FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

5. Capítulo 5.


Fic: Me conceda esta dança


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Capítulo 5 - Ciúmes Japoneses






Nevava. Da janela da sala comunal só se via um imenso tapete branco, que cobria desde Hogwarts até o fim da Floresta Negra. Hermione estava coberta da cabeça aos pés. Rony e Harry não exageravam como ela, mesmo que neste inverno estivesse realmente frio.

- Nunca teve uma nevasca tão fria quanto essa. - informou Hermione, se sentando ao lado de Harry - por que não foram comer? - quis saber, dando uma olhadela rápida no xadrez que Rony acabara de espalhar as peças para todos os lados do tabuleiro, desorganizando-as.

- Rony e eu precisávamos terminar o dever de Poções e Transfiguração. - Harry respondeu, com a voz rouca.

Hermione olhou de um para o outro com um sinal negativo na expressão. Controlou-se de um impulso de lhes dar um verdadeiro discurso sobre o que é mais importante, xadrez, almoço, ou deveres; apenas murmurou, sarcástica:

- Grande novidade. - e saiu batendo os pés.

Rony olhou para Harry, indignado.

- Ela tem que decidir... - mas Harry rapidamente o cortou, continuando a frase.

- ...o que é prioridade. - e riu, acompanhado pelo ruivo.

Rony parou de rir, e sua expressão antes animada e sorridente se transformara em medo de estar envelhecendo rápido demais; deixava isso transparecer ao tocar nos cabelos ruivos, tentando jogá-los para trás como antigamente jogava.

- É... faz tempo. - Harry murmurou, afundando as mãos nos cabelos negros, optando por falar, invéz de deixar o ruivo fazê-lo.

- Lembra quando você me acordou no meio da noite, só pra falar que foi o Hagrid que tinha aberto a Câmara Secreta? - Rony lembrou-se, com um sorriso curto e cansado nos lábios.

- E quando você e a Mione quase começaram a discutir por causa da palavra "imortal"... - ele revidou.

Faziam tantos anos que eram amigos! E, como andavam dizendo, verdadeiros amigos. Amigos inseparáveis e indiscutíveis. Apesar das brigas e das diferenças, sempre eram amigos e nunca mudariam isso.

- Am... e aquela vez que você levou uma azaração do Malfoy e saiu derrapando uns quatro metros... no quinto ano, acho. - Rony retrucou, suspirando lentamente.

- E quando você me disse que a Hermione não tinha amigas e ela escutou? - Harry observou, pensativo, cruzando os braços para aquecê-los - ela sumiu o dia todo, lembra-se?

- É - disse uma voz conhecida descendo as escadas - derrotaram um trasgo por causa disso. - Hermione sorria e tinha um livro grande e pesado nos braços.

Optaram pelo silêncio enquanto ela caminhava rapidamente até o lado de Harry. Seus olhos brilhavam intensa e emocionadamente. Era encantador ter aqueles dois por perto sempre que precisasse, a todos os intantes, mesmo que não quisesse...

- Hoje tem quadribol? - mudou de assunto, esperando não sair do clima reconfortante que o assunto anterior criara.

- Acho que sim, a Minerva esperou Harry sair do coma e fazer a seleção do time e do Capitão de Time. - respondeu Rony, rapidamente.

- Então... - começou Hermione, mas Rony a cortou.

- Eu vou... ver onde Luna está.

Hermione e Harry acompanharam o ruivo afastar-se rapidamente, temendo ter segurado vela por tempo demais. Ambos se olharam e sorriram.





Algumas horas mais tarde, e a temperatura com certeza mais baixa, o quadribol terminava. Dumbledore se irritara com o frio intenso e fizera um campo de força em volta do castelo, aumentando a temperatura muito consideravelmente.

- Por hoje é só pessoal! - avisou a Professora Minerva.

As reclamações foram seguidas pelo time todo, enquanto desciam de suas vassouras que horas antes voaram cansada e rapidamente.

- Por hoje é só e sem discussões! - ela exclamou novamente, irritadiça e perigosa.

Harry subiu o gramado verde e limpo acompanhado por Rony, discutindo as novas técnicas que o capitão havia ensinado e tentando adivinhar quem seria o novo capitão, anunciado no próximo treino. Rony aguçou as vistas para algum lugar no topo do gramado, próximo à escola, e avisou, com um sorriso travesso:

- Olha lá, Harry! Sua namorada está com a Chang.

Harry olhou mais à frente: Cho falava algo coisa para Hermione, que estava com uma expressão de quem estava ouvindo as piores abobrinhas do mundo. Hermione, com expressão de impaciência, virou-se para ver se Harry já estava subindo. Quando o viu, foi descendo, deixando a japonesa falando sozinha e com a expressão mais indignada do mundo.

- Finalmente! - ela exclamou, enquanto enlaçava os dedos nos de Harry, dando-lhe um beijo rápido e carinhoso.

Cho fez uma expressão de quem tinha sido extremamente ofendida, e voltou à conversar com suas amigas, fingindo um assunto idiota e falso. Harry e Hermione de mãos dadas, e Rony, passavam fingindo que não viam a japonesa em um ataque de estresse descontando nas coitadas das amigas.

- Ei, Harry! Venha cá! - ouviu Cho gritar, quando tinha andado uma distância em que considerara não ser mais chamado por ela.

Olhou para Rony, que deu os ombros. Foi em direção à ela, sentindo os nervos saltarem dos pulsos como gafanhotos.

- Eu preciso falar com você. - ela disse cruzando os braços, irritadiça e arisca.

Harry sentiu o estômago dar um pulo, esquentando-se. Não havia algo mais importante a fazer? Desde que parara de namorar Cho, não a suportava mais! E ela conseguia sempre dar um geito terrível e idiota de acabar com seu namoro com todas suas ex!

- Fala. - imediatamente sobrepôs.

Cho fez uma expressão "na frente dos dois não", apontando com a cabeça para os amigos.

- Não vai falar? - quis saber, ignorando a ignorância da japonesa.

- Ok! - exclamou, derrotada, colocando os cabelos para trás da orelha - eu acho que você está andando muito com esses dois aí. - ela apontou para Rony e Hermione.

Os três olharam para ela, surpresos, depois riram. É... Cho não mudara nada nos últimos anos. Ninguém dava um sossega leão naquela garota, e ela estava precisando a aprender que ninguém era propriedade dela, e ninguém fazia o que ela queria; se suas amigas faziam, era porque eram exatamente como ela.

- Ah, é? - Harry perguntou, parando de rir.

- É. - ela ainda continuava com a expressão "eu sou mais velha eu mando".

- E quem disse que você controla com quem eu ando? - alfinetou.



N/A: O que você acha que vai acontecer? Dê sua opinião nos comentários.
edit¹: olahh.. esse demoro.. mas tha aee ^^

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.