FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. Animando a viagem


Fic: UMA HISTÓRIA PARA TODO O SEMPRE :: hiatus ::


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

N/A: Oi gente! Desculpem, não deu pra postar antes por que aqui tava caindo o maior toró, dai não deu pra mim ligar o pc, mas agora a chuva parou e ta ai o cap. 3! Boa Leitura!

WILIAN POTTER: Valeu pelo coment, espero realmente continuar com inspiração! E continue me flandu o q axa, ok? bjos!!




Capitulo 3
Animando a viagem


- Nossa, e eu que pensei que seria a primeira a aprontar hora que chegasse à escola! Vejo que alguém teve a idéia antes de mim! – disse Anne meio feliz meio desapontada.
- Mas que cheiro é esse?É horroroso! – exclamou Lily tapando o nariz.
- Isso com certeza é bomba de bosta! – falou Mary também tapando o nariz.
- Bomba de o quê? – perguntou Lily confusa.
- Bomba de bosta, o próprio nome explica o cheiro. – falou Anne divertida, mas também com a mão no nariz.
- Eu ein! Esse cheiro é horroroso. Aonde você vai Anne? – perguntou Lily ao ver Anne abrir a porta cabine.
- Esperem aqui, eu vou ver onde foi que soltaram essa bomba e ver se pegaram quem soltou! – ela falou saindo da cabine indo em direção a confusão. Logo depois que Anne saiu, passaram dois monitores correndo na mesma direção em que ela havia ido e mais um monte de curiosos atrás também. Depois de alguns minutos Anne apareceu na porta da cabine rindo.
- O que foi Anne? Por que ta rindo? – perguntou Mary curiosa.
- Ai, pêra ai gente. – ela entrou se sentou e tentou se acalmar. – Bom primeiro, o cheiro ainda ta forte aqui por que as bombas foram soltas aqui na cabine do lado da nossa. E a cabine é de sonserinos! E o mais legal eles tão ferrado por que não souberam dizer quem tinha soltado as bombas, então os monitores acharam que era só pra fazer graça e tirar pontos de outra casa e tirou pontos de todos que estavam na cabine, eles ficaram p da vida com os monitores que eram da grifinória e tentaram ir pra cima no que ganharam um mês de detenção!!! – explicou voltando a rir.
- Gente eu não to entendo nada. – falou Lily ao ver que Mary tinha começado a rir também.
- Você é nascida trouxa Lily? – perguntou Mary.
- Sou, por quê? – perguntou Lily receosa.
- É que então você não deve saber sobre muito sobre Hogwarts né?
- Realmente só sei um pouco que um amigo meu me falou.
- Ta, mas você sabe sobre as casas de Hogwarts? – perguntou Anne.
- Sei que são quatro Sonserina, Grifinória, Corvinal e Lufa-Lufa. É isso?
- É sim, então, acontece que sonserinos e grifinórios não se dão bem, alias, se odeiam mesmo. Entendeu o por que da gente ter rido agora?
- Mais ou menos, mas acho que com o tempo eu entendo melhor. – falou Lilian pensativa, agora ela entendeu o porquê de Tiago e Severo terem brigado, um queria ir pra sonserina e o outro para a grifinória. – Mas pra que casa vocês querem ir?
- Bom, a realidade é que a gente não pode escolher, minha mãe nunca quis me contar como eles selecionam os alunos, mas se eu pudesse escolher queria ir pra Grifinória como ela. – falou Mary sonhadora.
- E você Anne?
- Eu francamente não sei, porque meu pai foi da corvinal e minha mãe da sonsa.Então eu não sei pra onde vão me mandar, mas eu realmente gostaria de ir pra Grifinória, todos dizem que é a melhor casa de Hogwarts.
- Porque dizem isso? Meu amigo me disse que os grifinórios são metidos e se acham demais, ele sempre me disse que a sonserina era a melhor casa e que ele queria ir pra La.
Mary e Anne se entreolharam antes de Mary responder. – Ah, Lily, será que eu posso saber o nome desse seu amigo?
- Severo Snape. Por quê?
- Hum, Snape. Nunca ouvi falar, mas ele com certeza deve ser de família partidária de bruxos das trevas, por que pra querer ir pra sonserina, boa coisa ele não é. – alertou Anne.
- Que isso gente ele é meu amigo e nunca fez mal pra mim. A propósito, - Lily se lembrou que queria perguntar uma coisa. – O que é sangue-ruim?
- Lily, quem te disse isso? – perguntou Mary espantada.
- Ah, eu e o Severo tínhamos ido procurar uma cabine daí... – ela contou toda a história pras duas, que ficaram cada vez mais chocadas. – ...daí eu sai de lá e encontrei vocês. Mas gente eu não to entendendo, o que isso significa?
- Lilian, sangue-ruim é a pior ofensa pra quem nasceu trouxa, sabe, quem não tem pais bruxos, essa é a pior ofensa que existe pra alguém como você. – explicou Anne.
- Nossa! Caramba, eu não sabia disso. Mas eu bem que achei que era uma ofensa pelo tom que aquele tal de Amycus usou. – falou pensativa. – Bom, mas pelo menos agora eu sei que vocês não são preconceituosas e que arrumei mais duas amigas.
Elas se abraçaram e Mary disse. – Pode contar com a gente pro que der e vier, viu?
- Isso mesmo Mary, assino em baixo! – falou Anne, ainda abraçadas.
Elas se sentaram e começaram a falar da escola, até que a mulher chegou com o carrinho de comida e elas compraram coisas (muitas coisas) pra comer e voltaram a conversar.



-------------------------




- É, acho que arrumamos amigas novas, Tiago. – falou Sirius com um sorriso malicioso assim que saíram da cabine.
- Pode crer meu caro amigo. – respondeu Tiago no mesmo tom.
- Vocês acham mesmo que elas vão querer ser amigas de vocês? – perguntou Remo desacreditado.
- Com certeza meu caro, nós somos irresistíveis, você vai ver, vão ser elas que vão vir atrás da gente ainda! – falou Sirius confiante.
- Gente! – chamou Tiago que estava um pouco atrás olhando dentro de uma cabine disfarçadamente.
- Que foi? – perguntou Sirius chegando perto e olhando na mesma direção. – Ah, entendi, e aí, algum plano?
- Gente, qual o problema? – perguntou Remo chegando também. – Uhn, sonserinos. Vocês não vão fazer nada não é? Eles parecem ser bem mais velhos que a gente!
- É por isso que eles não podem ver a gente. – falou Tiago puxando uma capa de dentro do bolso do moletom.
- Isso é o que eu estou pensando? – perguntou Sirius com um sorrisinho maquiavélico (que terror!). Tiago afirmou. – Então acho que sei o que podemos fazer. – completou tirando uns sacos marrons do bolso da calça.
- Gente, vocês tão me assustando, não tão pensando mesmo em estourar bombas de bosta numa cabine cheia de sonserinos cobertos por uma capa da invisibilidade não né? – perguntou receoso.
- Reminho meu amigo, você adivinhou o plano todo, e aí topa? – perguntou Tiago oferecendo um saco pra ele.
- Não pode vencê-los, junte-se a eles! – disse pegando o saco da mão de Tiago. – Vamos logo antes que eu me arrependa.
Eles bateram na porta da cabine e ficaram a uma distancia considerável da porta, assim que um garoto, gordo de cabelos e olhos castanho escuro e feio pra dédél, veio abrir a porta da cabine eles o empurraram pra dentro (fazendo um esforço enorme pra conseguir essa proeza) ele caiu sentado no banco perto da porta enquanto os garotos estouravam as bombas dentro da cabine, uma na cara do garoto que tinha vindo abrir a porta, outra nos pés de outro garoto, parecido com o primeiro, só um pouco mais baixo e outra na cabeça de um garoto branquelo e loiro de cabelos quase brancos, que estava dividindo o outro banco com outro garoto, o único que não foi atingido. O barulho das explosões e dos sonserinos gritando atraiu a tenção de várias pessoas, eles saíram rápido de lá ainda cobertos pela capa, antes que os monitores chegassem, assim que começaram a engarrafar o corredor eles tiraram a capa e fingiram que estavam curiosos seguindo os outros, viram quando os monitores chegaram e perguntaram quem havia feito aquilo e eles disseram que não tinham visto, os monitores desacreditaram e o branquelo avançou na monitora que deu detenção pros quatro achando que era eles que haviam estourado as bombas. Eles riram a beça da cara dos sonsas e voltaram pra cabine, onde Pedro, por um milagre, ainda dormia.
- Caramba, nem com a barulheira toda que a gente fez ele não acordou, francamente ein!?
- Ah, deixa ele pra lá Remo, mas cara, você viu a cara do Malfoy quando a monitora disse que eles iam ficar um mês de detenção por atrapalhar a viagem e desrespeitar o monitor. – falou Sirius voltando a rir.
- O nome do branquelo é Malfoy? – perguntou Remo. Sirius afirmou. – E vocês viram, ele ainda tentando usar o poder dele? O que ele disse mesmo? Ah, é. “Olha aqui sua mestiça imunda, eu também sou monitor e você não pode comigo!” – imitou Remo arrancando mais risadas dos outros.
- Não! O melhor foi a resposta dela! “Não só posso como já consegui!”. Nossa meu, você viu? Todo mundo riu da cara dele!
Eles continuaram conversando até que a mulher do carrinho passou, Pedro acordou imediatamente, eles compraram um monte de coisas porque estavam famintos e depois começaram a conversar novamente.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
N/A1: ANTES DE MAIS NADA, EU GOSTARIA DE SABER, VCS QUEREM TRAILER? Avisem se quiserem que eu posto antes do cap 4!!

N/A2: E aí? gostaram? espero q sim!! Gente o que eu disse continua valendo, sem coment, sem cap., eu naum qeria fazer issu mas é só assim pra receber coments! Escutem, ou melhor leiam (dã), a fic ja ta escrita até o cap 8, e devo dizer q ta bem legal, axu q vcs vao gostar! a proposito, eu axu q só vou postar nos finais de semana, pra qem tiver duvidas! Juro Solenemente que respondo todos os comentarios, ok?!

Comentem e votem! Por Favor!!

BJO

MANDY ( perto de ter um ataque de nervos) BLACK (21/10/07)

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.