FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. Segundo Capítulo.


Fic: Marotos - Nem Tudo é o que parece ser...Primeira Temporada


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

~~> Segundo Capítulo.
“Primeiro dia de aula.”

O dia amanheceu, era um lindo dia ensolarado. Os pássaros cantavam melodias de harmonia , o céu mais azul impossível, poucas porém belas nuvens, borboletas pairavam no céu fazendo desenhos coloridos de imensa beleza. O sol refletido na água do lago fazia com que parecesse que haviam jogado purpurina nele. Aos poucos os alunos iam acordando, se arrumando, e se dirigindo ao salão principal aonde o café da manhã seria servido.
Lily estava no salão comunal da Grifinória esperando Liu terminar de se arrumar para irem juntas para o salão principal, quando desceram quatro garotos.
- “Será que ele nunca penteia o cabelo?!”- Pensou Lily ao ver James com o cabelo todo bagunçado.
- Bom dia Lily! – Disse o garoto de cabelos rebeldes.
- Potter...quantas vezes tenho que falar que para você é “Evans”? – Respondeu Lily – Mas, em todo caso...Bom dia Potter...- Concluiu a ruiva.
- Cadê a Liu?! – Perguntou Sirius notando a ausência da amiga.
- Se arrumando...- Respondeu Lily.
- Para quem ela está se arrumando?! – Perguntou James.
- Para ela mesma horas!! – Respondeu Lily.
- Não...garotas quando se arrumam é porque estão apaixonadas...- Completou Sirius.
- Não...garotas quando se arrumam é porque deu vontade de se arrumar....só isso...- Concluiu Lily.
- Bom Diaaaa!! – Disse Liu descendo linda da escada do dormitório feminino.
- Até que enfim...pensei que você tivesse se perdido naquele banheiro...- Afirmou Lily.
- “Nossaaa!! Desde quando ela se arruma assim para assistir aula?!...ela ta linda!!” – Pensou Sirius. – Se arrumou toda para ver o Sr. Nicholas foi?! – Brincou Sirius.
- Não Sirius...me arrumei toda para ver o Severus. – Respondeu Liu ironicamente.
- Que desperdício...ficar toda linda para o Ranhoso...- Disse Sirius.
- Então quer dizer que você achou que eu fiquei linda?! – Falou Liu.
- Talvez...- Piscou Sirius.
- Você não presta viu Sirius?! – Brincou Liu.
- Você queria o que?! Que eu mentisse dizendo que você ta feia?! – Perguntou Sirius.
- Não né...você como meu amigo tem que dizer a verdade!! – Respondeu Liu.
- Agora sério...para quem foi que você se arrumou toda?! – Perguntou Sirius.
- Para mim mesma...não preciso de ninguém para querer me arrumar...- Respondeu Liu.
- Viu que eu disse?! – Retrucou Lily. – Ela se arrumou para ela mesma...
- Eu ainda acho que ela se arrumou para alguém...- Murmurou James.
- Então...vamos logo para o salão principal?! – Perguntou Liu.
- Aleluia...eu estou com fome sabiam?! – Disse Peter.
- No dia que você disser que não está com fome eu pulo da torre de astronomia! – Respondeu Sirius fazendo graça.
- Quem será que vai ser o nosso novo professor de DCAT?! Eu ouvi dizer que o outro saiu de Hogwarts....- Perguntou Remus.
- Não sei...tomara que não seja chato...- Respondeu Lily.
- Tomara que não seja chato como o Professor Binns...porque ele, ninguém merece...falando nele...tomara que as nossas primeiras aulas não sejam dele...- Completou Sirius.
Todos se dirigiram ao salão principal juntos. No caminho, a cada metro que Sirius e James andavam, alguma garota suspirava e/ ou falava algo com eles, James nem estava ligando, apenas acenava de volta, já Sirius mandava beijos para todas, deixando-as ainda mais derretidas por ele.
Chegando no salão principal eles se sentaram na mesa da Grifinória e Lily e Liu acenaram para Isabel que estava na mesa da Lufa-Lufa. Estavam todos comendo quando a Professora McGonnagall passou para falar com eles sobre o horário de aula deles.
- Elisa Weiss... – Começou McGonnagall
- Sim Professora?! – Perguntou Liu.
- Eis aqui o seu horário de aula...vai ser o mesmo para todo o sétimo ano...- Respondeu McGonnagall entregando os horários de aula para todos os alunos do sétimo ano ali presentes.
- Obrigada Professora...-Respondeu Liu começando à olhar o seu horário enquanto a professora McGonnagall saía de lá.
- Não é possível!! Duas aulas seguidas de História da Magia, primeiro e segundo horário de uma segunda-feira!! – Reclamou Sirius pondo a mão na cabeça e soltando a grade de horários.
- Isso é tortura!! – Completou James.
- De longe não é a minha matéria favorita...- Notificou Liu com um olhar de decepção.
- Bom...pelo menos depois vem duas de poções...- Falou Lily aliviada.
- Não é a melhor matéria, mas com certeza é melhor do que História da Magia. – Disse James olhando incrédulo para a grade de horários.
- Hey, olha só...o dia não está completamente perdido!! – Exclamou Sirius.
- É mesmo...depois temos duas aulas com Hagrid! – Afirmou Liu terminando de ler o horário do dia.
- Quartas à meia noite...Astronomia...- Falou Remus parecendo um pouco preocupado.- “Ótimo...em dia de lua cheia eu vou ser obrigado à faltar aula de astronomia!” – Pensou Remus.
O café da manhã acabou, e todos foram para as suas respectivas aulas. Bel teria suas aulas juntos com os alunos da Grifinória, Sonserina e Corvinal. Chegando na sala de História da Magia todos se sentaram e aguardaram pelo professor Binns, o único professor fantasma de Hogwarts, dizem que ele era tão velho que uma manhã, sua alma simplesmente saiu do corpo e foi para a sala.
- Cadê o Professor?! – Perguntou Bel para Liu.
- Sei lá...- Respondeu Liu com um olhar sonhador.
- Olha ele vindo aí Bel...- Respondeu Lily olhando para o professor que havia acabado de adentrar a sala.
- Olha só...é mesmo...melhor ficarmos quietas para evitarmos pegar uma detenção...- Disse Bel.
- Bom Dia...- Pronunciou-se o Professor Binns.- Hoje nós iremos estudar sobre as rebeliões dos Duendes, séc. XVII...
O Professor continuou a aula...enquanto isso um papelzinho passava entre os marotos.

“Almofadas...
Impressão minha ou você está dando em cima da Liu?!”

“ Pontas....
Só impressão...mas você tem que admitir que hoje ela está muitoooo linda!”

“ Almofadas e Pontas...
Querem fazer o favor de não me passar o papel?! Eu estou tentando prestar atenção na aula!”

“ Ahhhh...Deixa de ser chato Aluado...
E realmente, eu tenho que admitir que ela hoje está linda, por isso eu ainda acho que ela se arrumou para alguém...”

“ Para quem será que ela se arrumou Pontas?!...e Aluado, larga de ser certinho...”

“ Aff...vocês dois não tem nada para fazer não?!...Queria ver se esse papel parasse em mãos “erradas”...Que tal os dois prestarem atenção na aula?!”

“ Sei não Almofadas...
Aluado, não vai cair em mãos erradas esse papel, e eu até prestaria atenção na aula se ela não fosse extremamente chata!”

“ Concordo Pontas, essa aula é um saco!...Aluado, não, esse papel não cairá em “mãos erradas”.”

“ Se cair, vocês dois vão pegar detenção...”

“ Correção...nós três, afinal, você também está escrevendo Aluado... =P”

“ É isso aí Pontas, os três iríamos para a detenção...ia ser divertido...vamos ser pegos de propósito?!”

“ Você perdeu o pouco de juízo que você não tinha Almofadas?!...Pegar detenção de propósito?!”

“ Hasudhausdhsauhd!! Gostei da idéia Almofadas....imagina aí...nunca peguei uma detenção com o Professor Binns...”

“ Aluado meu caro...o que seria da vida escolar sem um pouco de detenções?!”

Remus pegou o papel, amassou e guardou na mochila para não correr o risco de ser pego passando papelzinho. Sirius e James continuaram passando papelzinho um para o outro. Até que resolveram encher a paciência das meninas também.

“ Liuuu!!
O que você está fazendo?!”

“ Nossa...que pergunta idiota Sirius...¬¬”
Eu estava prestando atenção na aula até que você infelizmente me jogou esse papel!
No momento eu estou perdendo o meu tempo escrevendo a resposta!”

“ Beeeelll!!
E você, está fazendo o que?!”

“ O mesmo que a Liu, Sirius...
E eu vou acrescentar algo...não passe mais essa droga de papelzinho para mim!!”

“ Ai...que stress...
Liu...vai fazer o que hoje de noite?!”

“ Se eu não pegar uma detenção por sua culpa, Sirius...
Provavelmente eu irei fazer os deveres, ou ficar sentada olhando para a lareira...”

“ Não se preocupe...não vamos pegar uma detenção...
Topa ir comigo e os marotos para o sexto andar?!”

“ Você ficou maluco?! o.O
Você prestou um pouco de atenção no que Dumbledore disse ontem?!”

“ Prestei...e justamente por isso eu vou lá, para ver o que tem lá...”

“ Se eu pegar uma detenção eu posso te matar?!”

“ Nossa que agressividade...se você me matar, como vai agüentar viver sem mim depois?!”

“ ¬¬” Eu vou viver muito bem sem você...
Agora me explica direito, porque você quer ir para o sexto andar?!”

“ Para ver o que tem lá...eu já disse...”

“ Sirius...guarda o papel...o professor está vindo...”

“ Que nada Liu, ele nem vai notar”

“ Para Siriussss!!
Se ele pegar o papel nós dois estamos fritos!!”

“ Ele não vai pegar o papel!! ¬¬”

Mas o Professor Binns percebeu que os dois estavam passando papelzinho durante a aula e disse no mesmo tom calmo de voz:
- Os dois, detenção hoje à noite, passem aqui na minha sala as oito da noite.
Liu olhou para Sirius com um olhar de “eu te avisei”, e Sirius olhou para ela com uma cara de despreocupado.
A aula acabou e na saída Liu puxou Sirius para conversar, enquanto todo mundo seguia em direção ao calabouço para ter aula de poções com o Professor Slughorn.
- Sirius...- Começou Liu – Por sua culpa eu estou de detenção!!
- Relaxa Liu...detenção não é um bicho de sete cabeças...e não se esqueça que eu também estou de detenção... – Falou Sirius despreocupado.
- Eu avisei que nós íamos ser pegos...- Começou Liu.
- Agora acho melhor irmos para o calabouço, a menos que você queira gazear aula comigo...- Brincou Sirius.
- Arghhh!! Vamos logo então...- Retrucou Liu indo em direção ao calabouço.
Liu e Sirius foram juntos para o calabouço, chegando lá um pouco antes do Professor Slughorn. Então, com os caldeirões já posicionados nas mesas ele começou a aula.
- Bom dia meus queridos alunos, Bom dia senhorita Evans...- Começou o professor.
- Bom dia. – Murmurou Lily.
- Bom...hoje nós vamos tentar fazer a poção da página 29 do livro de poções avançadas. – Continuou o Professor Slughorn.
- Página 29...tomara que não seja uma difícil!! – Murmurou Bel para Liu.
- Almofadas...você conseguiu ficar de detenção, e ainda levou a Liu !! – Murmurou James em tom de brincadeira.
- Vai ser divertido...- Murmurou Sirius de volta.
- Claro...só acho que não vai ser divertido para ela...- Murmurou Remus ao ouvir a conversa dos amigos.
- Qual é Aluado...eu vou fazer ela se divertir...- Murmurou Sirius com uma cara de quem está tramando algo.
- Ihhh!! Isso não vai dar certo...- Murmurou James.
- Cuidado para não acabar se apaixonando que nem o Pontas...- Murmurou Remus.
- Liu...que azar hein?! Detenção no primeiro dia de aula?! – Murmurou Bel para Liu.
- Engraçado...não vi a Lele ainda....aonde ela se meteu?! – Murmurou Liu.
- Talvez ela não tenha chegado em Hogwarts ainda...- Murmurou Bel de volta.
- Com certeza ela não chegou em Hogwarts ainda...mas, será que ela mudou de colégio?! – Murmurou Liu.
Um papelzinho voou até a mesa da Liu, ela abriu e lá estava escrito.
“ Tsc tsc...
Conversando durante a aula não é Liu?!...quer pegar outra detenção é?!
Beijos...Sirius”
- “ Afffssss....vou matar ele...sério mesmo...” – Pensou Liu.
- Hmmmm!! Recebendo bilhetinhos hein?! – Brincou Bel.
- É...recebendo bilhetinhos de novo....¬¬” – Reclamou Liu olhando para Sirius e rasgando o papelzinho enquanto ele olhava.
- Foi o Sirius não é?! – Perguntou Bel.
- Foi....ultimamente ele está agindo estranho comigo...- Respondeu Liu.
- Vai ver ele passou a gostar de você Liu... – Disse Bel.
- Até parece...nunca que ele iria sentir nada além de amizade por mim Bel...- Murmurou Liu.
- Porque não?! – Perguntou Bel.
- Porque eu não faço o tipo dele...- Respondeu Liu.
- Desde quando Sirius Black escolhe garotas por “tipo”?! – Perguntou Bel.
- Bel....pára, assim eu vou ficar com coisas na cabeça...- Respondeu Liu olhando para o livro de poções.
- Entendo...você realmente gosta dele não é?! – Perguntou Bel.
- Talvez...- Disse Liu virando o olhar para Sirius.
- Sobre o que você acha que elas estão falando Pontas?! – Perguntou Sirius.
- Sobre um assunto de garotas.....ou seja, garotos!! – Respondeu James.
- Ou seja, nós!! – Completou Sirius.
- Provavelmente sim!! – Concluiu James fingindo estar lendo a página do livro. – Sobre que outros garotos elas falariam, meu caro Almofadas?!
- Realmente...não tem ninguém que se compare à nós aqui nesse colégio....- Respondeu Sirius.
Enquanto isso, numa casa em Londres, uma garota de olhos castanhos e cabelos também castanhos parecia estar calma conversando com a mãe. Quando de repente...
- Mãããããeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee!!!!!!! – Gritou a garota no meio da conversa botando as mãos no rosto.
- Que foi Letícia?! – Perguntou a mãe assustada com o grito sem noção da filha.
- Sabe que dia foi ontem?! – Perguntou Letícia.
- Que dia foi....MERLIM !! – Começou a falar a mãe da garota. – Eu esqueci de pegar as coisas na casa da sua avó!! – Falou aflita.
- Merlim mãe!! Ontem era para eu ter ido para Hogwarts!! – Disse a garota.
- Não filha....é só mês que vem!! – Respondeu a mãe.
- Não mãe, era mês que vem no mês passado!! – Retrucou Letícia.
- Não filha...é só mês....- Começou novamente a mãe...- Olha, não é que você tem razão?!...Era ontem mesmo...- Completou olhando para o calendário.
- E agora mãe?! O que a gente faz?! – Perguntou a Letícia.
- Agora eu vou te levar, e de noite você vai estar lá, em Hogwarts! – Respondeu a mãe.
- Weeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee!! – Gritou Letícia correndo para arrumar as suas coisas.
Num calabouço em Hogwarts, em plena aula de poções, quatro garotos olhavam três garotas, que por sua vez olhavam....para o professor que estava na frente delas analisando os seus caldeirões.
- Bom....realmente muito bom....- Começou o professor ao olhar o caldeirão de Lily. – Excelente Evans!
- Obrigada professor...- Respondeu Lily sem jeito.
- Hmmmm...parabéns para você também senhorita Weiss! – Disse o professor ao olhar o caldeirão de Liu, que apenas soltou um “Uffa!!”. – Quanto a você senhorita Montano...talvez possa considerar estudar poções junto com as suas amigas...- Falou após olhar o caldeirão da Bel.
- Claro professor...- Respondeu Bel olhando para as amigas com uma cara de “Até parece...¬¬”, enquanto o professor se dirigia aos caldeirões dos marotos.
- Hmmmm...porque não fez a sua poção Black?!- Perguntou o professor enquanto notava que o caldeirão de Sirius estava vazio.
- O porque para o porque perguntado na sua pergunta, foge dos “porque”s que eu tenho na minha lista de respostas para responder as suas perguntas! – Respondeu Sirius deixando um Peter confuso, um James rindo discretamente, um Remus com uma cara de “Oh Merlim...se o professor cair nisso...¬¬”, e um professor tentando decifrar o que exatamente ele queria dizer com a frase.- Vale a pena adicionar...- Continuou Sirius. – Que a sua roupa de hoje está simplesmente fantástica no senhor.
- Você achou?! – Perguntou o professor se esquecendo do propósito da sua conversa com Sirius.
- Claro...e quer saber mais?!- Começou Sirius. – Eu acho que o senhor é o professor que tem mais bom gosto para se vestir!!
- Obrigada, Black. – Disse o professor agora olhando para o caldeirão de Peter. – Merlim dos céus!! O que exatamente isso é?! – Perguntou ao ver o projeto de poção que Peter fez.
- É...é...isso eu não sei responder... – Falou Peter tentando enrolar o professor.
- Qual foi a poção que eu pedi para vocês fazerem?! – Perguntou Slughorn.
- Felix Felicis?! – Chutou Peter, fazendo com que tanto Sirius, quanto James e Remus rissem discretamente.
- Classe....dispensados!!...Menos você Pettigrew...quero falar com você...- Disse o professor.
- Mas....professor, agora é o almoço...- Protestou Peter.
- Agora, venha comigo. – Disse Slughorn levando Peter para uma sala mais reservada.
- “ ¬¬...porque na hora do almoço?!....aff, que saco!!” – Pensou Peter.
- Coitado do Peter...- Murmurou Liu para Bel.
- É...justo na hora do almoço...deve ser a hora favorita dele, junto com o café da manhã e o jantar... – Respondeu Bel enquanto elas saiam do calabouço.
- Bom...quem sabe ele não se empolga e resolve fazer uma dieta?! – Brincou Lily.
- Olá meninas!! – Disse uma voz conhecida por de trás do grupo das garotas.
- Olá Sirius...- Respondeu Liu desanimada, enquanto suas amigas respondiam normalmente.
- Olá Evans...e olá garotas!! – Falou uma outra voz conhecida.
- Olá Potter. – Respondeu Lily friamente. Enquanto suas amigas respondiam em um tom normal.
- Olá garotas ! – Disse Remus.
- Remusss!! – Responderam as três em uni tom.
- Hey...alguém tem notícias da Lele?! – Perguntou Remus olhando para as garotas.
- Eu acho que ela perdeu o horário...ou esqueceu que dia foi ontem...- Respondeu Liu olhando para o teto.
- Provável...muito provável... – Completou Lily.
- Achei estranho, pensei que talvez ela tivesse mudado de colégio. – Disse Remus fitando o chão.
Eles seguiram pelos corredores do castelo até o salão principal. O almoço já estava servido, e aos poucos o salão ia enchendo de alunos famintos. Estavam todos sentados e com os pratos sobre a mesa quando uma coruja chegou rasgando o ar e deixando uma carta nas mãos de Liu.
- De quem será que é essa carta?! – Perguntou Sirius curioso.
- Pela letra...só pode ser a Lele!! – Disse Liu olhando a letra de quem tinha escrito o nome na frente do envelope, e abrindo o envelope.
- O que será que ela diz ai?! – Perguntou Remus com um sentimento misto de curiosidade com preocupação.
- É Liu...conta logo o que ela diz aí na carta!! – Concluiu Lily.
- Esperem um pouco que eu já conto...deixa só eu ler antes...- Respondeu Liu começando à ler a carta.

Liuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu!!!
Você não sabe o que aconteceu...
Ontem eu nem me liguei que era o primeiro dia de Hogwarts...fui me lembrar hoje de manhã quando estava conversando com a minha mãe...ela ainda insistiu que as aulas começavam só mês que vem...mas deixa quieto =D
O importante é que hoje de noite eu já estarei aí em Hogwarts!! *-*...pelo menos foi o que a minha mãe disse =]
Bom...vejo você e o resto da turminha de noite...Isso é, se você não pegou uma detenção...
Rsrsrsrsrs....brincadeirinha, eu sei que você nunca pegou uma detenção sequer, pelo menos não no primeiro dia de aula...Mas se você pegou esse ano, você vai ter que me explicar tudo tim-tim por tim-tim, viu sis?!
Vejo você daqui à pouco...ou não tão daqui à pouco...ahhhh!!...Vejo você ainda hoje!



Ps: E aí, novidades sobre o...bom, para caso essa carta seja seqüestrada eu não direi o nome do garoto, que eu sei que você gostaaaa!! LAlalalalalala =P
Dica para quem seqüestrar a carta...o nome dele começa com “S”...

Beijussss da sua irmã gêmula banana!

- E aí?! – Perguntou Lily.
- E aí que ela chega hoje...- Respondeu Liu. – “Aí meu Merlim... depois vou ter que agüentar um questionário quilométrico de como foi que eu peguei uma detenção...” – Pensou, sem se ligar que alguém poderia querer ler a carta.
- Ahhh...pelo tempo que você demorou lendo não foi só isso!! – Exclamou Sirius pegando a carta das mãos de Liu, que não estava prestando atenção.
- “Merlim!!!!!!! Socorroooo!!” – Pensou Liu entrando em desespero. – Sirius...devolve essa carta!! – Gritou ela.
- Eu vou ler...- Disse Sirius começando à ler a carta em voz alta.
- “Merlim dos céus...”- Pensou a garota.
- Opaaa...tem um “Ps.” Aqui...esperem um pouco que eu vou ler....- Disse Sirius começando à ler o “PS” – “Ps: E aí, novidades sobre o...bom, para caso essa carta seja seqüestrada eu não direi o nome do garoto, que eu sei que você gostaaaa!! LAlalalalalala =P
Dica para quem seqüestrar a carta...o nome dele começa com “S”...” – Ah haaaa!! A Liu gosta de alguém!! – Completou Sirius após ler o “Ps.”.
- “Sério...eu vou me jogar da torre de astronomia....”- Pensou Liu corando.
- Eu falei que ela tinha se arrumado para alguém! – Concluiu James.
- Quem será?! – Perguntou Sirius curioso.
- Bom...começa com “S”...- Respondeu James.
- S...S...Severus Snape!! – Disse Sirius. – Se bem que começa é com “R” de Ranhoso...- Completou.
- Será que é o Ranhoso?! – Perguntou James.
- Parem com isso !! – Reclamou Liu com o rosto mais vermelho que um tomate.
- Ihhh...olha só Pontas...ela está corando...- Disse Sirius ao ver o rosto de Liu.
- Eu acho que a gente acertou Sirius...talvez seja mesmo o Ranhoso... – Completou James.
- Nãooooo!!! Eu sei quem é!!! – Exclamou Sirius. – É o Sr. Nicholas!! – Continuou.
- Siriusss!! Paraaaaa!! – Pediu Liu.
- Olha só...descobri outro nome que começa com “S” e que poderia ser...- Começou James.
- Qual Pontas?! – Perguntou Sirius.
- Cala a boca James!!! – Disse Liu já irritada.
- Sirius Black!! Ou seja, você Almofadas!! – Respondeu James.
- “Pronto...era só o que eu precisava para me jogar da torre de astronomia ainda hoje...” – Pensou Liu.
- Não me iluda Pontas...eu sei que é o Sr. Nicholas de quem ela gosta... – Disse Sirius em tom de brincadeira.
- Bem que você queria que fosse você né Almofadas?! – Brincou James.
- Affffff!! Perdi a fome...tchau para vocês... – Disse Liu se levantando da mesa, ela não gostava de ser o assunto principal de uma conversa.
- Ahhh Liu...deixa de besteira, era só brincadeira do Pontas! – Disse Sirius rindo.
- Liu...liga para eles dois não...são dois babacas...- Falou Lily olhando fatalmente para os dois marotos.
- É Liu...o Almofadas é um babaca!! – Concordou James.
- Liu, quanto mais você ligar, mais brincadeiras eles irão fazer! – Disse Remus sabiamente.
- ...Vou sair do mesmo jeito...vou ficar pelo lago, lá é mais legal...- Respondeu Liu. – Mas antes, me devolva a minha carta Sirius! – Completou.
- Nananinanão...agora ela é minha...- Respondeu Sirius.
- Me devolva logo essa carta Sirius...- Disse Liu fuzilando Sirius com os olhos.
- Pontas...devolvo ou não a carta?! – Perguntou Sirius brincando.
- Devolve...- Disse James olhando para Lily, que não estava gostando nada daquela brincadeira.
- Sem graça Pontas...- Falou Sirius ao ouvir a resposta de James.
- Até que enfim fez algo certo Potter! – Disse Lily.
- Ahhh!! Acabei de lembrar que o Pontas não conta...Aluado...devolvo a carta?! – Perguntou Sirius.
- Devolve sim Almofadas...- Respondeu Remus.
- Quer saber?! Deixa pra lá...pouco me importo...vou nessa, olhar para o lago é muito legal...- Disse Liu saindo de lá.
- Mas...e a carta...- Murmurou Sirius para si mesmo.
- Almofadas, Almofadas...vejo que estais se apaixonando... – Disse Remus olhando para os olhos de Sirius que perseguiam a imagem da Liu andando.
- Afff...Vira essa boca pra lá Aluado!! – Respondeu Sirius batendo três vezes na mesa.
- O que tem demais em se apaixonar Sirius?! – Perguntou Lily.
- E ficar igual ao Pontas que fica babando toda vez que te vê?! Fora que eu tenho que agüentar ele falando todo dia...- Antes que pudesse continuar à falar, Sirius foi interrompido por James que havia posto a mão na boca dele em sinal de “Pára de falar!!”.
- Errr....bom...- Começou Lily corando. – Eu acho que vou para o lago também...Tchau meninos... – Completou saindo da mesa e indo para o lago.
- Seu cachorrinho!! – Disse James retirando a mão da boca de Sirius. – Precisava repetir o que eu falo?! – Perguntou.
- Ahhh Pontas...ela gostou...nem brigou com você ou comigo...- Respondeu Sirius.
- Será?! – Perguntou James bagunçando ainda mais os seus cabelos com a mão.
- Bom...é fato que ela não disse nada...e ainda corou um pouco...- Adicionou Remus.
- Eu ainda vou descobrir de quem é que a Liu gosta...- Murmurou Sirius.
- E se for de você?! – Perguntou Remus.
- Melhor ainda...ela linda...- Respondeu Sirius. – Não que esteja apaixonado por ela...- Completou ao ver a expressão dos amigos.
- Olha lá o que você vai fazer viu Almofadas?! – Disse Remus.
- Aff...eu sei exatamente o que vou fazer...- Respondeu Sirius.
- Isso me preocupa...- Completou Remus.
- Me diga se alguma das garotas com quem eu já fiquei me odeia...cite uma...- Disse Sirius.
- Hsuhdaushdusahu....realmente, quanto mais você dispensa elas, mais elas gostam de você...- Concluiu James.
- Fazer o quê se eu sou perfeito?! – Brincou Sirius.
- Fazer o quê se você anda comigo que sou perfeito?! – Acrescentou James.
- Fazer o quê se vocês têm um amigo inteligente como eu?! – Disse Remus entrando na brincadeira.
- AHSudhausdhuashduashu!! – Riram os três após terem brincado.
O lago estava lindo, duas garotas olhavam para os seus reflexos que se formavam em meio às águas límpidas daquele lindo lago. Ambas pensando em suas vidas. Até que uma delas se pronunciou.
- Lily...o que eu faço?! – Perguntou Liu olhando para o próprio reflexo.
- Não sei...eu também estou confusa...- Respondeu Lily. – “Será que eu estou gostando do Potter?!...Mas ele é tão criança...” – Pensava a ruiva.
E o silêncio voltou a reinar naquele lugar. Até que um grupo de três garotos se aproximou das duas garotas que não tiravam os olhos do lago.
- Cuidado se não você cai!! – Brincou Sirius empurrando Liu de leve, mas logo depois segurando ela para ela não cair.
- Ahhhh!! – Gritou a garota pensando que iria cair. – Sirius!! Não faça isso nunca mais!! – Completou ao ver quem tinha feito à brincadeira.
- Você precisava ver a sua cara de pânico...- Brincou Sirius.
- Hunft!! Seu chato...- Disse Liu se levantando.
- Stressadinha!! – Disse Sirius.
- Bobo!! – Retrucou Liu, enquanto Lily, James e Remus olhavam a cena. Liu e Sirius em pé um olhando para o outro e falando “adjetivos”.
- Boba!! – Continuou Sirius.
- Idiota! – Falou Liu olhando para Sirius, os outros olhavam para aquela discussão como se fosse um jogo de ping-pong...os olhos iam de um para o outro.
- Fofa! – Brincou Sirius.
- Abestalhado...- Continuou Liu.
- Linda! – Brincou Sirius novamente.
-...- Liu parou por uns instantes, não sabia mais o que dizer...- Vamos para a aula do Hagrid...não quero chegar atrasada. – Disse ela indo em direção a floresta.
- Liu...me espera!! – Disse Lily indo atrás da amigas deixando os marotos para trás.
- Almofadas...o que significa isso?! – Perguntou Remus.
- Significa que eu achei quem eu quero....pelo menos temporariamente...- Respondeu Sirius.
- Cuidado para não perder a amizade dela Almofadas...- Completou Remus.
- Essa vai ser mais difícil que as outras...- Disse James.
- Que nada...aposto que hoje, na hora da detenção, ela irá ceder à um beijo meu...- Falou Sirius.
- Se você for o garoto com “S” talvez.... – Completou Remus.
- Claro que sou eu...iria ser quem?!...Vocês não acham que seria o Ranhoso...- Disse Sirius.
- Realmente, entre você e o Ranhoso...- Começou James... – Continuo preferindo à mim ... – Brincou ele.
- Dããããã...sem graça Pontas...e eu sou bem mais perfeito que você!! – Respondeu Sirius.
Após essa pequena conversa os três marotos foram para a floresta, sendo alcançados por um Peter esfomeado no meio do caminho. Como o dia estava lindo, uma aula na floresta não seria nada ruim, os pássaros não paravam de cantarolar canções de paz, as borboletas voavam em volta dos alunos que estavam aguardando o professor, alguns dos alunos juraram que viram uma espécie de cavalo passar por ali por perto, mas como muitos não viram preferiram esquecer os “cavalos”. Lily, Liu e Bel estavam conversando sobre alguma coisa sem importância, enquanto os marotos olhavam para elas. Foi então que o professor chegou, e começou à aula que prosseguiu bem, sem danos, nem muita gritaria da parte das meninas.
Já era hora de voltar para o castelo, pouco à pouco os alunos iam jantar e logo após voltavam para os seus respectivos salões comunais. Uma garota esperava ansiosamente pelos amigos no salão comunal da Grifinória, quando duas garotas e quatro marotos adentraram o salão.
- Leleeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee!!!! – Gritou Liu indo abraçar a amiga.
- Liuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu!!!! – Gritou Letícia de volta abraçando a amiga.
- Nossa...vocês gritam muito...- Murmurou Peter.
- Se quiser eu grito para você também! – Disse Lele se separando do abraço.
- Não Obrigado. – Respondeu Peter.
- Lele...a gente viu a sua carta...quem é o garoto com “S”?! – Perguntou Sirius.
- Dãããã!! Não é óbvio que é...-Começou Lele, mas antes que ela falasse ela mesma parou. – Opsss!! Que cabeça a minha...esqueci quem era... – Brincou ela.
- Pensei Lele...que horas são?! – Perguntou Liu que estava sem relógio.
- Hora da detenção!! – Respondeu Sirius com um sorriso maroto.
- Sis...você está de detenção?! – Perguntou Lele incrédula.
- Culpa dele!! – Disse Liu apontando para Sirius.
- Depois você me explica tudo nos mais mínimos pormenores!!- Começou Lele. – Agora vá para a detenção...e se divirta Sis!! – Completou
- Me divertir em uma detenção?!...Vou tentar...- Respondeu Liu saindo do salão comunal acompanhada por Sirius, deixando todos à conversar.
No caminho para a sala do Professor Binns Liu virou para Sirius e começou.
- Viu?! Por sua culpa eu não estou lá conversando com a minha irmã gêmula banana!!
- Não se preocupe, eu farei dessa detenção a melhor detenção da sua vida...- Disse Sirius piscando para Liu.
- Eu nunca fiquei de detenção Sirius...- Disse Liu fechando a cara.
- Bom...então você vai querer pegar detenção todo dia comigo de hoje em diante! – Brincou Sirius.
- Duvido... – Respondeu Liu.
- Opa...chegamos...- Disse Sirius abrindo a porta da sala do Professor Binns e deixando Liu entrar primeiro.
- Putz...olha a furada em que você me meteu Sirius Black...- Resmungou Liu.
- Não reclama...você vai ver...- Respondeu Sirius.
- Vou ver o que?! – Perguntou Liu.
- Ahhh...chegaram!! – Começou o Professor Binns com a sua voz calma de sempre. – Venham comigo...tenho uma missão especial para vocês...- Completou indo em direção ao seu aposento.
- Medo, muito medo, medo intenso...- Murmurou Liu de forma que só Sirius, que estava do lado dela ouviu.
- Pronto...chegamos! – Disse Binns ao chegar no seu quarto. O quarto estava cheio de poeira, também, como um fantasma iria arrumar o próprio quarto?! – Eu gostaria, que vocês, sem usar magia, limpassem o meu quarto! – Terminou conjurando objetos de limpeza que os trouxas usam, e se retirando do local.
- Que ótimo!! – Disse Liu ironicamente indo em direção à porta. – Eu estou trancada com você nesse quarto cheio de poeira!! – Disse ao notar que a porta estava trancada.
- HSduahsudhasudha!!...Estamos sozinhos na mesma sala trancada...- Começou Sirius.
- E vamos arrumar tudo!! – Terminou Liu indo em direção à um espanador de pó.
- Claro...e vamos arrumar tudo! – Repetiu Sirius começando a mexer no armário do Professor Binns. – Olha só essa roupa!! – Riu Sirius mostrando uma das roupas do Professor para Liu.
- Deixa isso aí Sirius!! – Reclamou Liu. Mas Sirius vestiu a roupa e começou a brincar.
- Mas respeito comigo senhorita!! Eu sou o seu professor!!
- Está bem...agora põe a roupa de volta no armário Sirius!! – Reclamou Liu novamente.
- Quem é esse tal de Sirius?! – Perguntou o próprio Sirius afim de irritar Liu.
- Sirius...pára com isso...- Disse Liu limpando o pó de uma estante.
- Eu já disse que sou o seu professor...- Disse Sirius em um tom sério. – Agora sente-se mocinha.
- Ta bom professor...- Disse Liu sentando – se em uma cadeira. – “Com maluco a gente não discute”- Pensou a garota.
- Hoje nos falaremos sobre a guerra dos gigantes, que na verdade foi começada por um anão!! – Começou Sirius.
- Sirius, isso não faz sentido...- Murmurou Liu.
- Primeiro, eu sou o seu professor! – Começou Sirius.
- Professor...isso não faz sentido!! – Completou Liu.
- Senhorita...história não tem que fazer sentido...- Respondeu Sirius.
- Tanto faz...- Disse Liu se levantando.
- Heyyy!! Eu disse que você podia se levantar senhorita?! – Perguntou Sirius chegando perto de Liu.
- Não, mas eu me levantei do mesmo jeito...agora para de me encher a paciência Sirius, ainda tenho muito para limpar! – Disse Liu começando a limpar o resto da sala.
- Sirius...quem é esse tal de Sirius?! – Começou Sirius.
- Muito engraçado Sirius...está com crise de identidade é?! – Perguntou Liu.
- Eu já disse muitas vezes que não sou esse tal de Sirius...- Disse Sirius se aproximando ainda mais de Liu.
- Sirius...você está começando a me assustar...- Disse Liu dando passos para trás.
- Ainda não sei quem é esse tal de Sirius...é o seu namorado é senhorita?! – Perguntou Sirius...- Deve ser muito bonito ele, para você estar me confundindo com ele...
- Siriuusssss!! Oh meu Merlim!! Ele foi envenenado!! – Dizia Liu desesperada.
- Calma Liu... – Disse Sirius abraçando a garota. – Eu estou aqui para te proteger! – Completou ele ficando cara – a – cara com ela, com menos de 10 cm de distância entre o rosto dos dois.
- Sirius...você precisa urgentemente de uma ajuda psicológica... – Disse Liu rindo.
- Você pode me ajudar? – Disse Sirius marotamente fazendo a garota corar.
- Errr...não!! Não posso...não sou psicóloga...- Respondeu Liu se afastando de Sirius e voltando à limpar as coisas.
- Você que sabe...- Disse Sirius olhando para a garota e sorrindo marotamente.
- “Aff...isso não é justo...ele está apelando para o sorriso maroto!!” – Pensava a garota. – É...eu que sei...- Disse continuando o que estava fazendo.
- E...?! – Perguntou Sirius esperançoso, isso sempre funcionava com as outras garotas.
- E...e...e...eu acho que você deveria se concentrar mais na sua detenção, ou pelo menos não me atrapalhar!! – Concluiu Liu.
- Você realmente acha isso?! – Perguntou Sirius novamente com um olhar de cachorro sem dona.
- Não! – Falou Liu sem pensar. – Eu quis dizer...simm..Sim..foi, eu quis dizer que eu acho... – Tentou consertar inutilmente.
- Sabia que dizem que a primeira coisa que a gente diz é que é a coisa que a gente quer?! – Começou Sirius se aproximando novamente da garota.
- Sirius...se você der mais um passo eu....eu...eu...- Começou Liu, mas antes que terminasse já tinha sido hipnotizada pelo olhar sedutor do garoto.
- Você?!...continue, eu realmente quero saber o que você vai fazer se eu der mais um passo... – Provocou Sirius sorrindo marotamente.
- Eu...eu não sei o que eu ia dizer...- Respondeu Liu.
- Nesse caso, eu vou dar não só mais um passo... – Disse ele se aproximando bastante de Liu. – Vou dar o suficiente para ficar bem pertinho de você... – Concluiu aproximando o rosto dele com o da Liu.
- Sirius...eu...- Começou a garota.
- Shhhh...- Disse Sirius levando o dedo à boca em um gesto de silêncio.
- Mas eu acho que... – A garota foi interrompida por um beijo suave, ela não tentou resistir, ela não queria resistir ao beijo. Então eles se beijaram por um tempo que pareciam horas, mas não passavam de alguns segundos, ou talvez um minuto inteiro. Até que eles se separaram do beijo. – Sirius...- Começou Liu... – Eu acho melhor manter isso em segredo, fingir que não aconteceu...
- Eu discordo...isso não precisa ser mantido em segredo...- Disse Sirius.
- Mas eu quero que seja mantido em segredo...não quero ser mais uma na sua lista... – Retrucou Liu.
- Nem para o Pontas?! – Perguntou Sirius.
- Muito menos para o James...- Respondeu Liu.
- Então você está me pedindo para fingir que nada disso aconteceu?! – Perguntou Sirius, nunca nenhuma garota tinha lhe dito algo parecido, muito pelo ao contrário, todas faziam gosto que a escola toda soubesse.
- Isso mesmo...a gente continua amigos, e fingi que isso não aconteceu...afinal, foi um grande erro...!! – Respondeu Liu.
- Não foi um erro...muito menos um grande erro...sabe, talvez – Começou Sirius.
- Não diga o que você diz para todas, que comigo você sentiu algo diferente...ou que talvez a gente tenha um futuro juntos. – Disse Liu evitando os olhos do maroto.
- Eu...- Pela primeira vez Sirius estava sem palavras diante de uma situação como essa.
- Bom...agora se você não se importa, eu vou continuar o que eu estava fazendo...- Disse Liu voltando à limpar as coisas.
Instalou-se um silêncio fúnebre no quarto do Professor Binns, Liu preferia não olhar para Sirius, que pensava no que faria, pelo menos ele tinha beijado ela como tinha dito à James que faria. Os dois limparam o quarto todo, e ficaram esperando longos dez minutos até o Professor aparecer.
- Nossa...trabalharam direitinho...- Começou o Professor Binns. – Podem ir para o salão comunal...estão liberados.
Ambos saíram sem proferir uma palavra sequer. Vagaram pelos corredores do castelo, subiram as escadas, e chegaram na frente do quadro da mulher gorda.
- Doce de...- Liu começou, mas Sirius a interrompeu.
- Você vai ficar sem falar comigo para sempre?! – Perguntou ele.
- Não...claro que não...- Respondeu Liu.
- Está mais para “Claro que sim”... – Completou Sirius.
- A senha por favor....- Disse a mulher gorda.
- Sirius...assunto morto e enterrado! Entendeu?! – Perguntou Liu.
- Entendi sim...só acho que...- Ia respondendo Sirius.
- Que bom que você entendeu...”Doce de goiaba” – Disse Liu fazendo com que o quadro da mulher gorda se abrisse.
- Mas...esquece...- Disse Sirius ao perceber que a garota o havia ignorado e entrado no salão comunal.
Ambos foram direto para os dormitórios, já estava tarde. Mal Sirius pisou no dormitório James começou um longo interrogatório.
- E aíi?! Como foi?! – Perguntou James.
- Tivemos que limpar o quarto do Professor Binns! – Respondeu Sirius tentando disfarçar, e quem sabe até mudar de assunto.
- Nossa...você está lerdo viu Lessie?!...Você sabe muito bem sobre o que é que eu estou te perguntando!! – Exclamou James.
- Sobre o quê Pontas?! – Perguntou Sirius fingindo não saber a resposta.
- Está bem...esquece...você viu o professor Binns?! – Perguntou James.
- Sim. – Respondeu Sirius rapidamente.
- Ele está morto?! – Perguntou James.
- Sim...Pontas você...- Respondeu Sirius.
- Ele é velho? – Perguntou James novamente, ele sabia aonde queria chegar com essas perguntas.
- Claro... – Respondeu Sirius sem entender nada.
- Você beijou a Liu?! – Perguntou rapidamente.
- Sim! Mas o que é que isso tem haver?! – Respondeu Sirius sem notar o que tinha dito.
- Cachorro safadooo!! Eu sabiaa!! – Respondeu James.
- Merlim!!! Vou te matar Pontas!! E isso não é apenas uma ameaça!! – Começou Sirius gritando, o que fez com que Remus acordasse.
- Merlim!! Tem gente querendo dormir sabia?! – Reclamou Remus acordando.
- Aluado...você não sabe o que o Almofadas fez!! – Começou James, enquanto fugia dos travesseiros arremessados por Sirius.
- Cala a boca Bambi!! – Gritou Sirius jogando mais um travesseiro.
- O que ele fez?! – Perguntou Remus sem dar muita importância ao que James responderia.
- Ele beijou a Liu!! – Gritou James, fazendo com que Sirius botasse a mão na testa se sentindo culpado.
- Não acredito! – Disse Remus surpreso.- Eu achei que ela não iria deixar...- Completou.
- Ahhhhhh!! Era para ser segredo....- Murmurou Sirius.
- Nananinanão...você não poderia manter isso em segredo...para nós você teria de contar! – Disse James.
- Contar o quê?! – Perguntou Peter que havia acordado com o barulho.
- Que ele beijou a Liu! – Respondeu James. – Opsss...foi mal Almofadas...foi sem querer! – Completou.
- “Ótimo!! Agora o colégio todo vai ficar sabendo, e a Liu não vai mais nem olhar na minha cara.” – Pensou Sirius se jogando na cama e cobrindo os ouvidos com um travesseiro.
- Sério Almofadas?! – Perguntou Peter.
- Talvez...- Respondeu Sirius, sua voz sendo abafada pelo travesseiro.
- Deixa ele quieto Peter...- Disse James.
Todos foram dormir. Sirius não parava de pensar no que tinha acontecido no quarto do professor Binns, porque ela queria que fosse segredo?! Nenhuma garota gostaria de omitir o fato de ter ficado com Sirius Black, só ela...ela era diferente das outras...muito diferente...

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.