FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

1. Capitulo único


Fic: Um mês depois RxHr


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Um mês depois RxHr


 


 


Convidada pela matriarca Weasley, naquela manhã Hermione havia chegado  a casa torta localizada em Ottery St. Catchpole para passar seus últimos dias de férias e matar as saudades de sua segunda família que não via há quase um ano.


 


No ultimo mês havia reestruturado sua vida devolvendo a memória dos pais e decidido seu futuro profissional, um que já estava decidido a um bom tempo.


 


Mas o que mais preocupava a bruxa mais inteligente para sua idade não tinha nada a ver com livros, penas e pergaminhos. O que mais a preocupava era um futuro tão sonhado e desejado que ela via passar por seus dedos e não conseguia agarrar.


 


Ela dera todos os sinais diretos e indiretos durante anos de convivência, até não conseguir mais esperar e se jogar nos braços daquele ruivo idiota no meio de uma guerra e beija-lo. Tudo isso para que?Para ele fingir que nada aconteceu? Que nada estava acontecendo entre eles?E agir apenas como seu melhor amigo de infância?


 


Talvez tivesse entendido erradas as reações dele. Talvez aquele ciúme todo se devesse ao amor fraternal sentido também em relação a sua irmã, todo o carinho e proteção durante a guerra... Tudo, absolutamente tudo, foi mal interpretado, logo por ela, Hermione Granger, que não gostava de errar em nada.


 


O jeito agora era seguir em frente sem o vetor que guiaria sua vida: Ronald Weasley.


 


Que há essa hora deveria estar ganhando muitos galeões no beco diagonal, juntamente com seu irmão Jorge.


 


Já estava decidida. Iria trata-lo como seu melhor amigo de infância. E apenas isso.


 


Perdida em seus pensamentos não ouviu Gina e Harry lhe chamarem do lago, onde nadavam e mergulhavam. Também não notou eles fingirem que não viam o Weasley mais novo se aproximando. Sentiu apenas aquele cheiro tão conhecido e amado, o que fez seu coração apertar ainda mais e seus olhos formigarem.


 


Mas não se virou em sua direção, permaneceu sentada e olhando a pagina cinquenta e dois do seu Teoria da transfiguração transubstancia para o sétimo ano, o qual já não absorvia nada a um bom tempo.


 


###


 


Quando Rony subiu para o escritório da Gemialidades Weasley`s, no primeiro andar da loja, se deparou com uma cabeça saindo pela lareira.


 


­­­—Mãe?O que a senhora esta fazendo ai? — indagou estranhando sua presença ali.


 


—Ha querido! Já estava desistindo de esperar... Eu só queria avisar que vou receber uma pessoa muito especial para almoçar e quero toda a família em casa! E não aceito desculpas de que a loja esta cheia!— não esperando a resposta do filho desapareceu pela lareira, deixando-o sozinho com uma de suas típicas caretas estampada no rosto.


 


—Era só o que me faltava!Só espero que não seja a tia Muriel... —resmungou pegando um saco de veludo que levaria para Gringotes antes de ir para casa.


 


###


 


Quando entrou pela porta da cozinha foi recebido por um abraço quebra ossos de sua mãe mandando-o ir ao lago chamar Harry e Gina para almoçarem. Foi deixando ela e Jorge para trás.


 


—Era só o que me faltava a gente fecha a loja e essa visita nem pra chegar na hora!Depois eu que sou o insen... —resmungava para si mesmo até se dar conta de uma cabeleira castanha inclinada sob mais um livro de sua vasta coleção. Sem perceber sorriu torto a esse pensamento. Ela nunca iria mudar. E ele, definitivamente, não queria que ela mudasse. Amava cada trejeito dela.


 


O modo como seus olhos brilhavam quando descobria algo novo em algum livro mofado da biblioteca de Hogwarts,seu rosto contorcido de concentração durante qualquer aula,seu jeito dedicado ao explicar alguma matéria pra ele, até mesmo sua cara de brava quando lhe dava algum sermão... Como adorava observa-la. Gostaria de fazer livremente sem a preocupação de ser pego com um olhar bobo na direção de sua melhor amiga.


 


Melhor amiga essa que lhe beijou na boca, durante uma guerra contra o pior bruxo das trevas já existente, enquanto acariciava seus fios ruivos com tanto carinho. Nunca, em sua existência, iria esquecer aquele momento de doçura e carinho de sua Hermione, sua pelo menos nesse momento... Pena que não passou de um impulso dela—pensou amargurado.


 


Definitivamente era um bobo apaixonado e não teria vergonha em admitir caso o risco de ser rejeitado fosse tão grande.


 


Sabia que nunca iria conseguir esquecê-la. Tentara no sexto ano usando Lilá durante messes. Se bem que fora mais uma vingança do que uma tentativa de esquecê-la, mesmo assim foi em vão.


 


Como seria seu futuro sem Hermione?Será que conseguiria colocar todos os seus planos em ação, sem ela para orienta-lo?


 


Sentira tantas saudades dela em um único mês longe e agora ela estava a alguns passos dele. Sentada ali ao pé da árvore que tantas vezes discutiram com Harry um modo de como acabar com o cara de cobra.


 


Parecia tão concentrada em seu livro que para não assusta-la pisou propositalmente em algumas folhas secas. O que a fez erguer a cabeça na direção daquele ruivo que crescera junto e agora estava tão imponente diante de seus olhos.


 


—Hermione! —praticamente susurou, mas sua grande vontade era envolvê-la em seus braços, sentir seu perfume e não larga-la nunca mais. Guardando-a só para si.


 


—Olá, Rony! —Respondeu com o tom mais animado que conseguiu


 


Notando seu olhar magoado indagou:


 


—Eles estão bem...? Digo... Seus pais. Eles reagiram bem à reversão do feitiço?


 


—Há, sim! —fechou seu exemplar de Teoria da transfiguração transubstancia para o sétimo ano e o colocou sobre o colo e encarou o lago — eles só estão um pouco assustados em relação a minha volta a Hogwarts depois de toda a historia que contamos a eles—contou recordando-se de sua ida a Austrália com o Sr Weasley para encontra-los e reverter o obliviate de seus pais e toda a conversa com eles antes de voltarem à Inglaterra.


 


—Eles apenas se preocupam com você e seu bem estar, além de ficarem com saudades da única filha deles —não sabia se falava de si mesmo ou dos pais da garota.


 


Fugindo de questões pessoais antes que ele aprofundasse seus questionamentos tratou logo de perguntar:


 


—E a loja como esta indo? O Jorge ainda esta muito abalado?


 


—Acho que ele nunca vai se recuperar totalmente, sabe?E a loja esta um sucesso como sempre — falou rápido demais.Estava se sentindo tão estúpido por nem conseguir manter um conversa descente com Hermione.


 


—Hum— era o único som que conseguia colocar para fora de sua garganta ,estando do lado do amor de sua vida e não podendo vivencia-lo.


 


Permaneceram o que pareceu um longo tempo perdidos em seus próprios pensamentos.E quando Rony lembrou-se que talvez já tivesse perdido Hermione para sempre ,a pergunta não foi segura em sua boca e quando deu por si já tinha perguntado com todas as palavras:


 


—Você já falou com o Krum? —seu tom era magoado.


 


—Ainda não falei com nenhum bruxo além de vocês e do Harry—respondeu vagamente. Na verdade não se corespondia com Vitor desde o final do sexto ano.


 


Ótimo! Agora era, de fato, mais um Weasley na vida de Hermione—pensou amargurado.


 


Agradeceram mentalmente a Gina e a Harry por saírem do lago e irem de encontro a eles, tirando-os do silencio incômodo que se encontravam.


 


Mas Rony logo fechou a cara diante da cena que viu ao erguer a face:Harry e Gina abraçados pela cintura.


 


—Podem manter uma distancia segura vocês dois!Não quero ver ninguém se agarrando diante do meu nariz!


 


A única reação de Harry fora retirar seu braço da circunferência da cintura de Gina e vestir sua camisa regata que estava jogada ao pé da arvore. E sua namorada olhou com cara de poucos amigos para o irmão.


 


—Eles são namorados Ronald!O que esperava? —Hermione interveio


 


—Saber é uma coisa, ver é outra,Hermione! E eu não quero ter a imagem da minha irmã caçula agarrada com um brutamontes — respondeu com todo o seu ciúme vindo a tona.


 


Revirando os olhos e dando essa batalha por perdida, pois Gina sempre ia ser a caçulinha aos olhos de Rony.Hermione tentou levantar do chão ,mas foi surpreendida com mãos grandes e sardentas segurando sua mão esquerda .


 


—Vem!Deixa que eu te ajudo! —Só agora percebendo que Hermione trajava um vestido florido sem mangas e mais uma vez ,pela segunda vez, em minutos Rony não reteve um pergunta na boca.


 


—Desde quando você usa vestido Hermione? —não era uma recriminação, pelo contrario achara adorável o vestido e seus cachos soltos pelas costas.


 


—Desde quando você repara nas roupas que eu visto Rony? —Recriminou apenas pelo costume. Mas adorou que ele tenha reparado em suas roupas. Corando levemente.


 


Ele deu de ombros.


 


Mas para não deixar entendido que estava chateada com ele respondeu andando ao lado dele,vendo Harry e Gina se distanciarem.


 


—Minha mãe comprou alguns vestidos sem minha permissão e não tive coragem de dizer que não gosto muito de usa-los.Ela diz que não fico muito feminina de calça , blusa e tênis.      


 


Definitivamente a mãe de Hermione não sabe de nada — pensou com um sorriso crescendo na face. Vendo que Hermione olhou torto para seu sorriso. Acrescentou sentindo suas orelhas esquentarem, mas sustentou seu olhar.


 


—Você fica linda de qualquer jeito Hermione...


 


Ela por sua vez murmurou um obrigado que por pouco não foi ouvido por um Rony muito vermelho.


 


E assim seguiram rumo a porta da cozinah dA`Toca.


 


 


###


 


 


 


 


Não. Não teve beijo dessa vez!


Essa era a intenção mesmo. Mostrar que no começo eles trocaram um pouco os pés pelas mãos, mesmo tendo se beijado.Afinal eles cresceram juntos,não é?Não deve ser fácil, tímidos como são,então...


Gosto muito desse vai não vai dos dois e achei que minha primeira fic tinha que ser assim.


Se acharem algum erro de ortografia ou algo assim me avisem que conserto. Não tenho beta :( Mas se alguém quiser se candidatar ficaria feliz  =)


O titulo não foi dos melhores,eu sei “/ Mas foi o único que conseguir pensar.

Talvez ela não chegue a ler minha fic mas gostaria de dedica-la a Disomers!A primera fic Romione que li foi dela e me apaixonei de cara.Desde então venho tendo algumas ideias loucas para fics mas essa foi a primeira vez que desenvolvi de verdade.As ideias foram vindo meio sem nexo mas no fim juntei e organizei tudo =)

Haa comentem!Gostaria muuuito de saber a reação de vocês.



Bjsss


Mama Morais =)


 

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 10

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por andiara nobreza em 12/04/2013

Adoorei espero q tenha contiuação *-*

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Mariana Berlese Rodrigues em 04/01/2013

TADINHOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOS :((((( <3 
 #MORRI 
A-M-E-I <3 <3 <3 
MUITOOOOOOOOOO LINDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA *.*

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Andye em 15/12/2012

Entrando para o time das que esperam a continuação. Parabéns... Como disse a June, você tem talento, ponha pra fora... AGUARDANDO!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por dreampotter em 05/04/2012

Também acho que você deveria continuar... amei *-* parabéns :)

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por June Weasley em 12/03/2012

Não acredito q vc só tem uma fic!(fui no seu perfil)
Tem q escrever mais garota, vc tem talento. Confesso q tb estou sem tempo pra escrever fics, faço mais é poemas, sabe....
Entra lá no meu e vê se gosta de alguma, assim ficamos kits, ok?
beeijos, QUERO CONTINUAÇÃO!!! 

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por June Weasley em 12/03/2012

Cara, amo essa fic.
Esperando anciosamente a continuação *-*

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Mama Morais em 03/01/2012

Mi

Vai ter continuação!! õ/

 Mas não tenho previsão para postar “/

Bj

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Mi Granger em 25/12/2011

Amei. Quero continuação... **

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Mama Morais em 01/11/2011

Que bom que vc gostou Luana!!!! :D Fico muito feliz com isso!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por luana pereira da silva em 31/10/2011

Que fofa! Adorei

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.