FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo



______________________________
Visualizando o capítulo:

4. A primeira briga


Fic: Nós... Irmãos ?


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________








-Bem,depois conversamos, agora eu tenho que ir- Falou a menina apressada.

-Ué? E o que te faz sair correndo assim? – Perguntou James.

-É que a Lily sumiu,ela viu umas coisas ai e sumiu.

-Ah,fica calma logo logo ela volta. – Disse ele fazendo pouco caso.

-Oh não! – Disse a menina olhando pro lado “.



Cap. 4

A primeira briga.

-A Lílian sumiu? O Que está acontecendo Marlene? –Perguntou Sarah que estava parada a frente dos meninos os olhando como se esperasse resposta,mais o celular de James tocou e após quinze minutos tentando atender o telefone e ele e os amigos foram pra casa sem esperar pela resposta de Marlene.

-Hehe – Sorriu a menina sem graça.

-O que estava acontecendo,você disse que Lily sumiu..é verdade? – Perguntou a mulher preocupada.

-Bem,é que eu não estou achando ela,mais nós nem a procuramos dentro de casa ainda,eu estava indo lá agora. – Disse a menina um pouco aflita.

-Bem,então vamos ver se ela está lá – Disse a mulher preocupada entrando dentro de casa.

-LÍLIAN?..LILY QUERIDA?...VOCÊ ESTÁ AI? –Berrou a mulher do Hall da casa,Marlene levou um susto tão grande que até sentiu seu coração acelerar.

-O que ta acontecendo? – Perguntou Vinicius saindo da cozinha –Mãe?

-A Lily esta aqui em casa querido? – Perguntou Sarah.

-Não,eu pensei que ela estava com as amigas dela. – Disse o menino confuso.

-Oh Meu Deus! – Disse a mulher desesperada.

-Fica calma tia,tenta ligar pro celular dela, quem sabe ela não atende? - Encorajou Dorcas,no que as amigas concordaram.

-Sim..é claro. – Disse a mulher pegando o telefone e ligando para o celular da filha.

-O que está acontecendo Anna? – Perguntou o menino para a namorada (é.. eles estão namorando).

-Parece que a Lílian sumiu. – Disse ela olhando para a mãe de Lílian.

-A não...só dá fora de área,e agora? – Perguntou a mulher,quase a beira das lagrimas.

-Talvez ela esteja dando uma volta por ai,fica calma Sarah. – Disse Anna.

-Duvido que ela estaria andando por ai sem vocês..me diz..quando foi a ultima vez que a viram? – Perguntou a mulher.

-Ah mais ou menos duas horas,mais ela estava na sorveteria com o Rafael e ele falou que fazia uma hora que não a via. – Disse Lene.

-Oh meu Deus.. – Disse a mulher saindo pra fora de casa e indo diretamente para casa de Alex.

Ela bateu na porta e um homem sorridente veio a atender.

-Olá...Sarah? Entre..o que aconteceu? – Perguntou ele preocupado, eles tinham combinado outra coisa antes de voltarem da viajem.

-Ah Lílian,ela sumiu – Disse a mulher entrando dentro da casa deixando todos sem entender nada,como ela conhecia Alex?

-Fica calma,talvez ela só esteja dando uma volta por ai. – Disse ele tentando tranqüilizá-la, eles pareciam tão íntimos que todos ficaram pasmos.

-O que esta acontecendo pai? – Perguntou James sem entender,ele não conhecia aquela mulher e não sabia que o pai a conhecia, mais lembrou tela visto “interrogando” Marlene.

-Depois James,depois! – Disse ele um pouco confuso.

-Sirius,pega um copo de água com açúcar pra Sarah – Disse Alex ,no que todos se calaram e olharam para o menino,que foi buscar a água,no que James o acompanhou.

-O que ta acontecendo será Almofadinhas? –Perguntou James.

-Não sei cara,nem sabia que sei pau conhecia essa mulher,ta estranho né? –Disse Sirius.

-Pelo visto a filha dela sumiu,Lílian não era aquela menina que vocês estavam assustando? – Perguntou Remo entrando na conversa.

-Vocês não...nós...e pelo visto é ela sim. – Disse Sirius sorrindo e indo pra sala levar o copo de água pra mulher.

-Foi ele Alex,foi ele...ele pegou ela...oh meu Deus,eu não sabia que ele sabia sobre eles..e se ele fazer alguma coisa pra ela? –Disse a mulher desesperada, andando de um lado para o outro.

-Ele não fará nada,pelo visto ele esta em Paris,fica calma querida. – Disse o homem a consolando.

-Vamos procurá-la,não podemos ficar aqui,se ele a pegou eu o mato – Disse a Sarah se levantando se recompondo pra começar a procurar a filha.

-O que esta acontecendo pai,e de que homem ela esta falando? – Perguntou James antes que qualquer um na sala perguntasse.

Mais seu pai nada respondeu,apenas o olhou com um olhar que dizia tudo.

-O que? Ele...ele...ele esta aqui? – Perguntou James olhando incrédulo para o pai,uma onda de raiva passando por todo seu corpo.

-Eu não sei! – Respondeu o homem pesaroso.

Mais o menino não ouvia mais nada,flashes e mais flashes invadia a sua cabeça e ele começava a se lembrar de coisas horríveis.

-Eu vou atrás dela – Disse o menino finalmente e saindo correndo porta a fora.

-James..espera.... – Gritou o pai,mais o menino não ouviu

-Tio Alex..eu vou atrás dele. – Disse Sirius, no que Remo também saiu atrás do maroto.

-Eu vou procurá-la Alex,ela não pode estar longe! – Disse a ruiva também saindo da casa.

-O que esta acontecendo gente? – Perguntou Lene sem entender.

-Eu não sei Marlene,mais vou procurar o James, se ele o encontrar ira acontecer uma tragédia... – Disse o homem enigmaticamente saindo porta a fora.

-Que homem? E que tragédia vai acontecer? Oh meu Deus,porque ninguém explica nada... – Disse Dorcas irritada.

-Bom meninas,eu não sei o que esta acontecendo,mais é melhor ir procurar a Lily,ela não deve estar longe. – Disse Anna.

-Verdade,mais alguém tem que ficar pra caso ela volte. – Disse Dorcas.

-Eu fico,mais não se esqueçam,deixem o celular ligado pra caso qualquer coisa avisar a gente Ok? – Disse Lene.

-Claro,tchau! – Disse Dorcas e Anna estranhando a atitude da menina,Lene não era do tipo que deixava de ir procurar alguém.

-E eu Lê? O que faço? – Perguntou Vinicius meio avulso a tudo aquilo.

-Fica lá na sua casa,quem sabe ela não aparece por lá? – Disse Lene sorrindo.

-Tudo bem...até mais! – Disse o menino sorrindo e saindo pela porta.

-Ai Meu Deus..aonde você se meteu Lily?! – Disse Lene olhando pela janela e vendo que o tempo estava totalmente fechado, logo começaria uma longa chuva.

________


James andava pela rua e pensava aonde ele poderia estar,mais esse era o problema..ele não poderia estar..não poderia...

Lembrou que as amigas a viram pela ultima vez na sorveteria e que ela tinha corrido pra não sei aonde....então isso significa que ela não foi pega...não na frente de alguém...então ele se tranqüilizou..as chances dele estar com ela eram bem remotas,uma fina chuva começou a cair.

Quando de repente ele olha pra frente e vê um morro, e como se uma luz o iluminasse ele pensa...”ela só pode estar lá”, e sai correndo em direção ao morro,sem nem pensar que ele também poderia estar lá.

Agora a chuva já estava bem forte e seus óculos não estavam ajudando a enxergar muito bem na chuva...então ele tirou os óculos e começou a correr, sua sorte era que ele enxergava bem sem os óculos, pelo menos de longe..só o precisava para perto, então começou a correr mais rápido.

Logo começou a correr para cima do morro, e chegou bem em frente a uma floresta que tinha lá,olhou para os lados e respirou fundo, colocou a mão no bolso esquerdo e foi se embrenhando pela mata,mais sem ir para o meio,apenas no começo,quando algo o chama a atenção.

__________

Lílian se sentia arrasada, a chuva que caia já a molhava inteira e se confundia com as lagrimas em seus olhos.




Narrado por Lily

Como eu sou burra, meu Deus,como pode haver uma criatura tão idiota como eu? Era obvio que essa era a novidade que ele queria me contar..ai...e aquela vaca...piranha...cadela safada....no mínimo deve ter feito alguma coisa pra ele ficar com ela tão rápido assim.........e o retardado ainda me beija....aiiiiiii....porque ele fez isso? Será que é pra mim ficar mais hipnotizada ainda? Ou será que é porque ele é um safado sem vergonha que quer brincar comigo? No mínimo as duas são verdadeiras...porque pensa comigo:

Se ele já estava namorando ela...o que é obvio, ele sabia que não poderia me beijar..então o que ele fez?! Vai lá e me beija..talvez deva ser legal brincar com a Lílian Evans...a menina mais burra do mundo...a mais boba...a mais sem vergonha..sem vergonha mesmo..porque se eu tivesse o mínimo de vergonha na cara eu levantava e ia embora dessa chuva,me esquentava em um cobertor e amanha mesmo arranjava um namorado a tira colo pra ninguém botar defeito, e esquecia desse molequinho infeliz e lindo..quer dizer..horrível..que apareceu no meu caminho.


E quer saber...é isso mesmo que eu vou fazer...vou levantar e vestir uma Lílian Evans nova..a Lílian fatal..hahahaha...tudo bem.. isso foi muito tosco..mais pelo menos me fez rir....

-Ah..então você esta ai não é? Acha que é engraçado preocupar a sua mãe e os outros se embrenhando na mata? Sabia que tem pessoas que se preocupam com gente inútil como você....? – E uma coisa estranha na minha frente com uma mão no bolso, (o que é super suspeito) esta falando um monte de merda pra mim..pera ai...de onde esse menino veio? Quem é ele? E o que ele pensa que esta fazendo falando essas coisas horríveis pra mim?

-CALA BOCA! Você é louco por um acaso meu filho? Porque se você não sabe..eu não te conheço..e nem vem com essas historia de mamãezinha preocupada porque pra sua informação minha mãe está viajando...e pêra ai..quem você pensa que é pra falar assim COMIGO? – Me descontrolei...mais também...quem esse doido pensa que é pra falar assim comigo? E outra..o que ele faz aqui atrás de mim?

-Mais que mal agradecida você é não ruivinha?. – Disse ele sarcástico.

-Você.... – Eu disse apontando para ele e fazendo um olhar de secar planta...agora sei quem é o retardado.

-Nããão..Merlim querida.

-Quem? – Eu perguntei assustada.

-‘Deixa queto’..agora vamos logo embora que eu não quero pegar um resfriado por causa de uma ruiva mimada. – Disse ele me olhando e achando que eu vou ir pra algum lugar com ele,oras..me poupe.

-Você acha que eu vou a algum lugar com você? Nem morta...eu não te conheço moleque... – Mais ele não me deixou terminar a frase, pois um graveto se quebrou em algum lugar da floresta e ele colou o corpo dele no meu e tampou a minha boca com uma mão, e com a outra ele desceu novamente para o bolso, será que ele tem um canivete? Aiii ele vai me matar..

Eu sei que esse momento não é o apropriado mais eu disse que ele esta com uma calça jeans,tênis, e uma blusa baby look branca por baixo de uma camisa quase azul que fica aberta? E que ele tem um físico e tanto? Não? Pois bem...agora estou dizendo, sabe.. isso é estranho..ele continua tampando a minha boca e está olhando para os lados..como se um maníaco fosse nos atacar a qualquer momento, e eu nem fiz nada pra tirar a mão macia e cheirosa que ele tem da minha boca, acho que ele quer me matar de outro jeito.

-Vamos embora... – Disse ele por fim me soltando.

-Eu já disse que não vou a lugar algum com você... – Eu disse olhando as minhas unhas,não é bom ficar secando um cara doido que tem um canivete, tudo bem que eu não tenho certeza se é um, mais o que mais seria? Um garfo?

-Caramba garota....será que não dá pra colaborar? A sua mãe esta igual a uma louca lá em casa..para de birra e vem logo.

-Não vou...quer que eu repita? Pois bem... não vou,que saco..menino insistente.... você não me tira aqui nem me pegando no colo... – Eu disse...e ele ta olhando pra mim com uma cara de maníaco, e um sorriso maroto brotou em seus lábios, o deixando extremamente sexy..quer dizer...odioso....e ele ta andando em minha direção..cada avanço dele é um recuo meu..mais tem uma arvore no caminho que me impede de ir mais para trás.Ahhhhh agora é meu fim.

-Veremos... –Disse ele me olhando e sorrindo, se aproximando mais e mais.

-AHHHHHHHHHHHHHHH – ele me pegou no colo,mais ele não me virou de costas...e sim me pegou como um noivo pega uma noiva sabe...e ele ta rindo...enquanto eu me descabelo e bato no peito extremamente musculoso e duro dele.

-Me põe no chão...AHHHH...filho da égua...me põe no chão caramba....assedio sexual é crime...

-Eu vou lembrar disso no tribunal...quando eu estiver contado pra juíza o quanto você bateu e apertou o meu peito super sexy e musculoso,satisfazendo todos os seus desejos secretos..e de como eu estava odiando – Disse ele sarcástico, com uma cara sexy e com um sorrisinho de canto de lábios enquanto caminha comigo no colo.

-Oras..seu....seu..

-Sexy..lindo....perfeito.....

-Sexy....quer dizer ...horrível...terrível..odioso...truculento... safado....cachorro.. sem vergonha... – Eu disse me embolando com as palavras....

-Psiu ruivinha....você é muito pesada pra eu carregar e ainda fica conversando na minha orelha...

-Filho da mãe,seu desgraçado,retardado,idiota...AHHHHHHHH - Eu disse batendo mais ainda nele...

-Para de se mexer..se não quiser esborrachar a cara no chão... – Disse ele andando comigo no colo.

-Como você é estúpido, insensível, grosseiro,arrogante e egocêntrico ainda por cima... será que dá pra me por no chão?

-Não..eu gostei de carregar você no colo ruivinha....

-Não me chama de ruivinha... –Nunca vi um menino mais atrevido como esse, me chamando de ruivinha..quem ele pensa que é?

Ele continuou caminhando comigo e logo a gente já estava na frente da sorveteria,e o Rafael e a Lívia ‘Biscate’ Lorena ainda está lá com o ele,quando eu vi os dois lá meus olhos se encheram de lagrimas e pelo visto o atrevido que esta me carregando percebeu..e o Rafael esta olhando pra cá com uma cara incrédula, e sem pensar, eu passei meus braços em volta do pescoço do James e ele olhou pra mim com uma cara estranha (mais ou menos assim ó: o.Õ) mais não disse nada,logo que passamos pra lá da sorveteria eu fui retirando meus braços do pescoço dele lentamente,nós não demos mais nenhum piu, e eu nem olhava para a cara dele..só ficava pensando no Rafael e ‘tarado do canivete’ ( porque eu acho que uma machadinha é muito grande pra caber naquele bolso) olhava para frente.

Chegamos em frente a minha casa mais ele passou reto e foi para o que deve ser a casa dele..que estranho..será que ele é realmente um maníaco e quer me pegar?Buaaaa... nem fiz meu testamento ainda...

Ele parou de caminhar..e genteeee minha mãe ta ai..ela ta chorando, ta molhada e ta me olhando...então ele me colocou delicadamente no chão (mulequinho mais grosso esse Potter né? Nem pra me por delicadamente realmente no chão) e minha mãe veio correndo me abraçar.

-Ai meu amorzinho,bebezinho da mamãe,queridinha..bebê ruivo...Pôzinha* vermelha do meu coração – Se o que eu ouvi foi o “tarado do canivete mais conhecido como Potter” abafar uma risadinha mesmo eu mato..MATO... ele – achei que nunca mais ia ver a minha cabritinha...ai filinha..que susto você nos deu! – E minha mãe..após esse discurso no mínimo constrangedor (no mínimo só?) começou a chorar.Gente..ela não poderia ter escolhido a Laa-laa ao invés da Po?

(N/º Gente,pra quem nunca assistiu a programação infantil..quando a mãe da Lily fala Pôzinha ela esta se referindo a Po dos Teletubbies)

-Eu estou bem mãe..só não entendo o que está acontecendo aqui... – Disse Lílian,mais sua mãe a interrompeu:

-NÃO SABE? COMO ASSIM NÃO SABE? VOCÊ SOME E NÃO SABE O QUE ACONTECEU? – Disse a mulher berrando e assustando a todos,Lílian deu um pulo pra trás e quase caiu de bunda no chão,se não tivesse escorado em um menino forte que ela ainda não conhecia mais que se chamava Sirius Black, porém Alex,para completar a loucura berra:

-SARAH POTTER...- E ele reparando na besteira que fez concerta: - Desculpe, Sarah Evans...recomponha-se. – Disse ele por fim,pois sabia que a mulher tinha ataques de fúria logo após passar por situações de estresse,já que eles trabalhavam junto.

-Epâ....Sarah Potter? O que ta acontecendo aqui mamãe? – Perguntou Lílian não entendendo nada e com uma imensa vontade de chorar sem motivo,já que ela estava de Tpm.

-É?..que historia é essa de Sarah Potter? – Perguntou James, no que Sirius começou a rir porque já estava entendendo tudo.

-Hei...eu perguntei primeiro seu mal educado, grosso, prepotente, arrogante... – Começou Lílian.

-Lindo – Completou James.

-Lindo...epâ..lindo uma ova....quem você pensa que é menino? – Perguntou Lílian brava,Sarah,Alex,Sirius,Remo,Dorcas,Vinicius e Anny olhavam para o casal discutindo e Sarah começa a se desesperar.

-Vai se danar Potter...sua bicha enrustida... – Continuou Lílian com a briga.

-Hei..não duvide da minha masculinidade..você nem me conhece...vai se danar o tomatinho estragado... – Disse James também alterado.

-CALEM A BOCA! O que está acontecendo aqui? – Perguntou Remo entrando no meio de James e Lílian fazendo-s calarem a boca.

-Isso mesmo..agora faz um stripper.. – Disse Dorcas para Remo que estava no meio da roda,deixando-o vermelho,no que todos a olharam como se ela fosse uma louca.

-Deixa que eu explico gente....- Começou Lílian, estranhando toda aquela baderna. – Eu fui tomar um sorvete,daí eu resolvi dar um voltinha lá pelo morro e começou a chover,daí o senhor ‘sem-educação-e-grosso-tarado-do-canivete- Potter’ foi atrás de mim,por um motivo ainda desconhecido e me trouxe pra cá,daí minha mãe que era para estar viajando deu uns pitis e o que parece ser o senhor ‘Potter-pai’ ,fez uma confusão com os nomes e a baderna começou...- Ela respirou fundo e continuou novamente – Viu gente...como foi fácil? E me desculpem...foi tudo culpa minha,mais já está tudo resolvido e a gente já pode se acalmar..bom..tchau gente...e vamos né mãe? – Disse Lílian se desculpando e esperando a mãe para ir embora.

-Vá com as meninas na frente,eu tenho que resolver uns assuntos,lá em casa nós conversamos. – Disse Sarah para Lílian que obedeceu,mais desconfiou da mãe.

-Vamos Pai? – Perguntou James também desconfiado de que o pai queria conversar com a mulher.

-Vá com seus amigos James,em casa nós também conversaremos seriamente. – E James,sem surpresa alguma da reação do pai, foi para casa.


Logo após todos irem embora Sarah olhou para Alex e disse:

-O que foi isso? Meu deus...pelo visto eles se odeiam..e agora?



u_u_u_u_u_u_u_u_u_u_u_u_u_u_u_u


N/ªGentem... me desculpem... eu não deveria ter feito isso com vcs.. mais eu ia postar segunda só que eu tive que ir as pressas pra maringá e voltei hoje... prometo naum demorar tantoo.. e Obrigadowwww pelos coments... eu AMEI....

Respostas dos Coments:

Giovanna Ranieri : Presente de natal postadoooo...e ainda bem que vc não ia me mandar uma avadaa... eu sou mto jovem pra morrer... 14 aninhos ainda é mto poucoo... huahauhuaa e concordo cm vc... a Lívia é um cú... mais tipow... ela não vai só querer o Rafa... a bixa é gulosaa... mais num vo conta mais nada né? Huahsuahsaush se não perde a graça ler a fic..e vc acertou.. o povo estresso mesmo...adoro de paixão seus coments.. e prometo att a fic logo.. agora que a poeira abaixou eu vou postar rapidim rapidim.. Beejo.

**júh**: Ebaaaa! Já fiz um Natal feliz... espero que goste do cap.. e eu prometo tentar postar o cinco antes do natal.. quem sabe né? Huahauhaua Beejo.

Lethicya Black: Cap. Postado... desculpe a demoraaa... e pode deixar que eu vo pda uma passadinha na sua fic sim..espero que goste do cap. Beejo.

Mrs. Mandy Black: Presentinhooooo? Presentinhooo? Mininaaaa.. vc fez meu Natal (que ainda nem chegou) o MELHOR DO MUNDOOOO! AMEI DE PAIXÃO A CAPA... fiquei mto emocionada com o presente... espero que continue gostando da fic.. eu AMEI a capa de paixão.. e tipo.. me add no msn pra vc me mandar o nome do povo que vc escolheu pra ser os personagens pra eu por a descrição e as fotos... adorei o povo que vc escolheuuu....e o Rafael tb... e o Jared como o James ficou perfeito.. Beejo.(nessinha_hp@hotmail.com)





Previa do Próximo:
-E agora seja o que Merlim quiser,eles terão de se acertar,afinal..serão irmãos... – Disse Alex.

-Certo,então amanha a noite nós contamos...

Ele realmente era muito atrevido mesmo, e Lílian ficou pensando no porque dele ter ido atrás dela,eles nem se conheciam,e lembrou-se de como ficaram próximo quando ele ouviu um barulho qualquer

-O que ta acontecendo Lílian? –Perguntou Lene.

-Eu não consigo esconder nada de vocês não é? – Perguntou Lílian chorosa.

-Romântico? Pêra ai..eu ouvi romântico? – Perguntou Lílian incrédula.

.... mais também..quem se sentiria à vontade quando tem um louco maníaco super sexy te pegando no colo...

-Tudo bem então..mais vamos descer? – Eu perguntei.



Gentemm... o próximo capitulo não tem nada de interessante, mais eu vou tentar dar uma melhoradaa... e tipoww...
Chegou uma hora decisiva ...
Tenho duas perguntas pra fazer que vão mudar completamente o rumo da historia.. e eu vou deixar pra vcs decidirem ...

Pergunta numero um:

Hogwarts existe?

Pergunta numero dois:

Quantos anos eles tem? 16 ou 17?


Gentee... eu quero deixar bem claro que essas perguntas mudam totalmente o rumo da historia e que eu to deixando pra vcs decidirem pq eu não quero decepcionar ninguém e pq u confio em vocês...a voz do povo é a voz de Deus.. então a decisão é de vocês.. eu não vou explicar sobre as perguntas pq se não não tem fic né?!

Beejo.


Vocês me fazem muito feliz!

=D















Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.