FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

4. Começando a Mudar (NOVO)


Fic: Assunto De Meninas - ÚLTIMO CAPÍTULO POSTADO


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Katrina saiu desembalada atrás de Hermione que já descia o segundo lance de escadas, gritava em vão o seu nome e a sua voz ecoava nas paredes frias do castelo. Katrina alcançou Hermione e a segurou pelo braço forçando a se virar. Haviam lágrimas no rosto de Hermione, mas seu olhar era de puro remorso.

- O que aconteceu? - Katrina perguntou segurando o braço de Hermione frouxamente.

- Aquilo não deveria ter acontecido - Hermione se desvencilou de Katrina - E Me solta garota!

- Mas...

Hermione não deu tempo de Katrina falar mais nada saiu correndo escada a baixo fazendo com que Katrina a seguisse.

- Espere Hermione! - Katrina gritava, arfante - Espera!

Hermione não lhe dava ouvidos, entrou por uma passagem qe dava diretamente em frente a sala de McGonnagal, paou por alguns minutos para respirar que foram suficientes para Katrina a alcançar. Hermione encostara-se na parede e as lágrimas haviam parado de escorrer, no entanto o olhar de ódio ainda estava em seu rosto. Katrina parou de frente também arfando de cansaço, tomou fôlego e olhou para Hermione.

- Que... Raios Você... Pensa que está... Fazendo?

- Você... me agarrou! - Hermione falou em alto e bom som - VOCÊ!

- Você sabe... quem não foi assim! - Katrina agora tinha um sorriso sarcático no rosto

- NUNCA MAIS TOQUE EM MIM! - Hermione estava completamente fora de si, uma Hermione que Katrina não achava que existia - Por favor... - Hermione falou baixo.

- Calma, é confuso eu sei mas...

- PARA DE FALAR! - Hermione berrou trazendo McGonnagal até elas.

A porta haviasido aberta e McGonnagal estava com uma cara de fúria quando encontrou Hermione e Katrina a sua porta. Olhou de uma para outra e com a voz mais severa que conseguiu fazer perguntou:

- Posso saber o que está acontecendo aqui?

- Nada não Professora, a Hermione anda meio, sabe, estressada - Katrina fez a voz mais calma do mundo - Não é Hermione?

- Não! - Hermione saiu andando deixando McGonnagal com cara de Interrogação e Katrina quase a beira de lágrimas.

____

Enquanto isso na Biblioteca uma ruivinha, carregada de livros, andava às cegas pelos caminhos tortuosos das estantes quando colidiu com algo que acho que era uma estátua, mas que depois de ouvir um gemido viu que na verdade era uma pessoa.

- Está louca Menina? - Ouviu uma voz feminina vindo de algum lugar perto dela - Já pensou em olhar por onde anda?

- Me desculpe - Gina tentava sair debaixo dos livros - Eu não te vi!

- Jura? - Respondeu a voz sarcarticamente pondo-se de pé - Vai demorar muito pra segurar a minha mão ou prefere que eu chame um guincho?

Gina tateou e encontrou a mão que a havia sido estendida segurou-a e pôs-se de pé, dando de cara com a última pessoa que imaginara encontrar na biblioteca, a ruiva, amiga de Katrina.

- Ah, você... - Gina falou bestamente

- Esperava encontrar quem? - A garota levantou a sobrancelha - E afinal, quem diabos é você?

- Gina.. Weasley - Gina estendeu a mão e foi completamente medida pela garota - E você?

- Lilys Lavynscky - E apertou a mão de Gina - Parece que você fez uma bela bagunça não é mesmo? - E apontou para o chão onde a pilha de livros etava espatifada.

- Céus! Madame Prince vai me matar! - E abaixou-se para começar a pegar os livros.

Lillys olhou Gina de cima a baixo e não pode conter um sorriso, a garota era linda, com um rosto maravilhoso e um corpo de não se jogar fora, caiu na real apenas quando viu Gina desabar de novo com o peso dos livros.

- Não querendo abusar da sua boa vontade - Agora Gina estava sarcástica - Será que pode me ajudar aqui?

- Ah claro, desculpe!

Gina pegou uma parte dos livros e Lillys pegou outra e as duas foram até a prateleira do fundo para guardá-los, Lillys olhava Gina andando apressada e pensamentos nem um pouco saudáveis passavam pela sua cabeça.

- Por que tanto livro? - Lillys questionou

- Lições atrasadas - Gina tentou olhar para atrás e quase que todos os livros foram para o chão - Sabe com é, ando ocupada demais para o colégio!

- Ocupada fazendo...

- O garoto com quem estou saindo não me deixa em paz! - Gina colocou os livros sobre a estante e tomou fôlego - Quer ficar grudado em mim toda a hora!

- Garoto? - Lillys também colocou os livros.

- Sim... Miguel Corner, Corvinal.

- Ah claro, Corvinais... Uns Sacos! - Katrina começou a colocar os livros nas prateleiras mas virou-se diante do olhar de reprovação de Gina - O que é? São Mesmo...

- Por alguns momentos eu esqueci que você era uma Sonserina...

- Algo contra? - Lillys sorriu - Não gosta de Sonserinos?

- São todos arrogantes e metidos, apenas por serem de puro-sangue! - Gina fingiu cuspir no chão.

- Eu não sou sangue-pura...

- E está fazendo o que na Sonserina? - Gina virou-se e começou a arrumar seus livros - Lá não são só sangues-Puros?

- Nem sempre o que parece é! - E colocou o último livro da sua prateleira e foi ajudar Gina - Não nego que sou um pouco arrogante, mas, não sou sangue-puro!

- Você é amiga da Katrina não é? - Gina desviou o olhar pegando um livro que estava meio longe.

- Sim, por que? - Lillys parou de arrumar o livro e olhou séria para a Gina - Você pe amiga daquela Hermione não é?

- Sim, Por que? - Gina também parou e encarou Lillys - Algum problema?

- Nenhum, contanto que a sua amiguinha não machuque a minha amiga!

- Quê?! - Gina não havia entendido - Como assim?

- Ah... - Lillys pareceu meio desconcertada - Você não sabe?

- O que eu deveria saber? - Gina colocou o último livro, bateu as mãos e olhou séria - Tem alguma coisa que eu deveria saber?

- Some dois mais dois minha cara Grifinória! - Lillys começou a andar para a saida mas Gina a segurou - Me solta!

- O que tem a Katrina e a Hermione?

- Céus! É tão difícil descobrir Weasley?

Gina fez uma cara engraçada e sua cabeça começou a funcionar passando pelas idéias mais loucas e impossíveis relacionando as duas até que fez uma cara de surpresa e Lillys começou a rir, de satisfação ou de graça Gina não sabia, mas a sua idéia não podia estar certa.

- Entendeu agora? - Lillys ainda sorria - Sua amiguinha está... Uhm, relacionando-se com a minha...

- Impossível! - Gina estava incrédula - Mas a Mione... Ela ficou com o Krum e... Não pode ser! A Mione não é...

- Lésbica? - Lillys acompanhava Gina para fora da biblioteca - Bi quem sabe? - E começou a rir mas parou ao encontrar o olhar sério de Gina - O que foi?

- Nada - Gina mordeu o lábio inferior - A Katrina é?

- Sim... E antes que me pergunte, eu também.

- Ah... - Gina olhou incrédula " Como ela sabia que eu iria perguntar " - Não ia perguntar de você.

- Certo...

Por alguns minutos ambam ficaram quietas cada uma com o seu pensamento, olhando em volta. Gina estava enconstada na mureta e Lillys de frente para ela com a mão cruzada enquanto Gina mordia o lábio, nenhuma das duas falou nada.

Pensamento de Gina

Cara, não pode ser! A Mione?! Nãããooo, nem pensar! Ela ficou com Krum! E agora essa! Nunca vi um gay nesse colégio e de repente me aparecem duas lésbicas! Céus! Que confusão, preciso conversar com a Mione. E essa aí da frente? Garota estranha e... Lésbica! Mas pensando bem, pode até ser interessante... Não Ginevra Weasley! Você não é bi, nem lésbica e sai com o Miguel... Mas que é interessante é...


Pensamento em tempo real de Lillys

Nossa! A Kim vai me matar! Eu não deveria ter aberto a boca! Ah, mas quem se importa, não gosto daquela Hermione mesmo... E essa aí agora, até parece que é inocente desse jeito! Se eu tivesse chance, apesar de ela ser da Grifinória mas, não é de se jogar fora... Quem sabe assim esqueço finalmente dela... Mas que a Kim vai me matar, Sim, ela vai!


Os passos de alguém correndo despertaram as duas dos seus pensamentos e as trouxeram para a Terra novamente, olharam ao longe tentando decifrar quem é que estava correndo quando uma moita de cabelos castanhos apareceu no portal, Gina correu ao seu encalço sendo seguido por Lillys.

- Mione?! O que aconteceu?

- Nada Gina! - Hermione parecia que havia corrido uma maratona pois estava vermelha e um pouco, para sermos delicados, descabelada - Me deixa em Paz!

- Foi alguma coisa com a Kim? - A voz séria de Lillys falou

- Quem?! - Hermione escorou-se em Gina e virou-se para falar com a garota.

- A Katrina! - Lilys avançou para cima dela - O que você fez pra ela?

- ELA QUE ME FEZ! ELA ME AGARROU!

- Calma Mione! - Gina tentava em vão acalma-la - Me conta o que aconteceu?

- NÃO! ME DEIXA SOZINHA! - E saiu correndo, entrando na biblioteca e se perdendo entre as estantes.

Gina e Lillys se encararam, Gina tinha um misto de preocupação e dúvida no rosto e Lillys estava com o olhar de fúria.

- Se ela - E apontou para biblioteca - Fez alguma coisa com a Kim, ela está perdida!

- Não ameaçe ela! - Gina também encarou Lillys - A sua amiga que deve ter feito alguma coisa para a Mione!

- Olha aqui sua pivete...

- Não me chame de pivete! Você não é muito mais velha do que eu!

Lillys sorriu e levantou a sobrancelha - Nós ainda vamos se ver, Gina! - E saiu andando em direção a escada deixando Gina surpresa, confusa e pensativa.

____

O dormitória na Masmorra parecia um congelador, a atmosfera densa se misturava com um cheiro adocicado, que exalava uma fumaça e empestiava o dormitório inteiro, e ela estava lá, sentada contra a parede, envota de uma nuvem de fumaça, os olhos vermelhos de chorar e do efeito que aquilo em sua mão lhe causava, parecia que por alguns momentos a vida era a coisa mais bela que havia e que todos os problemas não existiam, apesar de ela saber que, mais cedo ou mais tarde, aquilo iria passar e mais uma vez ela voltaria para esse inferno que chamavam de mundo.

A porta se abriu e Katrina tentou, em vão, esconder o que fazia, mas para sua sorte foi Lillys que entrou no quarto e, pela névoa de fumaça encontrou a amiga. Sentou-se ao seu lado e a abraçou, e assim ficaram por algum tempo.

- Me diz, o que foi que ela fez? - Lillys acariciava o topo dos cabelos escuros de Katrina.

- Ela é louca - A voz de Katrina saia meio pastosa, meio chorosa - Eu não fiz nada, ela também havia gostado de me beijar e, de repente, ela sai correndo, gritando falando que EU a agarrei...

- Eu sei, eu vi ela correndo para a biblioteca...

- O que você estava fazendo na bibliotecca? - Katrina levantou o rosto

- Fui pegar uns livros e conheci a jovem Weasley...

- Ah... Quem é? - Katrina deu um trago

- A... Gina... - Lillys pegou o baseado da mão de Katrina e deu um trago - Ela me parece ser legal... E onde arranjou isso?

- Com o Tood do 7º ano... 5 galeões... Uma pechincha!

- E quanto a outra lá, vai fazer o que? - Lillys fez Katrina deitar no seu colo.

- Não sei - Katrina fechou os olhos - Eu acho que realmente gosto dela!

Lillys deu um sorrisinho sarcástico e emitiu um barulho de risada que fez Katrina abrir o olho e dar um tapa em sua cabeça.

- Sai! - Lillys colocou a mão na cabeça - Mas é verdade, quando é que você gostou de alguém?

- Como a senhora ousa perguntar isso? - Katrina levantou sorrindo - SUA CÍNICA! - E rio fazendo Lillys rir também.

- Não sei do que você está falando!

- Eu fui apaixonada por você! - Katrina tacou um travesseiro - E você não me deu bola!

Lillys fez um movimento ágil e se desvencilou da almofada, no entanto, Katrina foi lenta demais e tomou um tombo quando Lillys pulou em cima dela. Lillys estava em cima de Katrina quando as duas pararam de rir, ficaram se encarando, com sorrisos no rosto.

- Eu era idiota aquela época - Lillys sussurrou - Agora não sou mais...

- Mas, eu realmente gosto dela - Katrina falava meio vacilante diante do olhar penetrante de Lillys

- Então me deixa - Lillys sussurrou ao ouvido de Katrina - Ficar com você mais uma vez...

- Não... - a voz de Katrina perdeu o volume quando Lillys beijou seu pescoço - posso...

Lillys beijou o pescoço de Katrina que arfava, pressionava a sua virilha contra a dela e com a mão ia percorrendo cada espaço que encontrava de Katrina, calmamente, fazendo Katrina soltar gemidos. Lillys levou-a para cama e começou a desabotoar os botões da camisa de Katrina e a beijar a barriga, os seios, fazendo com que Katrina tivesse espasmos por todo o corpo. Era Lillys que a beijava, mas em sua mente era a boca e o corpo de Hermione Granger.


Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.