FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

15. Hormônios Descontrolados


Fic: ALÍVIO AOS CORAÇÕES - R/H e H/G TERMINADA!! Quem não leu, pode ler ela toda de uma vez!!


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

O jantar transcorreu normalmente. Os gêmeos só chegaram depois. Certamente para não ter de responder as perguntas dos meninos. Estes, por sua vez, estavam conversando no quarto de Rony. Hermione continuava fula da vida, sentada na beira da cama do namorado.
- Eles aprontaram alguma e eu não vou sossegar até descobrir se é feitiço, se é poção, ou o que é.
- Será? - Harry perguntou, abraçado a Gina na sua cama.
- Com certeza. Como eles souberam da casa da árvore e tudo mais? E depois da nossa conversa com a Tonks?
- Afinal o que vocês conversaram na cozinha de tão importante para que Fred se metesse com isso? - perguntava Rony enquanto tentava puxar Hermione mais para perto dele.
- Não era nada demais. - ela disse.
- Mas que"toques" são esses que ele quer me dar?
- Não me faz pergunta difícil, Ronald. Como vou saber o que passa na cabeça dos seus irmãos? Não domino a arte da Legilimência. - ela disfarçou.
- Pergunta difícil? Mas você é Hermione Granger! Como a melhor aluna de Hogwarts pode achar uma pergunta difícil? - ele perguntou divertido.
Ela abrandou a voz e olhou para ele.
- Você me acha mesmo a melhor aluna de Hogwarts, Ron? - perguntou, fazendo um carinho na perna dele.
Rony sentiu um calor estranho só com aquele toque.
- Quem não acha? - disse e finalmente conseguiu puxar ela para deitar ao seu lado, dando-lhe um abraço e depois um beijo gostoso.
- Ron - ela disse no ouvido dele - Harry e Gina estão aqui.
- E daí? - ele olhou para a cama ao lado ? Além do mais, eles não estão nem notando. Olha!
Harry e Gina estavam enroscados em um beijo.
- Acho que estou com inveja. - e deu-lhe outro beijo.
O beijo deles estava tão intenso que Hermione se levantou imediatamente ao sentir aquele famoso arrepio. Como eles não estavam sozinhos, ela sentiu medo dos outros perceberem, mas ela tinha um brilho diferente nos olhos.
- O que houve? - ele perguntou.
- Ah..., nada..., eu... Gina! - ela a chamou, fazendo Harry e Gina se soltarem. - Vou com Ron até seu quarto. Quero mostrar a ele um livro novo que eu comprei antes de vir para cá.
- Livro? - disse ele confuso - Não estou entendendo.
- Ah... aquele livro... ok - disse Gina.
- Mione, que história é essa? - disse ele, quando saíram do quarto.
- Cala a boca Ron, entra aqui. - eles entraram no quarto da Gina e ela fechou a porta.
- Eu não quero ver livro nenh...
Hermione o interrompeu, empurrando ele contra a porta e pressionado seus lábios nos dele. Imediatamente Rony abriu sua boca e envolveu a dela completamente. Sua língua procurou desesperadamente a dela e a encontrou logo. Ele a agarrou e puxou-a tão perto que podia sentir o coração dela batendo forte junto ao seu peito. Suas mãos percorriam suas costas. Devido ao grande calor que vinha fazendo, Hermione usava somente um top, deixando suas costas e barriga de fora. O passeio das mãos de Rony estava levando ela à loucura. Ela então não resistiu e colocou as mãos por dentro da camiseta dele, puxando-a pela cabeça. Ele podia sentir as unhas dela cravando na suas costas, mas ele não sentia dor, apenas uma coisa incontrolável que ele só havia sentido nos seus sonhos com ela. Sentindo isso, ele foi a levando até a cama e a deitou, colocando-se por cima.
- Mione, a gente...- ele dizia entre os beijos - ... você quer o mesmo... que eu?
Ela não respondeu, apenas o beijou com mais vontade ainda. Rony passou da boca ao seu pescoço. Ele lhe dava beijos molhados e quentes e cada vez mais ela não conseguia raciocinar. Ela arqueou a cabeça para trás, aumentando o caminho para os beijos dele. A mão dele a tocou por cima do top. Seus corpos estavam tão quentes que eles pareciam que tinham febre. Ele tinha medo de estar indo longe demais. E se ela achasse isso também? Droga, se isso era amor, então ele estava amando muito! Demais! Essa nova descoberta o amedrontou. Ele parou de súbito e se sentou.
- Ron... - ela também se sentou e tentou beijá-lo novamente.
Ele segurou seu rosto entre as mãos, sem conseguir tirar os olhos da sua boca e disse ofegante:
- Vamos... mais... devagar. Eu não..., nós não devemos...
Ela olhou confusa para ele. Seu corpo inteiro formigava de desejo, então ela o abraçou forte. Não estava se reconhecendo. Nunca imaginou que pudesse chegar àquele momento com tanta rapidez. Trocara o primeiro beijo com ele naquela manhã apenas e já estava se sentindo assim. "Por Merlin!" Pensou.
- Você está certo. - ela conseguiu dizer - Não sei o que houve comigo. Eu..., eu não sei.
- Ei, ei - ele puxou seu rosto para que o encarasse.
- Não se sinta assim. Eu também queria muito..., mas na hora em que eu toquei no seu ..., você sabe, eu..., eu senti um medo que não consegui definir. Acho que o que eu senti foi além de medo. É difícil explicar agora, porque minha boca diz uma coisa, mas meu corpo ainda está dizendo outra - completou encabulado. - Vou precisar de outro banho gelado.
Ela afastou uma pequena mecha de cabelos ruivos do rosto dele e deu um sorriso compreensivo.
- Acho que nós dois precisaremos, Ron. - ela riu e depois brincou - o box do banheiro da Gina é bem grande!
- Hermione, Hermione! - E os dois riram.
- Se você quiser pode ir na frente. - ela disse.
- Vai você. Minhas roupas estão no outro quarto. Além do mais, vou ter que esperar um pouco aqui antes de voltar lá. Por motivos óbvios, é claro! - e completou rindo - Acho que vou ter que pensar um pouco numa tia velha que eu tenho lá em Liverpool. Ou então você me mostra o tal livro que você disse.
- Não tem livro nenhum, seu bobo. Eu e Gina combinamos um código, quando uma de nós quisesse ficar sozinha com um de vocês.
- Vocês duas estão saindo pior que a encomenda hein.
Ela riu e entrou no banheiro.

No quarto ao lado, Gina e Harry continuavam se beijando entrelaçados. Gina, ouvia Harry gemer entre os beijos e sentiu as mãos dele em seus quadris. Então ela resolveu provocá-lo. Parou de beijá-lo e veio descendo pelo seu pescoço. Levantou a camisa dele e começou a mordê-lo de leve. Veio descendo mais um pouco, beijando o peito, o estômago, chegando ao umbigo. Harry estava de olhos fechados e seu peito arfava. Gina se deu conta que ela estava gostando demais daquilo. Seu corpo estava querendo mais. A coisa havia passado do limite imposto por ela mesma. De repente uma luz se acendeu dentro dela, fazendo-a parar. Ela olhou para ele e ele estava com uma expressão que ela nunca havia visto antes.
- Gina, por favor, não faz isso comigo, senão da próxima vez eu não sei o que poderá acontecer. Você sabe o respeito que eu tenho, mas não tem idéia o quanto eu quero você. - ele a puxou e lhe deu um beijo leve. - Assim você me mata, menina! - e sorriu.
- Desculpa, meu amor. Eu queria provocar você um pouco, mas..., depois..., eu já não sabia se era provocação ou... desejo. Prometo que não faço mais.
- Não fala mais nada. Fica só aqui comigo um pouco. - e a abraçou, aninhando-a entre seus braços.
Um pouco depois, Rony foi para o quarto e deu de cara com os dois dormindo abraçados. Foi direto para ao banheiro. Ao sair, deu um tapinha leve na irmã.
- Ei, Gi. É melhor você ir para o seu quarto, antes que a mamãe pegue você aqui.
Gina despertou e, ainda sonolenta, levantou da cama devagar para não acordar Harry.
- Boa noite, Ron.
- Boa noite. - ele respondeu em voz baixa.
Gina foi meio cambaleante para o seu quarto. Ela olhou para cama de Hermione e ela já estava adormecida. Ela apenas se jogou na sua cama e dormiu imediatamente. A mesma coisa aconteceu com Rony.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.