FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

35. O Baile de Formatura!!!


Fic: Por que preciso te amar? - ÚLTIMO CAPITULO FINALMENTE POSTADO


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Oie genty...

Bom antes de tudo queria que me desculpassem pela demora...

Mas é que minha net, não andava funcionando muito bem, mas até que enfim eu consegui postar...

Além do mais estou com minha agenda lotada e estou atolada de matéria nova, provas e trabalhos a serem entregues, infelizmente por esse mês tive que deixar Harry Potter um pouquinho de lado inclusive a minha fic...

Mas agora ela esta ai prontinha para vocês lerem..

Desculpa pelo capitulo ter ficado enorme, mas apartir de agora preparem-se para caps gigantescos, é pq definitivamente minha fic esta entrando nos momentos e capítulos finais.

Esse em especial foi o maior até agora. Mas também, explicar tudo Tim Tim por Tim Tim, não é nada fácil.

Ah alguns esclarecimentos sobre o cap:

Bem no inicio do mesmo eu descrevi que Luna estava se arrumando no quarto junto com

Lilá, parvati Gina e Mione. Só pra esclarecer, quem levou ela lá foi a Gina ok?

O anel que Harry da pra Gina é de diamante legitimo.


Bom quem quiser ler esse cap com musica eu acho muito legal, pq eu escrevi com musicas...

Em especial peguem musicas de amor, tristes ou lentas, nada de rock pesadaum ok???
Bom...

De qualquer forma agradeço a paciência, a espera e os comentários...

Espero que gostem desse capitulo porque foi meio difícil de eu poder escrever...

Altas horas da manhah e eu lá, escrevendo a fic no meu pc...

È pq a tarde eu não podia e nem a manha...

Tive que cortar varias coisas do meu dia-a-dia para poder escrever também...

Mas ainda bem que esse cap já acabou...

Logo que eu comecei a postar a fic eu disse que os meus caps seriam curtos e claros pq eu odeio capítulos grandes, mas esse TEVE de ser grande, se não não iria ter graça...

Depois comentem dizendo o que achram ok??

Novamente desculpa pela demora da postagem e espero que gostem...

Bjokinhas

Bruxinha Gina!!!


+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+*+

35º capitulo

A formatura

O dia da formatura havia chegado. Haveria duas festas: uma para todos os formandos, de todos os anos, e outras somente para os sétimanistas, convidados e professores. Gina era convidada de Harry, e Luna convidada de Hermione. Ela apenas convidou Luna a pedido de Gina.

Hermione, Gina, Luna, Parvati e Lilá, estavam arrumando-se para a formatura. Todas no mesmo quarto. Mc Gonagall dissera que este ano, não precisariam usar capas negras e coisas assim, apenas teriam de usar o pontudo chapéu.

Hermione estava linda. Seus cachos estavam bem delineados. Seu vestido era um tomara que caia branco com flores rosas costuradas, pequenas e brilhantes. Sua sandália era branca e bem alta.

Gina estava com um vestido preto, ao qual realçava a cor de seus cabelos e olhos. Seu vestido era repleto de miçangas, que juntas formavam flores. Sem contar que a linda pulseira, que a salvara ainda deslumbrava seu pulso, só que agora não brilhante.

Luna, vestia uma simples calça, e um blusa laranja, rosa, azul, verde, misturada com roxa, e um desenho de jabuti na frente. Bem coisa de Luna.

Parvati, até mesmo Gina teria de concordar, que seu vestido era lindo. Laranja até os pés, e com algumas marcas brancas. Seu cabelo estava solto e encaracolado, com alguns brilhantes caindo sobre os mesmos.

Lilá, também estava deslumbrante, só que seu vestido era um pouco decotado e curto demais, pelo que percebeu Mione.

- Parvati, fecha aqui pra mim? -disse Lilá, pondo os cabelos para o lado e mostrando o fecho de vestido para a amiga. Enquanto Parvati fechava, Lilá disse: - E ai garotas, pretendem ficar com alguém nessa formatura? Obrigada! - disse Lilá a parvati.

- Não! Não sou como umas e outras que ficam beijando, ou melhor, engolindo garotos por qualquer canto, muito mais em bailes ou comemorações! - disse Mione fuzilando Lilá com os olhos e lembrando-se do dia da comemoração da Grifinória,(logo após o jogo de quadribol) em que Lilá beijou Rony.

- Mione! - disse Gina ofendida.

- Desculpa Gina, eu não estava falando de você, porque VOCÊ não engole ninguém!

- Escute aqui Granger, só porque você SÓ ficou UMA vez com o krum, e nunca mais beijou ninguém, não precisa ofender as outras que tem mais fama que você! - disse Lilá debochada.

- Só se for fama de P...! - respondeu Mione extressada.

- Ei, ei, ei! Querem parar? - perguntou Gina

- E tem mais uma coisinha Granger, quer você queira quer não, eu VOU ficar com o Rony esta noite esta me ouvindo? - disse Lilá sorrindo.

Mione parou. Pensou, e não deixou-se abalar.

- Pois fique! Eu não tenho nada a ver com isso! Alias a vida é sua e dele, eu não participo dessa história. Nunca participei da sua vida, MUITO MENOS DA DO RONY! E tem mais, pode ficar com ele se quiser, o único problema vai ser ele te aceitar, porque ele não te suporta mais ta me ouvindo? Você não sabe, mas EU sei o quão Rony falou mal de você nas férias! No sexto ano, ele se escondia atrás de mim , quando via você, só pra não ter que olhar pra essa sua cara de...de...de... - disse Mione com lágrimas brotando em seus olhos.

- De? De o que Granger? Não tem capacidade de pensar em um nome?

- Tenho! Claro que tenho! Mas é que pra vc tinha de ser um nome bem especial, quero dizer, RIDICULO!

- Pode me chamar do que quiser ok? Eu não me importo! O que vem de baixo não me atinge! E também, nenhum nome seria pior do que: PESADELO, SABE-TUDO, MANDONA, ou algo do tipo.

- Essa história já foi longe D+!-disse Gina pondo-se na frente de mione, encarando lilá. - e Brown, pra sua informação, o Rony não te ama mais ok? Melhor ele nunca te amou! Você passou longe dos planos de futuro dele. Quer dizer chegou muito tarde! Afinal Rony já escolheu a garota dos sonhos dele a muito tempo, e vc não esta incluída nele.

- Escuta aqui Ginevra...

- escuta aqui você! NINGUEM, NINGUEM me chama de Ginevra, ta escutando direitinho? Ninguém!

- Tudo bem Weasley... mas mesmo assim, aposto que essa garotinha ai que o Rony escolheu pra ele, é muito pior que eu certo?

- Errado! Ela è a pessoa mais legal que eu já conheci na vida!

- Não vai me dizer, que ele gosta da sua melhor amiga a ... DI-LUA?

- Em 1 lugar ela tem nome, e é Luna, em 2 a Luna é uma das minhas melhores amigas, a principal é outra, e sim, ele AMA a minha melhor amiga!

Luna, Mione e Parvati olhavam atentas para Gina e Lilá.

- E então? Diz ai como é o nome da sua amiguinha e mulher dos sonhos do Rony!

Gina pensou, suspirou profundamente e disse calma e claramente:

- Granger! Hermione Granger!

Gina fechou os olhos como se dissesse: " Vc ta ferrada Gina! Teu irmão te mata agora!Era uma vez, Ginevra Molly Weasley!"

Hermione boquiaberta sentou-se em uma cadeira, pois se continuasse de pé cairia.

Parvati e Luna arregalaram os olhos!

- Há..há..háaaa - fez Lilá, antes de cair no chão desmaiada.

- Lilá? Lilá! Acorda! - disse parvati batendo nas bochechas da amiga.

- Han? - fez Lilá, mas quando viu Gina recuperou-se logo, logo. - Weasley a piada foi muito engraçada, mas agora fala a verdade!

- Mas eu falei a verdade! Vai dizer que vcs nunca tinham percebido! Tava muito na cara gente! Pelo amor de Merlin!

- Granger, eu te mato! - berrou Lilá, indo até Mione e rasgando literalmente a saia do lindo vestido da garota, de ponta a ponta.

- Olha o que vc fez sua louca! - disse Mione segurando os restos do vestido.

- Você merecia!- disse Lilá saindo do quarto acompanhada de Parvati.

Mione caiu no chão sentada, escorregando pela parede, e lagrimas rolaram sobre seu rosto.

- Calma mione! - disse Gina conjurando um copo de água. - Toma! - disse alcançando a água a garota.

Mione meio tremula levou o copo a boca.

- Não tem como consertar? - perguntou Gina a Mione- Um reparo talvez?
-
- Tem!Lógico que tem! - respondeu ela. - Mas existe um grande problema. Prometi a mim mesma que não usaria mais feitiços em vão.

- Que loucura é essa?

- Pois é, agora eu vejo a grande burrada que eu fiz. Mas é que eu estava me deixando levar demais por essa história de aula, livros, pergaminhos. Só pensava nisso e me esqueci de viver. Não pensei nas coisas boas que giravam ao meu redor. Não pensei na PESSOA boa que girava ao meu redor. Apenas dei bola a livros. Livros de tudo quanto é tipo. Até que um dia eu resolvi dar um basta! E prestar mais atenção a minha vida!

- Mas e se você quebrar essa promessa somente por hoje?

- Eu fiz uma promessa Gina e eu vou cumprir!


- Mas só por hoje! - implorou Gina

- Eu já disse! Fiz uma promessa e agora vou cumpri-la!- berrou Hermione.

- Alguém quer uma ajuda? - perguntou Luna.

- Quero sim! - disse Gina olhando para Luna triste. - Avise Harry, que eu agradeço ele ter me convidado para a festa, mas eu não vou poder ir! Ah e depois me avise que casa ganhou este ano ta?

- Gina você enlouqueceu? - perguntou Mione


- Não claro que não! Eu apenas vou ficar aqui com você, afinal se não tivesse aberto essa minha bocona, a Lilá nunca morreria de raiva e por isso nunca rasgaria seu vestido.Então, a culpa é minha. Posso ficar aqui?

- Claro que não! Vc vai pra comemoração e para o Baile sim senhora!E a culpa não foi sua!Foi minha que fiz esse juramento!

- Eu não vou deixar você aqui sozinha!

- Ah vai sim! E alem do mais, eu QUERO ficar sozinha! Luna leva a Gina daqui!

- Mas...-balbuciou Gina.

- Eu já disse! Luna leva ela daqui!

- ok! - disse luna agarrando o braço de Gina e "arrastando" ela para fora do quarto.

- promete que vai ficar bem? - perguntou Gina

Mione deu um meio sorriso e fez que sim com a cabeça.

Gina sorriu timidamente e saiu do quarto.

Hermione, fechou os olhos e no lugar do pequeno sorriso, lagrimas salpicaram-lhe os lábios.


- Não podemos deixar ela sozinha Luna! - disse Gina no fim das escadas.

- Ela quem? E cadê a Mione? - perguntou Rony levantando-se do sofá seguido de Harry.

-Her..há...a Mione ta la no quarto, é porque ela ainda não terminou de se arrumar e.... - dizia Luna, pescando as primeiras palavras que lhe vinham a cabeça.

- A hermione ta la em cima, ela não ta se arrumando e ela não vai vir a formatura, muito menos ao baile. - disse Gina rapidamente, quase atropelando-se nas palavras.

- Como assim? - perguntou Rony espantado.

Luna, sabendo que aquela discussão iria longe, resolveu retirar-se do recinto.

-é, é isso mesmo que o senhor ouviu!A hermione não vem, pq a sua queridinha namorada, a idiota da Lilá, fez o favor de rasgar o vestido da Mione inteirinho!- escandalizou Gina.

- Ela não é minha namorada! E pq ela fez isso?

- Ciúmes!

- Ciúmes porque? - disse Rony, não querendo acreditar na besteira que talvez a irmã fizera.

- Ham..ham..huum! - fez Gina dando alguns sorrisinhos de santa como se dissesse, "Alguém me ajuda!"

- Ginevra Molly Weasley! Eu te mato! Agora sim vc morre! - disse Rony correndo atrás da irmã.

Gina rapidamente voou para as costas de Harry. Ele abriu os braços impedindo de que Rony a machucasse.

- Você agora também vai ficar sem vestido! - berrou Rony, correndo para trás de harry, mas gina foi mais rápida, e começou a girar em torno do garoto.

- Vocês querem parar! - berrou Harry e Gina e rony pararam. - Gina, o que vc falou pra Lilá, pra ela ter ficado morrendo de ciúmes.

- O que todo mundo já sabia! A verdade!

- Que verdade? A verdade de que o Rony é apaixonado pela Mione? - disse Harry calmamente, mas se tocou do que havia falado quando gina sorriu pra ele, e rony o lançou um olhar vingativo bufando.

- Viu, até o Harry já sabia! - disse Gina novamente escondendo-se atrás de Harry.

- Eu ainda esgoelo vcs dois!

Gina, querendo mudar o assunto, disse:

- Harry, como vc esta lindo! - disse ela dando um bjinho no namorado.

Sim, seu namorado! Depois daquele acontecimento na casa dos gritos, Gina e Harry resolveram finalmente ficar juntos. Totalmente o contrário de Rony e Mione.Os dois nem se falavam direito. Desde o baile do dia dos namorados viviam sempre com quatro pedras na mão.

- Bla...bla..bla! - fez Rony, ao ver seu melhor amigo, beijando sua irmãzinha.

- Você também ta lindo maninho!

Rony estava vestindo, um terno preto, com uma gravata vermelha e preta. Estava muuuito mais bonito do que no Baile de Inverno, e do que no Baile do dia dos Namorados. Harry, também estava de terno, só que branco,e a gravata preta e branca.

- Vc também ta linda maninha! - respondeu Rony debochado.

- Eu não acho! - disse harry para espanto de Gina. - Eu não acho que vc esta linda, porque você sempre foi linda!Já me acostumei com sua beleza, mas mesmo assim continuo te achando a garota mais linda de todo o universo!

- Quanta falsidade! - disse Rony revirando os olhos.

- Cala a boca Ronald! - disse Gina dando mais um beijo carinhoso em harry.- Bom vamos pro Baile?

- Claro que não! Gina, vc não vai ficar com a sua amiga? - perguntou Rony

- Eu ia, mandei até Luna avisar a Harry que eu tinha adorado o convite dele, mas que eu não ia vir ao baile, e ela quase estourou meus tímpanos de tanto que berrou pra eu vir.

- Mas, e ela? Vai ficar sozinha?

- Me disse que QUERIA ficar sozinha!

- Mas EU não vou deixar!

- Hã? Como assim? - perguntaram Gina e Harry em uníssono.

- é, eu não vou deixar ela ficar lá sozinha, afinal eu tenho um pouco de culpa nessa historia!

-Um pouco? - perguntou Gina com um sorriso

- Ta, eu tenho bastante culpa nisso, afinal a Lilá só ficou aos nervos assim, por minha causa, por que eu sou apaixon...

- Apaixonado pela hermione? - perguntou Harry

- è!-encorajou-se rony- Por isso, eu vou ficar lá com ela! Façam bom proveito da festa, e depois me digam quem ganhou a taça das casas, apesar de já ter certeza que foi a Grifinória.

- Rony, uma perguntinha! Como vc vai subir as escadas, hein? - perguntou Gina.

- Ah é, tinha me esquecido! Me leva até lá em cima?

- Hm, deixa eu ver? Claro né! Drr!Já volto harry!

Dito isso, ela pegou a mão do irmão,e o levou até a porta do quarto onde estava Mione.

Bateu na porta.

- Boa sorte! - disse ela para Rony, descendo as escadas rapidamente.

Mione levantou-se do chão e abriu a porta.

Todo o nervosismo de Rony, transformou-se na vontade de ter hermione em seus braços, ao ver ela vestida daquele jeito. Estava linda. Muuito linda.

- Er...Rony? o que vc quer aqui? - perguntou ela sem jeito, tentando tampar o rasgo da saia.

- Com licença! - disse Rony entrando dentro do quarto e abrindo a gaveta de roupas, com as letras HG(feitas com um feitiço de escrita) na frente, olhando as roupas de Mione.

- o que você esta fazendo Rony?

- Procurando uma roupa, mas aqui só tem calça jeans e camisetinhas, vc não tem mais nenhum vestido?

- Não!

Rony baixou a cabeça, e rapidamente a levantou sorrindo como se tivesse se lembrando de algo.
Voltandu nu tempu...
Dia do aniversário da hermione...

- Parabens Mione! - disse Rony, apertando a mão da garota.

- Obrigada!

- Bom, eu gostaria de te dar o seu presente hoje, mas não posso. Se eu te desse agora tenho certeza que não faria bom proveito. Mais tarde quando eu ter certeza que você precisar eu te darei.

- Ok rony! Novamente obrigada!

Rony sorriu para a garota sem jeito. E se afastou dela, indo para a outra extremidade da sala.


- Mione, se lembra do dia do seu aniversário em que eu disse para vc que eu somente daria seu presente no dia em que eu teria certeza que você faria bom proveito?

- Lembro mas o que o meu aniversário tem a ver com hj?

- Tudo! Porque hoje é o dia em que eu tenho certeza que você fará um bom proveito do meu presente. Isso quer dizer... que hoje voce vai ganhar o presente. Bom, vem junto comigo! - disse Rpny com as palavras fugindo-lhe a mente.

Rony pegou hermione pela mão, e a puxou para a porta.

- Rony eu não posso sair e a minha roupa?

- Esquece isso!

Desceram as escadas e quase não havia mais ninguém.

Depois de alguns minutos, Rony ainda segurando a mão de mione parou em frente do nada.

Estava na frente da sala precisa.

- Concentre-se em um lindo jardim com rosas vermelhas e brancas, com um banco e um chafariz.

Hermione fechou os olhos e concentrou-se no que rony lhe pediu.

Ao abri-los novamente deparou-se com o que havia pensado. O lugar era lindo. Ao fundo da sala havia um grande banco de mármore. Ao seu lado direito um enorme jardim de rosas vermelhas e brancas. A sua frente um enorme chafariz, e a seu lado esquerdo um...trocador de roupa?!?

Rony soltou a mão da garota e encaminhou-se para o meio das rosas. Agachou-se e ao se levantar, hermione percebeu que pegara um embrulho. Uma grande caixa branca ele trazia nas mãos.

- Pega! Esse é seu presente!

Hermione olhou para Rony e logo após para o presente o pegando na mão.

Abriu a tampa, e a primeira coisa que vira, fora um tecido de seda branco, coberto de rosas vermelhas e brancas com diamantes.Tirou o tecido de dentro da caixa, e teve uma grande surpresa. Não era apenas um tecido comum. Era um vestido. Um vestido por sinal muito lindo!

- Rony, eu não posso aceitar! Deve ter custado uma fortuna!

- Bom, que custou caro custou, mas o importante é se você gostou?

- se eu gostei? Eu adorei! Posso usa-lo ele agora, para ir ao baile?

- Sim, mas com uma condição!

- que condição?

- Que você ira ao baile comigo!

- Hum deixa-me ver.... é claro que eu aceito essa sua condição! - disse ela pulando em seu pescoço,e quando foi pra lhe dar um beijo na bochecha, Rony também virou o rosto para lhe beijar, então, rápida e magicamente seus lábios se encostaram, refortalecendo as energias e aumentando as esperanças de cada um.

Mione soltou-o com um olhar cúmplice e um sorriso tímido. Rony sorriu e Hermione lhe deu mais um beijo.

- Não vai se vestir?

- é claro que sim! - disse Mione encaminhando-se para o trocador de roupas, entendendo ai perfeitamente o porque daquele grande objeto.

Depois de uns dois minutos Mione saiu de dentro do trocador.

Estava mais linda do que com seu vestido antigo.Os diamantes davam mais brilho a Hermione!

- Her..ham.. -disse Rony engasgado nas próprias palavras. - Você esta...linda!

- obrigada! Agora vamos, que talvez ainda de tempo de pegarmos o inicio da formatura.

- Sim, mas antes tem mais três coisas que eu gostaria de te dar.

Mione franziu a testa.

Novamente Rony meteu-se no meio das rosas e de la ditou 3 embrulhos pequenos.

O primeiro que ele lhe entregou foi o embrulho maior. Abriu-o e mostrou para hermione seu conteúdo.

Era uma linda coroa de perolas e diamantes.

Hermione ficou boquiaberta.

Rony calmamente colocou a coroa na cabeça de hermione.

Ele sorriu ao ver ela novamente mais linda.

Abriu o próximo embrulho.

Era uma correntinha de coração banhada a ouro.

- Rony isso é... - disse ela perplexa.

- Shhhi! - disse ele virando Hermione de costas para ele, colocando os cabelos da garota para frente e pondo a correntinha.

E por último e principal presente ele deixou que Hermione abrisse.

Ela pegou o pacotinho na mão e ao abri-lo, seu coração bateu mais forte parecendo que ia saltar da boca. Eram dois anéis. Dois anéis de diamantes.

Rony com cara de cachorro sem dono disse:

- Quer casar comigo?

Hermione acariciou a jóia e pendurou-se no pescoço de Rony chorando.

- desculpa! Eu achei que você fosse gostar! Mas tudo bem, se não quiser casar comigo não
precisa chorar!

Mione riu.

- Não é por isso que eu estou chorando seu bobo! Foi porque sei lá... acho que foi porque faz mais de seis anos que eu estive sonhando com esse dia. - disse Mione tirando o anel do pacotinho, entregando-o a Rony e levantando sua mão no ar.

Ele pegou a mão pequena de hermione e ia colocando no dedo errado.

- è nesse dedo! - disse Mione mostrando com a outra mão o dedo anular.

- Ah sim claro! Bom..hãha...- deu uma tossidinha e respirou fundo, e calmamente começou a enfiar o anel em Mione - Juro solenemente...

Mione tirou o outro anel do pacote e pegou na mão de Rony.

- ... que te amarei eternamente! - disse ela terminando de por o anel no dedo de Rony. - E o noivo já pode beijar a noiva. - continuou Mione

- Essa é a melhor parte! - disse Rony fazendo Hermione rir e a beijando.

- Engraçadinho! - falou hermione com o resto de seus lábios que ainda não estavam cobertos pela boca de Rony.- Er Rony, eu acho melhor nos dirigirmos ao Salão, não acha?

- Bom, sim! Você tem razão! - disse Rony a soltando, e passando a mão por seus cabelos.

A garota olhou para ele e sorriu.Ele lhe retribuindo o sorriso lhe deu mais um beijo.

- Ronald Weasley, quer parar?

- Ora, nós já somos marido e mulher, não acha que temos que demonstrar isso?

- Acho mas não agora, ok? - falou ela com um sorriso debochado nos lábios.

Rony bufou, mas aceitou a "proposta" da esposa.

Pegou na mão de sua mulher e a puxou para fora da sala, deixando lá dentro tudo o que não lhes importava muito. Naquele momento queriam mais era curtir a formatura e se curtir.

Desceram as grandes escadas do Salão. Chegando a porta do mesmo, Tonks o olhou e logo lagrimas formaram em seus olhos. Hagrid também estava olhando e por de trás daquela grande barba lagrimas caiam lhe sobre o rosto. Lupin sorriu ao ver a imagem daqueles dois jovens ingênuos (N/A: mas não tanto! Hihi!). Mc Gonagall deixou de lado o jeito durona, e emocionou-se ao ver rony e Hermione tão lindos e juntos. Era impossível de não notar aqueles dois jovens. Primeiro porque o vestido de Hermione era super brilhante, chamava a atenção de qualquer um. Os anéis de casados que "seguravam" nos dedos também brilhavam. Mas nada era mais brilhante e contagiante que o sorriso que formara nos lábios de ambos. Como todos os alunos, Harry e Gina também olhavam admirados para o casal.

- Ela esta...linda! - disse Harry.

- Harry! - falou Gina com uma pontinha de ciúmes.

Para emendar e não aumentar o ciúmes da namorada ele disse:

- mas não tão linda quanto você!

- Lindo! - disse Gina o dando um beijinho.

Mione estava com um sorriso tímido nos lábios e suas bochechas estavam rosadas de tanta vergonha. Também pudera, a escola INTEIRA estava olhando para eles.

Mione segurou firme na mão de Rony como se dissesse: ME AJUDA!

O garoto, como se tivesse adivinhado os pensamentos de sua mais nova mulher, segurou a mão dela mais firme ainda e a arrastou para onde estavam Gina e Harry. Conforme andavam a multidão inteira olhava para eles seguindo os passos. Lilá era a mais abobada de todas. Sua boca estava aberta como se estivesse prestes a engolir uma bola de tênis. Mas
Gina tratou de fecha-la rapidinho.

- Vejo que seu plano na deu muito certo não é Brown? - disse ela atrás do ombro de Harry e Simas, pois Lilá estava sentada ao lado de Simas.

Lilá cerrou os punhos e fez um beicinho com a boca o que fez Gina quase morrer de tanto rir.

Finalmente o casal ultrapassou todo o extenso corredor e sentou-se em um pequeno espaço na frente de Harry e Gina.

- Mione você esta muito linda! Aonde conseguiu este vestido? - perguntou Gina, observando cada detalhe de cada diamante.

- er bem... - balbuciou a garota

- EU dei pra ela! - disse Rony

- O que???? - perguntou Gina indignada - Eu nunca ganhei nem sequer uma bijuteria sua e vc da um vestido coberto de diamantes pra ela? Eu? Eu que sou sua irmã? - falou ela fingindo ter ciumes

- Bom Gina, mas é que eu pensei que..bem... ORA...VOCE TEM O HARRY QUE É BEM MAIS RICO QUE EU PARA LHE ENCHER DE OURO, DIAMANTE E TUDO O MAIS QUE VOCE QUISER!

- Maninho Eu so estava brincando! - falou gina assustada.

Lilá que estava com as "anteninhas" bem ligadas percebeu o alvoroço e também quem fora o dono que havia dado o lindo vestido a Hermione.

- O que? Você da um vestido pra ela coberto de diamantes, e quando estávamos namorando você não me deu nada? - gritou Lilá em pé.

- Não sei se você sabe mas existe uma grande diferença entre "namorada" e "mulher"?

Gina sorriu. Lilá abriu a boca de uma forma incrédula.

- Como assim..mulher? - perguntou Gina.

Rony e Hermione levantaram as mãos e Gina percebeu o lindo anel de diamantes no dedo dos dois. Mione sorriu, Gina deu um super sorriso levando a mão a boca, Harry acompanhou a garota, e Rony olhou para Lilá com uma cara de safado.

- Então isso quer dizer, que agora mais do que nunca, você é minha cunhadinha? - disse Gina com um sorriso de orelha a orelha.

- Hãhã! - confirmou Mione.

- Aiii, que legal! Eu, você o Rony e Harry, pertencemos a mesma família!

- Bom, -disse Rony- Você, eu e a Mione, pertencemos sim a mesma família, mas o que o Harry tem a ver com isso? Afinal vocês não estão casados nem nada!

- Er bem, ron... -falou gina sem palavras.

- Bem lembrado Rony! - disse Harry tirando uma caixinha de seu bolso. Abriu a caixinha, e Hermione debruçou-se sobre a mesa para ver o que era. Gina escancarou, se é que era possível,um sorriso bem maior do que o que dera quando vira Rony e Mione juntos. Harry calmamente, tirou dois anéis de dentro da caixinha, e quase pondo um dos anéis no dedo da garota, ele perguntou:-Quer casar comigo? - perguntou Harry envergonhado, sem atropelar-se nas palavras, o que para ele, aquilo era um grande mérito.

- Que esta esperando pra colocar no meu dedo? - perguntou Gina, com o rostinho de lado esboçando um sorrisinho tímido.

- Prometo solenemente...-disse Harry pondo o anel no dedo de Gina.

- Que te amarei eternamente! - falou Gina, pegando o outro anel, e pondo no dedo de Harry.

- Agora o noivo pode beijar a noiva! - disse Rony.

- è isso ai! - confirmou Mione, com o coração pulando fortemente no peito.

Harry, agora mais do que nunca sem se preocupar com o fato de que mais de 500 pessoas estavam olhando para ele beijou Gina.

Aquele beijo não durou mais do que alguns segundos, mas para eles haviam sidos minutos, horas, dias, ou quem sabe vários verões ensolarados.

- Minha irmãzinha ficou famosa! -falou rony rindo.

- Como assim?

- Ora...amanha em todos os jornais estará você o harry em todas as capas. Afinal você acabou de se casar com: o menino que enfraqueceu aquele-que-não-deve-ser-nomeado, o ELEITO, o menino que sobreviveu, o menino que viu ELE voltar, o menino que ganhou o Torneio Tribruxo, enfim, o menino que já conquistou muitas coisas.

- Olha Harry, nem da bola pra ele. Escuta o que eu vou te fala: Eu amo você pelo que você é...não pelo que você tem ou pela sua fama ta? - disse Gina olhando profundamente nos olhos de seu mais novo marido.

- Eu sei disso! - disse Harry a beijando.

- Ele esta com ciúmes só isso, afinal não se casou com HARRY POTTER, que nem eu! - disse Gina debochada.

- A sim claro! Ai Harry preciso falar uma coisa pra você: EU TE AMO! -falou Rony mais debochado ainda.

Os três amigos inclusive ele caíram na gargalhada.

Dino que estava a umas quatro cadeiras de Gina, sentiu uma pontada de raiva, mas não se importava mais tanto com a garota. Sabia que o coração dela sempre pertencera a Harry, não poderia fazer nada para mudar isso. Sabia também, que Gina nunca fora sua. Nunca, nunquinha mesmo! Não havia o porque continuar cruzando e interrompendo o caminho de Gina. Gostava dela, fora uma garota muito especial em sua vida. Gostaria que ela fosse feliz nos braços de outro, não que fosse infeliz aos seus braços.

Lilá, já não pensava o mesmo de Rony. Ela gostava muito dele. Na verdade uma paixão doentia. Aquilo não era amor, era verdadeiramente uma doença. Uma doença praticamente impossível de ser curada. Somente um grande e verdadeiro amor poderia fazer com que Lilá libertasse daquilo.

Romilda, a grande seguidora de Harry ano passado, para espanto de Gina, nem mais lembrava-se que Harry existia. Quer dizer lembrava por causa de sua fama. Mas nunca mais pensou em fazer feitiços, para que ele se apaixonasse por ela. Quando Harry beijou Gina ano passado na sala comunal, Romilda sabia que Harry amava aquela menina mais que todas do mundo, a mesma coisa para Gina.

Krum? Victor Krum? Nem ao menos sabia dessa história! Seria um parto Hermione explicar para ele que gostava de Rony e que ela havia se casado com ele, ainda mais por carta. Mas Victor já era um homem bem grande e entenderia Mione. Ele já deve saber que nem tudo é como a gente gostaria que fosse.

Gina também pensa assim. Os dias que vivera ao lado de harry, foram os mais importantes e alegres de sua vida. Mas infelizmente amanha ele chegaria ao fim. Somente ela e Harry sabiam o porque acabaria. O garoto não sabia que ela já sabia. Contaria amanha a todos o que pretendia fazer de sua vida. E continuar com Gina não era um de seus planos. Mas até ontem, eles não eram casados. Tudo ainda poderia mudar.

Os pensamentos de Gina foram interrompidos pela voz grave e ao mesmo tempo aguda de Mc Gonagall.

Logo que a diretora começou a falar, todos os alunos colocaram o chapéu.

- Bom antes de iniciar o banquete gostaria de parabenizar todas as casas, que contudo este ano não tiveram muitos problemas.Desculpem pela....

Mc Gonagall pensou em dizer "pela interrupção", mas uma certa corujinha branca foi mais rápida que ela.

Edwiges entrou voando janela adentro, soltando graves pios. Pousou a frente de Harry, com um pequeno pergaminho, ao que mais lhe parecia uma foto.

Tirou o embrulhinho da mão da coruja e percebeu que era realmente uma foto, mas não uma foto comum, era uma foto de seus pais jovens.

Acariciou a carta lentamente e ao passar o dedo indicador pelo pulso de Lílian, percebeu que ela tanto quanto Thiago, usavam pulseiras, a mesma que agora deslumbrava sobre o pulso dele e de Gina.

Olhou para a garota ao seu lado, e viu que ela tentava ver a foto. Percebeu sobre o colo dela, as mãos da mesma, com a pulseira em seu pulso.

Sorriu novamente ao ver a foto e a virou.

Atrás havia coisas escritas.


"Querido filho,

Queremos lhe entregar essa foto. Talvez quando receber não estaremos mais ao seu lado.

Pedimos a Dumbledore que quando você crescesse lhe entrega-se essas fotos junto a pulseira.

Queríamos lhe entregar as pulseiras e a foto, mas achamos melhor Dumbledore lhe entregar, afinal ele é o único bruxo que conhecemos, mais fora de perigo.


Te amamos muito...

Lílian Evans Potter e Thiago Potter.


Harry ao terminar de ler a "carta" olhou para a mesa a procura de Dumbledore.

Desapontou-se ao lembrar que assim como seus pais, Dumbledore não estava mais ali.

Encontrou os olhos de Mc Gonagall que a mesma sorria para ele. Harry o retribuiu.

Baixou os olhos para a carta e ficou se perguntando, o porque de Dumbledore não ter lhe dado a foto antes. Mas nem hesitou a perguntar a ninguém. Estava muito feliz e nada poderia preocupa-lo naquele momento.

Harry acariciou a coruja, pondo-a em seu ombro.

Mc Gonagall ainda sorrindo voltou a falar.

- Todas as casas tiveram um ótimo desempenho este ano. Contudo a coragem de certos alunos este ano, foi formidável.- disse Mc Gonagall caindo seus olhinhos por de trás dos óculos, para a mesa da Grifinória, onde Harry se encontrava.

Malfoy fez uma tremenda cara de desgosto.

Harry sorriu encabulado para Mc Gonagall.

- Você viu a cara do Malfoy? - perguntou Rony extremamente feliz.

Harry balançou negativamente a cabeça, lembrando-se de seu primeiro ano, quando Rony lhe perguntara a mesma coisa.

Mc Gonagall tornou a falar:

- A inteligência de pessoas diante do problema. - Mc Gonagall continuou a olhar a mesa da Grifinória só que agora para Hermione.

A mesma baixou a cabeça sobre os braços, e pelo que Harry pode perceber pelos contínuos soluços de Hermione, que ela estava chorando.

- E pela fraternidade de certas pessoas pelos amigos. - disse Mc Gonagall olhando para Rony.

Este ficou vermelho, não somente nas orelhas, mas sim no rosto todo, do mesmo modo que ficara quando pedira Mione em casamento.

- Agora vamos a contagem de pontos. Em quarto lugar, Lufa-Lufa com 327 pontos. Em terceiro lugar, Corvinal com 382 pontos. Em segundo lugar... - Tanto os grifinórios, quanto os sonserinos, estavam preocupados esperando a diretora dizer quem realmente havia ganhado. - Sonserina, com 420 pontos.

Os Sonserinos não sabiam onde enfiar a cara. Com as bocas tortas de desgosto, baixaram a cabeça, balançando-a negativamente, não acreditando que aquilo acontecera pela sétima vez consecutiva.

- E por último e grande vencedora, Grifinória, com 482 pontos. - tornou a falar a diretora.

Uma grande aglomeração de palmas, vivas e berros, se lançou da mesa da Grifinória.

Todos jogaram os pontudos chapeis para o alto e abraçaram uns aos outros, chorando, sorrindo, gritando, etc...

- Agora que o banquete seja servido. - Disse Mc Gonagall com um plec nas mãos, batendo uma palma.

Imediatamente as mesas se encheram com um grande banquete.

- hum...hum... - balbuciou Rony lambando os beiços.

Hermione revirou os olhos, mas mesmo assim pôs um moranguinho na boca de seu noivo com um beicinho.

Harry escondeu o riso, mas Gina não se conteve.

- Do que você esta rindo Ginevra?- perguntou Rony furioso.

- Nada nada! - falou ela entre dentes para conseguir parar de rir.

Uns 20 minutos passaram até que Mc Gonagall tornou a falar.

- Agora gostaria que todos os alunos, menos os formandos e convidados, se retirassem do recinto - afirmou Mc Gonagall, e o restante dos alunos levantou-se calmamente(tirando os grifinórios, que ainda comemoravam), dirigindo-se as salas comunais respectivas.

Ao final de todos saírem a diretora continuou.

- Antes de tudo gostaria de parabenizar aos formandos, por um pouco de disciplina que tiveram durante esses sete anos. Parabéns! - Mc Gonagall começou com as palmas e em instantes seguintes todos os professores e alunos dos outros anos batiam palmas incontrolavelmente.

Apesar das palmas não serem somente para eles, mas Mione parecia estar roxa de vergonha. Harry soltou um de seus sorrisinhos tímidos e as orelhas de Rony avermelharam-se.

-Hurruuuu!!! - gritou Gina.

- Sem escândalos maninha! - disse Rony debochado.

Mas a garota fingiu não ouvi-lo. Continuou assoviando e gritando, pois uma das coisas que ela mais odiava era receber ordens, principalmente de seus irmãos.

Alguns segundos depois Mc Gonagall fez mais um "plec" com as singelas mãos, fazendo com que o Salão Principal recebesse uma nova cara.

Imediatamente as quatro grandes mesas transformaram-se em gigantescos sofás com algumas mesinhas. A mesa dos professores e um pouco mais de espaço a frente havia virado a pista de dança. O teto, de azul escuro, e mal iluminado, passou para vermelho e com o símbolo das quatro casas. No chão havia um grande tapete vermelho ao qual começava na entrada do salão e ia até a pista de dança.

Tanto quanto Gina, Harry, Luna, Rony e hermione também tiraram os chapéus pondo-os na mesinha mais próxima.

- Vem! - disse Harry puxando Gina pra pista, para espanto da garota.

Seus olhos azuis vivos arregalaram-se sua boca contorceu-se e seus pensamentos disseram: "Hã? Como assim?" Mas logo ela acordou desse "sonho". Harry a puxara novamente forte pelo braço.

- Anda! - falou ele novamente, pondo Gina a sua frente e começando a dançar um a frente do outro, pois a musica não era nada lenta.

- ok! - concordou Gina.

- Quer dançar? - Pediu Rony a hermione, acariciando os cabelos ruivos sucessivamente.

- Er...bem...acho que sim! - disse Hermione com um risinho.

Rony a pegou pela mão, e a levou para a pista.

A única que sobrara e restara ali, fora Luna.

Sentou-se em uma cadeira, pondo o cotovelo sobre a mesa, e a cabeça na mão, suspirando fundo e batendo o pezinho fortemente no chão.

- Aiai! - suspirou Luna cruzando os braços,e vendo os casaisinhos formando-se na pista.

- Que dançar? - perguntou uma vozinha sobre o ombro de Luna.

- Neville? - disse ela enchendo-se de esperança. Ao virar o rosto teve uma surpresa um tanto que desagradável. Era um menino que nem ela mesma conhecia. - Ah, é vc! Mas..quem é você?

- Josh Ritter, prazer! - disse ele passando os dedos sobre o cabelo engomado.

- Ah prazer! - falou Luna com desgosto.

- E ai? Quer dançar ou não?

- Ela já tem um par! - disse outro garoto por trás de Luna.

- Neville? - falou ela novamente esperançosa. Virou-se e viu que havia acertado. Sim, era Neville. Um pouquinho mais gordinho e mais mal arrumado, mas pelo menos não tinha o cabelo engomado, parecendo uma vaca lambida.

- Quer dançar? - perguntou neville a Luna.

- Ah...sim claro! - disse ela levantando a mão no ar. Neville pegou na mão da garota deu um beijinho e ajudou a levanta-la. - Com licença! - disse ela a Josh.

Neville levou Luna para pista e Josh já ia ao encontro de outra garota.

-Coitada! - disse Luna.

- Que você disse? - perguntou Neville.

-Nada nada! - respondeu a garota com um risinho.

Luna começou a inventar passinhos de dança, e Neville aos poucos acostumou-se.

Gina e Harry dançavam um pouco ao fundo e Mione e Rony no lado esquerdo da pista.

Passados mais alguns minutos de muita musica lenta e rápida, Harry cansou-se.

- Er Gina... eu preciso me sentar não agüento mais!

- ta bom! Pode ir! Eu vou continuar dançando mais um pouquinho! - disse Gina dando um beijinho em Harry.

Foi ao encontro de Rony e Hermione e por incrível que pareça os dois estavam dançando juntinhos sem nenhum problema. Dançando até bem pelo que percebeu Harry.

- Oi Harry! - exclamou Mione parando de dançar.

- Oi! - falou Rony irradiante.

- Er bem... eu não gostaria de estar estragando esse momento de vocês....

- Não magina! - falou Mione fechando os olhos ao falar.

- É que... eu precisava falar com vocês... é urgente....

- Hã? - fizeram Rony e Mione em uníssono.

- Tava brincando! Não é urgente nada... mas é que eu preciso falar com vocês!

- Ufa! - falou Mione passando o pulso seguido da mão pela testa.

- Venham comigo!

A alguns três metros dali, conseguiram passar pela multidão de alunos que festejavam, e finalmente encontraram a "saída" daquela aglomeração, sentando-se em um dos sofás.

- Que você queria com a gente Harry?

- Bem mione é assim... - disse Harry encolhendo-se um pouco pra trás, e Mione sentou-se na beira do sofá. Rony porém continuou sentado do mesmo jeito ao lado de Harry. - Eu queria entregar uma coisa pra vocês dois.

- Presente de inicio de férias? - falou Rony debochado e rindo.

Mione revirou os olhos, Harry balançou a cabeça negativamente e Rony pode perceber a besteira que havia falado.

- É assim... Mione você já havia visto este presente comigo, mas este presente que eu vou lhes dar hoje pertenceu mais a meus pais do que a mim mesmo.- Harry pegou o embrulho de dentro do mesmo bolso que tirara o anel que dera a Gina.

Mione pegou um embrulhinho e Rony pegou o outro. Mione abriu por primeiro.

- Ar Harry... essas pulseiras.. era a que você e a Gina usavam certo?

- Errado! Como eu mesmo disse essas pulseiras pertenceram mais a mim mesmo.

- Não estou entendendo mais nada! - retrucou Mione.

- Bom... como eu ainda não havia lhes contado toda aquela história de que eu precisava do vira-tempo e bla bla bla, eu acho que agora finalmente chegou a hora de conta-la. Bom tudo começou na véspera do dia dos namorados...

Harry contou toda a história Tim Tim por Tim Tim. Dês da parte em que Gina quebra a pulseira até a que ele destrói um pouco mais de Voldmort.

- Dái, criou-se mais uma outra premonição, que falava para eu entregar essa pulseira a duas pessoas que eu adorasse. Escolhi vocês. E é assim que termina.

- Nossa Harry! Por que não nos contou? Nós ajudaríamos você!

- Não! Não meteria vocês em confusão!!!

- Ah! Senti falta de confusão este ano! - disse Rony com um beicinho.

- Fica quieto Ronald Weasley! - esbravejou Hermione

- Ok senhorita Hermione Granger Weasley!

- Seu bobo! - disse Mione recebendo um beijo de Rony.

Harry pressentiu que não haveria mais o porque continuar ali. Deus uns dois passos a frente, saindo de fininho, para legitimamente não precisar segurar vela.

- Espera Harry! - gritou Mione

- Er... Podem continuar! Eu...bem... vou lá com a ... - Harry pensou em dizer Gina, mas para seu espanto teve uma surpresa não muito agradável, que fez com que um grande monstro rugisse dentro de seu peito.

Gina, estava dançando, bem dizer, se esfregando com ninguém mais, ninguém menos que Dino.

Hermione balançou a cabeça negativamente espremendo os olhos e Rony torcia a boca, tentando não rir, coçando os cabelos enquanto Harry encaminhava-se na direção de Gina e Dino.

- Ginevra Molly Weasley Potter!!! Posso saber o que significa isso? - perguntou Harry extremamente furioso.

Gina rapidamente parou de dançar. Dino para espanto da garota passou seu braço sobre o ombro dela. Estava espantada, feliz e super nervosa. Espantada, pela atitude de Dino. Feliz por Harry a ter chamado de Ginevra Molly Weasley POTTER e super nervosa, pois quando Harry a chamava pelo nome inteiro, é porque algo não estava muito bem.

- Harry? Isso... não significa nada! - disse Gina "desprendendo" o braço de Dino, alterando um pouco a voz e lançando olhares furiosos a Dino.

- Como não significa nada? Eu vi! Com meus próprios olhos!

- E eu com isso Potter que você viu??? - exaltou-se Gina. - Eu não estava fazendo nada de demais! Estava apenas dançando, já que você me deixou plantada dançando sozinha! E além do mais, eu também vi com meus próprios olhos que a terra ainda ah de comer, você aos beijos e agarros com a Chang!

- Mas eu não estava ficando com você, nem namorando com você, MUITO MENOS casado com você!

- Quem não deve não teme Potter! - zombou Dino.

- E você, cala a boca!

- Harry, eu te amo e nunca trairia você!

- Ai! O chifre ta pegando! - disse Dino coçando a testa.

Harry ia saltar em Dino, derrubando-o no chão, mas Gina posse na frente, fazendo com que Harry caísse sobre ela.

Harry aproximou os seus lábios dos da garota. Ela estava quase se rendendo.

- Er...bem... Potter saia de cima de mim! - gritou ela, tirando seu corpo de baixo de harry e levantando-se. - NÃO TEM NEM CAPACIDADE DE ACREDITAR EM MIM E QUER ME BEIJAR??? Pra mim já chega! - disse Gina despertando vários olhares curiosos. - Chega! Ouviu? C-H-E-G-A!!!!

Dito isso, Mione pensou que Gina sairia correndo como vez das outras vezes. Mas não, ela simplesmente virou de costas e caminhou lentamente a saída do salão, enquanto várias pessoas olhavam para ela.

Mione ajudou Harry a levantar-se do chão. Ele pegou em sua mão e com um impulso ela ergueu-o do chão.

- Eu acho melhor você ir falar com ela! - aconselhou Mione. - E quanto a você cale a boca se não quiser apanhar. - continuou ela para Dino que agora tentava segurar o riso.

Rony deu duas palmadinhas nas costas de Harry, em forma de amizade.

Harry baixou os olhos e sorriu para Hermione.

Hermione o retribuiu com uma carinha como se dissesse: O que você ainda faz aqui?

Harry entendendo perfeitamente, virou as costas e encaminhou-se para a saída do salão.

Ele assim como Hermione também pensou, em quanto caminhava, a respeito de Gina. Ele achava que a encontraria na sala comunal, encolhida em um canto chorando.

E acertou. Mas apenas na parte em achar que ela estava na sala. Gina não estava aos prantos, muito menos chorando. Seu olhar era calmo e passivo. Sentada a beira da lareira, seus olhos flamejavam e seus cabelos diluíam-se , parecendo fazer parte do fogo.

- Que esta fazendo aqui? Veio pedir seu anel de volta? Se é isso o que você quer oh, toma! - disse Gina tirando o anel do dedo sem encarar Harry.

- Não Gina! Eu não vim aqui pra isso! - disse ele encaminhando-se para perto dela.

- Ah, não? - confundiu-se Gina olhando para Harry.

- Não! Eu vim aqui pra falar com você? - disse ele sentando-se ao lado da garota.

- è? Que bom pra você! Mas perdeu seu tempo, porque eu não tenho mais NADA pra falar com você! - disse ela levantando-se do chão e encaminhando-se a escadaria do dormitório feminino.

- Você quer fazer o favor de me escutar? - exaltou-se Harry.

- Ééééééééééé... NÃO?

Harry bufou.

- Ginevra Molly Weasley Potter...

- Weasley, somente Weasley!
- Gina eu não estou pra brincadeira!

- E quem disse que eu estou? Afinal quem começou a fazer a brincadeira de bancar o machão, foi você!

- Eu não quis bancar o machão, eu só quis...

- Me machucar? È acho que era isso que você queria.. e conseguiu! Alias... Harry nós estávamos casados - harry sentiu um embrulho no estomago ao ouvir "estávamos casados", afinal, eles não estavam casados? - não tinha o porque você duvidar de mim. Ta certo eu posso ficar com muitos garotos, mas que culpa eu tenho de ser popular? E alem do mais... eu era sua mulher! Não tinha o porque eu ficar com outro, estando casada com você! E tem mais... eu sempre fui apaixonada por você, e agora que estávamos casados, você acha que eu ia desperdiçar minha chance de ser feliz com você, pra ficar com outro carinha? Só idiota pra pensar assim! Mas vem ca... eu não to pra melosidade hoje, portanto, me deixa!

- Gina me escuta! Eu te escutei agora me escuta! - disse Harry enquanto Gina voltava para perto de Harry, cruzando os braços e atirando-se no sofá. - Eu quero que você saiba quais foram as minhas razões para ter falado daquele jeito com você! - gina bocejou.

- è por algum motivo nobre e idiota, não é? - disse Gina forçando um sorriso, fazendo Harry se lembrar do fim de seu sexto ano no enterro de dumbledore, quando ele resolveu acabar com ela.

- Você gosta de usar essa frase não?

- Apenas uso-a quando acho que você age mais com a cabeça do que com o coração.

Harry sorriu.

- Er Harry... não precisa me contar os motivos por você ter agido rudemente comigo antes, eu entendo! Em quero dizer, sei que você gosta de mim e que apenas ficou com ciúmes. Mas... você quer seu anel de volta?

- Eu? Que eu vou fazer com ele? Alem do mais eu acho muito bonito em você!

- Você quer continuar casado comigo?

- Quer que eu responda?

-ham ham!

- Então ta! Bem eu não quero mais continuar casado com você, imagina! Nem tem cabimento!

Gina espantou-se arregalando os olhos.

- Tudo bem! Se não que mais continuar casado comigo, também não precisava falar assim.

Harry começou a rir.

- Do que você ta rindo? Qual é a graça?

- Eu só tava brincando!

- hahaha... como você é engraçado! Pois saiba que eu não gostei! - disse ela fechando a cara.

- Você me perdoa?

-Sim!

Harry sorriu.

- Ei o que você esta esperando pra me beijar? - esbravejou Gina.

Harry sem pensar novamente beijou Gina.

- Vamos voltar pra festa???

- Não to com cabeça pra isso! Desculpa! Mas eu preciso ir deitar! Boa noite! - disse ela dando um beijinho em Harry e subindo as escadas.

- Ah! Gina! Acabei de me lembrar de uma coisa importantíssima! - escandalizou harry.

- O que? - perguntou ela com espanto no alto da escada.

- vem ca! - disse harry escandalizando novamente.

Ela apavorada desceu as escadas.

- O que?

- Me esqueci de te desejar boa noite!

- Ah meu deus! Não acredito que você fez eu descer as escadas novamente pra me falar is...

Harry não deixou a garota terminar de falar, pois um beijo interrompeu a conversa.

- Boa noite! - disse ele rindo e subindo as escadas.

Gina revirou os olhos e sorriu.

- Oi Gina! - disse Mione entrando na sala seguida de Rony.

- Kd o Harry?? - perguntou Rony.

- No quarto!

- Vocês não se entenderam?

- uh...entendemos, bem até demais!

Mione riu.

- bem eu vou dormir! Boa noite! - disse Rony beijando Hermione.

Gina sorriu.

- Boa noite! Vamos dormir Gina?

- ah... sim claro!

Rony subiu as escadas para seu dormitório e Gina e Hermione para o dormitório delas.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.