite! - disseram Gui e Carlinhos entrando num quarto.

Fred e Jorge se dirigiram para o seu quarto e Gina e Hermione escolheram uma porta e desejaram boa noite a todos.

Ficaram para fora Harry, Ron, Daphne e Danilo... Harry e Ron não pareciam muito confortáveis com a situação de que haveria um quarto misto... Era estranho para eles...

- Então... - começou Daphne - Quem vai com quem?

Harry e Ron gelaram. Danilo estava calmo, meio sonhador... daphne chamou sua atenção.

- Danilo? Da-ni-lo!? DANILOO!!

- Ah, que? - perguntou ele meio zonzo... - Desculpa, eu não te ouvi...

- Danilo, você está muito pensativo. - começou Harry - O que aconteceu?

- Ah, eu só estava pensando na menina que eu fiquei hoje...

- QUEM? - perguntou Ron curioso recebendo um olhar de censura de daphne por ser tão indiscreto.

- Luna...

- Ah que fofo! - disse Daphne se pendurando em seu pescoço e lhe dando um forte abraço - Que vocês sejam muito felizes juntos! - e com isso deu um beijo estalado na bochecha dele o que deixou Harry com ciúmes, mas então ele se lembrou que agora eles eram irmãos e se acalmou.

- Danilo, porque não ficam você e o Ron naquele quarto e eu e a Daph ficamos nesse? - sugeriu Harry - Afinal, eu me sentiria estranho sabendo que ela está dormindo no mesmo quarto que algum de vocês. (Sem ofenças!)

- A gente entende, cara. - disse Rony - Também temos nossas garotas e não gastaríamos que elas dormisse no mesmo quarto que você... É estranho, só.

E assim eles se dirigiram para seus quartos. Quando Harry e Daph abriram a porta, se encontraram num quarto enorme, com duas camas bem largas (quase como uma de casal), dois armários, uma mesa grande e de frente para a lareira (que já estava acesa) havia um sofá e duas poltronas.

- Você está com sono? - perguntou Daphne para ele.

- Não, e você?

- Não muito... Só estou doida para tirar isso aqui. - e dizendo isso ela levantou o vestido revelando um sapato de salto alto.

- Sabia que você estava alta de mais pra ter crescido! - disse ele rindo e a carregou até uma cama - Eu espero lá fora pra você trocar de roupa.

Quando Harry já estava na metade do caminho até a porta, Daph o chamou.

- Harry? - ele parou e se virou - Não está esquecendo de nada, não?

Ele correu até ela e lhe deu um grande beijo. Lá fora ele pode escutar os gritos de Ron e Danilo brigando pela cama mais próxima da lareira. (estava muito frio naquela noite). Depois de quinze minutos Daphne o chamou para entrar.

Ela estava usando um pijama formado por uma calça moletom e uma camiseta baby-look. Harry se sentou com ela no sofá de frente para a lareira e eles ficaram abraçados encarando o fogo por algum tempo.

- Daphne? - chamou Harry. A garota estava quase dormindo em seu ombro.

- Que é? - perguntou ela sem se mecher.

- Eu quero que você prometa pra mim que você não vai sair por aí procurando por Voldemort.

- Tudo bem, Harry. Eu prome... - mas ela nem chegou a terminar a frase. Adormeceu estantâneamente.

Harry a carregou para uma cama e a cobriu como se ela fosse uma garotinha de dez anos e ele fosse seu irmão mais velho...

Harry se deitou em seua própria cama e com as pálpebras pesadas, adormeceu em poco tempo.


*******************>>*<<*******************


No meio da noite, Harry foi acordado por um estrndo. Ao se devincilhar das cobertas percebeu que Daphne também havia acordado. Não tinha muito tempo que ele adormecera. deveriam ser por volta de cinco e meia da manhã.

Sem dizer nada eles saíram para o Hall e encortraram todos lá extremamente confusos. Foi quando perceberam que era porque eles não estavam sozinhos.

Fantasmas de todas as épocas surgiram das paredes... Mas não eram amistosos como Sir Nickolas (Nick quase sem cabeça). eles eram o tipo de fantasmas que poderiam ser denominados como "almas penadas".

Esses fantasmas tinham poder... Sem mais delongas, eles começaram a enfeitiçar tudo o que viam até que um desses feitiços atingiu Mione; que caiu estatelada no chão.

- Mioneee! - Rony saiu correndo em sua direção.

Daphne enfurecida, começou a tremer e seus olhos começaram a brilhar. Ela levantou a mão direita e dela saíram raios que atingiram um dos fantasmas formando correntes elétricas em sua volta; impedindo-o de se mecher.

- Tola! - exclamou um deles raivoso.

- A tola mais poderosa que você terá a honra de conhecer! - se tinha uma coisa que Daphne sabia, era como irritar gente perigosa.

O fantasma de um barão gordo e todo deformado estava prestes a lançar um feitiço quando Daphne envolveu a todos em uma bolha transparente; tão brilhante que ofuscaria até mesmo a luz do Sol.

Os fantasmas se afastaram e sumiram, abandonando o prizioneiro de Daphne.

A bolha desapareceu e lentamente ela caminhou até o fantasma.

- Diga-me criatura indesejada; quem o mandou? - perguntou em um tom que faria até mesmo Voldemort tremer.

- O... O Lord das Trevas...

- Justamente previsível... Bom... - disse ela estalando os dedos e fazendo a corrente elétrica desaparecer - Você pode dizer ao seu "amo", que ele nunca poderá me vencer... E diga-lhe também... Que ha coisas piores do que a morte e que se tentar machucar o Harry, ele estará me convidando a aplicá-las nele... E por fim, para que ele se lembre... Da força que possui o amor.

A criatura tremeu... Daphne sinalizou para que ele fosse embora e assim ele o fez. Harry nunca havia visto nada como aquilo...

Daphne olhou para Hermione, tomou-a nos braços e levou-a para um quarto.

- Aquele desgraçado vai pagar caro! - disse Fred.

- Se vai... - completou o irmão.

Naquela "noite", ninguém mais conseguiu dormir até terem notícias de Hermione. Quando Daphne finalmente anunciou que ela estava bem, Harry parecia ter retirado um peso enorme das costas...

No fundo ele sabia; que tudo aquilo, era culpa dele... E agora, sua amada corria mais perigo do que ele jamais sonhara... Daphne podia ser muito poderosa, mas como todo garota... ela ainda tinha o seu lado de uma garotinha pequena pedindo proteção e um corção muito puro... Era mais frágil do que parecia.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.