FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

6. Reconciliações


Fic: Rebeldes 3 temporada - Eu quero tudo!


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

6º capitulo – Reconciliações

Enquanto saia da minha sala de aula minha cabeça voava a mil. Eu estava tão feliz por estar na faculdade. Já fazia o que? Três semanas? Acho que isso mesmo...Duas semanas.
E eu ainda saia com o Thor. Ele era tão incrível. Meu celular tocou.

-Alô?

-Oi princesa – ele falou – Quero ver você.

-Claro. Acabei de sair da aula.

-Me espera na cantina.

Desliguei o celular e caminhei até lá.

***

Hermione desceu as escadas correndo a abriu a porta. Ela pensou que era Sofy, a outra garota que morava lá. Sofy vivia esquecendo a chave.

-Você? – perguntou para Harry – O que foi?

-Olha...Você não quer dar uma volta?

Ela olhou desconfiada pra ele.

-Uma volta? – perguntou.

-Isso mesmo. Quer ir?

-Pode ser. Só vou pegar minha bolsa.

***

Nátysi estava saindo da aula de astronomia. Hoje ia ter que ficar de madrugada acordada para registrar o eclipse da lua. Era impressionante como estrelas e magia estavam relacionadas.

-Nátysi? – Trey perguntou enquanto parava o carro do seu lado.

-Oi – ela falou e continuou andando. Ele foi seguindo-a lentamente.

-Quer carona?

-Acho que não – ela sorriu ironicamente.

-Porque? – ele parou o carro e desceu – Eu te fiz alguma coisa?

-Não. Eu quero andar...Só isso.

-Tudo bem – ele apertou o alarme do carro – Vamos andar.

***

Kelly estava passando pela rua da república de Stephen. Estava cheia de livros nos braços. Stephen estava na sacada e a viu.

-Kelly! – gritou – Espera aí.

Ele deu um pulo e caiu em cima de um monte de plantas.

-Você é bobo? – ela perguntou enquanto se aproximava dele.

-Não – ele levantou desajeitado – Eu te ajudo a levar as coisas.

-Tudo bem.

-Escuta... – ele olhou pra ela – O que acha de voltarmos a ser amigos? Como em Hogwarts?

-Eu pensei que nós ainda fossemos amigos – ela falou enquanto ele pegava uns livros.

-E somos...Mas eu estraguei tudo com aquele beijo...Você sabe.

-Tudo bem. Vamos esquecer o beijo.

***

-Oi – Thor me deu um beijo – Vamos?

-Aonde você quer ir? – perguntei enquanto andava até o carro dele – São seis da tarde.

-Estava querendo te fazer uma surpresa.

-É mesmo – sorri – Então tá.

Ele abriu a porta do carro pra mim e eu entrei.

***

-Senhor Malfoy! – o professor chamou.

Entreguei meu trabalho e me preparei para sair. O Potter e o Thor tinham matado a última aula. Era realmente uma infelicidade estudar com aqueles idiotas. Pelo menos estava feliz por um motivo, eles provavelmente pegariam d.p.

-Oi Draco – Dean apareceu.

-E o Trey?

-Saiu voado da aula dele, a Claire falou. Deve ter ido atrás da Nátysi.

-Que patético. O que você vai fazer hoje?

-Eu? Nada acho...Não temos nada pra fazer.

-Talvez eu vá para as corridas hoje.

Thor e Weasley passaram de carro do meu lado. A minha vontade era de correr até o meu carro e os seguir. Ela realmente não o conhecia bem. Ele era a pessoa mais mimada da face da Terra.
E quando eu disse isso para Trey e Dean eles riram. Disseram que eu era idêntico.

-Vamos ligar para as meninas – falei – O que você acha?

-Claro.

***

-Eu mandei fechar um restaurante para nós – ele sorriu.

-Em plena quinta-feira? – perguntei.

-Digamos que minha mãe conheça alguém.

Ele era mesmo incrível. O restaurante era lindo. Uns dez garçons estavam lá, para nos servirem.

-Eu acho que você não tem diamantes, não é?

Eu fiquei e silêncio. Eu tinha um colar de diamantes. E eu tinha ganhado dele. Certo...Um péssimo momento pra me lembrar disso.

-Não. Porque?

Ele era rico. Tanto quanto o outro, e isso, muitas vezes me incomodava. Eu me sentia uma prostituta francesa ganhando diamantes do Thor. Mas não havia me sentido assim quando ganhara o colar dele.
Thor abriu uma caixinha de veludo. Uma pulseira. De diamantes.

-Eu sei que você deve achar isso meio cedo e tal...Mas eu só queria dizer que você é muito importante pra mim. Mais do que imagina.

-Obrigada...São lindas.

Ele sorriu e me beijou.

***

Harry parou em um Café. Os dois desceram. Assim que se sentaram na mesa e fizeram seus pedidos Hermione começou a falar.

-E então? Você quer conversar?

-Eu queria pedir desculpas – ele falou sincero.

-É impressionante como você é a mesma pessoa que saiu comigo em Hogwarts. Sempre pedindo desculpas...Porque é tão difícil você fazer as coisas direito.

-Você sabe como é difícil...Como foi difícil. Nós éramos crianças. Eu tinha o direito de ter dúvidas.

-Não depois de tudo o que nós passamos...Você não tinha esse direito.

-Você é muito... – ele parou – Complicada. Não faz idéia. Você é tão perfeita e nunca erra. É difícil sair com alguém assim.

-É melhor do que sair com alguém que só erra...Certo?

-Tudo bem...Eu desisto. Mais uma vez você me venceu.

-Não seja ridículo.

-Não estou sendo.

-Pena que você só percebeu agora. É como você mesmo disse...Éramos crianças. Mas não somos mais. E a propósito...Você ficou muito melhor sem óculos.

-Eu sei – ele sorriu.

O clima estava mais ameno.

***

-Vai sair? – Logan perguntou para Marie.

-Talvez. Mas eu não sei ainda.

-Nós podíamos ir no cinema.

-Pode ser...Nós vamos que horas?

-Eu pego você oito, pode ser?

-Claro. Agora que você tem um carro pode. E a Monique?

-Ela está desfilando em Milão para várias marcas e tal. Vai bem.

***

Tifanny estava estudando quando bateram na porta. Levantou e foi até lá. Era Matt.

-O que foi? – ela perguntou mal-educada.

-Você pode...Conversar comigo?

-Vocês combinaram é? – ela falou irritada.

-Do que você está falando?

-Isso mesmo. Você devem ter combinado isso...Ficar pedindo desculpas. Escuta bem...EU NÃO QUERO FALAR COM VOCÊ – ela disse e bateu a porta com força.

***

Thor me deixou em casa onze da noite. No dia seguinte tinha aula. Abri a porta da sala no maior silêncio. Ouvi um barulho estranho e acendi a luz.

-HEI! – Malfoy gritou enquanto cobria os olhos.

-O que vocês estão fazendo?

Marie ajeitou a blusa e levantou.

-O que você acha?

-Vocês me dão nojo – falei enquanto subia para o meu quarto.

-Será que o Thor não está dando conta? – ouvi Malfoy perguntar enquanto eu subia as escadas.

-Vai se danar! – gritei.



De volta a ativa...rsssssssssssssssssssssss fiz msn, me add
miss_lalii@hotmail.com
isso ai...comentem muitao e eu posto tah???????????
beijinhussssssssssssssssssssssssssssssssss

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.