FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. ...3


Fic: Para sempre seu.


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

     Eu estava olhando Hermione se aproximar de mim em seus passos lentos. Um vestido branco de tecido leve e com pequenas rosas vermelhas delicadamente desenhadas ao longo de seu cumprimento. Seus longos cabelos estavam presos em uma trança que pendia de lado e seu rosto era graciosamente retocado com uma maquiagem discreta mas que ressaltava, de uma forma inacreditavel, a sua beleza. Seus olhos marejados de lágrimas e eu só não consigo tirar os olhos dela. O sr. Granger vem conduzindo minha futura sra. Weasley até o altar improvisado no gramado d'A Toca. Eu acordo com com o som da voz de Hermione me dizendo "sim".
     Abro meus olhos lentamente e percebo que estou deitado em minha cama e Hermione está com a cabeça em meu peito , nossas pernas entrelaçadas se encaixam perfeitamente e meu coração bate mais forte quando lembro das palavras do dia anterior "estou grávida". Meus dedos correm pelas suas costas e sua pele macia e me faz ter a certeza de que eu não poderia querer nada além disso. Ela mexe a cabeça e abre os olhos.


-Bom dia.


-Bom dia. - sorrio . - dormiu bem?


-Dormimos bem. - e ela me dá um sorriso de orelha a orelha colocando a mão na barriga.


-Então será que nós três podemos ir tomar café da manhã? - e eu já não consigo mais controlar o ronco do meu estômago.


-Tão típico, Rony! - ela se levanta e se senta na beirada da cama me olhando com um olhar incrédulo. - Francamente, amor! Será existe algum momento em que você não está com fome?


-Nunca parei pra pensar nisso. - e dou meu sorriso mais inocente.Sei que ela não o levou a sério.


     Quando chegamos na cozinha ,Kage, o nosso elfo doméstico, já estava passando o café.


- Bom dia, Kage. - Hermione diz e se senta em um banco na cozinha. - Nós temos uma notícia pra te dar.


-Sim, minha senhora.


- Bem, em breve nós teremos mais um morador nessa casa. - eu explico e ele arregala os olhos pra mim.


- Vamos ter mais um elfo? - ela diz e apressadamente conclui - Kage consigue dar conta de tudo! Pode dizer minha senhora, Kage melhora se assim for!


- Não, Kage, não teremos mais um elfo. - Hermione responde e ele solta um suspiro de alívio. - Eu estou gávida.


     Não consigo conter o meu sorriso e , não mais do que de repente, Kage se debulha em lágrimas.


-Oh! Minha senhora... meu senhor! - ela soluça - Terei um prazer imenso em servir ao pequeno Weasley!


     Hoje é domingo e dia de almoçar com a família - minha barriga ronrona de prazer só de lembrar da comida da minha mãe. Caramba, Hermione estava certa. E quando é que ela não está? - . Depois de uma manhã de assuntos em torno de bebês , famíla, berço, roupas e hormônios escolares, nós nos arrumamamo e nos aprontamos para aparatar n'A Toca. Ouço o baque sordo de nossos pés batendo no gramado e um gritinho muito gostoso e familiar.


-TIIIIIIO!- Victorie vem correndo em nossa direção. - TIIIIA!


     Seguidos pela nossa encantadora sobrinha que cresceu absurdamente enquanto estive fora. Ela se mostra extremamente inteligente e nos conta, com muito intusiasmo, que no no sábado fez malabarismo com maçãs, sem as mãos - UAU! Como será perenciar as primeiras manifestações de magia nos filhos?-. Mamãe e papai nos recebem com carinho e , falando com toda família eu dicido aproveitar que ela toda está reunida para contar a novidade.


- Pessoal! Pessoal! - eu chamo a atenção de todos na casa. - Nós temos uma coisa pra falar.


     Hermione me abre um sorriso, mas consigo pecar uma sentelha de receio em seu ohar.


-Bom, ontem nós tivemos tempo pra conversar e Hermione me deu a melhor notícia do mundo. - todos me olham apreensivos. - Vou ser pai!


     Abro um largo sorriso e ela segura a minha mãe. Os olhares incrédulos na sala me perfuram e minha mãe é a primeira a sair da tensão da sala e , como se costume, ela começa a chorar.


-Meu...meu filinho vai...vai ter um filinho! - ela começa a realmente chorar.

     Meu pai se levanta e me dá um abraço pertado ; e então todos se levantam para cumprimentar-nos, menos Harry e Gina, que permanecem imóveis em seus lugares. Tos voltam a se sentar, mas minha irmã e meu conhado - melhor amigo continuam estáticos a nos olhar. Harry e se levanta e sorri, tenho certeza de que nunca o vi tão feliz. Olho para Hermione que devolve o sorriso, mas que tem um olhar confiso.


-Nós também temos uma notícia pra dar. - ele diz e Gina se levanta completando a fraze do marido - Eu também estou grávida.


     Minha mãe quase tem um ataque do coração e todos tentamos acalma-la enquando ela se senta dizendo que está tonta colocando a mão no coração.Depois de uma poção calmante e de uma comeração com wisky de fogo, nós nos sentamos para o almoço - senti tanta saudade da comida da minha mãe!. A tarde passou voando enquanto nós estivemos lá. Harry e eu jogamos algumas partidade de xadrez de bruxo enquando nossas esposas discutiam coisas sobre roupinhas de bebê. O tempo colocarmos a conversa em dia foi muito bem aproveitado e como adolescentes, nós montamos e nossas vassouras e jogamos uma boa partida de quadribol. O anoitecer chegou e com ele mais wisky de fogo. Me sinto grato por não precisar dirigir como os trouxas quando começo a me sentir um pouco tonto e meus sorrisos aparecem com mais facilidade.
     Depois de nos despedirmos de uma carrancuda sra. Weasley que, insistentemente , pediu para dormir lá, aparatamos em nosso apartamento. Kage não está lá e sinto os sintomas colaterais do álcool em mim quando puxo Hermione pela cintura e encosto minha testa a dela. Nossa respiração ofegante nos faz conciente de nosso corpos juntos. Eu a pego no colo e a levo para o quarto colocando-a sobre nossa cama . Enrolo meus dedos em seus cabelos e levanto sua blusa dando pequenos beijos em sua barriga e não espero dormir essa noite.



--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Olá leitores! 
Bom, passei pór alguns dias difíceis e não pude postar novos capítulos. Agora já está tudo bem melhor e eu já na ativa!!!!! \o/
Muito obrigada a todos que comentaram e leram até aqui. Estou adorando essa short-fic que virou uma log e espero que continuem acompanhando.
P.S.: Depois eu respondo a todos os comentários que recebi! 
Beeeeijos e fiquem com Deus.
 

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.