FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

2. A Festa


Fic: Descobrindo os Prazeres da Vida NC18


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Capitulo Dois – A Festa

“Everybody is going to the party have a real good time – Todo mundo está do indo para a festa se divertir”
B.Y.O.B. – System of a Down


Harry aparatou do lado de fora de uma grande casa, um sobrado suntuoso e muito barulhento. Do lado de fora se ouvia a musica alta. Ele dirigiu-se até a porta da frente e tocou a campainha, embora não tivesse certeza de que alguém fosse ouvir.

- Harry! Que bom que veio! – gritou a mulher que abriu a porta. Só depois Harry reconheceu que era Cho, pois seus cabelos estavam ondulados e ela usava uma roupa que ele podia dizer que era inútil.

- Oi. – disse ele. Cho se aproximou dele e deu-lhe um leve selinho. Segurou sua mão e o arrastou para um canto da sala de estar onde estavam mais duas mulheres maravilhosamente bonitas. Não havia um centímetro de chão em que alguém não estivesse dançando ou que não houvesse uma mesa no lugar. Mal havia espaço para respirar. Sentaram-se perto das duas mulheres e Cho fez as apresentações.

– Harry, estas são Kris Parks e Isabel McLagan, minhas amigas. – Harry observou e ficou espantado em nunca ter visto nenhuma das duas sendo elas tão bonitas. Kris Parks era loira de cabelos ondulados, alta, magra e tinha lindos olhos azuis e uma boca carnuda, sem falar de seus seios fartos que pulavam para fora do decote da blusa preta. Isabel McLagan era morena, magra, um pouco mais baixa do que Harry e tinhas olhos incrivelmente verdes, mais que os dele.

- Olá – disseram sedutoramente.

- Muito prazer – disse Harry ainda boquiaberto.

- Bem que você disse que ele era um fofo, Cho. – disse Kris sorrindo. Harry ficou ainda mais seduzido.

- E muuuuito gato. – completou Isabel também sorrindo.

- Harry! – gritou alguém se aproximando de onde ele estava. – Que bom te ver! – continuou. Harry se virou e viu Gina Weasley parada atrás dele. Ela pulou em seu pescoço e beijou sua face longamente. – Como você tá lindo! Dança comigo pra matarmos as saudades? Você me prometeu, lembra?

- Claro – disse ele, observando-a melhor. Gina usava um vestido rosa-choque frente única, que descia até um palmo acima dos joelhos e revelava seu belíssimo corpo. Seu cabelo estava sensualmente penteado para o lado e havia um gloss rosa em sua boca.

- Não, Gina. – disse Cho – Ele está comigo e vai dançar comigo – disse ela com ar de superioridade. – Por que você não vai procurar o Draco? Ele estava louco atrás de você. – Aquelas palavras pareciam destruir Gina, mas ela saiu dali como se nada tivesse acontecido. Cho segurou Harry e o levou para a pista.

- Mas eu não sei dançar... – resmungava ele inutilmente.

******************************************************

Gina sentiu um frio no estomago quando Cho falou sobre Draco na frente de Harry. E como ela tinha acabado de levar um fora, resolveu ir procurar o loiro. Ela viu que Draco estava sentado em um canto, sozinho, então se aproximou. Ele ficava terrivelmente lindo usando aquela camiseta preta colada ao corpo e uma calça jeans escura, com os cabelos caídos nos olhos. Ele sorriu ao vê-la. Gina sentou ao seu lado.

- Oi, ruivinha. – disse ele – Você não sabe o quanto estou com saudades...

- Imagino – disse ela mal-humorada.

- O que houve, gata?

- Nada... Só levei um belo de um fora da Cho.

- Aposto que estavam brigando pelo babaca do Potter. O que ele faz aqui?

- A Cho convidou.

- Então foi por isso que ela me dispensou...

- Acho que foi... Agora ela só quer saber do Harry... Do meu Harry.

- Não acredito que você tem ciúmes dele. Ele nem liga pra você. Por que você não começa a prestar atenção em quem percebe que você existe? – perguntou Draco com um olhar provocante.

- Quem percebe que eu existo? – perguntou Gina mais provocante ainda.

- Eu percebo que você existe... Eu te adoro, Gina.

- Como alguém consegue resistir a você?! – perguntou ela chegando mais perto e roubando um beijo quente do garoto. Suas línguas pareciam se entender como nunca acontecia quando os dois beijavam outras pessoas. A mão dele deslizava pelas costas da ruiva e descia devagar para debaixo do vestido dela.

- Vamos para outro lugar? – perguntou Draco, com a boca suja de gloss, algumas horas depois.

- Você só pensa em sexo? – respondeu Gina agressivamente. - Me poupe. Eu não devia nem acreditar em você. – Gina saiu dali satisfeita por ter descontado sua raiva de Cho em alguém. A ruiva subiu as escadas da casa e foi até o enorme terraço que havia lá. “Pensando nela...” pensou Gina quando viu que Harry estava beijando-a. A jovem Weasley não se conteve e foi interromper...

******************************************************

Cho beijou Harry fazendo inveja a todos os casais do lugar antes de voltarem para a mesa. A garota deixou Harry com Kris e saiu dizendo que tinha que resolver um “probleminha”.

- Gostando da festa, Harry? – perguntou Kris assim que Cho saiu.

- Estou adorando – disse ele.

- Que bom. Venha mais vezes... – disse Kris levando-se e sentando no colo dele. – A Cho fala muito de você. – sussurrou ela. Harry quase não pode ouvir, pois o barulho era grande, por isso, teve que ler os lábios dela. Ele estava entorpecido pelo perfume que vinha do pescoço dela e tinha uma enorme vontade de beijar aqueles lábios perfeitos...

- O que ela fala de mim? – perguntou Harry saindo do transe.

- Que você é demais. Quero saber se você é tudo que ela fala...

- E o que você quer saber?

- Se você realmente beija bem... E só tem um jeito de descobrir. – disse ela chegando mais perto e o beijando, puxando-o pela nuca. Seus lábios envolveram os dele em uma união perfeita. Ela fazia movimentos que o deixava louco enquanto passava os dedos pelo seu cabelo.

- Kris, me devolva ele agora. – disse Cho interrompendo-os no meio do melhor beijo que Harry já havia ganhado.

- Ah... Ok. Agente se vê, Harry. – disse ela e saiu de perto deles sorrindo.

- Gostou da Kris? – perguntou Cho sentando-se, assim como Kris, no colo dele.

- Gostei. – disse Harry. – Posso te perguntar uma coisa?

- Claro. Tudo que você quiser...

- É sobre o que você falou pra Gina. O que ela tem com o Malfoy para ele estar louco atrás dela?

- Ahn... Nada de mais... Eles só transaram algumas vezes...

- Então não é sério?

- A Gina nunca tem nada sério com ninguém. Muito menos o Draco. Mas eu acho que ele gosta mesmo dela, mesmo que não queira assumir.

- E ela?

- Você está muito preocupado com ela. Não estou gostando nada disso.

- Que é isso? Ciúmes?

- Tenho que defender o que é meu.

- E quem disse que eu sou seu?

- Ainda não é, mas vai ser.

- Tomara... Eu gosto muito de você... – disse Harry.

- Vamos lá pra cima? – perguntou ela, maliciosamente. Ele assentiu e subiram as escadas. Cho o guiou até um terraço enorme e o encostou contra a mureta da sacada.

- A vista não é linda? – comentou ela.

- É sim... – disse ele antes de beijar Cho. Um beijo bem leve, mas cheio de desejo. Harry colocou a mão discretamente sob a saia dela enquanto as mãos dela passeavam pelo peitoral do garoto. Ela foi descendo as mãos pela barriga até chegar na calça dele. Abriu o botão do jeans. Harry estava ficando louco. O beijo também se tornara mais ardente e ele apertava fortemente um dos seios da garota. Ele nem ligava pra quem pudesse estar vendo aquela cena, só sabia que estava louco de desejo. Cho finalmente estava massageando seu membro, e mesmo sendo sobre a cueca, ele sentia um enorme prazer.

A jovem Weasley estava observando a cena e não se conteve e foi interromper... A ruiva percebeu que o clima entre Cho e Harry estava quente, mas não ligou. Agora Cho ia pagar por tê-la feito de palhaça...

- Cho, finalmente te achei... – disse Gina se aproximando. Soltou um enorme sorriso de satisfação ao ver Cho se virar para encará-la com ódio no olhar. Mas, logo que viu o olhar que Harry lançava, se arrependeu. Ele a olhava com uma enorme irritação. Olhando melhor, Gina percebeu que Cho acariciava seu membro. “Agora ele deve estar uma fera comigo” pensou Gina, tirando o sorriso do rosto. – A Isabel tá te chamando – inventou Gina. Ela não se arrependia de ter interrompido.

- O que ela pode querer? – perguntou Cho. – Isabel conhece minha casa melhor do que eu mesma.

- Não sei. – disse Gina, inocente.

- Harry, querido, eu já volto. Não saia daqui. – disse Cho, deixando Harry e Gina pra trás.

- A Isabel não estava chamando, não é, Gi? – perguntou ele, voltando-se para a bela vista da cidade que se obtinha do terraço.

- Não. Eu apenas queria ficar com você. – disse ela.

- Não foi você mesma que me disse pra que eu ficasse com a Cho? – alfinetou Harry.

- Isso não significa que você tenha que ficar só com ela. – sugeriu a ruiva, segurando a mão dele. – Eu estava pensando... O que você acha se eu aparecer com você lá no apartamento? Eu já avisei a Mione que eu iria em breve pra lá, morar com vocês...

- Seria uma surpresa pra ela e pro Rony... Por mim, pode ir. – disse Harry.

Harry e Gina aparataram juntos quando a festa acabou. Nada além de uns amassos rolou entre Harry e Cho depois que Gina os interrompeu. Entraram silenciosamente na sala do apartamento deles. Harry já estava indo para o seu quarto quando Gina segurou seu braço.

- Você não me desculpou, não é? – perguntou Gina docemente. – Eu não achei que fosse atrapalhar, mas...

- Tudo bem, Gi. – disse ele calmamente. – Mais preste mais atenção da próxima vez.

- Eu só percebi onde a mão dela estava depois que eu já tinha te chamado. Me perdoa? – pediu ela carinhosamente. Ele simplesmente sorriu e ela tomou isso como um sim. – Harry. Não precisa se preocupar. Se eu conheço a Cho, ela vai fazer o que você quiser.

- É que eu não sei quanto mais eu posso agüentar, Gina. – disse ele e já ia para o quarto quando ela chamou-o novamente. Ele se virou.

- Me deixa te acalmar... – disse ela. A ruiva foi se aproximando dele e...

N/A: Aeeee... mas, calma, ainda num eh NC.. =P
Comentem!!! BjO, Tha.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 2

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Camila Rosa em 16/05/2011

Safadenhas essas mulheres.

Está em falta de homem? Porque ele ficou com quantas? Umas três?

Pegador.

Coitado, tem razão ele ser virgem ainda.

Quem vai pensar em sexo com um louco atrás de você?

 

Beijos

Nota: 4

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Avaliadora em 10/04/2011

Essa fic e  ótma você esta de parabéns 

Nota: 3

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.