FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. Novos Alunos


Fic: Mudando o Passado - continuação: NOVO TEMPO


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Eles passaram a noite em Hogsmead. Dumbledore resolveu que ia ser melhor apresentá-los à escola como alunos em intercâmbio, e estando em Hogsmead podem pegar as carruagens para a escola no dia seguinte, misturando-se então aos demais alunos.


Harry estava deitado na cama, olhando para o teto. Era coisa demais em tão pouco tempo. Era Gina demais pra alguém que não quer se envolver. "Merlin, como ela está linda!" - pensou, levantando-se da cama e indo tomar o terceiro banho frio da noite. Ia ser um longo ano, com essa ruiva entrando nos seus pensamentos a todo instante.


Olhou-se no espelho. Ainda não havia se acostumado com o seu novo visual. Dumbledore não conseguiu fazer muita coisa com o seu cabelo, então deixou como estava... Mas mudou a cor dos olhos. Incrível como os olhos dizem sobre as pessoas! Harry era outra pessoa, com seus novos olhos negros. Era estranho, mas tinha que se acostumar.


Gina também tinha dificuldades para dormir. Ela não gostou da cor nova dos olhos do Harry, achou que ele agora tinha um olhar perigoso. Os olhos verdes sempre suavizaram a sua expressão, estivesse com raiva ou preocupado; esses olhos negros eram hipnóticos, e ela podia jurar que eles faiscavam...


Harry então se lembrou dos amigos, e sentiu-se novamente mal por não ter perguntado nada à Gina, fosse dos Weasley, fosse diretamente sobre Rony e Hermione. "Hermione de licença-maternidade? Será que ela e o Rony finalmente ficaram juntos?" - pensou.


* * * * * * * * *


De manhã, Harry estava de péssimo humor. Não havia dormido direito, e precisava conversar com a Gina, mas não sabia como. Ela o acusara de ser egoísta, e ele estava começando a acreditar nela... Como tinha se distanciado tanto dos amigos? Por uma mágoa, ou o que quer que fosse, que agora não parecia justificativa para ato tão extremo.


Gina desceu as escadas e encontrou Harry à mesa, tomando café. Ela sentou à frente dele, que ficou olhando para ela, sem dizer nada.


- O que foi, Harry? - perguntou, impaciente. Tivera uma noite horrível, e não tinha saco para os devaneios e loucuras dele.


- Como vai a sua família, Gina? - disse, de uma vez.


Ela arqueou as sobrancelhas, como quem diz "isso são horas de perguntar isso?". Ela deu de ombros e disse vagamente:


- Estão ótimos.


- Gina, - Harry não ia desistir assim, tão fácil. - como vai o Rony? Ele a Mione estão juntos?


Ela percebeu a ansiedade dele ao perguntar, e resolver parar um pouco de implicar.


- Estão casados há um ano e meio, Harry. Acabaram de ter uma filha, Emma. Rony não cabe em si de felicidade. - disse sorrindo.


- Que maravilha! - Disse Harry, sorrindo pela primeira vez desde que haviam se encontrado.


Gina sentiu um solavanco e baixou os olhos, para que ele não percebesse. Inútil.


- Eu fiz algo errado? - perguntou, preocupado.


- É que... - "O que ia dizer a ele? Que o sorriso dele mexia com ela mais do que gostaria de admitir?" - Bem, Rony sentiu mesmo a sua falta. Ele e Mione tinham combinado que, se fosse menino, se chamaria Harry.


- Eu... Sinto muito. Mesmo. Achei que me afastando as pessoas iriam poder levar a vida tranquilamente. Eu sofri tanto para me afastar que não me lembrei do sofrimento dos outros. - Harry fez uma pausa e baixou os olhos. Gina o olhava atentamente. - Acho que eu fui muito egoísta, mesmo - disse, depois de um tempo, baixinho.


Levantou-se devagar e saiu da mesa. Gina pareceu acordar neste momento. Não pensara também na dor dele. Até então, pensara que ele havia se afastado movido por uma mágoa, ou o que quer que fosse, mas que não lhe dava o direito de abandonar ninguém.


* * * * * * * * *


Harry passou o dia vagando por Hogsmead, com a capa da invisibilidade, pensando na vida e nas suas decisões. Pensou como a sua vida podia ser diferente hoje. Ele podia ter casado com a Gina, ter seus próprios filhos... Então se lembrou de que ainda era um homem perseguido. "Merlin! Será que nunca vou me livrar disso?"


Voltou para a hospedaria umas 4 da tarde. Cansado. Quando abre a porta do seu quarto, uma massa ruiva pula em cima dele.


- Você está louco? Onde esteve? Não se lembra que Dumbledore pediu que ficássemos sempre juntos? - gritava Gina, batendo nele. Harry riria, se não estivesse tão surpreso.


- O que você está fazendo aqui?


- Esperando você, não é? - Ela fez uma pausa e olhou bem pra ele. - Você está bem? - disse suavemente.


- Estou ótimo. - disse secamente.


- Harry, - ela tocou seu braço. - desculpa ter te chamado de egoísta. Eu... eu achei que você tinha partido pra se livrar da gente...


- Me livrar de vocês? Você está louca? Vocês foram a minha família, Gina... Eu só não queria que vocês fossem perseguidos ou coisa pior por minha causa.


- Você me desculpa? - pediu, num fio de voz.


- E você, me desculpa por ter me afastado?


- Eu te desculpo por ter se afastado da minha família. - frisou bem as últimas palavras. Harry sabia que ela não o perdoara por ter se afastado dela.


Ele a abraçou, e ficaram um bom tempo assim, em pé, abraçados. Então escutaram o apito do trem com os alunos para Hogwarts. Soltaram-se e foram buscar suas coisas.


* * * * * * * * *


Foram para o castelo junto dos outros alunos, nas carruagens de testrálios. Alguns estranharam, mas não disseram nada. Harry e Gina estavam em silêncio desde que saíram da hospedaria. Não queriam chamar atenção, mas estavam fazendo justamente o contrário, aos olhos dos outros.


Na entrada da escola, a Profª. McGonagall pediu que eles ficassem na sala ao lado, onde os alunos do primeiro ano ficavam. A sala começou a se esvaziar, e, depois que o último aluno foi chamado (Zemmer, Lenny), escutaram o burburinho diminuir, e então Dumbledore começou o seu discurso.


- Amigos, boa noite! Sejam todos bem-vindos, calouros e veteranos! Além dos nossos habituais avisos, como o de manter distância da Floresta Proibida e do Salgueiro Lutador, e o pedido de não fazer mágica nos corredores, tenho a honra de apresentar-lhes dois alunos de intercâmbio, que vieram fazer o último ano aqui em Hogwarts, da McKinnon, escola da Irlanda. Por favor, dêem as boas vindas a Gina Weasley e Harry Granger.


"Não vou me acostumar com isso!" - pensou Harry, balançando a cabeça e entrando no salão com Gina. Dumbledore exigiu que ele trocasse o sobrenome, pois as pessoas não deviam atentar para outro Potter, especialmente ele. Ocorreu-lhe, então, usar o sobrenome da Mione, que era trouxa e não ia lhe causar o constrangimento de responder por uma pretensa família bruxa.


- Sr. Granger, por favor, vá ao banquinho e ponha o Chapéu Seletor. - disse a prof.ª McGonagall.


Harry sentou-se e pôs o chapéu na cabeça. O chapéu deu um suspiro e começou.


- Em missão, meu jovem? Só muita coragem, para trazê-lo para esta época. Coragem e amor... Você é, sem dúvida, da Grifinória. - Disse a última palavra em voz alta e Harry foi para a mesa vermelho-dourada.


Gina olhava da frente do salão com ódio. "Que garotas assanhadas! Estão quase tirando a roupa pro Harry! Ah, que descaradas!"


- Srta. Weasley, por favor...


- Grifinória! - gritou o chapéu, assim que Gina o pôs na cabeça.


Enquanto Gina vinha para a mesa da Grifinória, Harry bufava. Todos os homens do salão estavam babando! Quando Gina chegou perto de onde Harry estava sentado, trombou em alguém, que levantou bem na hora em que ela estava passando.


- Se você quiser, Foguinho, posso ser seu cachorrinho enquanto você estiver aqui... Ou o que você quiser, é só dizer...


Gina ficou boquiaberta. Era Sirius. Atrás dele estavam Tiago, Lupin e aquele imundo do Pettigrew, todos rindo. Gina viu Harry com ódio, recompôs-se e disse:


- Vou pensar no seu caso... - e deu a ele o seu melhor sorriso.


Sirius simulou um desmaio e depois ficou latindo, enquanto ela se sentava.


- O que você pensa que está fazendo? - Harry sibilou, quando ela se sentou ao seu lado.


- Estou sendo simpática. É assim que as pessoas fazem amizade, sabe? - Ela falou num tom doce, fazendo força para não rir.


Ele jantou em silêncio. Quando o jantar terminou, outra ruiva se postou ao lado deles.


- Sejam bem-vindos, eu sou Lilian Evans, monitora-chefe. Este é Remo Lupin, também monitor da Grifinória.


- Obrigada pela recepção, podem me chamar de Gina. E esse é Harry Po... Podem chamá-lo de Harry.


Harry arqueou as sobrancelhas para Gina, e acenou para ambos. Ver a sua mãe lhe tirou as palavras, por um momento.


- E vocês podem me chamar de Lily, então. Afinal, seremos colegas de turma, e Gina, - virou-se para ela - você ficará no mesmo dormitório que eu.


- E você ficará no nosso, Harry - disse Lupin.


- Mas se a Foguinho quiser, a gente te troca no mesmo instante, cara. - chegou Sirius, dando umas palmadinhas nas costas de Harry.


- Epa! Tá doido, Almofadinhas? Deixar esse cara no quarto com a minha Lily?


- Pra você é Evans, Potter!


- Ah, Lily, todo mundo escutou que você disse que podiam te chamar de Lily... - disse num ar pretensamente angelical.


- Cala a boca, Potter!


Todos riram, e Harry olhava extasiado para os pais brigando. Gina lhe deu um cutucão e foram para o dormitório, afinal, no dia seguinte tem aula.


* * * * * * * * *


Comeeeeeentem, peloamorde!!!


p.s. o nome da escola tirei de um personagem de outra fic maravilhosa que eu li, "Labirinto", da Karina.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.