FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

10. Cap. X


Fic: O Diário de Draco Malfoy - Concluída!


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

---

Cap. X: Jogo de Quadribol.

É, realmente isso está ficando repetitivo.
Um dia eu enjôo.
Olá Diário idiota. Sei que é muita besteira perguntar, mas como você vai?
Ultimamente eu só tenho feito, pensado e falado, besteiras mesmo.
O que é? Estou irritado mesmo!
E não era pra estar? Irritado com aquele Velho gagá...
Irritado com aquela Weasley fêmea...
Irritado com esse diário idiota...IRRITADO SIM!
Uffa... Só uma coisa anormal:
Não estou irritado com o Potter. É, por incrível que pareça eu não estou irritado com ele. Também, o fiz calar a boca domingo.
Tudo bem que a Grifinória ganhou o jogo, (e é aí que entra a Weasley), mas EU capturei o pomo.
Eu venci aquele tapado, e facilmente...
A Pansy fez uma coisa que presta ao menos uma vez na vida.

FLASHBACK:

“Grifinória ganhava o jogo, com 200 pontos de diferença...
Graças ÀQUELA Weasley.
Havia feito praticamente todos os gols do jogo.
Não sei como consegui falar, e como a idiota da Pansy entendeu o que eu queria dizer e gritou o Potter lá da arquibancada.
Foi tiro e queda, ele curioso feito...
Bom, feito eu, (Eu desisto de me procurar, já não me reconheço á tempos.), foi olhar, na hora ‘agá’ eu vi o pomo e saí voando ao seu encontro sem o Potter me perseguindo.
Peguei em questão de segundos.
Apesar de saber que não ganharia o jogo, eu teria vencido particularmente do Potter, e não podia deixar a Weasley fazer mais gols...”

FIM DO FLASHBACK


E assim aconteceu...
Agora pensando bem eu acho que realmente agi certo, apesar de na hora ter lá minhas dúvidas.
Minha raiva da fêmea foi exatamente essa, por culpa dela a Sonserina perdeu o jogo...
Eu também estava irritado com esse diário... Será por quê?
Acho que é, porque desde que comecei a escrever nele, eu não me reconheço mais, e eu já disse isso milhões de vezes, eu sei.
Mas é verdade!
O que está acontecendo comigo, heim?
Acho que isso aqui tem alguma espécie de magia negra que corrompe minha mente.
Fazer o que?
É, então acho que já vou indo...

(N/A: Nd disso, falta vc voltar àkele assunto veelho, e contar oq foi q aconteceu... humfpt!)

Ok, eu não posso mais enrolar.
Também estava irritado com o velho Gagá: Dumbledore, para quem não sabe...
Apesar de que quem não soubesse isso é porque não tem nem um mínimo pedaço de cérebro, e por isso não mere...

(N/A:Draco!!!)

Ta, chega!
Enfim, eu o procurei... E adiantou alguma coisa?
Não!
Ele em vez de ajudar disse coisas que não tem NADA a ver, mas ele insiste em dizer que sim, além de não me dar a solução.
Sabe o que ele me disse? Sem que eu dissesse nada?

Ele: “Estava esperando por sua visita, Sr. Malfoy.”
Eu: “Como assim? Como sabia que viria?”
Ele: “Eu sei de mais coisas que imagina.”
Eu: “Quero saber porquê estou assim, e o que...”
Ele “...E o que fazer para se curar.”


Eu o olhei espantado.

Ele: “Não há cura para o amor... Ele tem de ser vivido, se tiver que durar, vai durar, e se tiver que acabar, ele vai acabar.”
Eu: “Amor? Como assim? Eu não estou amando ninguém.”
Ele: “A Srta. Weasley é uma boa menina.”


Depois de dizer isso ainda saiu da sala e me deixou falando com as paredes, vê se pode?
Agora sei menos ainda o que fazer...
Será que eu amo aquela ruivinha? O pior é que ela me balança mesmo...
Não consigo aceitar que depois dela ter feito o que fez no jogo, eu continuo com vontade de vê-la, beijá-la.
Nós não nos vimos depois do encontro, apenas no jogo.
E no fim dele, eu estava com muita raiva para apenas olhar para cara dela...
Tenho que conversar com ela. Já chega de adiar isso.
Amanhã eu a procuro.

Boa Noite,
Draco Malfoy.

---

N/A:
Oie, floores
->Obrigado d coraçao a todos q comentaram.. =)
O que acharam do cap?
A fic esta em reta finaal ;/

Beeijos
LahMalfoy ;**


---

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.