FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

6. Palvras Encorajadoras


Fic: HARRY POTTER E O MANUSCRITO SERÊIACO DEPOIS DE MUITO TEMPO, ATUALIZADA FINALMENTE :D Cap. 30 \o/ (comentem)


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

-Dobby!-gritou Harry logo que chegou á cozinha do Largo Grimauld 12, e num estalo o elfo apareceu.
-Harry potter meu senhor!O senhor precisa de Dobby?Dobby faz td o que Harry Potter pedir senhor!
-Olha Dobby, eu preciso sim da sua ajuda, mas eu não sei se vc vai aceitar...
-Fale senhor. Dobby fará qualquer coisa para Harry Potter.
-Eu queria que vc viesse trabalhar aqui, abandonasse Hogwarts.Eu pagarei a mesma quantia que você recebe lá.
-O senhor quer que Dobby trabalhe para o senhor?-perguntou Dobby, que ao ver a confirmação do garoto, atirou-se aos seus pés e começou a beijá-los. -Harry Potter meu senhor!Isso é uma honra para Dobby. Eu farei tudo o que Harry Potter quiser. Tudo.
-Tudo bem Dobby. Muito obrigado. Mas agora pare de beijar os meus pés.
-Sim senhor.Se meu senhor ordena eu devo obedecer.
-Dobby, qnt vc ganha em Hogwarts?
-Um galeão por semana, e tenho um dia de folga por mês.
-Está certo.Eu pagarei o msm.
-Obrigado Harry Potter.
-Dobby, vc terá seu próprio quarto nesta casa.
-Não precisa meu senhor, Dobby se arruma em qualquer cantinho.
-Ah. Precisa sim.Você vai dormir em qualquer quarto vazio que encontrar lá encima.
-Ah...Eu sabia que o senhor era bondoso.Mas não a esse ponto.Obrigado Harry Potter! Obrigado.
-Bom Dobby, vc só vai fazer o básico.Cozinhar e deixar a casa organizada.
-Oh!Eu faço sim meu senhor.E antes que eu me esqueça...O que vcs desejam para o jantar?
-Faça qualquer coisa.Agora eu vou me retirar até meu quarto.Suba e escolha um que não esteja ocupado para você certo?
O resto do dia se passou calmamente. Hermione e Luna, chegaram pouco antes do jantar.
Qnd todos já haviam acabado de comer, Hermione começou:
-Harry, aonde vamos amanhã?E quem vai com você?Porque quem não for, poderia ficar aqui, ajudando com a faxina.
-Ah não Mione!Faxina não.Pelo amor de Merlin!-implorou Rony á amiga.
-Ronald, se vc quiser viver em uma casa que não é limpa a mais ou menos, 2 anos, o problema é seu.-ela ralhou com o garoto.-e vamos parar de discutir,antes que o Harry exploda.E então Harry?O que me responde?
-Estive pensando em irmos eu, Rony e vc irmos até Godric’s Hollow, á procura da aliança. O que acham?
-Eu também quero ir!-intrometeu-se Gina na conversa.
-Gina, não se meta está bem?-Rony ralhou com a irmã - Alem do mais, não era nem pra vc estar aqui.
-Rony, não fale assim com a sua irmã - disse Hermione, defendendo a garota.
-Gina: você, Luna e Neville-começou Harry olhando para os amigos-vão ajudar sim, como todos que estão aqui.Mas é impossível irmos todos.É mta gente...E não reclame.- concluiu o garoto quando a ruiva fez menção de retrucar.
Naquela noite, Harry não dormiu direito.Teve pesadelos com alianças, túmulos e lareiras.Quando acordou, ainda eram seis da manhã, então ficou deitado, tentando dormir novamente. Como não conseguiu, após vinte minutos, levantou-se e se vestiu.Quando olhou a penseira, percebeu que ela estava com um brilho acima do normal.O garoto foi até lá, aproximou o rosto.Então sentiu seus pés saírem do chão.
Agora, ele estava no escritório de Dmbledore, e o professor estava sentado em sua escrivaninha, já com a mão machucada.
-Harry, se você estiver nessa lembrança, é pq falhei na minha missão.-disse o diretor olhando diretamente para Harry, como se soubesse que ele estava lá.-Eu te deixei esta penseira, para que ela lhe mostrasse td que há para ser visto na hora certa.Mas primeiro, queria lhe pedir um coisa, Harry, se apegue aos seus amigos.Eles sempre estarão do seu lado para o que vc precisar.E sempre lembre-se Harry, a morte não é tão ruim qnt se imagina.Ela é apenas desconhecida.
Harry olhou encima da escrivaninha de Dumbledore, lá existia aberta encima da mesa, uam agenda.O garoto notou que aquele era o dia em que eles haviam ido até a caverna, em busca do medalhão.A noite em que Dumbledore morrera.
Ao perceber isso, Harry sentiu seus pés saírem do chão, e percebeu que já estava de volta ao seu quarto no largo Grimauld 12.Ele então, se sentou na cama e de repente, se viu chorando.Ele sentia ódio, raiva de Snape.Naquela lembrança, o ex-diretor de Hogwarts, nem imaginava que seria morto pelo homem em que ele mais confiava em sua vida.Ele sentiu seu estomago vir até a boca.Então lembrou-se das palavras de Dumbledore “a morte não é tão ruim qnt se imagina, ela é a penas desconhecida”. E lembrando disso, enxugou as lágrimas tomou coragem e pensou, que se Dumbledore, tinha morrido por ele, se fosse necessário, ele morreria para livrar a comunidade bruxa do bruxo mais temido de tds os tempos.
Ele desceu até a cozinha, onde já havia uma farta mesa de café da manhã posta.Dobby estava acabando de jogar a cobertura sobre um bolo de chocolate, quando viu Harry.
-Já acordado senhor?Desculpe o atraso, mas Dobby pensou que vcs demorariam mais a acordar.
-Sem problemas Dobby.Está td perfeito.E então?-indagou Harry, enquanto cortava uma enorme fatia de bolo de laranja.-Gostou de suas acomodações?
-Dobby nunca havia dormido em uma cama tão macia senhor. Dobby adorou o quarto.
Nesse momento, Hermione chegou, já vestida e em meio a um grande bocejo disse:
-Bom dia Harry.Olá Dobby-o elfo retribuiu com um aceno de cabeça.- Nossa, estou me sentindo em Hogwarts.Com esta mesa.Nem sei por onde começar.
Enquanto a garota comia, Harry contou o que vira na penseira.
-Foi por isso que ele deixou a penseira p/ vc Harry.-disse ela passando manteiga em uma torrada.
-Mas Mione..Como ele fez pra conseguir mostrar si msm em uma lembrança?
-É bem simples Harry.Ele primeiro, falou as coisa pra ngm, então,pegou a lembrança e colocou dentro da penseira.
-Ah...é claro - disse o garoto com vergonha da pergunta óbvia que havia acabado de fazer.
Quando acabaram o café, Hermione perguntou:
-Não acah melhor eu ir acordar o Rony??Temos de ir em busca da aliança não é?
-Sim.Eu vou chama-lo - respondeu o garoto
As palavras de Dumbledore, e a lembrança de sua morte, encorajaram Harry ainda mais á procurar as horcruxes.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.