FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo



______________________________
Visualizando o capítulo:

6. Capitulo 5


Fic: Harry Potter O legado


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=
No capitulo anterior eu falei dos Falcões, o time do Ted, bem ai está uma informação adicional sobre eles:
Nota:
Falcões de Falmouth
Quadribol - Falmouth
Esse time de Quadribol é conhecido pelo jogo duro, uma reputação consolidada por seus batedores mundialmente famosos, Kevin e Carlos Broadmoor. O lema do clube é: "Vamos vencer, mas se não pudermos, arrebentamos o adversário." O Falcões usa vestes nas cores branco e cinza-chumbo com a cabeça de um falcão estampada no peito.
-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Capitulo 5-
Hermione G. Weasley

Para a maioria dos jovens, escola é sinônimo de perda de tempo, onde no máximo se suporta os professores e tenta-se passar de ano a qualquer custo. Mas, é claro, que a maioria dos estudantes, não estuda em Hogwarts. O grande castelo, de uma das mais conceituadas escolas de magia do mundo é muito mais que uma escola, é um lar, ele tem alma. Onde novas amizades são construídas, velhas são mantidas e o fascinante mundo da magia abre-se inteiramente.

Mas havia algo novo, que Hogwarts jamais poderia imaginar, mais quatro velhos conhecidos estavam retornando para viver uma de suas maiores aventuras.

Por um motivo, já bastante conhecido pelos alunos em questão, esses sete adolescentes voltaram num vagão especial, junto com uma convidada especial, Hermione G. Weasley. Hermione era uma mulher de poucas palavras, estava na faixa dos trinta e poucos anos, mas mesmo assim não deixa morrer seu olhar sonhador. Ela ainda tinha dois filhos estudando na escola, e eles não faziam a menor idéia de sua presença nesse trem. Não que fosse sua intenção esconder alguma coisa, afinal, mais cedo ou mais tarde eles iriam descobrir, ela apenas teria que resolver certas questões antes que pudesse aproveitar seu novo posto. E foi em um desses devaneios que Hermione se viu de frente a uma pergunta, muito comum por sinal, mas para ela a resposta seria apena um Dejá vú.

“Quem é você?” Remo Lupin se manifestou. Ela havia entrado na cabine há algum tempo, e quando Al fizera menção a uma pergunta ela o calara com os olhos, e daí em diante estava sendo apenas observada pelos alunos.

”Hermione G Weasley, e você só pode ser Remo Lupin.” Ela sorriu aos outros alunos. “De certa forma vocês me decepcionaram, esperava ser banhada por um turbilhão de perguntas, e o máximo que me perguntam é ‘quem é você? ’”
Sirius levantou-se petulante e sentou-se a frente da mulher a perfurando-a com seus profundos olhos azuis.
“Muito bem, senhorita, o que você está fazendo aqui? Qual o seu propósito? Quem é você? Um nome, afinal, não define uma pessoa.” Hermione abriu um grande sorriso e bateu palmas, surpreendendo os que não a conheciam. “Muito bem Sirius. Não podia esperar menos de você. Mas vou lhe começar a responder pela ultima pergunta e creio que essa resposta vai preencher todas as outras lacunas.” Ela fez uma breve pausa, demorada o suficiente para James resmungar um “mais uma sabichona”, Hermione ignorou-o e prosseguiu “E vou reformular minha resposta. Meu nome é Hermione G. Weasley, nova professora de porções e, a partir de hoje, sou a tutora de todos vocês em Hogwarts.”

“Tia! Essa parte você não me falou!” Liu resmungou. “Ora Liu, não fique com ciúmes, você é minha sobrinha ruiva favorita.” A garota revirou os olhos antes de responder. “Eu sou sua única sobrinha ruiva!” Os garotos deram leves sorrisos, mas dessa vez foi a hora de Lily se manifestar. “Olha moça, eu não tenho nada contra, pelo contrario, tudo isso é uma experiência pra lá de construtiva, mas eu não pretendo ficar aqui para sempre, eu quero ir para casa!” Hermione olhou a garota com ternura, seus olhos eram familiares demais para serem ignorados.

“Não se preocupe senhorita Evans, nós vamos dar um jeito nesse probleminha. Mas enquanto isso, vocês vão estudar na Hogwarts do nosso tempo. Leve isso como uma troca de experiências.” Hermione piscou a ruiva que ficou desconcertada. “Amiguinhos, eu vim aqui fazer uma coisa mais importante que dar um discurso. O problema é: Remo Lupin foi um professor muito popular em Hgwarts. Sirius Black, um nome muito famoso nos jornais e James Potter.. Acho que um já é problemas demais para os professores.”

“Eu, um professor?” Remo perguntou duvidoso. “Não que eu não acredite, mas eu... eu tenho problemas de saúde!” Hermione gargalhou com a desculpa. “Seu probleminha cabeludo não foi um dos maiores problemas de Hogwarts.” Remo incomodou-se, então ela sabia a verdade, e não era a única; o fato de tanta gente saber seu problema era algo que o incomodava, era como andar pelado, não vale a pena e é extremamente incomodo.

”E eu vou ser famoso?” Sirius perguntou lascivo. “Sempre soube que não havia nascido para o anonimato!” Hermione o cortou. “Não importa se você era famoso ou não, vocês só vão saber o que for estritamente necessário! E nem tentem descobrir mais!” Sirius resmungou mais uma vez. “Não precisa ser grossa”. Hermione se ofendeu; não que ela estivesse realmente ofendida, mas aquele Sirius que ela acabara de conhecer era de uma personalidade única! “Eu não sou grossa! Você que é um... pentelho!” “Eu... Não sou pentelho!” Lily revirou os olhos, aparentemente ela era a única que não estava se deliciando com a cena. “Bem, sem querer interromper, mas já interrompendo, como vamos resolver esse... problema, professora Weasley?”
Os olhos castanhos da mulher brilharam frondosamente antes que ela pudesse elaborar uma resposta a altura “Hum... Não podemos modificá-los tempo suficiente para ficarem escondidos dos alunos, e porções em excesso podem ter efeitos colaterais, então depois de discutir com o Harry decidimos apenas dar lentes de contato para o James.”
“Lentes de quê?” James levantou-se abruptamente. “De contato, sabe... Bem, você não sabe, né? Nessa época elas não eram populares... Bem, acho melhor lhe mostra.”
Hermione tirou uma caixinha de dentro da bolsa de couro Fendi. Eram lentes roxas. Ela balançou a varinha e magicamente elas levitaram até os olhos do garoto. “Roxo? Roxo não combina comigo.” James protestou olhando-se no espelho. “Essa foi a coisa mais gay que você já disse.” Remo se deu ao prazer de rir do garoto. “Sabe, verde são os do Al, uma copia sua de olhos verdes; castanhos são os do outro James e azuis... Azuis são muito comuns! Certo James * Deer?”
“Um cervo? A criatividade de vocês me mata” Ele falou sarcástico, Hermione resolveu ignorar e continuou. “Remo vai ser **Rómulo Mars” James não resistiu em dar mais um resmungar. “Por Merlin, e eu que achava que o meu não tinha criatividade.” “Bem, desculpa senhor criatividade, mas eu tenho mais o que fazer, e não adiante reclamar, a matricula de vocês já foi feita.” Hermione puxou um pouco de ar e virou-se a Sirius. “Bem, você se chamará ***Wezen White... e não fale nada James!” Hermione retrucou sem dar tempo para o garoto fazer uma observação sarcástica. “Quanto a Lily, vai continuar Lily, já que Evans não é um nome bruxo, além de ser comum.” Hermione pareceu buscar mais alguma coisa na sua mente, até que se lembrou dando um estalo com os dedos. “Não é necessário dizer, que ninguém deve saber a verdade, nem mesmo Rose e Hugo. Rose e Hugo são meus filhos.” Ela acrescentou antes de continuar. “E vocês não serão selecionados mais uma vez, obvio, mas a todos os outros vocês dirão que foram selecionados na sala da diretora e vieram do Salem Witches' Institute. Poucos vão desconfiar, e os que desconfiarem... Bem, vocês são inteligentes o bastante para resolverem isso. Desde já, dado o recado, vou encontrar meus filhotes, digo, filhos. Os vejo em Hogwarts, aliás, acho melhor se trocarem, o trem chega em instantes e os uniformes estão com a Lily, Gina me pediu quando fui ao hospital e eu comprei a roupa de vocês, deve servir...” E sem mais delongas, a mulher deu um salto e saiu titubeando pelo corredor.
“Mulher esquisita.” Lily comentou antes dos sete alunos começarem a rir. “Mas eu vou chamar o Sirius de... de... Zy, ok?” Sirius ergueu as sobrancelhas “Por quê?” “Bem, Wezen Whiter, tem uma péssima sonoridade” Lily riu. “ O James pode ser DJ, e o Remo, fica Rómulo mesmo, afinal é um nome até legal.” James fingiu-se de zangado. “Puxa saco”...
Hogwarts era a mesma, ainda que um pouco diferente, mas os alunos não ligaram, aquele ainda era um lar. Após um pequena conversa com a diretora eles foram se separando, James foi encontrar uma suposta amiga da qual ele sentia falta. Al, DJ e Zy foram ao dormitório que eles passariam a dividir. Lily acabou por ver-se seguindo Liu num corredor totalmente sombrio.
“O que nós estamos fazendo aqui, não me parece um bom lugar para se passar...” Lily sussurrou, como se por acaso ela elevasse a voz acordasse alguém. “Um dos meus contatos ficou de me trazer um livro...” As garotas continuaram andando, até que Liu parou, Lily ainda não havia notado, mas ao lado de uma armadura, um garoto loiro de olhos felinos estava a espreita.
O garoto saiu sibilante até que apareceu por completo em frente à luz. Seus cabelos eram de um loiro platinado quase tão branco quanto à própria pele, o garoto era ligeiramente alto e elegante, mas o que mais surpreendeu Lily não foi o rosto ameaçador (apesar de belo) do garoto. Mas sim, seu uniforme, ele era um sonserino.
“Trouxe o que eu pedi?” o garoto perguntou a Liu e depois se virou a Lily. “E quem é essa, eu não quero testemunhas!” Liu sorriu. “Não se preocupe Eragon, ela não contará a ninguém, certo?” A garota tremulou o rosto e observou Liu que continuou a falar. “Eu trouxe, mas e você Ma... Eragon?” O garoto sorriu mostrando dentes de um branco perfeito e um sorriso sarcástico. “Está aqui”, de dentro da capa ele tirou um livro de capa de couro. “Agora, passe a porção, é uma Felix original? Você sabe que eu sei reconhecer uma, não tente me enganar.” A garota contraiu o rosto... “Olhe bem para mim, e me diga se eu tenho cara de quem não cumpre o que fala? Agora tome essa droga de porção, eu não quero ter que olhar para essa sua cara azeda tão cedo!” Eles trocaram suas ‘jóias’ e o garoto pronunciou-se mais uma vez. “Você sabe que em outra situação não seria necessário cobrança alguma.”ele piscou. “Prefiro ficar horas em frente a um caldeirão!” Liu disse rispidamente, ela virou-se de costa para o garoto e saiu puxando a amiga pelo corredor.

O dormitório masculino era amplo e possuía cinco camas. Havia duas janelas, e em baixo de cada janela ficava uma cama, a esquerda da porta havia mais uma cama, e outras duas eram vistas próxima à escrivaninha. James, ou DJ, como agora seria chamado, procurou a cama onde estaria sua bagagem, ele achou-se na segunda cama abaixo da janela, Sirius, ou Zy, ficou com a primeira cama abaixo da janela. Al, por costume, sempre ficava próximo à escrivaninha, ao lado do seu primo, Hugo. Hugo havia observado cada um dos garotos calado, enquanto esperando alguma explicação. Ele, ao contrario do primo e da irmã, estava no 4º ano, cabelos vermelho como os do pai, e para o seu azar, tão atrapalhado quanto o pai, ele era mais alto que todos os alunos do quarto ano. Mas nem tudo era ruim, a combinação de um Weasley e uma Granger resultara num belo genótipo. Por fim, Remo, ou Rômulo, viu-se na única cama vaga, a esquerda da porta. “Hey” Hugo se levantou. “Eu sou o Hugo, e vocês são intercambistas que minha mãe falou?” James deu um pulo da cama. “Eu sou o... James Deer, mas pode me chamar de DJ. O metido ali é o, Wezen Whiter, mas agente o chama de Zy, e o outro é o Rômulo Mars.” Hugo se aproximou cumprimentando James com a mão. “E como vocês chamam ele?”, Hugo perguntou indo cumprimentar Remo. “Ah! Ele agente chama de Rômulo mesmo.” Os garotos gargalharam, mas logo se apressaram; o jantar já deveria ter começado.
Não que Al não estivesse acostumado a receber tantos olhares, afinal, ele era filho de Hary Potter, e irmão do James, mas ele também nunca havia tido três novos alunos que tinham prazer em se destacar. Em quanto passavam para se sentar próximo a Lily e Liu, os estudantes olhavam, e como se toda aquela atenção não fosse suficiente, Sirius e James ainda faziam questão de piscar a cada uma das garotas.

Na mesa houve um grande alvoroço quando os novos alunos se sentaram juntos a também nova aluna. Na frente, Lily, Liu e uma terceira garota cochichavam, enquanto Hugo, Al, James (DJ), Sirius e Remo comiam fervorosamente; esse é um dos problemas dos Potter e Weasley, a fome deles parece nunca ter fim.
Antes que os alunos pudessem se retirar, houve um aviso da diretora, segundo o qual ela acolhia aos alunos que voltavam do natal em família para mais um caloroso semestre de aulas; ela inda teve tempo de apresentar os alunos novos, vindos do Salem Witches' Institute. Eles receberam uma salva de aplausos, e seguiram cada um ao seu dormitório, afinal, eles ainda teriam muitas surpresas.
O café da manhã não foi menos perturbador aos alunos, que foram por diversas vezes interrompidos (principalmente por alunas). A primeira aula foi a de porções, o certo é que os alunos que gostavam dessa matéria eram poucos, mas é claro, eles nunca haviam tido Hermione Weasley como professora.
A sala era arejada e com vários caldeirões borbulhando, o teto, parecia ter sido enfeitiçado, então os alunos tinham a sensação de estar num dia ensolarado de primavera, onde o sol era coberto por nuvens, deixando uma sensação térmica bastante agradável. As mesas continham três cadeiras cada, e eram separadas com o espaço de mais ou menos meio metro o que deixava o lugar ainda mais confortável. Na sala, Lily se juntou aos marotos, já que Liu era mais nova. Sentando-se com James e Remo, já que Al estava sentado com Sirius e uma garota lindíssima, com cabelos acaju.

”Bom dia.” Houve certas exclamações quando a mulher entrou na sala, os viajantes do tempo podiam não saber, mas Hermione Weasley era muito mais que uma bela mulher. “ A maioria de vocês me conhece, mas é sempre bom dar uma boa apresentação. Meu nome é Hermione Weasley, mas vocês podem me chamar de professora Weasley, eu serei sua nova professora de Porções até o fim deste ano escolar, já que o Professor Slughorn pediu uma breve descanso dos alunos... Bem, mas isso não vem ao caso. Pelo que vocês devem ter percebido eu fiz pequenas modificações na sala, nunca gostei de estudar nas masmorras” Alguns alunos riram, afinal ela estava se referindo a costumeira rivalidade entre Grifinorios e Sonserinos. “Gostaria que vocês retirassem seus livros “Contravenenos Asiáticos” e abrissem na pagina 52.” “Isso é Amortentia!” Uma garota loira e pequena perguntou. “Claro, senhorita?” Hermione observou a garota que lhe parecia familiar. “Creevey, Suzan Creevey” A garota disse e Hermione abriu um sorriso. “Ah, mais uma Creevey! Filha de Colin Creevey?” A garota loira balançou a cabeça. “Grande homem!” a garota sorriu e Hermione continuou. “ A Amortentia é uma poção bem poderosa, a porção do amor... É claro, que ela não cria o amor verdadeiro, mas se alguém lhe enfeitiçar com essa belezinha, você pode se tornar o escravo mais fiel, e também um tanto quando obsessivo...” Hermione deu um rizinho “De qualquer maneira ela é uma poção no nível de NOM’s, não só pela sua preparação, nem pelo seu poder, mas também pela raridade de seus ingredientes, alguém pode me citar um?” A garota sentada com Sirius e Al levantou a mão . “Sim Weasley?”. “Um dos ingredientes principais são ovos congelado de Cinzácaro” Hermione bateu palminhas antes de dar mais cinco pontos para a grifinória. ”Muito bem Victoire” Ela sorriu a sobrinha e virou-se aos alunos “Alguém, pode vir aqui na frente me ajudar?” Vários alunos levantaram suas ágeis mãos, e Hermione apontou para Lily. “Você, senhorita?” “Evans, Lily Evans.” “Sim, senhorita Evans, venha até aqui.” A garota levantou-se sorridente. “Mais alguém, se oferece para me ajudar?” Vários alunos levantaram a mão, e por conhecidência, ou não, James, foi o escolhido. “Senhor?” “Deer, James Deer.” Hermione enfeitiçou duas cadeiras, nas quais os alunos se sentaram lado a lado. “Agora eu vou amarrar uma venda em cada um de vocês e eu quero que me falem qual o cheiro que vocês estão sentindo.” Os garotos foram devidamente vendados, em quanto a professora risonha enfeitiçava uma mesa que veio flutuando até os alunos, em cima, uma porção borbulhava. “Primeiro a senhorita Lily, poderia me dizer quais iguarias eu utilizei nessa porção?” Lily pareceu pensar um pouco. “Bem, ao que me parece canela, cravo e... Uma vassoura!? Uma vassoura numa porção!?” Lily cheirou duas vezes mexendo o nariz “Espere esse é o cheiro do Po.. digo de alguém que eu conheço!” Ela tentou tirar a venda mas Hermione a impediu. “Calma senhorita Evans, o senhor Deer ainda tem que ser testado. E o senhor o que sente?” Ele aspirou todo o ar e falou com certeza. “ Sabonete e Morango.” Hermione balançou a varinha e a mesa desapareceu. “Bem, podem tirar a venda.” Os alunos retiraram e olharam curiosos aos outros alunos. Em quanto Hermione passeava pela sala “Vocês podem notar também, que a Amortentia não pode ser percebida pelo cheiro, já que em cada um é diferente. O senhor Deer e a senhorita Evans sentiram o cheiro da pessoa que os agrada.” Vários rizinhos foram ouvidos pela sala. “Sobre a aula de hoje eu gostaria que fizessem um pergaminho de vinte centímetros sobre a Amortentia, para a próxima aula.” “Professora?” Lily perguntou levantando a mão. “Sim senhorita Evans.” “É possível não sentir cheiro nenhum?” Hermione sorriu sagaz. “Bem, é realmente uma pergunta interessante. Até a alguns minutos eu pensei que não, mas antes de iniciar a aula uma aluna veio até mim, e me perguntou que porção era essa, porque ela não sentia cheiro de nenhum ingrediente, e, particularmente ela é a melhor aluna que eu já tive.”
O sinal bateu e em poucos minutos a sala estava vazia, mas não muito longe dali outros três alunos saiam de sua aula.
“Senhorita Potter?” Um rapaz se aproximou de Lily. Ele era alto e muito bonito. Com olhos verdes azulados e cabelos negros. Sua pele era branca e levemente bronzeada pelo sol, e pela primeira vez na vida Lily Potter sentiu suas bocheches se ruborizarem. “Sim, e você é?” “Sou o Mackenzie, Donald Mackenzie. Tenho um recado da professora Weasley, ela deseja vê-la após o almoço.” Liu sorriu “Eh, obrigado.” O garoto prosseguiu pelo corredor, deixando Lily, seu primo Hugo e sua amiga Jack cochichando.

Jacqueline Tonks era uma menina incomum, ela, assim como sua falecida irmã, é uma Metamorfomaga. Comumente usava cabelos e olhos do mesmo azul. Mas há uma coisa que Jack tem que ninguém mais tem; um humor sombrio. Do tipo perfeito para combinar com os planos de Lily Potter.

”Eu não gostaria de falar, ‘eu avisei’, mas eu avisei. A grande Lily Potter pega no ultimo ato?” A garota riu irônica enquanto descia a escada ao lado de Hugo. “Por essa, nem eu mesmo esperava...” Lily fechou o rosto “Não conte com isso Jack, ninguém descobriu nada, eles nunca descobrem...”.



-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-


Nota:
*Deer significa Cervo em inglês.
** Segundo a lenda Rómulo e Remo foram os irmão gêmeos gerados da relação proibida entre Rhea Silvia e Marte (Mars em inglês), o deus da guerra.
***Wezen é uma estrela da constelação do Cão Maior, a mesma constelação da estrela Sirius, e White é o contrario de Black. (Branco e Preto ¬¬)



Dica: Há, seria interessante procurar o significado do nome Donald, vai revelar pelo menos alguma coisa desse novo personagem!

As garfes da Sakura :

Bem, eu acho que é bom esclarecer o seguinte, em DH, a diferença entre idade dos Potter é de dois anos da Lily para o Al e de um ano do Al para o James, mas eu não poderia deixar a Lily no terceiro ano, eu tenho planos para ela, então a diferença, na fic, ficou, Lily no 4º, Al no 5º e James no 7º. Há, e o Hugo, que é da mesma idade da Liu, tambem ficará no 4º. E quanto ao Ted, o nome é Teddy (em iglês), mas em português ficou Ted mesmo. No livro tambem diz que o Al e o James dormiam em quartos separados, mas como eu queria apressar as coisas, os coloquei no mesmo quarto, então finjam que a Gina os colocou juntos ok? Achei bom deixar claro. ;*


-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=
Nome: Lily Evans
Idade: 15 anos
Cor dos olhos e cabelos: Olhos amendoados sensacionalmente verde-vivos e cabelos espessos e ruivos levemente ondulados
Altura: 1,65 m
Nasceu em: 1960, em algum hospital trouxa de Surrey
Aonde mora: Surrey,com os pais e uma irmã mais velha.
Hobbies: Perseguir os marotos, estudar, ler, escrever e tomar sorvete de limão.
Amortentia: Canela, cravo e algo semelhante a uma vassoura. (N/A: Alguém aposta em um jogador de quadribol?)
Sangue: Nascida muggle
Livro preferido: A megera domada, de Shakespeare.
Trabalha: Sim, nas férias de verão Lily trabalha em um abrigo de animais à dois quarteirões de sua casa.Mas sonha em ser Auror quando crescer.
Programa de TV Preferido: Seu filme favorito é “O poderoso chefão”.
Frase: “No fim tudo dá certo, se não deu certo é porque ainda não chegou ao fim”
Maior segredo: Lily nunca beijou ninguém,
Maior desejo: Que seu primeiro beijo seja com alguém que ela ame de verdade.
Animago: Não se transforma.
De quem mais gosta: Apesar de negar, sente-se bastante atraída por James
De quem menos gosta: Victoire Weasley.
O que mais gosta de fazer: Estudar, tomar banho de chuva, ler e abraçar pessoas. (Desejo que é veemente repreendido por ela mesma)
O que menos gosta de fazer: Ela não gosta de correr, Lily é muito preguiçosa quanto a atividades físicas.
Tipo de música que gosta: Gosta de Hard Rock, e sua musica preferida era Whole Lotta Love, da banda Led Zeppelin.
Comida favorita: É vegetariana e adora waffles de chocolate.
Melhor(es) amigo(s) de Hogwarts: Marlenne McKinnon


-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=


N/A: Eu falei que eu ia adiantar né!? Espero que gostem e comentem desse, Sexta que vem eu posto mais! (É claro, se houver comentários suficientes).


Quanto a esse capitulo: Eu amei escreve-lo, acho que por isso ele veio tão rápido (desculpem os certos erros na gramática, volver se depois dou um revisada). O que vocês acharam, dos novos personagens? E a pergunta que não quer calar: “O que Lily Potter aprontou?” Vejam no próximo capitulo.

Desculpem qualquer transtorno, eu estou meio que empolgada com essa fic!




Sakura_Li

Antes de tudo, eu queria agradecer, foram 10 comentários em 2 dias, ou seja, autora “feliz demais da conta” como se diz aqui na minha terra. Então eu realmente espero que vocês comentem, pra dizer se estão gostando ou não. Porque eu ADORO criticas! Por favor, qualquer coisa é só falar gente, se vocês quiserem dar uma opinião ou um chute, fiquem a vontade! Bjus, cada comentário é especial! Ah, e se tiver alguém fazendo aniversario, ou coisa do tipo, bem podem avisar (com antecedência), quem sabe eu não posso te dar um capitulo de aniversario!? Bjus!


Ninha Costa : Hshs, obrigadinho. Tomara que você tenha gostado desse, foi uma tanto quanto misterioso, mas em fim, eu não posso entregar o doce. Bjus e continua comentando, mesmo!

Cuca Malfoy: Bem, esse eu até postei rápido né!? Então me diz o que você achou. Bjus!

Biank Potter: Obrigaaaaaaaado! Ainda bem, ai está, postadinho, bonitinho (talvez nem tanto), qualquer coisa é só falar ok?

Alícia Spinet: A lily é um personagem curioso né!? Ela é minha “menina dos olhos” e junto com os outros vai ser chave para esse mistério! (OO); Bjus, e não esquece de comentar!

Bruna Potter: Hshs, eu demorei um tempinho pesquisando, então estou bem feliz que tenha gostado, mas agora eles vão ter que diminuir, mas é claro que vez ou outra uma gíria ou outra acaba saindo. Njkas, continua comentando.

Alexandra Zabini: Eu não demorei, dois dias foi quase um recorde! Mas sexta que vem eu posto sem falta. Bjus! E não se esqueça de deixar sua opinião. (2 Comentários, 2 Obrigadas!)

Daiana Braga Pereira: Então respira fundo e continua lendo! Bjkas! E comenta, pra dizer se ainda está gostando.

Kate Black Malfoy Potter : Está ai, saída do forno! Tomara que vc tenha gostado. Então comenta pra mim saber.

Kel.Granger: Oh! Que honra, de qualquer maneir eu estou tentando... Bjkas não esquece de opinar!












Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.