FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

29. Die,Marianne


Fic: A Broken Heart and a Troubled Mind - reescrevendo


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Era muito familiar o lugar onde paramos.Aquele lago,a relva ao meu redor,a casa.Era a ... minha casa.A casa de campo onde passávamos as férias.Porque estávamos ali?Olhei para o lado,Liz estava caída,assim como eu.Tentei levantar-me mas fui impedida.


- Immobilus.Não quero que fuga,querida.Vamos nos divertir. – Ela olhou para Liz. – Immobilus!Certo,Annie? – Sorriu sarcástica.Meu cabelo havia voltado ao vermelho sangue como num passe de mágica.Não entendi muito bem,mas achei bom aquilo.


Fomos arrastadas até a sala,estava vazia,mas mesmo assim conseguia senti-los ali.Percy e Annabeth.A presença deles era forte,mesmo depois da morte.Marianne nos amarrou em cadeiras,uma de costas pra outra.


- Bem,como nenhuma vai dizer nada,vamos nos divertir a meu modo. – Ela apontou a varinha para Liz. – Primeiro você,priminha.Crucio!


Fechei os olhos,eu não queria ver Liz sendo torturada por Marianne,mesmo estando de costas para ela.Senti que ela se contorcia pelos sons da cadeira.Estava acordada,mas estava cansada da batalha com Marianne.Resistiu com força.Marianne interrompeu a Cruciatus e lançou-a novamente depois de 10 segundos.Liz agüentou outra vez.Marianne repetiu o processo,mas no fim desse,Liz desmaiou.


- Continua fraca. – Marianne sorriu e se voltou para mim. – Agora você,seja lá quem for.Crucio!


O processo foi o mesmo comigo,mas foi longo.Três Cruciatus e eu permaneci desperta,mas estava pálida de dor.


- Você é mais resistente que a Annie.Crucio!


Dessa vez ela intensificou a maldição.Soltei um grito ensurdecedor,Marianne se deliciou com o mesmo.Mas essa maldição me custou um plano.No fim daquela Cruciatus,meu cabelo voltou a ser laranja e meus olhos voltaram ao verde.


Aha,então são idênticas em tudo.Não é mesmo... – Ela levantou meu rosto com uma das mãos e olhou em meus olhos. – Annie. – Fiquei com uma expressão confusa. – Você tem os olhos do seu pai.O verde esmeralda que vi antes de matá-lo,aqueles olhos suplicando a morte.


- Não é verdade,ele lutou,minha mãe lutou.Você que é ... – Fui calada por um soco de Marianne,bem na boca do meu estomago.


- Agora,vejamos o que farei para te matar de vez.Que tal uma tortura? Não,já fiz isso,mais do que eu esperava.Acho que isso – Ela puxou uma faca das vestes. – Lembra querida? O sangue do seu precioso Peter está fresco na faca.E se olhar com atenção,ainda pode ver o sangue da sua mãezinha bem aqui. – Ela apontou para a ponta da faca.Sorriu demoníaca. – Que tal uma morte rápida,mas antes... – Ela cravou a faca em minha perna,tentei não gritar,não poderia dar se gosto a ela,mas foi impossível.


- Agora que está confortável,vou te matar.Nunca fui fã de laminas,então. – Ela jogou a faca longe. – Vamos na boa e velha bruxaria. – Apontou a varinha para mim,estava na hora,eu iria morrer e não havia nada para impedir,mas eu temia por meus amigos,pela minha família. - Avada Kedavra! – Mas o lampejo verde,outra vez,não atingiu-me.Algo caiu aos meus pés,deixando uma Marianne raivosa.


- Ro-Ronald.Não.Porque fez isso!SUA VADIA,PORQUE NÃO FICOU DANDO PRO SEU MACHO,HEIN MAL COMIDA. – Voltei minha atenção para aquele rosto tão conhecido e tão querido por mim.


- Minha senhora,era necessário.Sua vida vale mais que a minha,mesmo que não precisasse de proteção,não desse tipo,mas eu não deixaria isso acontecer.Zeus me mandou,pra proteger vocês,as filhas do Olimpo,vocês tem que... – Mas seus olhos se fecharam antes da frase ser terminada. – Vi que no instante que ele caiu,soltou as cordas que nos prendiam,foi um movimento rápido e imperceptível.


- Idiota,eu nunca gostei desse trouxa.Ele sabia demais,ele não... Idiota como o Peter,mas vamos ao que importa. Seja quem for essa garota,irá morrer com você,fraca. – Ela apontou a varinha para Liz,mas eu já tinha outro plano em mente.”Que os deuses estejam a meu favor”.


Empurrei meu corpo para trás fazendo com que Liz caísse da cadeira e escapasse do feitiço de Marianne.Me levantei,com poucas forças,e corri para fora.Logicamente Marianne não iria ficar lá,ela me seguiu.Eu tinha um alvo naquele momento,algo que me ajudaria a recuperar-me:o lago.


Corri com toda a força que tinha,meus passos estavam pesados por conta do corpo cansado,mas não parei.Quando cheguei a margem,joguei-me com tudo dentro da água.E o alivio foi imediato,ferimentos curados,dor removida e energia recarregada.


- VOLTE AQUI SUA PIRRALHA,SEU PAI OLIMPIANO NÃO ESTÁ A SEU FAVOR,OS DEUSES NÃO ESTÃO A SEU FAVOR,É O MEU MOMENTO! – Observei tudo de dentro do lago e com uma coragem que só Zeus sabe,sai e a encarei,com as roupas totalmente secas.


- Está bem,quer lutar?Vamos lutar. – Tirei o casaco que usava,ficando apenas com uma blusa regata roxa,como o gorro em minha cabeça.Rasguei as pernas das calças e fiz um short.Peguei a espada e empunhei-a na direção de Marianne. – Venha,ou vai fugir correndo pro seu namoradinho?


Marianne fez o primeiro ataque,usando a espada de meu pai,uma das coisas que eu recuperaria naquele dia.Desviei-o com a minha espada,mas caí no chão. Sim,eu era uma inútil aos 14 anos,um verdadeiro coco de pum.Mas não era com a força que eu esperava vencer Marianne,eu tinha outro plano.Já contei que os planos vem com uma rapidez incrível na minha mente?Já devem ter notado isso.


Marianne atacou mais uma vez,e mais uma,e outra.Foram muitas vezes.Mas não estava sendo o suficiente.Eu precisava cansá-la.Era minha única saída,mas não estava dando certo.Outro plano,mas com a força bruta a meu favor.”Chega de recuar,chega de ser fraca e ficar só na lógica,é hora da batalha.”


Corri na direção de Marianne,golpe eia com a espada,mas quando ela bloqueou meu ataque,dei um chute em sua perna direita.Ela se desequilibrou um pouco,mas me atacou de volta.Usou a espada e me fez um corte na bochecha direita,depois com a parte coberta por couro de dragão da espada,deu um golpe em minha barriga.Caí no chão,a espada voou longe,mas eu tentei agarrá-la.Marianne pisou em meu braço,com a espada quase em minha garganta.


Fechei os olhos e me concentrei no lago.Por sorte,foi mais rápido do que o esperado.Um jato forte foi em direção de Marianne,empurrando-a para longe,dando-me tempo para pensar em como cansá-la.Eu sei que era algo fácil,mas para mim era um desafio.Eu só havia lutado com aquele monstro na floresta proibida porque não tive escolha.Mas os movimentos vieram de ímpeto,porque agora era diferente?


Parei de pensar em cansá-la,parei de pensar em plano,simplesmente desliguei meus pensamentos e agi por instinto.


- Você não deve pensar,os planos falham,seu adversário pode até usá-los contra você.Ache um ponto de fraqueza,ache uma brecha na sua guarda e ataque.- Disse o homem dos olhos verdes.


Ataquei duas vezes seguidas as pernas de Marianne,mas ela bloqueou.Ataquei os braços,o peito,mas nada.Até que lembrei-me que eu poderia usar o ponto cego de Marianne.Deixei que ela me atacasse,e comecei a pensar nos golpes dela.Eram rápidos e ágeis,mas nunca eram fora do eixo.Era isso,o equilíbrio do corpo dela era fraco.Se eu a derrubasse,estaria em vantagem.


Voltei a atacar,mas dessa vez concentrei minha força no meio da lamina da espada.Ela se desequilibrou para a esquerda,ataquei-a novamente,dessa vez com a força concentrada na parte de baixo da espada.Espada entrelaçadas.Ótimo Annie,você é muito inteligente.Com a mão livre,empurrei minha espada contra a dela,ela se libertou de minha espada,mas quando foi me atacar,dei um chute em seu peito.Isso fez com que Marianne perdesse a posição de batalha que ela ostentava e cair no chão.A espada voou longe e eu sorri apontando minha espada para sua garganta.


- Você venceu,agora mate-me.


- Venci,mas você deve esperar.Sabe,planejei sua morte por anos,mas nada funcionou,então farei a meu modo. – Abaixei-me e tirei da meia uma espada.Uma longa,brilhante e feita de prata com muitos detalhes pela lamina. – Lembra disso,Mari?É espada que minha mãe usava,a mesma que você usou para matá-la.É a ultima coisa que verá.


- Você não tem coragem,você é fraca,não consegue,não vai me matar. – Ela ria com sarcasmo,mas eu já esperava isso de Marianne.


- Tem razão,eu sou fraca.Sou muito fraca,mas você é mais.Você é tola em acreditar que me venceria.Não ouse chegar perto das pessoas que eu amo,isso pode acontecer.Mas você já estará morta quando Adam morrer.Quando ele cair.


- Annie,vamos pensar,você pode se juntar a nos,você pode ser forte,podemos lhe dar poder,vingança,tudo.


- Não. – Foi quando levantei a espada e acabei com tudo.Cravei-a em seu peito,naquele coração de pedra,frio,incapaz.


Foi quando desmoronei,foi quando fiquei ali,deitada na relva,na grama fresca e molhada,que brilhava a luz do sol.Era quente naquela casa,sempre fazia sol.Nunca choveu uma gota.Eu contemplei as nuvens,como fazia com meu pai depois do treinamento.E fechei os olhos.


 

E aí? O que acharam,que tal uma nova fic,sobre o que acontece com a Annie depois dessa porra toda? Comentem e digam o que pensam. Besos :*

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Lih Sponge em 06/12/2011

Me gusta this idea.

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.