FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

5. - Ossos Brancos -


Fic: Maldita


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Beijos e arranhões nas minhas costas,
atalhos sólidos a rachar.
Eu levei-a para baixo e para baixo,
estou sem folego,começo a me afogar.
Estava me matando,estava me matando.
Tudo descontrolado,me matando.



Bellatrix empurrou a porta do quarto com o pé,fazendo um barulho irritante quando seu salto agulha finíssimo tocou a madeira.Voldemort ainda a segurava pela cintura,mais agora com mais força.
-Isso é certo? - Bellatrix perguntou,enquanto olhava a sua volta,estava no quarto dele,com ele, suas coisas pessoais,seus objetos estranhos,suas vestes jogadas na cadeira em frente a uma escrivaninha mal organizada,quadros com brasões,retratos de pessoas acenando,felizes,inclusive um grande,enorme,com uma rapaz bonito ao extremo,com o unifrome de sua casa em Hogwarts.Sonserina.-Isso é real?
Era demais para ela,ela não conseguia acreditar,para ela iria acordar a qualquer momento,deitada ao lado de seu marido,em seu quarto.
-Isso é real,ou não parece real o bastante para voce? - Voldemort desabotoou o espartilho da mulher,enquanto a empurrava para a cama.
Bellatrix se encostou no suporte de madeira escura do cortinado da cama do Lord,puxou-o para enfim o beijo,que fluiu perfeitamente,em completa sincronia ,cheio de desejo e luxúria.Bella não queria parar,já estava ofegante mais era bom demais,tinha que durar mais. Diminuiu a intensidade do beijo,enquanto abria o ziper do própio vestido com dificuldade. Voldemort soltou-se do beijo com uma mordida nos lábios carnudos da mulher,tirou a blusa preta,colando seu peito quente no peito ardente de Bella.Beijou seu pescoço,descendo devagar,até chegar ao peito de Bella,soltou-lhe a roupa intima e beijou o peito da mulher com vontade,lambendo ao redor. Ela vibrou de extase naquele lugar escuro e morbido,agarrou-se no cortinado verde-musgo da cama e deixou a excitação entre eles fluir e aumentar cada vez mais.
O homem empurrou-a para a cama,virando-se e deixando-a por cima de seu corpo,essa encheu-lhe de beijos e mordidas pelo corpo inteiro,desfez-se da calça do homem tão rapido que nem mesmo ele percebeu; arranhava-lhe as coxas finas e brancas,lambendo sua virilha fazendo-lhe vontade.
Voltou para cima,beijou sua nuca ,deposi seu pescoço violentamente,então deslizou sua mão de dedos longos pelo corpo do homem,tocando-lhe o sexo, então fez Voldemort provar um pouco doque era capaz de fazer antes de se entregar totalmente a ele.
Voldemort suava e soltava sussurros de prazer. Bella cansou de faze-lo passar vontade,e assim agarrou-o,virou e deixou-o por cima. Puxou a calcinha da mulher para o lado e penetrou-a devagar, segurando sua cintura com força. Bella vibrara novamente com a ação do homem,a possuiu com vontade,fazia ela delirara,dizer insanidades , ela gritou,mais de prazer, prazer como a muito tempo ela não sentira,fora a melhor transa de sua vida ,isso era mais que certo,a quanto tempo não imaginou isso? Saíra como ela queria,sonhara até com os gemidos do orgasmo de ambos. A noite lhe rendera,mais estava quase no fim.


São feitos para voce,
são dignos de voce.
Meus ossos brancos!
São feitos para voce,
armados para voce.
Meus ossos brancos!



O sol batera na janela,ela abriu os olhos bem lentamente,ainda fragéis a claridade, como era bom ver sequer um raio de sol em uma manhã de inverno em Londres.Isso a fez sorrir,ainda mais quando olhou para a escrivaninha e viu uma bandeja de prata tampada,com um envelope ao lado.Olhou para a cama,estava vazia,ela esperara que isso fosse acontecer,seu Lord tinha mais oque fazer do que durmir até as - consultou o relogio no criado mudo - 11 da manhã. Esfregou os olhos e se levantou enrrolada no lençol cinza,sentou-se na cadeira que deu um pequeno estalo,abriu primeiro o envelope que não tinha nada escrito;puxou um pequeno papel.

"A noite foi ótima,não disse que provaria seus pensamentos?
Terá que ir para casa sem Rabicho,precisei dele para umas tarefas,desculpe-me não estar aí para ve-la acordar,mas tive coisas importantes a fazer. Até breve Bella.
Lord Voldemort


Bella sorriu satisfeita ,colocando o envelope com o bilhete juntos a suas vestes que estava dobradas sobre um baú grande,todo talhado em desenhos de cobras.Abriu a bandeja reluzente,havia um copo com oque parecia ser suco de abobora,geleia de goiaba,biscoitos e bolachas diversificados e uvas bem roxas,aparentemente suculentas.Bella lambeu os lábios com vontade e tomou seu café.


Bellatrix já estava pronta ,só tentava prender seus cabelos decentemente,enquanto cantarolava uma música qualquer.
-Ótimo! - sorriu olhando-se no espelho. Prendeu o envelope do Lord por dentro do espartilho e saiu do quarto,dando uma ultima olhada para o retrato do rapaz jovem e bonito ,riu marotamente para sí mesma e fechou a porta.
A casa era silenciosa até demais,ela não era acostumada com esse silencio todo,mais sentiu-se triunfante descendo as escadas.Dormira com o bruxo mais temido e poderoso que existia,e isso deixava-a cheia de sí. Andou pelo hall e enfim,fazendo uma reverencia solitaria,retirou-se.
Aparatou direto para a Mansão dos Lestrange,esquecendo-se que lá esperava-lhe um marido inquieto e preocupado com o sumiço da esposa.


Beijos e arranhões nas minhas costas,
os braços mancham-se de vermelho.
A casa dela é repugnante,
e é o meu maior segredo.
Estava me matando,estava me matando,
Tudo descontrolado,me matando....



Bellatrix correra pelo hall e pela sala de estar de sua casa,sorrindo largamente,subiu as escadas em disparada,adentrou seu quarto e jogou-se na cama macia e aparentemente não usada na noite passada.Mas ela não sem importou,estava ainda feliz demais para se preocupar com oque Rodolphus havia feito ou deixado de fazer.
" Rodolphus..."


-Levante-se Bellatrix! - Rodolphus a puxou com agressividade pelo braço. - Pensou que ia passar correndo e se esconder no quarto que iria me enganar é?! - Rodolphus cerrou os dentes,seus olhos passavam raiva,odio.
-Ora veja só,me solte!-Bellatrix contorceu-se,livrando-se do marido.
-Bonito hein?Me deixa aqui com uns Comensais idiotas e vai jantar com o seu grandiosíssimo Lord das Trevas e só volta no dia seguinte! Oque é Bella?Não me diga que ficaram jantando até hoje de manhã?!- ironizou.
-Para de ser imbecil! Oque voce tem a ver comigo e com o Lord?Hãm?eu sou a serva mais leal,mais corajosa,mais dedicada,mais...- Um estalo forte,um tapa no rosto da mulher.
-Apaixonada querida?Mais apaixonada pelo grande Mestiço Tom Riddle!- Os olhos do homem lacrimejaram.
-Como ousa tocar em mim ?!! - Bella gritou ,chutando-lhe a canela com a bota,estava ofegante,a respiração acelerada.- E como ousa falar assim dele? Voce que se jurou fiel a ele! Traidor, sujo!-Bella colocou a mão na liga da meia para sacar a varinha,mas ela não estava ali. "Minha varinha!Não acredito..!!"
-O que foi Bella? A noite foi tão extasiante que esqueceu até da varinha nos aposentos dele?-Rodolphus agarrou nos cabelos de sua esposa com força,puxando-a por todo o quarto.
-Por que faz isso comigo!-Bella chutava Rodolphus de todas as maneiras que conseguia,mais o homem não cedia,era forte demais para ela.
-Oh,pobre Bella,cadê o seu Lord agora para te salvar?- debochou Rodolphus,fazendo uma vozinha irritante.Abriu a porta da sacada do quarto do casal,empurrando Bella contra o parapeito.
-Você precisa de mais pra me ver destruida !- Bellatrix deu uma de suas gargalhadas maquiavélicas,enlaçou a cintura de Rodolphus com as pernas como se o fosse puxar pa um beijo,ele veio crente que seria exatamente isso,mas a mulher mordeu-lhe com força os lábios,fazendo-o gritar,nisso puxou a varinha do marido que estava no bolso e tocou sua Marca Negra.Mais uma gargalhada ,sua marca queimou,a de Rodolphus tambêm.
Bella adorava aquela sensação,era um deleite para sí.
-O Lord está vindo,está vindo!Voce se arrependerá disso,sim,amargamente!
-Voce é imunda Bellatrix! -Rodolphus a soltou devagar,dando mais um tapa estalado em seu rosto. -Não merece o nome que eu te dei,não merece nada!
Bellatrix ficou quieta,apenas encarando o marido,com um olhar furioso e debochado.Ele virou as costas e saiu do aposento,nisso uma lágrima correu pelo rosto da mulher,seguida por outra,e outra..e outra...

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.