FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

9. Uma única Noite (NOVO)


Fic: Assunto De Meninas - ÚLTIMO CAPÍTULO POSTADO


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Era o último dia antes das férias de Inverno e a última visita a Hogsmeade, Harry como sempre iria passar as férias na Toca e Hermione iria para casa, talvez no final fosse passar uns dias com os meninos, mas ela sabia que queria na verdade era passar as férias com a menina que mexia tanto com ela. Katrina ia para a casa de Lillys já que seus pais estavam a trabalho na América e não voltariam antes do dia 20 de janeiro, fazendo com que, mais um ano, Katrina passasse o natal longe dos pais.

Hermione estava deitada de olhos fechados na sua cama de dossel na Torre da Grifinória, parecia que seu mundo girava e lhe deixava tonta, não conseguia pensar direito, não conseguia chegar a uma conclusão para os seus sentimentos. Estava fugindo de Youri assim como o diabo fugia da cruz, apesar de que, por serem os dois da mesma casa, era difícil não trombá-lo, por isso resolvera passar o último dia antes do retorno para casa trancada em seu domirtório, mas não por muito tempo, pois Gina estava batendo na porta.

- Entra...

- Vai ficar trancada aí dentro? O Youri tá louco atrás de você!

- Não quero sair daqui e muito menos ver ele...

- Por que?

- Porque não quero Gina! - Hermione ainda continuava cim os olhos fechados - Não quero encará-lo!

- Mas você encontraria outra pessoa não é?

- Está falando do que?

- De QUEM você acha? - Gina sentou-se na cama - Da Katrina...

- Não te entendo... Antes você dizia que era para eu ficar com ela, depois vem e me diz para esquecê-la e agora você volta com essa idéia de que eu tenho que voltar com ela?! - Hermione falara isso muito rápido e parou para tomar fôlego - Decida-se de que lado você está!

- Ah... Eu acho que está na hora de eu te falar um negócio Mione - Gina encarava a cama mas não Hermione - Eu... Eu apoio você e a Katrina juntas porque eu acho lindo e só falei para você tentar com o Youri porque...

- Porque...

- Porque a Lillys, sabe aquela amiga dela, então... Ela me chantageou...

- E qual motivo ela tinha para te chantagear Gina?

- Nós... Um dia... - Gina estava ficando escarlate - Nós...

- Desembucha Gina!

- Nós transamos... - A voz de Gina saiu fraquinha diante do espanto de Hermione.

- Vocês o que?! - Hermione olhava de boca aberta para Gina.

- É isso mesmo... E ela ameaçou contar para todo mundo se eu não afastasse você da Katrina!

- Como você pode Gina?

- Fazer o que? Sucumbir a chantagem ou transar com ela?

- Transar com ela, Gina! Aquela garota não vale nada! Ela só te usou!

- E você acha que eu não sei disso?! - Gina agora levantara-se da cama e andava de um lado para o outro - Mas não consigo tentar separar vocês duas!

- E o Miguel? - Hermione olhava com preocupação - Ele não desconfia de nada?

- Lógico que não! Mas...

- Você tem que tomar cuidado com ela Gina, ela é pior do que cobra...

- Deve ser por isso que está na Sonserina... Mas e você? - Gina encostara-se na porta - Resolva-se!

- Não sei Gina, minha cabeça está uma confusão!

- Então ajeite essa confusão e desce para tomar café!! - Gina sorriu e fechou a porta atrás de si.

Hermione deu uma arrumada nas vestes que estavam amassadas e resolveu encarar Youri, isso se o garoto já não tivesse desistido de encontra-la, mas quando ela desceu as escadas encontrou o garoto sentado numa poltrona, ele se levantou e veio afoito ao seu encontro.

- Herrmionii, onde focê estefe? Fique te esperrando e focê non descia...

- Estava com uma pequena indisposição - Hermione desceu as escadas e não aceitou o braço que o garoto ofereceu.

- Focê estar estranha Herrmionii, o que houve?

- Nada não - Hermione se aborrecia só de ouvir a voz do garoto - Preciso comer...

- Fou com focê... - Youri sorriu e Hermione deu um sorriso amarelo de volta.

- Eu te disse não te disse? - Uma voz esganiçada fez os dois virarem o rosto para a escada onde o grupo de Sonserinos mais detestados estava descendo - Ela me disse!

- Mas fazer o que não é? - Lillys tinha um sorriso de deboche no rosto.

- Olha se não é o Russo-Babaca e a Sangue-Ruim-Granger! - Malfoy gritou apontando para os dois.

- Fica quieto Malfoy! - Youri gritou.

- Como é que é?! - Malfoy desceu as escadas e beteu no peito de Youri - Repita se for homem!

- Nom fale de mim ou de minha namorrada! - Youri também empurrou Malfoy.

- Olha aqui seu...

- Vem Draco... - Katrina puxou Draco pelo braço e empurrou ele para dentro do salão - Controle seu namorado Granger!

- Mas... - Hermione queria dizer alguma coisa mas não conseguiu e olhou para Youri - Você pode parar de arranjar briga com o pessoal da Sonserina?

- Mas só estava te defendendo...

- Eu não preciso! - E marchou para dentro do salão sentando-se de propósito entre Harry e Rony.

- O que foi Mione? - Harry perguntou.

- Eu não o aguento mais! - Hermione cortava com raiva um pedaço de pudim.

- Quem?

- O Youri! Ele está me irritando! - Hermione despedaçara seu pudim e começava a comê-lo.

- Vocês terminaram? - Rony perguntou

- Não - Hermione levantou os olhos do prato - Ainda...

___

- Eu não quero ir a Hogsmeade hoje! - Katrina ainda estava deitada em sua cama com as cobertas sobre a cabeça.

- É o último dia antes da gente ir pra casa... Vamos! - Lillys sacudia Katrina até que a garota finalmente tirou a cabeça - Levanta!

- Ô inferno! Tá frio, eu tô com sono... Porquê motivos eu iria sair hoje?

- Porque eu estou pedindo! Vai!!

- Tá Tá - Katrina levantou-se da cama - Eu vou! Vai descendo para tomar café que eu te encontro na porta.

- E eu vou acreditar que você vai estar lá? Promete pra mim que vai!

- EU VOU! - Katrina entrou no banheiro e ligou o chuveiro enquanto Lillys descia as escadas do dormitório.

- Hei Lillys - Era a voz de Tood que a chamava - Vai hoje?

- Vou e você? - Dirigindo-se a ele..

- Vou também... Nos vemos lá então!

- Certo... - Lillys saiu das masmorras e subia as escadas quando trombou com Gina - Olha quem eu encontrei...

- Saia da minha frente! - Gina tentou passar mas Lillys a impediu - Saia da Minha Frente!

- Não fica estressada comigo, eu precisava fazer aquilo...

- Você me usou! Não quer mesmo que eu fique estressada?

- Não te usei... Eu gostei de ter ficado com você e pra falar a verdade eu nem tinha a intenção de fazer o que fiz...

- Então por que fez?

- Porque não quero ver minha amiga sofrer por causa da sua amiguinha que não se decide! - Lillys apoiava uma mão no corrimão impedindo a passagem de Gina.

- Não vê que ela sofre mais por não tentar conquistar Hermione?!

- E você não vê que ela não se decide? Enquanto a Granger não se decidir eu vou impedir ela de machucar a Kim!

- E você podia ter impedido de me machucar também... - Gina falou com a voz fraca.

- Eu... - Lillys tinha ficado completamente sem-graça - Eu...

- Esquece! Deixa eu passar! - Gina empurrou a mão de Lillys e desceu o resto da escada apenas olhando para trás e deixando Lillys ver seus olhos cheios de lágrimas.
__

Katrina terminara seu banho e estava com uma disposição um pouco maior agora, colocou uma calça de couro devido ao frio excessivo que fazia, uma blusa preta colada, um blusão e o cachecol e desceu para encontrar Lillys.
Fazia um tempo muito frio e as masmorras ficavam muito geladas, Katrina não encontrou ninguém enquanto saia das masmorras Provavelmente todos já subiram pensou ela, foi andando sem pensaar muito aonde estava indo quando alguém cruzou seu caminho. Ela sentiu seu estômago despencar e sua boca ficar seca, era Hermione que estava parada bem em frente à ela.

- Eu preciso falar com você! - Hermione olhava para os lados como se esperasse encontrar alguém, mas os corredores estavam desertos.

- Mas eu não preciso te ouvir! - Katrina tentou parecer displicente ao falar.

- Você não precisa mas vai!

- Quero ver quem vai me obrigar! - Falou Katrina desafiando Hermione.

- Olha - Um grupo de alunos vinha descendo as escadas - Me encontre hoje a noite na Torre Oeste, meia-noite.

- Você não espera que eu vá não é mesmo? - E Katrina subiu as escadas indo encontrar Lillys.

- Demorou hein? - Lillys olhava desconfiada para ela - O que você tava fazendo ou QUEM você encontrou no caminho?

- Não comece!

- Você encontrou ela não foi? - Lillys e Katrina já saiam para o dia frio lá fora.

- Do que importa?

- Nada... Pelo menos não para mim! - Lillys deu um sorriso e continuou a andar.

Apesar do frio, Hogsmeade estava apinhada de alunos que aproveitavam o último dia antes do retorno para casa, por vez, Katrina e Lillys decidiram ir ao Três Vassouras e escolheram uma mesa logo a porta, pedindo dois Whiskys de Fogo para Madame Rosmerta que as olhou desconfiada.

- Você não saõ maiores - Madame Rosmerta disse com o bloquinho e a pena mágica na mão - Não posso vender isso para vocês.

- Minha cara Rosmerta - Lillys dizia - Não vai ser hoje que você vai negar bebida pra gente não é?

- Vocês sabem que eu não posso...

- Ninguém vai saber...

- Certo... Só isso?

- E duas cervjas amanteigadas - Falou Kio que havia acabado de chegar com Tood.

- Já trago...

- Olá garotas! - Kio e Tood sentaram-se de frente para elas.

- Eae... Tomando bebida de criança?

- Melhor do que nada! - Kio pegara um maço de cigarro e oferecera para os outros - Último dia... Que felicidade!

- Realmente - Lillys deu um trago e soltou para cima, algumas garotas reclamaram do cheiro - Que cigarro é esse?

- Hadge & Bayles - Kio deu um trago - Menta!

- Gostoso...

Madame Rosmerta chegou com as bebidas e olhou feio para os cigarros mas não disse nada Tenho que colocar um aviso de Não Fume Aqui pensou ela e voltou para o balcão, logo em seguida a porta abriu e entraram Pansy, Draco e dois garotos da sonserina que se sentaram junto a eles, não demorou muito e a bagunça começou na mesa deles, atraindo as vezes, alguns olhares feios.

- Hei - Draco gritou - Traga mais uma rodada de Cerveja Amanteigada por minha conta!

Madame Rosmerta não sorriu, era a quarta rodada deles e logo logo ela teria que tirá-los dali. Pegou as garrafinhas e levou até a mesa.

- Obrigado! - Falou Draco abrindo magicamente as garrafas.

A porta atrás deles se abriu e entraram Harry, Rony, Gina e Miguel, Hermione e Youri, o clima ficou tenso quando eles passaram pela mesa dos sonserinos e Harry encarou Draco, Draco ameaçou de se levantar mas optou por continuar sentado, enquanto os grifinórios escolhiam uma mesa mais ao fundo.

- Odeio o maldito Cicatriz!

- Não é só você Draco - O garoto moreno que havia chegado com Draco agora olhava torto para a mesa - Queria ver se esse Potter é tão invencível assim...

- Não vão arranjar encrencas aqui! - Katrina finalmente tinha aberto a boca - Esperem nós sairmos! - Todos cairam na gargalhada.

- Vamos beber para aquecer! - Lillys falou e todos deram grandes goles em suas bebidas.

O céu começou a escurecer, Harry olhou em seu relógio e viu que eram quase seis horas, o toque de recolher era as sete, tinha mais uma hora para não fazer nada, a não ser olhar o pessoal da sonserina se divertir enquanto na mesa deles, eram poucas as risadas e as brincadeiras. Harry ouviu a voz estridente de Pansy gritar para mais uma rodada e olhou para Madame Rosmerta que tinha a expressão de querer expulsá-los de lá, mas não poderia pois estavam dando lucros demais, viu a mulher pegar as garrafinhas e se dirigir até eles, pensou que pelo menos uma vez. queria se divertir daquele jeito, sentar-se com pessaos alegres e não que pareciam que estavam nu enterro.

- Vamos? - Harry acordou todo mundo com a sua voz - Não estamos fazendo nada mesmo.

- É, vamos... - Hermione tinha o olhar perdido, começou a tirar as moedas do bolso mas Youri falou que ele iria pagar.

Quando todos pagaram eles se retiraram, mas não antes de encarar os sonserinos que se alto denominavam Os Impossíveis, viam eles cantando uma música idiota, Todos bêbados pensou Harry. O ar lá fora estava mais gelado do que de manhã e todos tiveram que encolher os ombros. Ouviram a porta atrás deles se abrir e por ela sairem Os Impossíveis, que pararam de frente para eles. Harry na hora levou a mão na varinha, assim como fizeram todos os outros.

- O Potter-Pirado esta com medo? - Falou Pansy que estava ao lado de Malfoy.

- O que vocês querem? - Harry falou.

- Nada oras, só estávamos saindo do bar... - Foi Katrina que falou - Mas parece que vocês querem confusão não é?

- Nós não queremos nada Kimble - Rony segurava sua varinha para baixo - Por que vocês não vão embora?

- Nós estávamos indo... Mas vocês entraram na frente! - Draco falou sarcástico - Você quer brigar Potter?

- Não, a não ser que você me obrigue Malfoy - Harry já apontava a varinha para Malfoy quando Madame Rosmerta saiu do bar.

- Tinha certeza que iriam arranjar confusão! Ou vocês saem daqui agora ou vou chamar algum professor responsável!

- Estamos indo... - Draco falou e o grupo começou a andar mas não sei antes darem risadas dos grifinórios - Nós ainda nos encontraremos Potter!

Harry esperou eles darem uma boa distÂncia para voltarem a andar e assim seguiram para o castelo, ninguém falou uma palavra sequer, parecia que de uns tempos para cá, algo ou alguma coisa pairava sobre o grupo, impedindo-os de se divertirem. Chegaram ao castelo e cada um seguiu para o seu canto, Harry e Rony resolveram jogar Xadrez de bruxo, Gina e Hermione foram das umas voltas deixando Youri e Miguel a ver navios.

- Eu marquei de me encontrar com a Katrina hoje, mas acho que ela não irá...

- Ela vai sim, aquela menina te Ama...

- Eu sei, mas acho que ela sente ódio por mim agora.

- Não se preocupe ela vai aparecer .

As duas caminhavam lado a lado com seus pensamentos e não viram quem estava se aproximando, tomaram um susto quando viram que era Lillys.

- Veio arranjar encrenca? - Hermione perguntou desafiante.

- Não enxe Granger! Meu assunto é com ela! - E apontou para Gina - Posso?

- Você é muito cara de pau não é mesmo? - Hermione era quse da mesma altura que Lillys.

- Granger? Não me torra! Posso falar com você - E virou para Gina - Em particular?

- Ahm... - Gina olhou para Hermione - Acho pode...

Hermione olhou perplexa para Gina que retribuiu o olhar com culpa, mas mesmo assim seguiu Lillys que a guiava para um corredor estreito. Lillys parou e Gina, de braços cruzados parou de frente para ela, o corredor era gelado e escuro, a lua já estava em alta e formava sombras no chão do castelo. Lillys pareceu tomar fôlego. parecia que o que estava prestes a falar exigia cada pedaço do seu orgulho.

- Eu - Começou ela - Eu pensei no que você me disse... Sobre eu ter te machucado...

- E...

- E eu... eu acho que... - Lillys estava de cabeça baixa - Eu acho que eu errei.

- E quando chegou a essa conclusão? - Gina estava possessa da vida com a garota.

- Depois que eu te encontrei... Eu pensei no que você me disse e achei que foi... besteira o que eu acabei fazendo...

- E que grande besteira hein?! - Gina falou sarcástica - Será que você não entende que elas se amam, por mais que a Mione não queira admitir? Deixe que elas tentem se ajeitar...

- Eu sei... É inútil tentar separar as duas...

- Então, deixe que elas se resolvam - Gina viu que realmente Lillys estava arrependida e resolveu quebrar o clima chato - Eu aceito as suas desculpas se você disser que não irá ficar mais com menininhas inocentes...

- Mas vai dizer que não gostou? - Lillys levantou a cabeça e sorriu - E não fico com menininhas inocentes porque você não é inocente!

- Como não?! - Gina fez cara como se estivesse surpreendida - Sou sim!

- Não é não... - Lillys deu uma risada e Gina a encarou - O que foi?

- Seu sorriso... É lindo! Você deveria sorrir mais...

- Pare de me deixar sem graça Weasley... - Lillys levantou e começou a andar mas Gina a puxou.

- Me dá um beijo?

- Com todo prazer...
___

Hermione viu Gina e Lillys se dirigirem para um corredor e olhou para o relógio, faltavam ainda três horas para o encontro com Katrina, o estômago de Hermione começou a se revirar como se houvesse borboletas em seu estômago, não sabia se iria conseguir falar tudo o que estava sentindo, se iria apenas olhar para a cara dela e sair correndo como da outra vez ou até se se entregaria nos braços dela, ela ficou perdida em idéias até ver Gina e Lillys voltarem do corredor.

- Pronto Mione...

- Vamos então? - Hermione olhou de cara feia para Lillys.

- Peraí Granger... Eu te devo desculpas também - Lillys falou.

- E eu deveria aceitá-las?

- Olha aqui, eu errei e estou assumindo isso para você! Se você não quer aceitar então o problema é seu! - Lillys falou já alterando a voz.

- Quer saber? Eu aceito sim... Mas não interfira mais na minha vida entendeu?

- Pode ter certeza que não irei. Você que se resolva agora!

- Quer dizer que agora você apoia?

- Não ponha palavras na minha boca! Eu não gosto de você e isso não é segredo, mas se isso vai fazer a Kim feliz então eu aceito, mas não apóio uma garota que não tem o mínimo de personalidade para assumir que está gostando de outra garota.

- Lavinscky - Começou Hermione a falar - Não fale o que você não sabe!

- Meninas? - Gina chamou e as duas olharam - Vamos parar com isso? Por mim? Eu não aguento mais ver vocês discutindo!

- Certo... - Lillys falou e olhou de cara feia para Hermione que retribuiu o olhar - Eu tenho que ir - E saiu andando mas ouviu Hermione comentar:

- Uma sonserina pediu desculpa para uma grifinória... - Deu risada - Os tempos estão mudando...

- Não provoca também Mione! - Gina a repreendeu.

- Não acredito que você aceitou as desculpas dela, de cara assim...

- Eu tenho meus motivos e você tem um encontro - Gina também olhou no relógio - Vá se arrumar e depois vá para a torre...

- Eu estou feia? - Hermione começou a ver seu reflexo numa janela.

- Não Mione... Vá comer algo então...

- E vocÊ vai pra onde? - Hermione estava ao pé da escada com Gina.

- Vou ver se encontro o Miguel por aí... - E saiu em direção ao salão comunal da Corvinal.

Hermione não sentia fome, estava muito nervosa para sentir qualquer outra coisa do que uma ligeira dor de cabeça e um mal estar no estômago que não passava, andou pelo castelo a esmo e nem ralhou quando encontrou dois primeiranistas da Lufa-Lufa brincando dde tacar feitços num sapo roxo e grande no meio do corredor do terceiro andar, olhou no relógio e se deu conta que era 23:40, resolveu então já seguir para a Torre Oeste e aguardar até no máximo 12:30 para ver se ela chegava, no entanto quando entrou ela já estava lá.

- Você está adiantada... - Comentou Hermione.

- Quando menos tempo melhor - Ela fumava e a luz da lua se refletia em seus cabelos - O que você tinha para me falar?

- É sobre o que você viu ontem... No baile... Eu acho que te devo uma explicação...

- Sobre o que? Você estava fodendo com ele embaixo de uma árvore, ele é seu namorado e você tem todo o direito de fazer-lo, o fato de você ter me beijado minutos antes não interfere em nada! - O sarcasmo era presente na voz da menina.

- Você estava se esfregando com a Lavinscky, quase beijando ela na frente de todos, eu fiquei... Com ciúmes!

- Ciúmes do que? - Katrina a olhava despreocupada - Eu não tenho nada a ver com você e você não tem nada a ver com que eu faço!

- Por que você não me escuta? - Hermione agora tinha súplica na voz.

- Porque quando eu quis falar você também não me ouviu! Por que motivos eu deveria te escutar agora? Só vim aqui dizer para você que o que você faz da sua vida é problema seu, não vou mais tacar cigarros em seu namoradinho e muito menos tentar te conquistar! Não sou palhaça Hermione! - Katrina tomou fôlego e continuou - Eu tentei, eu juro que tentei te conquistar mas não deu Hermione, eu cansei!

Hermione não sabia o que falar, ficou olhando para a outra com os olhos cheios de lágrimas, viu que Katrina estava alterada e a viu acender outro cigarro. Tentou falar alguma coisa mas as palavras não queria sair de sua boca, olhou em vão para ver se ela iria falar mais alguma coisa mas Katrina resolveu ficar muda e por alguns minutos as duas ficaram num silêncio mórbido.

- Me desculpa... - Falou Hermione baixinho - Me desculpa por ser tão arrogante ao ponto de não perceber o quanto eu... gosto de você...

- Não me venha com essas agora Granger - Katrina puxou a fumaça - Dá última vez você saiu correndo dizendo que eu a agarrei...

- Eu não correrei agora... - Hermione falou olhando para Katrina, que evitava olha-la.

- E que garantia eu tenho que você não irá correr para os brços daquele russo idiota? - Agora a voz de Katrina parecia ter sido aliviada e ela já não falava mais alterado.

- Entende - Hermione andou até ela e a fez olha-la - Eu quero te beijar! Eu quero estar com você hoje a noite! Esquece o Youri, esquece tudo...

À luz da lua as duas se beijaram e o cigarro caiu da mão de Katrina quando ela segurou na cintura de Hermione a puxou em direção à parede. As mãos de Katrina desabotoaram o casaco de Hermione e o jogaram no chão, a boca de Hermione beijava o pescoço de Katrina enquanto tirava a jaqueta e puxava Katrina para o chão, mas Katrina parou e Hermione assustada também.

- O que... O que foi?

- Nada, só que aqui não é um bom lugar para isso... Vem comigo!

Katrina começou a descer as escadas correndo seguida de Hermione que não ousava falar uma palavra, apenas a seguia achando que a garota havia enlouquecido, elas correram mandando as cautelas as favas, uma ves que já era, 1:15 da madrugada, de repente Katrina estaca e atravessa em passos largos um pedaço onde logo em seguida aparece uma porta, Hermione sorriu:

- A sala precisa... Daqui a pouco terão que fazer horário para poder usa-la...

- Vem logo!

Hermione ficou supresa quando entrou, aquilo não era necessariamente o melhor lugar que poderiam terminar o que começaram, na verdade, não sabia de onde ela havia tirado tal idéia, quando olhou para Katrina ficou supresa porque a garota também olhava perplexa para o que havia sido transformada a sala. Havia uma cama de casal ao centrou com os lençóis bagunçados, uma guitarra e um amplificador caiam em perfeita harmonia com os pôsters e inscrições na parede. alguns deles estavam caídos.

- No que foi que você pensou? - Perguntou Hermione.

- Ah... Eu imaginei um lugar confortável e que ninguém não nos atrapalhasse e bem... Ela se tranformou no meu quarto... - Terminou Katrina envergonhada.

- É diferente... Mas parece ótimo...

Katrina seguiu até Hermione e a abraçou, em instantes as mãos começaram a se embolar e Katrina retirou a blusa de Hermione. causando arrepios na garota por causa do frio, Katrina deitou Hermione na cama e começou a beija-la, primeiro sua boca, depois o seu pescoço, Hermione tirou a blusa da garota e desabotou seu cinto, aos poucos a mão de Katrina foi descendo para a coxa de Hermione, que soltava suspiros no ouvido da garota.

Katrina tirou o sutiã da garota e começou a brincar com os mamilos de Hermione, ora com um, ora com outro, Hermione achava que estava no paraíso, era bom sentir o corpo, a boca de Katrina, fechou os olhos e sentiu a menina descer pela sua barriga e beijar suas coxas, por puro impulso arranhou as costas de Katrina que soltou um gemido.

- Me desculpe... - Falou Hermione baixinho mas foi calada com um beijo de Katrina.

- Não se preocupe... - Sussurrou a morena.

Katrina desceu até o umbigo de Hermione e delicadamente retirou a calcinha de Hermione, com dois dedos começou a masturbar a garota que soltava gemido e se contorcia na cama, até que Hermione ficou com a respiração mais ofegante e desabou nos braços de Katrina. Quando conseguiu se recompor, Hermione voltou a beijar Katrina que se surpreendeu quando a garota subiu em cima dela e prendeu sua mãos na cama.

- Minha vez....

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.