FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

9. O Plano de Harry


Fic: ALÍVIO AOS CORAÇÕES - R/H e H/G TERMINADA!! Quem não leu, pode ler ela toda de uma vez!!


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Gina tinha uma expressão no rosto que não dava a entender se ela havia ou não escutado o fim de sua conversa com Rony. “Tomara que não! Tomara que não!” Pensou ele.
- Ei – começou Hermione – o que vocês estão fazendo?
Rony, esquecendo-se completamente do que falava com Harry, virou-se para Hermione:
- Nada, só conversávamos. Que tal a gente fazer alguma coisa?
- Que coisa? – Harry perguntou, tentando desviar a conversa daquele assunto anterior.
- Que tal um joguinho de Quadribol no quintal?
- Só a gente? – Harry quis saber.
- Hermione, você não quer jogar também? – Rony perguntou a ela.
- Ai, vocês só pensam nisso! Vocês sabem que eu sou péssima voando em uma vassoura!
- Você pode ficar no gol! – disse Rony.
- Não! - Gina disse alto e todos olharam para ela, surpresos. - Por que Harry não fica no gol? Vamos mudar isso um pouco, senão a Mione nunca vai poder se acostumar. A gente brinca de fazer gols nele.
- É, pode ser legal! – Rony disse – Agora você vai ver o que é bom! – E riu.
- Bem, ok. – Harry disse.
- Eu não posso só ficar olhando e gritando: Potter é nosso Rei? – perguntou Hermione com um sorriso desanimado.
- Não! – Exclamaram os outros três.

Todos subiram nas vassouras. Harry não havia levado a dele, então Rony emprestou a de Fred para Harry e a de Jorge para Hermione. Harry se posicionou em frente aos arcos e fez uma pose que parecia Olívio Wood.
- Ha, ha, quero ver vocês acertarem um gol sequer aqui! – brincou ele.
- Vamos ver! – gritou Rony e pegou a goles. – Se prepara! Lá vai! Disse atirando para os arcos.
Harry viu a goles se aproximar do seu lado esquerdo e, com um movimento rápido, conseguiu bloqueá-la.
- Muito bom Potter! – Rony gritou. – Sua vez, Mione.
Hermione, se equilibrando desajeitadamente na vassoura, pegou a goles de um jeito que parecia que ela quebraria a sua unha. Ela atirou e Harry não teve dificuldade alguma para pegá-la pois vinha com pouquíssima força.
- Valeu, Hermione! Ë assim que começa! Só lembra que a goles não é um balaço, ok? Você não precisa ter medo dela! – Rony riu, acompanhado por Harry.
- Ah, parem com isso!
- Agora é com a Gina! – Harry lançou a goles para ela.
Gina, que estava calada desde então, gritou:
- Segura essa, Harry Potter! – e lançou a goles com muita força.
Harry viu que a goles vinha diretamente na sua direção, que estava na frente do arco central. Ela vinha com tanta velocidade que Harry quase caiu da vassoura ao segurá-la. Harry pôde perceber que Gina sorriu pelo canto da boca.
Rony novamente pegou a goles e desta vez ele acertou o arco direito de Harry. Gol! Hermione continuava desajeitada e seu tiro não chegava nem perto dos arcos. Na vez de Gina, ela demorou um pouco, como se tivesse fazendo mira e arremessou com toda força que pôde. Novamente Harry viu a goles vir direto para cima dele, atingindo o lado de seu estômago. Ele sentiu um pouco, mas logo a dor passou. Olhou para Gina e esta novamente sorriu. “Será que o sorriso é porque ela me acha bom goleiro?” Ele se perguntou. A goles novamente estava com Rony e ele fez outro gol.
- 2 a 1 para mim, Harry – e riu.
Hermione quase caiu da vassoura ao lançar a goles e desistiu, resmungando que o negócio dela eram os livros. Ficou ali só para ficar olhando.
Novamente Gina arremessou. Desta vez a goles veio direto no rosto de Harry e bateu com tanta força que uma lente de seus óculos quebrou. Ele colocou a mão no rosto e logo desceu para o jardim.
- Tudo bem, Harry? – disse Rony preocupado, descendo atrás dele, com Hermione chegando também.
- Tudo, tudo. Só a lente dos meus óculos que quebrou. Isso é uma tarefa para a super Hermione Granger!
- Assim eu vou perder a conta de quantas vezes já tive que consertar seus óculos. - Riu e acrescentou mirando sua varinha para o rosto dele – Ocullus reparum! – e ele voltou ao normal.
Logo depois Gina também desceu.
- Desculpa – disse seca e entrou para guardar a vassoura.
- Vamos entrar e ver se sobrou suco de abóbora. Está muito calor aqui! – Rony disse e Hermione o acompanhou.
Harry foi atrás deles pensando na raiva que Gina estava sentindo dele. Não sabia se os outros haviam percebido, mas Gina não mirava os arcos, era lógico que ela queria acertá-lo. Tinha certeza agora. Ela havia ouvido o fim da conversa na sala

A tarde passou, a noite chegou e a casa se encheu. Toda a família estava presente. O jantar foi divertido já que Fred e Jorge também estavam lá. Rony torcia para que Fred não tocasse no assunto da sorveteria em frente a Hermione, mas eles não falaram disso. Harry estava pensativo. De vez em quando olhava para Gina de rabo de olho e às vezes pegava ela olhando para ele também. Ele tinha que colocar seu plano em prática hoje. Não agüentaria mais Gina o olhando daquele jeito, nem o tratando daquela forma.

Mais tarde, depois que todos subiram, Harry perguntou a Rony no quarto:
- Empresta sua coruja?
- Pode pegá-la, mas Edwiges não está aí? Para quem vai mandar?
- Shhh, fala baixo. Quero fazer uma surpresa para Gina.
- O que é? – ele perguntou curioso, ao ver Harry amarrando uma pequena bolsinha na perna de Pitchi.
- Você vai ver depois.
Chegou perto da janela do quarto e disse à coruja.
- Leve para Gina.
A coruja piou arregalando o olho para ele, espantada.
- É para ela mesmo! E é só até ali mesmo! – apontou para a janela ao lado – Vai e não faz esse bico.
Enquanto Rony ria, Harry ficou olhando Pitchi bater o bico na janela de Gina e recuou para dentro.
- Vamos ver no que vai dar. – e sentou-se para aguardar.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.