FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

8. Revelações


Fic: Harry Potter e a Bruxa Misteriosa


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________







New Page 1




Harry Potter e a Bruxa Misteriosa – Capítulo 8 –  Revelações


 


           


           
Os dias depois do assassinato de
Filch foram muito tumultuados. Uma atmosfera de medo tomava conta da escola. Os
alunos andavam em grupos grandes, e eram poucos os que se atreviam sair das
Salas Comunais depois das aulas. Os professores se revezavam para vasculhar os
corredores da escola de madrugada.


 


         
A Segunda-feira chegou tão rápido quanto Harry receava que ia chegar.
Ele estava tão entretido trocando carinhos com Hermione na Sala Comunal que se
perdeu no tempo, e só conseguiu chegar na sala de Decke as 7:50. Ele abriu a
porta ofegante esquecendo-se de bater:


 


         
-Desculpe professora eu…


         
-Nunca ouviu falar em bater, Sr. Potter? – Interrompeu Decke lançando
um olhar de censura e Harry enquanto guardava um grosso livro preto de volta em
sua prateleira. – Ou talvez de um relógio?


         
-Desculpe…eu me perdi no tempo… - Disse Harry enquanto se recordava
das aulas de Oclumência que tivera com Snape no ano anterior. Isso não era
muito diferente…


         
-Ah é? E posso saber o que é tão mais importante do que essas aulas?


         
-É…eu…eu estava…


         
-Você devia levar essas aulas a sério, Potter! Voldemort está atrás
de você!- Harry se surpreendeu pelo fato de Decke chamar Voldemort pelo nome.
– Eu sei que você tem muito talento em DCAT, mas praticar nunca é demais!
Ainda mais você que tem uma quedinha em passear pelo castelo com uma capa de
invisibilidade nas horas em que não devia!


         
-Como a Sra. Sabe que…


         
-O Sr. foi visto, Potter. Prof. Snape te viu.


 


         
Harry não disse nada:


 


         
-Eu sei que você não vai com a minha cara, Potter. Eu até tentei, mas
não adiantou! Porém eu não deixo de ser sua Profª de DCAT, e você me deve
respeito.


         
-Não é que eu não vou com a cara da Sra… - Começou Harry olhando
para o chão.


 


         
Decke se sentou e apontou uma cadeira perto de Harry, o garoto também se
sentou:


 


-Mas…eu me lembro de ter
encontrado a Sra. Na Travessa do Tranco, e ao menos que eu muito me engane muito
bruxos que passeiam por essa rua são bruxos…bem…


-Das trevas?


-É. – Completou Harry lançando
um olhar desafiador para Decke. Esta porém, parecia muito calma.


 


         
Ela respirou fundo e, para a surpresa de Harry sorriu:


 


         
-Potter, tem muitas coisas sobre mim que você não sabe. E eu acho que
você devia conhecer essas coisas antes de ter uma idéia errada de mim!


         
-E o que eu deveria saber?


         
-Você deveria saber que eu nunca me juntaria a Voldemort.


         



         
Harry se irritou:


 


         
-Ah, é?? E Por que eu deveria acreditar nisso?? Suas prateleiras são
cheias de livros das trevas, e a Sra.  passeia
por lugares como a Travessa do Tranco!!


         
-Você devia acreditar nisso, - Interrompeu Decke fingindo que não
escutou o que Harry tinha acabado de dizer. – Poruque eu fui refém de
Voldemort na época em que ele se encontrava no auge do seu poder. Bem, ele
tinha algo contra os meus pais…os matou sem piedade, assim como ele matou os
seus…mas por algum motivo ele não quis me matar, Potter. Preferiu me levar
consigo. Eu era um pouco mais velha que você…depois de assistir a morte dos
meus pais fui levada para o esconderijo de Voldemort, ele me manteu lá por
meses… foi horrível… - Disse ela com uma voz trêmula. Lágrimas começaram
a escorrer por seu rosto. – eu fiquei o tempo todo amarrada e quase nunca
recebia comida…eu fui torturada…mas um belo dia…eu fuji, Potter…


         
-Como?


         
-Na minha forma de animago. Poucos sabem, mas eu me transformo em um gato
desde meus 14 anos…consegui isso com a ajuda de um professor de Durmstrong…


         
-Durmstrong?


         
-Sim…eu estudei lá, e dava aulas lá antes de vir para Hogwarts.


         
-E porque a Sra. esperou tanto tempo para fujir??


         
-Pelo simples motivo de que eu estava tão fraca que não conseguia me
transformar. E os Comensais da Morte me observavam dia após dia…a diversão
de Voldemort era me torturar, e eles não queriam que essa diversão
escapasse…porém, um belo dia, eles viraram as costas, e isso foi suficiente,
eu me transformei e fuji…


 


         
Harry não sabia o que dizer. Todo esse tempo pensando que Decke era uma
Comensal da Morte…ele se sentiu envergonhado:


 


         
-Desculpe…


         
-Tudo bem, Potter. – Disse ela enxugando as finas lágrimas. – As
pessoas pensam coisas do tipo de mim só porque eu ensinava Artes das Trevas em
Durmstrong…


         
-A Sra…o quê?


         
-Os alunos aprendem esse tipo de matéria em Durmstrang…eu
particularmente acho isso muito bom. Assim eles podem se familiarizar com as
Artes das Trevas e se preparar para lutar contra bruxos desse tipo!


         
-Mas para isso existe DEFESA Contra as Artes das Trevas!


         
-Nem sempre essa matéria é últil, Potter. Só conhecendo muito bem
certas coisas é possível enfrentá-las! Magia das Trevas é uma dessas coisas!
Eu, por exemplo, só consegui fugir das garras de Voldemort porque meu professor
de Artes das Trevas me ajudou a me transformar em uma animaga…


-E isso
conta como Artes das Trevas?


         
-Digamos que uns 15%


 


         
Harry não sabia o que dizer, estava boquiaberto. Decke deve ter
percebido isto, pois disse a Harry que ele já tinha aprendido o suficiente por
um dia, e o deixou ir.


 


                                                 
         
***


 


         
Na Sala Comunal, Harry contou à Rony e Hermione a conversa com Decke:


 


         



         
-Nossa, e você desconfiando dela, Harry…eu te disse que era
preconceito…- Hermione parecia um tanto irritada.


 


         
-Talvez ela tenha inventado essa história toda…você sabe, para o
Harry ficar com peninha dela… - Disse Rony sem tirar o olhar de Rique que
conversava animadamente com alguns Quintanistas do outro lado da Sala Comunal.


 


         
-Por favor, Rony! – Ponderou Hermione – Você e Harry parecem
decididos a morrer desconfiando dessa mulher, que coisa! Dúvido que ela tenha
inventado tudo isso, se ela diz que aconteceu, aconteceu… 



 


         
E, fechando o grosso livro sobre Runas que ela estava lendo, Hermione
subiu para o dormitória feminino:


 


         
-Sem nem me dar um beijinho… - Reclamou Harry.


         
-Mulheres…elas conseguem te deixar malucos, mesmo quando elas são sua
irmã!! – Disse Rony que ainda observava Henrique.


         
-Você devia dar uma chance pra ele, Rony…ele é bem popular…bom em
quadribol…


         
-Dar uma chance, Harry?? Uma chance?? Você viu o que ele aprontou com a
minha irmã, não viu?? Eu pensei que você estava do meu lado!!!


 


         
E dizendo isso, subiu também. Harry se sentiu mal, agora os dois amigos
estavam bravos com ele, mas ele continuou pensando sobre Decke. Se ela era Profª
de Artes das Trevas em Durmstrong, era por isso que ela precisava de tantos
livros sobre a matéria…mas mesmo assim…Harry sabia que tinha algo de errado
com ela, e ele estava disposto a descobrir o que, custasse o que custasse!


 


 


 


 


 


         



 


           


           



 


 






Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.