FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

4. Entrando aos tropeços


Fic: *Malfeito Feito, me Apaixonei!* | Depois de algun tempinho³³³....CAP 5 ON!!!!| Com Capa!!


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Cap. 4 - Entrando aos tropeços



Chegando no Saguão de entrada, Pedro saiu correndo que nem um desesperado em direção a mesa, com um Tiago rápido atrás, um Sirius correndo igual a um cachorro e um Lupin despreocupado andando tranqüilamente láááá atrás. Sirius viu que Tiago estava pegando uma certa distância e passava perto de Lílian e suas amigas, Annie e Kathy, então resolveu “ajudar” o amigo. Deu um baita empurrão em Tiago, fazendo ele cair em cima de...

- AI!!!!!!!!!!!! – Lílian se virou pra ver quem havia caído em cima dela e... – POTTER, O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO??? – disse, bufando com o peso do maroto em cima dela.

- Vamos ver no que isso vai dar!! – Sirius disse do lado das amigas de Lily, que abafaram o riso, enquanto Lupin ainda estava se aproximando da pequena aglomeração.

- Desculpe Lily, eu te machuquei?? – Tiago disse, olhando preocupado para a ruivinha.

- Eu não sou seu anjo ruivo, Potter! – ela disse, revirando os olhos, e o empurrando.

- Ei, mas eu não te chamei de anjo ruivo!! - Tiago disse, surpreso, saindo de cima dela.

- Hahaha 1X0 pro Pon... Tiago! – Sirius disse para as meninas.

- Claro que... Claro que chamou, oras! Você vive fazendo isso! – ela disse, constrangida, enquanto Tiago levantava e estendia a mão para ajudá-la, que nega.

- Ta tudo bem, Lily, se você gosta quando eu te chamo de anjo ruivo, eu chamo! – ele disse, sorrindo.

Então quando ela estava tentando levantar, pisou na capa e caiu de novo, fazendo com que Tiago tivesse que segurar o riso.

- É, realmente hoje não é o dia da Lily. - – Annie disse risonha - Quer dizer, seria, se o Tiago não estragasse!

- Eu já disse que pra você é Evans! – Lily reclamou.

Quando ela fez menção de se levantar de novo, Tiago foi mais rápido e literalmente a puxou, fazendo com que ela fosse pra bem perto dele.

- Pra mim você sempre vai ser a minha Lily. – ele disse, baixinho, ainda segurando-a pelo braço, e a olhando carinhosamente.

- Eu... Eu... Eu te odeio, Potter! – Ela retrucou, dando um puxão no braço, se soltando dele e se virando, saindo emburrada pela aglomeração que estava em volta deles, e passando como um vulcão pelas amigas.

- O que eu perdi dessa vez, Annie?! – Lupin disse, chegando ao lado da garota.

- Ah, nada demais, só mais um “Eu te odeio Potter!” – Annie disse.

- Digamos que está 1 X 1, Sirius. – Kathy disse para o maroto, no que ele sorriu pra ela.

Sem ao menos esperar, Tiago saiu correndo atrás de Lily.

- E eu te amo! – ele disse, baixinho, no ouvido dela.

Surpresa, Lílian vira o rosto e vê Tiago na sua frente, com uma expressão também surpresa, e séria ao mesmo tempo. Eu não acredito que eu disse isso!” pensou ele.

Para a surpresa do garoto, Lílian não falou nada, ficou apenas encarando-o, corada. Ela abaixou a cabeça, se virou, e continuou a andar.

“O que deu nela?!” Tiago pensou, ainda abobalhado com a ação da garota.

“Ele só pode estar blefando!! Ele...ele...está querendo consertar o erro que cometeu no trem!! Não, acho que ele não seria tão gentil assim!!” Lily pensava, enquanto ia em direção a ponta da mesa da Grifinória, para, quem sabe, conseguir ficar bem longe dele.

Então, quando senta, olha na direção aonde ele estava, quase não conseguindo vê-lo, devido a um grupo de garotas rodeando a ele, e seus amigos. “Não sei como elas gostam dele, é um galinha! Se bem que elas são umas atrevidas também... Olha só aquela, abraçando e beijando ele... Tudo bem que é um beijo na bochecha, mas ela praticamente amassou o rosto dele! Argh, e ele nem reclama. Depois ainda vem dizer que gosta de mim, ou melhor, que me ama! Ele nem sabe o que é amor!”

Enquanto Lily pensava, nem reparou que uma certa pessoa havia sentado ao seu lado, e estava praticamente em cima dela. Desviou a atenção deles, e fez um sinal para suas amigas, indicando onde ela estava, e lá vinham elas rindo à toa.

- Quando o Tiago vir isso... – Annie disse para Kathy, rindo.

- Eu quero é ver quando finalmente a Lily desgrudar os olhos do Tiago e encontrar esse trasgo na frente dela! – Kathy disse, brincalhona.

Então as duas pararam de conversar e ficaram observando a cena a poucos metros de distância.

- AHH! – Lily gritou, tomando um susto quando olhou para o lado.

- Oi Lily! – disse o garoto, sorrindo para ela.

- Ah, oi Diggory! – ela respondeu, forçando um sorriso.

“Ahh não... O Diggory não!” Lily pensava, fingindo procurar alguém.

- Eu vou tentar salvar a minha amiga! – Annie disse, começando a caminhar e puxando Kathy.

- Ainda bem que o Potter não veio te perturbar! – Ele disse, tentando puxar um assunto.

E parece que ele havia conseguido. Bem, geralmente para a chamar a atenção de Lily era só dizer a palavrinha mágica: Potter.

- O que tem ele? – ela perguntou entediada.

Então, para sua felicidade, suas amigas chegaram.

- Diggory. – Annie o cumprimentou – Você se importaria de chegar um pouco pro lado? É que a Lily disse que tinha algo importante para me contar, sabe... – ela disse, no que Kathy piscou o olho para a ruiva.

- Ah, desculpe Lily! – Diggory disse olhando para ela, que o encarou surpresa – Mas é que não tem outro lugar com uma companhia tão boa como você por aqui, sabe...

Annie bufou.

- Então se aperta aí!

Dizendo isso, ela sentou com tudo no banco e deu um baita empurrão de propósito no garoto.

- Ai! – ele reclamou, massageando a perna, enquanto Lily e Kathy abafavam os risos.

O que elas não haviam percebido é que nesse momento os marotos vinham na sua direção...

- Ah, desculpa... Eu não fiz por querer! – Annie disse, sonsamente. Kathy acabou conseguindo sentar no outro lado de Lily.

O primeiro Maroto chegou à mesa:

- Oi Annie, Lily, Kathy! – Lupin disse se sentando de frente para a primeira.

- Olá Lupin! – Lily e Kathy disseram ao mesmo tempo.

- Oi Lupin. – Diggory disse, no que o outro simplesmente o cumprimentou formalmente com a cabeça. “Bem que o Pontas disse, ele é muito intrometido!”

- Lupin, você vai sentar separado dos seus... – Lily ia perguntando quando alguém chegou por trás dela.

- Já estava com saudades de mim, Lily? – Tiago disse, marotamente, no que Lily simplesmente bufou de raiva. “Por que ele tem a péssima mania de me pegar desprevenida?!”

Enquanto isso, Sirius passava por cima da mesa e se sentava do lado de Pedro, que estava na frente de Diggory, e que, ao contrário dele, passou pelo outro lado. Ele acabou ficando na frente de Kathy.

“Merlin!! O que ele ta fazendo na minha frente?! Se bem que é uma bela visão...” Ela pensava, olhando distraída para o garoto, e ele, é lógico, percebeu, dando um sorriso pra ela, que corou na mesma hora.

- Não, ela não estava com saudades de você. Deixe-a em paz! – Diggory disse.

Lily ficou surpresa novamente, no que Tiago simplesmente se inclinou um pouco mais para perto dele.

- E quem é você para se meter entre a gente? – perguntou, ameaçadoramente.

Todos ali por perto assistiam aquela cena, quietos.

- Eu sou um amigo e admirador dela! – Ele respondeu.

- Potter, não há a gente... – Lily ia dizendo

- Dá pra sair daqui, Diggory?! – Tiago disse sem ao menos prestar atenção no que a ruiva acabara de dizer.

O outro olhou com um certo sarcasmo para o maroto.

- Eu sei que você é muito míope, mas acho que dá pra você ver que eu estou sentado aqui!

Tiago se inclinou novamente, já perdendo a paciência.

- Não é a minha miopia que me atrapalha em ver você aqui, e sim o seu cheiro de bosta de Dragão! Cai Fora!

Diggory se ajeita melhor no banco, no que Lily resolve falar.

- Potter além de você ser mal educado, é arrogante! Deixe ele em paz!

- Ele é quem deveria te deixar em paz! - Tiago retrucou, incrédulo.

- Nossa gente quanto amor! Vocês estão muito pacíficos hoje... – Sirius disse, entediado.

- Tenho certeza de que a Lily prefere a minha companhia a sua. - Diggory disse, convencido, no que a ruiva simplesmente bufou e apoiou o queixo nas mãos.

Isso foi a gota d'água pra Tiago, que puxou a varinha.

- Será que eu vou ter que pagar a primeira detenção do ano por sua causa, Diggory? - ele disse, ameaçador, no que o outro se levantou.

- Potter, abaixe essa varinha agora! - Lily disse, irritada. “Será que ele não desiste nunca?!" - Está querendo aparecer de novo?! – perguntou, sarcasticamente, fazendo Diggory rir.

- Sabe, Tiago, eu acho que a sua detenção vai ser bem mais leve do que ele pode sofrer com você... – Sirius disse, levantando.

- Lily, grave bem isso: estou fazendo isso por você. – Diggory disse, ajeitando a gravata. - Não quero que passe mais tempo monitorando esse idiota em suas detenções!

Ele se virou pomposamente, e foi indo em direção ao meio da mesa. Todos que estavam assistindo aquela cena aplaudiram.

- Ele vai me pagar... Só que mais tarde! – Tiago, ainda muito irritado, murmurou para Sirius, com um sorrisinho maroto no rosto.

Então finalmente ele sentou no lugar ao lado de Lily, justamente na hora em que a professora McGonagall entrava com os alunos do 1º Ano.

- E então, minha ruivinha... – ele disse, não prestando atenção nos recém-chegados.

- É Evans, Potter! - ela disse, irritada, no que ele abriu um sorriso.

- Nossa Lily, já está utilizando o meu sobrenome? Nós nem casamos ainda! - até as amigas de Lily começaram a rir, no que ela bufou de raiva. Ia retrucar, mas ele continuou - Ficou bonito, Lílian Evans Potter...

- Não foi isso que eu quis dizer! E eu nunca, nunca vou me casar com você! Agora será que dá pra prestar atenção na seleção? – ela disse, o encarando.

- É cedo demais para dizer nunca Lily.

Então, Dumbledore levantou e pediu silêncio. Começaria mais um discurso tradicional do Diretor:

- Hoje eu resolvi fazer diferente, antes da nossa querida...

- E odiada ao mesmo tempo... – complementou Sirius, baixinho, mas suficientemente alto para chegar aos ouvidos de Lily e ela o olhar com uma cara nada agradável.

- Professora Minerva McGonnagal nos dará a honra de juntamente com o Chapéu...

- Velho e fedendo por sinal... – Sirius complementou novamente. Dessa vez Kathy e os outros prenderam o riso.

- Seletor, fazer a seleção dos...

- Novos pirralhos... – Sirius continuou.

- Mais novos estudantes dessa escola. E aqui estou eu...

- Com a barba do Papai Noel...- ele disse, no que Tiago não agüentou e deu uma gargalhada.

Dumbledore apenas olhou na direção deles e deu um sorriso alegre e jovial. Tiago simplesmente afundou no banco, e acabou recebendo um baita chute na canela, dado por Lílian.

- Novamente, para avisar para os aventureiros – disse olhando significativamente para os marotos – para os novatos, e também para os antigos alunos, que a floresta...

- Onde nas noites de lua cheia passeiam lobisomens... – Sirius murmurou.

- ...Negra está terminantemente proibida para qualquer tipo de visitação. E Volto a avisar que o corredor do terceiro andar é proibido para quem não quiser...

- Ver um corredor escuro e tedioso, com as portas todas trancadas por feitiços. – O maroto disse, e dessa vez foi ele quem recebeu um chute de Lily, no que Tiago riu da cara do amigo.

- Nossa meu amor, você tem uma perna comprida hein? – Disse para a ruiva, que fingiu não ouvir.

- Ter uma morte lenta e dolorosa. – ele disse, sério – Lembrar também da lista do nosso zelador...

- Que deveria estar preso dentro de um sarcófago no Egito, essa múmia! – mais uma vez Tiago e os outros tiveram que prender o riso.

- Dos artefatos proibidos na escola, a maioria parte da famosa Loja Zonkos. – então ele fez uma pausa – Um aviso especial para os alunos do sétimo ano...

- Eu só estava brincando tio Dumbie! – Sirius disse olhando acanhado pro diretor. Para variar, todos prenderam o riso novamente.

- Esse ano vai ser mais especial para vocês...

- Vão acabar com os N.I.E.Ms ?! – Rabicho se manifestou.

- Eles não seriam doidos! – Lily falou, emburrada.

- Como no ano passado não pudermos fazer uma festa de formatura para a antiga turma, esse ano nós não repetiremos o mesmo erro. – os alunos começaram a cochichar e Tiago aproveitou:

- Lily, você aceita ir comigo ao Baile de Formatura? – ela o encarou, surpresa “Nossa como ele rápido, hunft!”.

Annie olhou para Lupin, dando um sorriso tímido, e esse corou, retribuindo o sorriso.

- Não, Potter! – Lily disse.

- Por favor, por favor! – tentava falar, só que ninguém lhe dava ouvidos – SILÊNCIO! – ele falou um pouco mais alto, chamando a atenção de todos - Eu sei que vocês estão animados, mas deixem-me terminar.

- É vai logo, eu estou morrendo de fome! – Sirius disse animado.

- Essa frase é do Rabicho, não sua! – Tiago murmurou.

- Eu sei que vocês estão morrendo de fome. – Dumbledore disse, olhando na direção de Sirius, que sorriu sem graça - Continuando, nós vamos conceder o Salão Principal para a festa de formatura, e com a ajuda dos professores e monitores, vamos fazer uma festa inesquecível. – ele disse animado

“Ah não, por Merlin! Já basta os N.I.EM.s, e agora vou ter que me preocupar com uma festa de formatura? E pelo visto o Potter pretende estragar isso também... Não, não, eu não vou deixar ele estragar o meu ano, não vou! Eu prometi para mim mesma! Mas... e se ninguém me convidar para ir ao baile? Eu vou ter que ir com o Potter! Hahaha... Prefiro ir sozinha. Se bem que... O que as pessoas vão pensar? Ei, desde quando eu me importo com o que as pessoas pensam? Estou muito confusa, mas por que? Nunca estive assim antes...”

- Com certeza vai ser inesquecível mesmo! – Sirius disse, dando um sorriso maroto pra Tiago, no que esse olhou pra Lupin, que olhou pra Pedro.

- Vale lembrar também, que só os alunos acima do 5º ano poderão participar, e mesmo assim, só se forem convidados. – Dumbledore completou, no que ouve um novamente um burburinho.

- Hehehe, os pirralhos estão fora! – Sirius disse animado – Eles merecem, afinal, são as nossas cobaias!

- Cobaias?! Vocês fazem o que com eles? – Lily disse despertando do um transe, olhando espantada pra Sirius e Tiago.

- Eles não podem reclamar, nós pagamos bem. – Tiago disse, sem dar muita importância.

- Remo, você sabia disso?! – Lily disse, lançando um olhar mortífero para ele.

- EU?! Nãooo, imagina!

- BEM, EU ACHO – Dumbledore disse um pouco mais alto, com a voz firme, fazendo todos se calarem – Que já dei todos os meus recados. Agora por favor...

- Tava bom demais pra ser verdade, ainda tem os novatos... – resmungou Sirius, com a barriga roncando de fome.

- Que se inicie a seleção para as casas! – dizendo isso, ele se sentou e todos bateram palmas.

- Bem vamos começar...- Disse McGonagall.

”E eu pensando que ele ia mudar esse ano! Mas se bem que, tenho que admitir, a companhia dele é mil vezes melhor do que a do intrometido do Diggory. Ele, apesar de alto, desajeitado, bonito e galinha... É engraçado. Ei, mas que perfume é esse? Eu já senti esse cheiro antes... É um cheiro bom...” Lily foi se inclinando discretamente pra o lado onde Tiago estava.

Lupin viu quando ela fez isso, cochichando com Annie...

“Não Pode ser, esse cheiro é do Tiago! Digo, Potter! Mas como...”

- Vamos, vamos pirralhada... Eu to com fome! – Sirius disse, agitado, no que Kathy olhou pra ele.

- Dá pra você ficar quieto um minuto, Sirius? – ele olhou para ela e foi se inclinando para frente, enquanto a professora chamava o primeiro aluno.

- É impossível com você na minha frente... – disse perto dela, fazendo-a corar novamente.

“Por que tudo o que eu falo faz ela corar?”

Ele voltou a se sentar normalmente, sorrindo para a garota.

- Almo... Sirius! As suas cantadas eram melhores, sabia? – Tiago disse, rindo daquela cena.

- Pior são as suas investidas na Lily! – Sirius disse, o olhando desafiadoramente.

- São mesmo. – Lily murmurou, meio avoada. Tiago, que estava ao lado dela, a encara.

- São tão ruins assim? Porque se fossem, você as esqueceria! – falou, no que a ruiva olha para ele.

- O que você disse? – perguntou, sem entender.

- É Tiago, eu retiro o que disse. – Sirius falou, risonho. - Toda vez que você senta perto da Lily ela fica assim...

- Avoada! – Annie completou, no que Lupin abaixou a cabeça, escondendo o riso.

- O que vocês estão falando de mim? – Ela disse, já recuperada.

- Estamos comentando o quanto você vai ficar linda num vestido verde esmeralda, me esperando na escada do dormitório. – Tiago disse, sonhador, a olhando.

- Só nos seus sonhos, Potter! – Lily disse, meio sem graça.

- Ah, então você quer que eu sonhe com você? – ele disse, marotamente, no que os marotos e as próprias amigas de Lily começaram a rir.

- Eu não quis dizer isso... – ela tentava se explicar, ficando vermelha de vergonha e raiva.

- Lily, Lily... Já não basta o Tiago te procurar o tempo todo, você quer que o coitado pense em você até quando ele está dormindo? – Sirius disse, rindo. Tiago tinha um sorriso enorme no rosto.

- Lily... – Tentou falar, mas foi interrompido.

- Eu já falei que pra você é EVANS! – Dizendo isso, bateu com força na mesa, quase acertando a mão do garoto, e chamando a atenção das outras pessoas, principalmente de McGonagall, que parou de falar e lançou um olhar de censura não só para ela, mas para todos.

Finalmente o silêncio estacionou entre eles. Todos olhavam entediados pra seleção.

“Que droga, por que eles não me deixam em paz um minuto? Agora a Prof. Minerva deve estar muito chateada comigo. Eles ficam falando do Potter, o Potter fica falando... Por que eu não consigo ficar um minuto sem pensar nele? Pelo visto ele está conseguindo o que queria... Cria tantos problemas na minha vida, que eu simplesmente não consigo parar de pensar nele! Ah não, eu não mereço isso. Então, quando eu penso que estou livre dele nas férias, vem aquela minha irmã antipática... Conseqüentemente, qual é o único pensamento que me vem na cabeça? Se o Potter vai continuar me perseguindo esse ano ou não! E quando eu chego para completar meu ÚLTIMO ano nessa escola, lá vem ele de novo... Só pode ser praga por eu ficar pensando nele nas férias... Mas eu acho que exagerei com ele um pouco agora... O que está acontecendo comigo, hein?!” Lily pensava, com a cabeça apoiada nas mãos e um olhar vago.

“O que será que a Lily está pensando? Eu estou sendo muito paciente e educado com ela! Eu fui livrá-la daquela companhia insuportável do Diggory, e recebo o que em troca? Humilhações, como sempre. ‘Está querendo aparecer de novo?’ Como se eu precisasse azarar aquele idiota para chamar atenção! É tão difícil assim admitir para ela mesma que gosta de mim?! Será que ela não ver que a minha intenção não é infernizar a vida dela, e sim mostrar o quanto eu gosto dela? Ou então fazer com que ela veja isso dentro de si mesma? Poxa, eu não posso invadir os pensamentos dela... Quer dizer, eu posso, mas eu não quero fazer isso! Por que todo mundo pode chamá-la de Lily, menos eu? Até o Almofadinhas a chamou assim e ela não reclamou! ‘Eu não te dei essa intimidade Potter’ Eu dei e dou toda a intimidade que ela quiser! Por que ela não me chama de Tiago? Eu não gosto quando me chamam de Potter, me lembra a McGonagall me dando bronca, e não é muito bom levar uma bronca dela... Mas isso é outra história. Há, mas quando o idiota falou que ela preferia a companhia dele a minha, ela não concordou com ele! Sinal que, de alguma forma, ela não gosta dele! Dava pra ver pela cara de entediada dela...” Tiago pensava com a cabeça apoiada nas mãos e um olhar vago.

Então finalmente a cerimônia...

- Acabou! Há, comida! – Sirius gritou, dando um susto em Lily e Tiago, que olharam imediatamente um para o outro. Então o garoto deu um sorriso fraco para a ruiva, que continuou a olhar pra ele. Feliz da vida, Pedro aplaudiu e retrucou para Sirius:

- Depois você fala de mim!

- Mas você quer comer o tempo todo, oras! – Lupin disse.

Nisso, Lily finalmente desviou o olhar de Tiago e olhou para a mesa, que estava farta, como sempre. Depois de toda aquela cerimônia, todos começaram a se servir.

- Eu não sei como você ainda é magro! – Lily falou, meio sem jeito, para Tiago, que a olhou de lado com o garfo na mão.

- Pode deixar que eu vou me manter em forma pra você meu anjo! – disse, dando a primeira garfada, no que ela soltou um sorriso cansado. “Não adianta, ele não tem jeito!”

***

- E então, Annie, como foram as suas férias?! – Lupin perguntava para a morena.

- Ah, foram ótimas! Eu fiz aulas de mergulho... Acho que eu já te falei que eu adoro nadar, não é?! – ela disse, animada.

- É, você já fez questão de me dizer isso! – ele disse, esboçando um sorriso. “Bem que ela podia nadar comigo no lago... O que? Eu não pensei isso!”

- Ei, que tal a gente nadar no lago? - ela disse, animada, fazendo Lupin corar na hora.

- O-o que você disse?!

- Bem, eu perguntei que tal a gente ir nadar no lago? Você não sabe nadar, é isso?! – ela disse rindo da cara dele, que estava ficando cada vez mais vermelha.

- É lógico que eu sei! – ele disse rapidamente.

- Hahaha, Lupin... Eu tava brincando! Não precisava ficar agitado! – Disse, abrindo um sorriso pra ele.

- Como assim?

- Não dá pra gente nadar no lago, alguém poderia nos pegar! – disse, como se aquilo fosse a coisa mais óbvia do mundo.

- Ah, realmente... – Lupin disse, voltando a comer.

***

- E aí Kathy... Vai jogar no time esse ano? – Sirius disse, tentando puxar papo;

- Bem, pelo jeito sim... – ela disse, surpresa.

- Hum, esse ano nós temos que ganhar, afinal é o nosso último ano aqui... – ele disse, meio que suspirando no final.

- Você gosta muito daqui, não é? – perguntou, percebendo que o maroto havia ficado meio calado.

- Se eu gosto daqui? Eu amo esse lugar! – Sirius disse, continuando a comer.

- É, pra mim foi uma grande descoberta...

- Você era trouxa?! – Sirius perguntou, curioso.

- Não, eu era mestiça. Minha mãe era bruxa, só que ela morreu quando eu era muito nova, e meu pai, que era trouxa, ficou traumatizado, e não gostava muito de lembrar que ela era bruxa... – Kathy disse, meio pesarosa.

- Ah, sim...

****

- Evans, o que você pretende fazer depois que sair da escola? – Tiago perguntou, formalmente. “Vamos ver se ela vai em dar outra patada...”

- O que?! – ela perguntou, surpresa, o encarando.

- Eu perguntei, Evans, o que você pretende fazer depois da escola? – ele disse, pausadamente, voltando a comer.

- Bem... Por que você quer saber? – perguntou, desconfiada.

- Por nada, oras! Quando eu tento ser agradável....- ele disse, fazendo uma cara de chateado.

- Ta, então me fala primeiro... O que você pretende fazer?

- Bem, eu, é lógico, vou ser Auror! – disse, pomposamente.

Lily gelou. “Como eu...”

- Agora é sua vez! – ele disse, sorrindo.

- Bem, eu... Eu queria, quer dizer, eu quero ser Auror também...

Tiago, que estava tomando suco, se engasgou e cuspiu tudo em cima de...

- PONTAS! – reclamaram Rabicho e Sirius.

- Como você disse? – Kathy indagou pra Sirius, no que ele olhou espantado pra Tiago, que mirava Lily abismado.

- Bem, eu disse... POXA! – ele disse, sem a encarar, e fez um feitiço com a varinha para limpar a roupa.

- AH! – gritou Kathy, apontando pra blusa de Rabicho.

- AHHH! - Rabicho gritou, com a blusa pegando fogo, no que todos começaram a rir.

- Rabicho, não é assim que se limpa a roupa! – Lupin repreendeu, segurando o riso, então com um aceno na varinha apagou o fogo da blusa do outro.

- O-obrigado Remo – ele disse timidamente, enquanto Sirius se acabava de rir.

- V-você o quê?! – Tiago finalmente conseguiu falar, não dando atenção pra o que tinha acabado de acontecer.

- Eu pretendo ser uma Auror também. – Lily respondeu, surpresa.

- Quem sabe nós não trabalhamos juntos, não é? – ele disse, voltando sua atenção para o prato de comida.

- É, quem sabe... – Lily disse, sorrindo pela primeira vez.

E ele levantou a cabeça, não acreditando no que acabara de ouvir, e retribuiu o sorriso. Passaram-se alguns minutos, e todos, inclusive Lily e Tiago, conversavam animadamente. O jantar acabou, e os alunos começaram a se levantar para ir embora.

- Lily, eu vou indo... To morrendo de sono!! – Kathy disse, bocejando.

- Ta, eu também estou indo... – Lily respondeu, e Annie se postou ao lado de Kathy.

- Vocês não vão esperar pela gente? – Lupin perguntou a Annie.

- Ah não, Lupin, vocês vão ficar enrolando pra subir!

- Mas a gente já ta...- Ia dizendo Sirius, quando uma menina se postou na frente dele.

- Ta vendo só! – Annie disse, se virando e saindo com as amigas.

Elas começaram a andar em direção as escadas, e sem querer, Kathy esbarra em alguém...

- AI! – reclamou uma jovem bonita, de longos cabelos negros e olhos azuis – Ora, ora, ora... A esquisitona, que está mais esquisitona ainda este ano! – Kathy fechou a cara, e corou de raiva.




N/A Isa: Ei gentiii!! E aí o que tão achando da fic?! Eu sei que os cap. Estão meio pequenos, mas agora eles vão ficar maiores, podem acreditar!! Desculpa a demora, mas é que eu faltei na escola, e não tive como entregar o disquete pra Vivi!! ^^ fora a montanha de deveres que a gente tem pra fazer...

AHÁ!! Vocês vão ver novidades a partir do 5 cap!! Finalmente!! Hihihi...eu ia colocar um trechinho aí no 4, mas eu quero deixar vcs curiosos!! XD HAHAHAHA como eu sou má!!

Ta, eu sei isso foi mto tosco! >/

Eu num posso demorar mto sabe, pq ainda tenho que fazer umas cositas, então eu queria dizer só mais uma coisinha...

Obrigadaaa pelos coments!!

Louie minha irmanzinha!!!! To cum xaudades de vc minina!! Mas eu to di volta nu MSN agora ta!! Vê se aparece!! Isso serve pra vc tb Mary!!!

Pah!!! Minha conselheira!!! Bigadinha pela dica ta!! Eu vou fazer aquilo q vc me disse msm...

Bjauummmm pra toduu mundooo!!!


PS: A songfic “Don’t Cry” está finalmente completa!! Ehhhh!! ^^, breve, breve ela vai estar no ar ta?! Ela tá tão triste... =**/, mas eu acho que vocês vão gostar!!


N/Pazinha: há, olha eu me metendo aqui x) mas é que eu betei o capítulo para a Isa, e ela me pediu para deixar um recadinho também.

Nem tenho muuito o que dizer, só que o capítulo ficou ótimo e a fic de vocês ‘tá ficando cada vez melhor! Espero que tenham gostado das pequenas mudancinhas que eu fiz... Ahhh, eu sei quem é a garota bonita de cabelos negros e olhos azuis, haha >)

Isa, te adoooro guria! bjaao ;*


N/A Vivi: eiiiiii...
mais um cap ta aki!!! ^^ vcs reclamaram q nós tínhamos tirado do ar, mas na minha opinião ta ficando mto melhor!!!!! E como a Isa disse, vão ter mtas surpresinhas....

Fe FTLouie -> *se esconde atrás da cadeira* o.O poxa... depois dessa, tah aki o cap! eu sou mto nova pra ser presa por homicídio culposo, não quero ninguém infartado! o.O *volta ao seu lugar em frente ao computador* q bom q vc gosta tando da nossa fic, a isa explicou lá encima q foi ELA quem esqueceu de levar o disquete pra mim, tem mais de uma semana q o cap ta pronto, mas é como eu sempre digo, só não esquece a cabeça pq é grudada... rsrsrsrs mas continue lendo e comentando viw! ;D

Continuem lendo e comentando!!! Qto mais comentários, mais inspiração para escrever nós temos, assim os caps sairão mais rápidos!!!

big kisses for you! *isso soou mto patty* ;***

=]~

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.