FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

23. Baile I: Parte II.


Fic: Garota Malvada


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Eles não sabem..

Eles não podem ver,

Quem nós somos!

O medo é o inimigo..

Abrace-me firmemente...

Me abrace,

Porque nesta noite...
(All About You)




N/A: Povinho, não sei o que dizer, mas acho que o capitulo anterior deu uns 3 capitulos antigos meu.Cara, eu me superei, deu muito mais do que eu imaginava.Espero que não tenham pulado nenhuma parte.Hehe.

Espero que gostem desse capitulo pois vai ser todo só do baile.E aproveitem muito pois aposto que estão me chamando de anormal por ter feito a Patricia ser o centro das atenções, mas tenho meus motivos pessoal.Prestem atenção pois o capitulo anterior e esse revelam muitas coisas...

Prestem atenção e curtam o capitulo okay?

Bjks e nos falamos novamente no final do cap...




[...] Quem seria, o que iria acontecer e qual seria o mistério, era a única coisa que todos queriam saber naquele momento.

Nem Patricia parecia mais tão importante assim.

A pessoa que estava parada em frente a porta começou a andar com passos lentos em direção ao piano.

Realmente não dava pra ver quem era, pois com as luzes apagadas e só os flashs azuis indo de lá pra cá, era totalmente impossivel identificar algo ou alguém.

-Ascendam as luzes...-Dumbledore pediu com um sorriso fraco nos lábios.Ele parecia bastante cansado.

Harry prendeu a respiração.Só podia ser Gina.Era ela e podia sentir a presença dela lá.Sorriu para o nada, esperando ancioso que as luzes se ascendessem.

Agora sentia coisas muito mais estranhas.Uma parte de sua mente gritava por Patricia, enquanto a outra por Gina.Mas tinha a leve impressão de que Gina era muito mais importante, e mesmo estando meio abobado com a beleza da loira, Gina ainda não saia de sua mente.

As luzes se ascenderam.

-Ohhh...-O salão inteiro murmurou ao ver a ruiva com os cabelos presos no mesmo rabo-de-cavalo costumeiro de sempre e com o uniforme enorme de Hogwarts.A saia, a camisa, a gravata e o sobretudo.Tudo completinho.

Harry arregalou os olhos.Sentia que mesmo ela estando como sempre foi, era muito mais especial que Patricia...Muito mais...

-Gina?-Fred, Jorge e Rony perguntaram em voz alta.

A ruivinha sorriu e subiu no pequeno palco, indo sentar-se no piano.

Dumbledore sorriu pra todos e foi até seu lugar, sentando-se também, sem desgrudar os olhos de Patricia, que parecia abismada com o que acontecia.

-Gina, o que está acontecendo?-Harry perguntou em voz baixa, sentando-se no banquinho ao lado da ruiva.

Ambos estavam olhando para a Hogwarts inteira, que pareciam não entender mais nada.

-O que significa isso?-Patricia perguntou em voz alta, com as mãos na cintura.

O murmurinho tomou conta do Salão.

Dumbledore voltou a levantar-se, agora com cara de mal humor e fez com um gesto rispido das mãos, que todo o salão se calasse.

-Pedi silêncio Srta Jordan.Espero que respeite...E se não ouviu no primeiro pedido, espero que tenha ouvido agora!-Dumbledore disse lentamente, voltando-se a se sentar.

A loira cerrou os olhos e olhou com odio para o diretor.

Quem aquele velho achava que era?

-Gina eu não posso...-Harry falou lentamente, olhando para Patricia.

A ruiva estalou os dedose virou-se para fitá-lo, encarando-o bem nos olhos verdes, que brilharam ao encontro com os seus azuis.

-Faça o que bem entender...-Ela disse virando-se para todos.-A escolha é sua.-E dizendo as ultimas palavras começou a tocar a melodia triste no piano.

Harry olhou dela para Patricia.O que iria fazer?Queria Gina!Somente ela...!Mas alguma coisa o impedia.Era como que se sua memória não existisse mais.Teria que resistir pra depois entender o que estava acontecendo consigo.

A ruiva tocava calmamente e todo salão parecia sair de um transe profundo.Olharam-se assustados e sorriram ao ouvir a música, que acalmava tudo.

Os olhos violeta de Patricia brilharam em puro ódio, chegando quase a um vermelho carne.

Você não vai falhar...

Não pode falhar... Escuta... Se errar, será a pior vergonha...

Ela é uma pobre coitada... E você a própria realeza...

Não pode falhar... Não vai perder!


A loira pensava sentindo o coração acelerar.Droga...!Mil vezes Droga!Não iria perder.Estava a frente de todos.Era melhor que qualquer um ali.E Harry merecia somente a si!!!

Gina parou de tocar e respirou fundo, levando ar aos pulmões e os prendendo lá.

- Hey now, hey now... -Respirou fundo.O Salão permanecia em silencio. -Hey now, Hey now... -Dumbledore sorriu e Harry fechou os olhos fortemente.

A ruiva sorriu para todos e olhou para Harry.Se o babaca desistisse, teria de cantar sozinha.Mas não fazia diferença...!Já estava mais do que acostumada a se virar sozinha.

-Potter...-Falou rispida.

Harry abriu os olhos.Já estava de saco cheio do 'Potter' dela...!Se chamava Harry e ponto.

Olhou para ela, depois para Patricia.

Era uma escolha? -pensou alarmado-.

Patricia sorriu de forma doce.Okay...Era ela...

Deu impulso pra se levantar quando Gina começou a tocar a música de uma forma mais segura.Ela sabia o que queria.Não era uma idiota confusa como se próprio.Nunca deixaria Gina sozinha.E não seria Patricia nem ninguém.

Okay...O Potter escolheu a Patricia!!!Mas o que estava acontecendo?Porque aquele clima de escolha?Não estava tudo certo?Ele não tinha dito que com ela ele podia tudo?

Mas que droga!Porque aquela loira ridicula sempre tinha que estragar tudo?

Respirou fundo.Iria cantar sozinha.

E quando estava pronta para cantar a parte de Harry, ele sorriu e voltou a sentar-se.

-Have you ever seen such a beautiful night... -Yeah, ele havia cantando!Harry não tinha a deixado sozinha.Se antes o amava muito, agora muito mais.

O Salão inteiro aplaudio e começou a assoviar.

Era lindo!Todos sorriam felizes e olhavam atentos.Eles estavam gostando do que viam!Isso era perfeito...De mais!

Sorriu radiante para Harry.Seria capaz de beijá-lo naquele momento.

Pelo menos uma vez na vida ele se mostrara capaz e não voltara atrás!!

Piscou positivamente para ele, ainda tocando a melodia.O Salão ainda aplaudia, mas quando voltou a cantar, todos ficaram em silencio.

-I cold almost kiss the star, for shining so bright. -Cantou por sua vez.Com a voz perfeitamente afinada, que ecoou pelo salão inteiro, que estava silêncioso.

Algumas meninas abraçaram seus pares, enquanto os namorados se beijavam de forma apaixonados.

Devia sentir inveja do amor que os enamorados mostravam naquele momento?Ou devia apenas se conformar com o que podia possuir?

-When I see you smiling, i go, oh, oh, oh! -O moreno voltou a cantar com a voz de príncipe encantado.

Se antes as garotas já eram apaixonadas por Harry, agora seriam idolatras dele.O rapaz parecia um verdadeiro Deus Grego.Era perfeito!E com aquela voz sedutora e mirabolante.Seria capaz de ter qualquer garota aos seus pés.

Agora Patricia era o que menos importava naquele Salão.Ninguém se lembrava mais dela.

Harry arfou o peito e sorriu feliz.Dumbledore estava certo!Ele mesmo estava certo.Gina era a pessoa que sempre esperou.Independente de ser linda, sedutora ou sejá lá qualquer outra coisa.

Ela era meiga, gentil, carinhosa, perfeita!!!

E o que sentia por ela naquele momento, era uma felicidade tão grande, que mal cabia no seu ser.Se pudesse, beijaria ela ali mesmo, até a sua ruivinha ficar sem ar.

Aquela carinha de anjo, era muito mais que isso!Era sua Gina, seu anjo, sua vida, seu sol, sua razão.

Naquele instante percebeu que somente ela naquele momento seria capaz de fazê-lo feliz.E se perdesse ela, sua vida não teria sentido.

Como acordar sabendo que não veria ela?Como sorrir, sabendo que ela não seria o motivo?Como viver, sabendo que ela não seria sua vida?

Nunca imaginou que pudesse sentir aquilo por alguma garota.Era um sentimento estranho, que muitas vezes se perguntava se era mesmo o Harry Potter.Perguntava-se como e quando começou a amar tanto aquela ruiva?Seria des do momento que a vira?

Só podia, pois quando viu Gina no seu segundo ano em Hogwarts na Câmara Secreta, sentiu uma força tão grande, que fora capaz de lutar com Tom Riddelle até conseguir vencê-lo, e mesmo que não percebera antes, naquele momento estava provado que amava a ruiva, e escolheria a vida dela em vez da sua.

-I wold never want to miss this, cause in my heart i know what this is... - Ela cantou, parando para respirar e continuando com o belo tom amoroso.

-This is what dreams are made of...This is what dreams are made of...!I've got somewhere i belong!I've got somebody to love...!This is what Dreams...Are made of! -Terminaram em coro, o que fez o salão se encher de aplausos novamente.

Dumbledore sorriu satisfeito, e os outros professores pareceram já começar a entender tudo o que estava acontencendo.Apenas os professores...

-Have you ever wonderes, what life is about. -Prosseguiu, fazendo Harry sorrir e continuar com a letra.

Estava saindo bem do jeitinho que imaginara.Até melhor.

Mesmo achando que o moreno desistiria, estava adorando aquele projeto feito por sua mente brilhante. -gabou-se-.

-You cold search the word and never figured it out! -Harry cantou, voltando-se para si com um sorriso perfeito nos lábios e com os olhos verde jade brilhando de uma forma diferente, como nunca os vira brilhar.

You don't have to sail the oceans...No, no, no! .-Parou para que ambos pudessem continuar juntos. -Happiness is no mystery.It's here and now, it's you and me....!...This is wat dreams are made of...Open you eyes (This is what dreams are made of)...Shout to the sky...(This is what dreams are made of)...When i see you smilling, i go, oh, oh, oh...!Yesterday, my life was duller...Now everyting techinicolor! -Pararam e o Salão aplaudiu.

Ainda não tinha acabado.Sorriram um para o outro e cotinuaram com o finalzinho, para encerrar a música.

-Hey now, hey now...This is what dreams...This is what dreams...This is what dreams...ARE MADE OF! -Encerraram.

Os aplauso foram muito altos, bem mais altos que os anteriores.Tinha alunos que até pulavam para fazer mais barulho.

Certo!Estava muito feliz.Seu projeto havia sido um sucesso e amava Harry de mais...

Levantaram-se e bateram palmas junto de todos.Era legal e bem vinda a humildade.

Olhou para Harry, que sorriu, mostrando que também estava muito feliz com o sucesso deles.

-Parabéns...Potter...-Disse irônica e sorrindo.

-Igualmente Weasley!-Ele disse da mesma maneira, rindo radiante para a ruiva.

-Ah, deixa de ser chato Harry...-Falou abraçando-o fortemente, o que fez os aplausos e os assovios somente aumentarem.

A felicidade era imensa naquele momento.Talvez fosse a hora certa de dizer para aquela ruiva que a amava não é?

Sim.O que ela iria fazer já não sabia, mas sentia naquele abraço que o que sentiam não podia ser apenas uma amizade ou colegismo.A não ser que sua felicidade fose tão grande que estivese até imaginando coisas...

-Gina, eu preciso dizer uma coisa...-Falou ainda abraçado com ela.

-Pode dizer Harry!-Ela falou soltando-se do abraço e fitando-o de maneira intrigada e doce.

-Eu te...

As portas do Salão foram abertas novamente, interrompendo Harry, que virou-se para ver quem era.

Droga!Novamente fora interrompido.Só queria ver quem era o miserável.

Gina virou-se para ver também e se surpreendeu com o que viu.

Edw entrou com os cabelos totalmente molhados caindo no rosto, de uma forma sexy e obsesiva.Ele olhou para Gina e sorriu.

As meninas arregalaram os olhos e algumas ousadas até assoviaram e gritaram algo como 'lindo'!

-O que ele...-Harry começou, mas Gina colocou os dedos nos lábios do moreno, indicando para que ele não dissesse nada.

-Harry eu tenho que ir...!O Edw e eu estamos juntos...-Ela disse baixinho.

-Como?-O moreno arregalou os olhos.-Estão juntos?

-No baile...-Ela disse sorrindo e notando que ele levara no duplo sentido.

-Hum...-Harry murmurou.-Tá bom.

-Valeu...Pensei que você ia me deixar cantando sozinha.-Falou pondo uma mão no ombro dele.

-Eu também...-Ele murmurou.

-Ahn?-Assustou-se.

-Esquece...-Harry falou descendo do palco e indo em direção a mesa onde Rony e Hermione se encontravam.

A ruiva ainda olhou uma ultima vez para ele e desceu do palco, antes de virar-se para trás e sorrir positivamente para Dumbledore, que piscou discretamente.

-Gina, posso tirar uma foto?-Colin perguntou barrando seu caminho.

-Me dá lisença?-Edw perguntou pegando nas mãos de Gina e sorrindo carinhoso.

-Posso tirar uma foto de vocês dois?-Ele perguntou alargando ainda mais o sorriso.

-Só dela...-Edw se afatou de Gina que sorriu enterrogativa.

-Valeu...-Colin murmurou antes de bater duas fotos e sair rapidamente em direção a mesa de Harry.

-Você está lindo...-A ruiva murmurou olhando Edw de cima a baixo.

-Valeu, você também.

-Eu?-Ela gargalhou com vontade.-Aposto que está morrendo de raiva de mim por eu não ter usado o vestido que me deu.-Suspirou.

-Você deve ter seus motivos...-Ele falou dando de ombros.-Vamos nos sentar ali com o Fred e a Nicolly?

Gina assentiu com a cabeça e foi sentar-se.

-Gina querida, arrasou viu!-Nick falou sorrindo ao vê-los sentando nas duas cadeiras vazias que havia na mesa que escolhera para sentar-se com Fred.

-Obrigada Nick...-Disse roendo discretamente uma unha.Sempre tivera essa mania chata.

-Er...Porque não nos disse que ia cantar com o Harry?-Fred perguntou sério.

-Era surpresa!-Respondeu sem dar atenção.

O ruivo torceu o nariz e olhou desconfiado.

-Vamos dançar Fred?-Nicolly perguntou suspirando.

-Dançar?-Ele perguntou alarmado.-Com você?

-Porque hein?-A namorada perguntou indignada.

-Tá bom!Mas não reclame se eu pisar umas vinte vezes no seu pezinho.

Nick arregalou os olhos, mas já era tarde, Fred já havia puxando-para o meio da pista.

Ficou em silêncio.Edw olhava tudo ao redor.Parecia achar interessante.

-Er, bonita a decoração não acha?-Perguntou para cortar o silêncio.

-Bonita...-Ele disse passando a mão pelos cabelos.

-Ficou chateado porque eu cantei com o Harry?-Mordeu o lábio inferior.

-Não!-Ele respondeu simplesmente.

-Você parece frio...-Voltou a falar, agora um pouco preocupada.

-Desculpa, é que eu nunca me dei bem com bailes.Acho eles chatos!

-Hum...Todas meninas estão olhando pra você!Não desgrudam os olhos...-Gina falou fingindo ciúmes, no que Edw riu.

-A metade, pois as outras olham para o Potter!

Gina abaixou o olhar.

-Gina...-Edw começou um pouco animado, mas foi enterrompido novamente pela porta do Salão Principal abrindo-se.

Será que essa porta nunca ia parar de abrir? -pensou mal humorada-.

-Quem será agora?-Perguntou entediada, o que fez Edw rir.

Era Cassandra!Ela estava super gótica.Usava um vestido preto colado até as coxas, que depois caia até os pés que tinham uma sandália da mesma cor.Os olhos com uma forte camada de lápis preto e os cabelos presos em uma coque que deixava fios de cabelo caidos sobre o rosto.Estava muito linda.Estilo Halloween perfeito.

Ela parou na metade do caminho e olhou para trás.Entrava um loiro de sobretudo e com os cabelos pra trás.

-Uau...-Gina falou por instinto.

Edw olhou rapidamente, o que a fez corar.

-Draco, você é lindo...-Pansy e outras garotas da Sonserina gritaram ao vê-lo entrar.

O loiro sorriu convencido.

-Eu sei...-Ele falou rapidamente e em bom tom.

-É lindo mas já tem dona!-Cassandra disse rapidamente segurando no braço dele, que arregalou so olhos.

-Desde quando?-Ele perguntou alarmado.

-De agora...-A morena sorriu e arrastou-o até uma mesa no final do Salão, para sentarem-se.

-Posso saber desde quando você tirou o direito de dizer que é minha dona?-Ele perguntou sorrindo para uma loira, que mandava beijos de lonje.

Cassandra cerrou os olhos e fez um gesto obseno para a menina, que virou-se para o outro lado rapidamente.

-Desde quando eu te aluguei pra ser meu cachorrinho...-Ela falou irônica.

-Cachorrinho é a...

-Olha, cuidado com o que você fala Draco!-Ela cortou-o rispida.

-Não sei onde eu estava com a cabeça quando eu descidi vir ao baile com você...-Ele murmurou inconformado.

-A cabeça eu não sei, mas os olhos...-Ela disse irônica.-Eu sei que sou linda e irresistível!

-E eu, amigo do Potter...-Ele disse rindo sarcástico.

-Olha aqui Malfoy, se for pra você ficar me tirando do sério...-Ela começou levantando-se e olhando para vários garotos que sorriam para si.-Eu vou dançar com alguem deles...

Draco ergueu uma sobrancelha.

-Você não prefere ir para o meu quarto?-Ele perguntou de forma grossa.

-Repete o que você disse e tenha certeza que de hoje você não passa...-Falou cerrando os dentes.

O loiro levantou-se e ficou de frente pra ela.

-Nossa, que reação agressiva...-Ele disse segurando-a pela cintura.

-E por favor, me larga!

-Não...-Ele falou em meio a um suspiro, dando um celinho nela, que cerrou os olhos.

-Não sabe fazer direito?-Segurou-o pela cabeça e deu um beijo ardente, que fez as fãns do loiro suspiraram em derrota.




Rony apertou os olhos e olhou para Hermione de forma mal humorada.

-Eu tenho que falar com a Gina já que o Harry não me responde...

-Rony, deixa de ser entrometido!-A namorada pediu olhando alarmada para Harry, que suspirou.

-Tá bom Rony!Pergunta...-O moreno pediu entediado.

-Antes de ontem, quando você entrou no quarto com cara de apaixonado, de onde você vinha?-Ele perguntou rispido e cerrando os punhos.

-Porque você quer saber disso hein Rony?-Harry perguntou tentando disfarçar o nervosismo.Rony estava desconfiando dele com quem?Só poderia ser com Gina, pois se não ele nem estaria perguntando.

-Curiosidade...-Ele murmurou com os dentes cerrados, o que fez estremecer...

-Er...

-Alunos, um minuto da atenção de vocês...-Dumbledore chamou.

O moreno suspirou aliviado.Salvo pelo gongo.

Rony bufou e virou-se para o diretor.

-Aqui está uma urna onde vocês deverão depositar o voto de vocês nas meninas e meninos que devem ser o rei e rainha de Hogwarts.Ou seja, os representantes de vocês até o ano que vem!-O diretor começou, fazendo todos sorrirem exitados.-Devo lembrá-los que não se pode votar em si próprio, e os meninos votam nas meninas e as meninas nos meninos.

-Tá bom diretor...Já entedemos...Agora põe a musica ai...-Fred gritou, o que fez Nick corar.

Dumbledore sorriu e fez um gesto para a música continuar.

-Harry...-Rony começou.

Ele não tinha desistido?

-O que?-O moreno perguntou entediado.

-Vamos colocar nossos votos?-Ele perguntou sorrindo.

Harry suspirou aliviado.

-Vamos lá...-Disse lentamente.

-Vou com vocês...!-Herminoe levantou-se e segiu eles até a urna.

Pegaram um pedacinho de papel.

-Você vai votar em quem Rony?-Hermione perguntou com a sobrancelha serguida.

-Na Lavander...-Ele disse dando de ombros.

-O QUE?-Harry e Harmione perguntaram em coro.

-Em você né sua boba...-O ruivo murmurou rabiscando o nome Hermione num papel.

-Que susto...-Ela disse suspirando.

Harry riu e balançou negativamente a cabeça.

-Eu vou votar no Edw porque ele arrasou...-Hermione disse escrevendo discretamente Rony no papel e depositando na urna.

-Hermione!-Rony gritou inconformado.

Harry se segurou para não rir.

-É brincadeira Rony, eu votei no Harry...-Ela disse rindo.

-Como?-Ele já estava mais vermelho que um pimentão.

-Aff Rony, agora eu me vinguei..-Garalhou com vontade.-É lógico que eu votei em você seu bobo!

-Assim você fica viuva antes de se casar...-O ruivo brincou olhando da namorada para Harry que pegava um papelzinho também.

-E você Harry, vai votar em quem?-Hermione perguntou abraçando Rony pela cintura.

-É segredo...-Ele disse olhando para Rony.

-HARRY!-O ruivo gritou nervoso.-Pode dizer em quem você vai votar!!!

-Em você Rony...-Ele disse o mais sério possivel.

-Mas é só em meninas!-Rony indagou alarmado.

-Por isso mesmo!-O moreno respondeu gargalhando com vontade.

-Harry, meu namorado é muito homem...-Hermione contrpôs rindo também.

-Sou mesmo Harry e a Hermione que o diga.-Falou ficando vermelho.

-É brincadeira Rony...-Sorriu e rabiscou um nome no papel, jogando na urna.

Rony olhou atento e ergueu uma sobrancelha.

-Acha que me engana é?

-Te engano?Pirou Rony?-Sorriu e olhou para Hermione, que tinha o cenho franzido.

-Eu sei muito bem em quem você votou!-Falou rispido com cara de raiva.

-É?Em quem?-Sorriu envergonhado.

Será que Rony sabia mesmo?

-Você não tem vergonha na cara não?-O ruivo crispou os lábios.-Porque não admite logo?

Harry suspirou nervoso.Tá, ele adivinhou que votara em Gina.

-Tudo bem Rony...Mas é que ela merece.-Falou ficando vermelho.

-Merece?Além dela te chifrar, ela ainda merece? -Rony bufou.-Essa juventude dos dias de hoje...-Brincou.-Mas você que sabe.

-Aff Rony, eu não votei na Patricia.-Bufou e deu de ombros.

-Votou em quem?-Hermione perguntou sorrindo.

-Gina, er, na.-Falou rapidamente, atrapalhando-se.

-Como?-Hermione e o ruivo perguntaram em coro.

-Na Gina!-Suspirou e disse lentamente.

-Na minha irmã?-O ruivo arregalou os olhos.-Porque?

-Eu não sei...-Harry disse antes de ser interrompido por alguém.

-Harry, posso falar com você?

Olhou pra trás e se deparou com Patricia o fitando.Ela estava perfeita naquela noite, e toda vez que olhava bem nos olhos dela, sentia algo estranho, como uma vontade de possui-la.

-Er, pode.-Respondeu um pouco abobado.

-Vamos lá nos jardins?-Sorriu meiga.

Odiava bancar a santa, mas se era daquela maneira que teria que ter Harry...Tudo bem!

Assentiu com a cabeça e seguiu a loira, saindo do Salão Principal e indo em direção aos jardins, deixando Rony e Hermione indignados pra trás.




-Onde você vai Edw?-Perguntou olhando o moreno se levantar rapidamente da cadeira.

-Votar em você...-Ele disse rapidamente, olhando para trás.

-Em mim?-A ruiva arregalou os olhos.Juntamente nela?

-Sim.Porque, algum problema?-O moreno peruntou jogando o cabelo pra trás dos olhos.

-Não!Mas é que eu sou a menos indicada pra ganhar a coroa aqui...-Disse sem emoção.

-E o que isso tem haver?-Edw perguntou dando de ombros e indo em direção a urna.

Suspirou e havistou Draco e Cassandra sentados em uma mesa ao fundo do Salão.Ambos com feições emburradas.

Levantou-se foi até lá.Nem tinha os cumprimentado ainda.

-Oi Draco, oi Cassandra...-Falou sorrindo radiante.Como amava sorrir.

-Oi!-Ambos responderam em unissono com feição de emburrados.

-Qual o problema?-Perguntou cruzando os braços em frente do peito.

-Pergunta pra esse loiro aguado...-Cassandra respondeu bufando.

A ruiva gargalhou com vontade.Eles eram realmente estranhos.

-Pera, uma hora vocês estão se beijando, em outra já querem morrer...Putz, ninguém os entende...-Falou irônica em meio a risadas.

Draco riu de forma sarcástica.Ele sempre achava graça em tudo.

-Ela me agarrou...-Ele disse levantando-se.

-Repete, sua cobra albina!-Falou nervosa, levantando-se também.

A ruiva riu.Nossa, cobra albina foi ilário. -pensou divertida.-

-Você me agarrou...E eu adorei...-O loiro repetiu com uma sobrancelha erguida.

-Gina, pelo amor de Merlin, tira esse projeto de homem da minha frente, antes que ele saia sem o objeto de honra dele, ai nem projeto ele vai ser...!-A morena gritou, segurando em uma mão da ruiva.

-Wow...Que meda...-Draco disse mandando um beijo no ar, para a morena, que bufou estressada.

-Er...Draco...-A ruiva começou nervosa.

-Vamos dançar Virginia?-Ele pediu estendendo uma mão para a ruiva, que suspirou aliviada.

-Vamos lá...-Segurou nas mãos dele, que a puxou para a pista de dança, onde tocava uma musica lenta.

Passou suas mãos pelo pescoço dele, que estava muito gelado.Ele passou as mãos por sua cintura, pressionando-a contra seu corpo másculo.Cara, aquele garoto tinha um corpo...-suspirou e encostou seu rosto na curva do pescoço dele, que abaixou o rosto, onde deu pra sentir a respiração lenta do loiro-.

-Como você vai hein Virginia?-Ele perguntou lentamente e de uma maniera um tanto provocativa.

-Perfeitamente bem...E você?-Riu brevemente.Como achava engraçada a maneira que ele falava.

-Agora, muito melhor...-Falou suspirando, o que de certa forma, mesmo que sem querer, fez um arrepio serpentear o corpo da ruivinha.

-Como você é atrevido viu!-Murmurou esticando o pescoço para fitar o loiro.

-Mas é desse jeito que as mulheres me amam...-Ele deu um longo suspiro.-Concorda?

-Pior que não...-Riu com gosto.-É desse jeito que as fúteis te amam.-Falou após uma longa gargalhada.

-Nossa, assim você me deixa pra baixo...-Bufou.

-Como assim pra baixo?-Riu irônica e olhou para o ninho no meio das pernas do loiro.

-Fique sabendo ruiva, que nada deixa ele pra baixo.-Revirou os olhos.-Só mulher feia!

-Me avizasse antes...-Falou mal humorada.-Eu não sabia que até você era superficial.

-Cama Virginia!-Falou soltando Gina após a música terminar.

-Calma...Calma!-Falou ergueno os ombros.-Será que você não entende que odeio gente assim?

-Entendo Virginia...-Draco bufou.-Mas chega de mal humor okay?-Passou a mão sobre o rosto dela, que sorriu dando-se por vencida.-Escuta ruiva, vamos lá votar?

-Não participo dessas idiotices...-Respondeu cruzando os braços em frente ao peito.

-Mas eu ia votar em você.-Ele disse com a sobrancelha erguida.

-Vai ser o único.-Ironizou.

-Quem disse?-Ele segurou nos braços da ruiva.-Aposto que não tem melhor garota pra ganhar a coroa aqui.

-Aff Draco!-Riu baixinho.-Depois que viramos amigos, você ficou o maior puxa saco que já vi em minha vida...!Mas até que gosto de você!

-Isso é bom...-Ele disse dando de ombros.-Vou lá votar beleza?

-Por mim...-Respondeu beijando-o rapidamente na face corada.-Até mais.

-Espera!-Draco pediu, fazendo-a parar sem olhar para trás.-Eu quero falar com você depois.Podemos?

-Claro.Depois...-Concluiu voltando a andar em direção a mesa onde Edw já se encontrava sentado com umas quatro meninas ao seu lado.




-Aqui tá bom!-A loira murmurou parando junto de Harry.

-Er...Pode falar.-O moreno pediu engolindo em seco.O que diabos estava acontecendo consigo?

-Na verdade eu só queria perguntar uma coisinha...-Ela disse com a voz enjoada de sempre.-Sabe coração...A tempos que nós nem nos falamos direito, e na verdade...

-Sim?-Harry pediu que continuasse.Estava sentindo-se estranho, como se uma ventania turbulenta mechesse com seus sentimentos.

-Harry, eu ainda te amo.Acho que isso não é segredo pra ninguém...-Falou abaixando a cabeça.-Eu sei que errei muito com você.Também sei que fui muito imatura.Mas agora eu mudei meu amor!-Levantou o rosto de Harry para que pudessem se fitar.-Coração, eu quero deixar bem claro que se você me der apenas mais uma chance, eu não vou te decepsionar!Por nada nesse mundo...-Terminou lentamente, o que fez Harry ter que olhar para o chão.

O que sentia era como se algo ou alguém o obrigassem a sentir o que não queria.Era como a maldição Imperius !Tinha que fazer o que não desejava.
E ser forte não era exatamente a única coisa que bastava naquele momento.Pois aquela loira era como uma feitiçeira a qual estava encantado e não desejava sair daquele transe.

-Olha Patricia.Você não errou apenas uma vez!Errou muitas...

-Eu sei meu amor!-Falou colocando um dedo na boca dele em gesto de silêncio.-Mas eu promento...

-Escuta!-Harry pediu letamente.-Não quero que você me prometa nada.É muito estranho pra mim.-Sussurrou.-Estou sentindo coisas que nem eu mesmo entendo o porque.Mas tem algo mais forte que isso...E talvez eu possa te magoar e...

-Você só vai me magoar se disser não!-Falou com a voz chorossa.-Harry, a coisa que mais amo nesse mundo é você.E quando percebo que estou te perdendo só tenho vontade de morrer, coração...

-Será que você entende realmente o que é amor, Patricia?-Perguntou encolhendo os ombros.

-Se digo que te amo...-Respondeu tentando entender o que ele queria dizer.

-Então...Por favor, me deixe entrar!-Pediu dando um passo, ao qual Patricia o segurou pelas mãos.

-Coração, o que isso tem haver?

-Eu não te amo Patricia!-Falou com muita dificildade pois algo no seu inteiror o obrigava a dizer o contrário.

-Como não Harry?-Ela olhou alarmada.-Depois deu te dizer todas essas coisas você ainda vai me dar um fora?

-Não se trata de um fora, mas sim...

-Harry, eu quero você!Será que não entende?

-Patricia, eu só...

-NÃO!Não quero suas explicações.Será que não percebe que está me fazendo mal?-Uma lágrima correu pelo rosto da loira.-Eu estou me destruindo por causa de você.Eu me humilho por você Harry...

-Olha...-Ele começou lentamente.

-Por favor coração, não me deixa!Eu te amo e sei que me ama...Pra ficar com você eu beijaria seus pés todo dia.

-EU AMO A GINA!-Gritou nervoso.

Será que aquela garota não podia escutá-lo?

-O que?-Patricia perguntou lentamente.-Harry, você não está bem.

-Eu estou bem Patricia...-Falou entendendo tudo naquele momento.Era a hora de Patricia saber e deixá-lo em paz!Amava Gina e queria deixar bem claro pra ela.Independente do encanto dela praticamente obrigá-lo a dizer outra coisa, sabia que sua luz no fim do túneo era Gina!A garota que amava...!Sua garota!-Só você que não entendeu ainda que quem eu quero não é você...-Falou baixinho.

-Me diz porque?-Levantou as mãos para o céu.-O que ela tem melhor que eu?Eu sou muito mais linda que ela.Tenho mais qualidades...E...

-Ela me ensinou muitas coisas.-Respondeu sem se mecher.-Foi com ela que aprendi que a beleza externa não é a essencial.Ela é bela, e tem amor no coração...É isso que mais amo nela!Entende Patricia, que enquanto você estiver em meio a essa obcessão, nunca consiguirá uma vida de Paz.

-Minha vida só terá paz quando eu tiver você, amor!Harry, minha felicidade está nas suas mãos...Eu te amo.

-Primeiro, você não me ama, você é obsecada por mim!Segundo, sua felicidade está somente com você.Procure achá-la.E terceiro, é a última vez que peço pra não insistir sobre nós dois.

-Por favor Harry...-Pediu em meio as lágrimas.

-Escuta!Eu não quero te ver mal por minha culpa, mas se sua felicidade depende apenas do mundo estar nas suas mãos.Infelizmente eu vou ter que esquecer que você existe.

-Você disse que não tenho amor no coração?-Ela perguntou enchugando as lágrimas nas costas das mãos.

-Eu nem mencionei isso Patricia!Mas procure viver sua vida.Se você quiser...Podemos ser amigos!

-Não quero ser sua amiga Harry!Será que não entende?

-Tudo bem então...!Mas voltar a ficar com você eu não posso!-Terminou.

-Se você quiser, eu pinto meus cabelos de ruivo, uso lentes de contato azuis...!Começo a usar óculos...-Chorou mais ainda, embargando as palavras.-Tudo pra ficar com você...!Não me importo se terei que parecer a Weasley...Se eu tiver você.

-Percebe?-Harry perguntou lentmente.-Você está doente e precisa de tratamento...

-Doente por sua culpa!-Gritou nervosa.-Você me deixou assim...

-Então se previna de mim...!-Falou com as sobrancelhas erguidas.-Pra prevenir a doença, não se aproxime do causador.

-Então é um fora mesmo?-Suspirou bufando em tristeza.

-Se você considera isso...-Falou mordendo o lábio inferior.

-Okay Harry!-Engoliu em seco.-Mas antes, quero te lembrar que com a Weasley você só vai ter um bando de cunhados pobretões e um sogro doente por coisas trouxas.Tirando a sogra chata que vai ficar te chamando de filho.Ah, e você terá que sustentar todos, pois o dinheiro que eles ganham só dá pra comprar farinha pra comer com água.

Harry abaixou a cabeça e bufou.

-Não me interessa o que a Gina possui, e sim, o que ela é!Eu não amo as coisas dela...Mas sim...Ela!-Terminou dando nos calcanhares e começando a andar lentamente.

-Olha, você ainda vai dizer que me ama.Escreve isso...-A loira falou escutando os paços dele se distânciando.

-Espero que melhore..-Harry ainda disse antes de desaparecer na escuridão do jardim.




-Com licença...-Gina pediu olhando para as quatro garotas.-Primeiro, já tem dona, segundo, ela é muito ciúmenta, e terceiro, podem sair daqui!

As garotas arregalaram os olhos e sairam rapdiamente de lá.

-Nossa, você é brava viu!-Murmurou.-Mas me salvou.Aquelas meninas estavam pedindo pra mim tirar a camisa a mais de duas horas.

-Tirar a camisa?-A ruiva arregalou os olhos.-Mais que atrevidas!!!

-São maluquinhas...-Edw murmurou.

-Você não se interessa por nenhuma delas?

-Não me interesso por garotas fáceis.-Deixou bem claro.

-Então eu tenho chances?-Perguntou sarcástica.

-Se não amasse o Potter seria uma forte candidata.

Gina fechou a cara e ergueu uma sobrancelha.

-Precisava me lembrar do detalhe insignificante?-Perguntou encolhendo os ombros.

-Na verdade, faz tempo que eu queria de perguntar uma coisinha.-Edw deu de ombros.

-Só respondo se você me prometer que vai me respondeu uma também.

-É justo!-Edw murmurou rapidamente.-Okay.

-Então pode perguntar.-Gina pediu calma.

-Você e o Potter já se beijaram?-Ele sorriu maroto o que fez Gina quase morrer abismada.

-NÃO!-revirou os olhos.Okay!Tinha que ser sincera.-Já rolou um clima entre nós, mas sempre algo atrapalha ou eu volto atrás...-Falou como se isso fosse algo insignificante.

-Aff Gina!Eu realmente não te entendo.-O moreno murmurou.-Se você ama ele, porque não aproveita as oportunidades?

Gina torceu o nariz nervosa.

-Esquece!Agora é a minha pergunta.

-Diga...

-Já amou alguém?-Perguntou rapidamente.

Edw engoliu em seco.Era realmente isso que mais temia que a ruiva perguntasse.

-Er..Não quero falar nisso...

-Não é justo!-Falou cruzando os braços em frente ao peito.-Você sabe quase tudo da minha vida e eu nada da sua.

Edw bufou cansado.

Realmente não era justo e isso era fato.Teria que contar pra Gina pelo menos isso.Ela tinha o direito de saber, e já era digna da sua confiança.

-Tá bom!-Respondeu lentamente.-Acho que você tem o direito de saber disso...

Gina sorriu meiga.Mas é claro que tinha!

-Eu já amei demais...E pra não te enganar.Ainda amo muito...

A ruiva arregalou os olhos e suspirou alarmada.Sentia-se até honrada de estar ouvindo Edw se abrindo consigo.

-Ela estuda no meu antigo colégio!Foi exatamente por causa dela que sai de lá!-Falou mordendo o lábio inferior.

-Ela te magoou?-A ruiva perguntou cautelosa.

-Acho que me iludi de mais com ela.-Falou sorrindo.-Ela era diferente de todas que já conheci.-Abaixou o olhar de maneira triste.-O mundo pra ela era apenas um globo de enfeitar sala.Sempre fazia o que queria.

-Vocês chegaram a ter algo?-Gina perguntou tentando não parecer ousada ou indiscreta.

-Sim!Ela dizia que me amava...

-E o que ouve de errado então?-Gina perguntou confusa.-Não se amavam?

-Sim Gina...Mas ela era como um pássaro.Não conseguia ficar presa a ninguém.Se quer saber...Eu queria estar sempre ao lado dela, mas o maior problema começou depois de uma grande confusão que deu no colégio!

-Que confusão?

-Ela disse que me odiava por cauda de uma mentira que inventaram pra nos separar.

-Nossa!-Gina murmurou indignada.

-É!-Edw confirmou.-Uma grande confusão que terminou na nossa separação.-Concluiu bebendo um gole do suco de abóbora.-Falaram pra ele que eu apostei que iria conseguir ficar com ela.

Gina arregalou os olhos e suspirou ofegante.

-Apostou?Isso é alguma brincadeira?-Perguntou confusa.

-Pior que não!-Falou amargurado.-Porque acha que falei pra ouvir as explicações do Potter antes de jugá-lo.

Gina olhou abismada.Então estava ali algumas respostas para suas dúvidas.

-Era mentira mesmo?-Perguntou séria.

-Eu nuna seria capaz de fazer uma coisa dessas.-Murmurou um pouco ofendido.-Mas como todos, você duvidou de mim.

-Não Edw, eu acredito em você!-Falou lentamente se lembrando de Harry.

-Okay!-Edw suspirou indiferente.-Ela disse que odiava me ver e ter caido nos meus truques infântis e que se eu não saisse do colégio ela saía!

-Nossa...-Gina falou lentamente.-Então foi por isso que veio pra Hogwarts né?

O moreno assentiu com a cabeça.

-Sinto muito...-Murmurou sem saber o que dizer pra ele.-Qual o nome dela??

-Melissa...-Murmurou com amargura na voz.-Minha Mel...

Naquele momento teve que se segurar pra não desabar em lágrimas.Como era triste os assuntos do coração.E sabia que Edw escondia muitos segredos sobre sua vida!Da mesma maneira que Nicolly.

-Er...Gina, preciso te contar mais uma coisa?

-Sim?-Gina pediu que continuasse, sorrindo amigável.




A fila pra votação estava realmente muito grande, mas felizmente só tinha mais dois garotos a sua frente.Também...Já tinha ficado uns 15 minutos lá parado em pé como uma estátua.

-Vai votar em quem?-Um deles perguntou para o que estava a frente.

-Na Patricia!Ela está linda!-O outro respondeu depositando seu voto na urna.-E você?

-Na Gina!Ela é radiante.E tem uma bela voz!-Murmurou escrevendo o nome da ruiva no papel e saindo da fila, dando lugar pra Draco.

Ao contrário do que a ruiva pensara.Não fora o único a votar nela.
Achava aquela garota super especial e ela transmitia uma calma que só vendo mesmo.

Ela era a mais bela daquela Hogwarts e realmente tinha seus motivos para dizer aquilo.

Não achava aquilo dela por ser linda maravilhosa e exuberante vestida numa bela roupa com um grande par de seios entre outras coisas.Mas sim, por ela ser bela por dentro, e que marcava sua presença com um simples olhar, enfeitiçando aqueles que realmente esperam uma pessoa apaixonada.

Balançou a cabeça de um lado para o outro, esquencendo-se momentaneamente o que estava fazendo ali.

Rabiscou o nome dela no papel e depositou na urna.

Agora só tinha que aproveitar o baile, ao lado de...Cassandra?

Sorriu malicioso e se dirigiu para a mesa onde a garota conversava com duas amigas.



-Edw?-Chamou estalando os dedos em frente ao rosto do moreno que olhava nervoso para as mãos entrelaçadas.-Pode dizer.

-Sim.-Ele falou mordendo o lábio inferior.-Eu sou um bruxo diferente da maioria.

-Como assim?-A ruiva perguntou não entendendo mais nada daquela conversa.-Quero dizer, só porque você entende coisas que o resto não?

Edw balançou negativamente a cabeça.A ruiva ergueu uma sobrancelha.

Se antes já não entendia nada, agora, muito menos.

-Não entendi...-Falou inclinando lentamente o pescoço para o lado.

-Eu sou um...Er...-Gaguejou evitando olhar para Gina.

A ruiva olhou-o afundo nos olhos, na tentativa de o encorajar.

-Sou um metamorfomago! -Falou rapidamente.

Gina abriu várias vezes a boca sem conseguir dizer nada.

Como assim ele era um metamorfomago?Edw?Não dava pra acreditar!Se bem que no dia que foram comprar os vestidos, ele estava realmente simplesmente estranho.Uma hora aparecia com os olhos verdes e em outra azuis.

Sim!Edw era diferente, era um tipo raro como Tonks!Mas isso nem mudava o que sentia por ele.Um sentimento doce como se fossem irmão.E naquele momento amou ele mais ainda por tal ter confiado tanto em si.

-Você é um...-Gina parou de falar e olhou lentamente para os lados.-E porque não me disse isso antes?-Perguntou erguendo uma sobrancelha.

-Sou Gina, mas nem eu mesmo sei como lidar com esse tipo de dom !-Murmurou passando oa dedos eufóricos pelo cabelo.

-Mas eu posso te ajudar!!!-Concluiu segurando nas mãos do moreno.-Posso?

-De que maneira Gina?Eu nem posso controlar isso!

-Pode sim!E se quiser nós vamos falar com o Dumble...

-Não quero falar com ninguém Gina!-Ele disse de forma mal educada.-Eu só estou sem controle disso por causa dela!

-Dela?-Gina ergueu as sobrancelhas.-Da Melissa?

-É!-Falou bufando estressado.-Quando eu estava com ela eu tinha controle de todas as coisas, mas agora...-Riu brevemente.-Não sei nem quem sou!

-Edw...Vou parecer sentimental nesse momento, mas isso pouco me importa!Quer saber?Se for para vocês ficarem juntos, uma hora ou puitra ficarão.

-Vê como é estranho?-Edw riu.-Uma hora eu te digo isso e em outra você diz.

-É a lei da física!-Brincou, arrancando algumas risadas do amigo.

-Okay, mas pela lei da física, eu peço que vá se divertir!

-Vem comigo?-Gina pediu estendendo a mão.

-Vou pro quarto Gina.Preciso pensar em algumas coisas...!Eu nunca contei essas coisas pra ninguém e agora me sinto melhor.Acho que posso dormir agora!-Sussurrou bufando logo em seguida.

-Tem certeza?-Gina perguntou um pouco triste.

-Eu posso?-Ele sorriu malicioso.

-Se é isso que realmente precisa nesse momento!-Respondeu com calma.

Edw assentiu e levantou-se da forma rápida.

-Boa noite Gina, e valeu por me ouvir!-Falou segurando firme nas mãos da ruiva.

-Faleu por confiar em mim, isso sim!-Respondeu sorrindo radiante.

-E quem não confia na miss simpátia?

A ruiva balançou negativamente a cabeça, com um sorriso nos lábios.

-Seu bobo.

-Boa noite Gin...-Edw murmurou antes de sair lentamente do Salão.

Bem...Agora ficara sozinha no baile.

Suspirou e olhou ao redor.

Só havia casais dançando felizes como lunáticos e outros se amaçando em pleno baile á frente dos professores.

Amanhã seria o dia especial...E era o que mais esperava.Amanhã provaria para os outros e para si mesma de algo que nunca imaginou que seria capaz.

-Aff, até que em fim que o Edw deixou você sozinha!-A voz de sua melhor amiga soou a suas costas.

-Qual as intenções dele Gina?-Fred perguntou emburrado.

A ruiva riu com vontade.

-Casar com ele e ter 25 filhinhos!-Respondeu em meio as gargalhadas.

-Gina, eu vou te bater se continuar com essas graçinhas...-Fred balbuciou com os olhos arregalados.

Nick parou de rir e respirou fundo na tentativa de conseguir falar.

-Ia ser ilário...Metade ruivos e a outra morenos.

-Nicolly!-Fred a repreendeu indignado.

-Me desculpa Fred, mas que ai ser engraçado ia.-Falou abraçando o ruivo pela cintura.

-Aff Fred...É zuiera.O Edw é só meu amigo.Meu pretendente pra casar é o Draco!

O irmão começou a tossir sem parar e arregalou os olhos amedrontado.

-Um bando de branquelinhos fedidos...-Falou alarmado.-Para com essas brincadeirinhas bestas viu Virginia!-Ele falou cospindo as palavras.

-Com o Malfoy eu não apóio.-Nick murmurou balançando negativmaente a cabeça.

-Então eu simplesmente casarei com o primeiro que vier falar comigo apartir desse momento!-A ruiva brincou cruzando os braços em frente ao peito.

-Gina, posso falar com você?-Uma voz tensa e calma soou atrás de si.

Parou estática, enquanto Fred E Nick começavam a rir.

Era claro que era Harry e não podia acreditar, pois seu irmão e Nick iriam ficar tirando uma com a sua cara até umas horas...

Virou-se lentamente e fitou aqueles olhos verdes jade junto daquele sorriso sedutor e caloroso que ele possuia.

Talvez fosse só isso que amava em Harry, mas podia muitas vezes se perguntava como e porque ele só sorria e os olhos brilhavam daquela maneira para si?

Podia muito bem ser fruto da sua imaginação...Mas tinha certeza que sua mente não voava tão alto, e que Harry era muito estranho as vezes!

-Oi, Harry...-Balbuciou estalando rapidamente os dedos.

-Não se esquece do que você disse, viu...-Nick lembrou a ruiva antes de puxar Fred para o meio da pista de Dança novamente.

-O que você disse?-Harry perguntou curioso.

-Nada de interessante.-Mentiu dando de ombros.-Mas você disse que precisava falar comigo?

-Sim!-Concordou passando os dedos pelo cabelo.-Pode ser?

-Podê!Senta ai...-Pediu de forma educada tentando fitar os olhos verdes que...Aff, iria dizer tanto amava, mas isso já era regra!

-Bem, não é nada interessante.Eu só queria falar com você!-Sorriu sem jeito.

-Queria falar comigo?-Perguntou muito séria.-Agora eu que me lembrei que preciso te perguntar algo.

-Certo!Pode perguntar!-O moreno murmurou erguendo uma sobrancelha.

-É sobre a aposta!

Harry bufou e revirou so olhos, dando um leve soco na mesa.

-Preciso repetir que foi uma grande confusão tudo que aconteceu?

-Calma Harry!-Falou torcendo o nariz.-Eu só ia dizer que talvez eu esteja começando a acredita em você...

-Co...Como?-O moreno sorriu um pouco confuso.

-Foi o que ouviu.E talvez agora eu tenha começado a te desculpar com o coração.

-Sério?-Harry perguntou coçando a nuca.Será que não estava sonhando?-Quero dizer, é você mesmo Gina?

-Lógico.-Respondeu segurando-se para não rir.-A mulher elástico não pode ser!

-É que...-O moreno parou e suspirou, olhando incrédulo para a ruiva.-Eu mal posso acreditar no que estou ouvindo!

-Porque?Eu pareço tão durona assim?-Sorriu irônica.

-Pior que não Gina...-O moreno sorriu carente, o que -quase- a fez querer agarrá-lo.-Você não parece durona!Você é!

-Cala a boca vai...-Murmurou balançando negativamente a cabeça.-Nunca vi mais meiga do que eu!-Falou inclinando a cabeça para a direita de uma forma inocente.

-Sério?

-Nossa Harry...-Murmurou sem vontade.

O moreno sorriu e ficou olhando para aqueles lindos olhos azuis que ela tinha.Se não fossem apenas -podia dizer amigo?- jurava que ia fazer Gina a menina mais feliz que já se visse.Da maneira que merece...E ela merece muito!

-Credo, aqui tá maior calor.-Bufou e se abanou, olhando eufórica para os lados.

-Er...-Bufou e levou ar aos pulmões.-Quer...Quer...Fora comigo?

A ruiva ergueu uma sobrancelha sem entender nada.

-Desculpa Harry, mas juro que não entendi nada que disse.

-Quero dizer...-Respirou fundo.-Quer ir lá fora nos jardins comigo?

-Ah...-Riu brevemente.-Er...Pode ser!

-Legal...-O moreno murmurou levantando-se e estendendo a mão para a ruiva.




-O que foi hein Patricia?-Perguntou para a loira, quando chegaram no corredor que levava aos dormitórios.

-Não quero ficar no baile!-Falou esganiçada segurando-se para não chorar.

-Mais porque?Você está linda!Todos ficam te olhando, e...

-Todos menos ele!-Gritou passando nevosa as mãos pelo cabelo loiro que caia sobre o rosto.

-O Harry?!

-É!Não sabe como estou odiando ele nesse momento!-Falou mordendo fortemente o lábio.-Ele vem todo doce e depois me dá mô fora!Eu nem posso acreditar.

-Ele é um bobão.Não acredito que te deu um fora.-Rebeca tentou consolar.

-CALA A BOCA SUA ESTÚPIDA!-Gritou deixando-se cair lentamente até o chão.-Precisa ficar me lembrando?

-Desculpa paty, eu pensei que...

-E você pensa?-A loira perguntou sarcástica.

-Na verdade...-Rebeca suspirou cansada e virou-se para o outro lado.-Me desculpa.

-Vai embora e me deixa sozinha sua idiota!-Falou com os dentes cerrados.

A amiga assentiu e saiu lentamente de lá.

Por quanto tempo iria ficar aguentando Patricia?Ela já estava ficando insuportável e um hora acabaria sem amigas.




-Para Fred, vamos voltar pro Salão...-Murmurou afastando-se do namorado e indo sentar-se na sua cama do dormitório feminino que por sinal estava vazio.

O ruivo conseguira entrar apenas porque estava junto consigo assim as escadas não tinham virado rampas.

-Aff Nick, agora que podemos ficar juntinhos você vai me dispensar?-O ruivo perguntou carente.

-Não é isso!O problema é que se ficarmos aqui alguém pode nos pegar e...-Murmurou coçando a nuca.

-Está com medo de mim Nick?-O namorado perguntou indo sentar-se ao lado dela.

-Claro que não anjinho ruivo e único do meu coração.-Colocou as mãos envolta do corpo dele e o envolveu num abraço doce e provocante.-Eu quero muito estar com você...Sempre!

-Jura?

-Ainda tem dúvida?Eu te amo Fred!-Beijou-o provocante, e assim ficaram por um bom tempo.

-Tudo bem, mas agora eu tenho uma surpresa pra namorada mais linda desse mundo!-Fred disse segurando nas mãos geladas da namorada.

-Sério?O que é?

Observoou mechendo dentro no bolso da calça social e tirou algo, que escondeu atrás do corpo.

-Ai, deixa eu ver Fred...-Pediu tentando puxar as mãos dele, sem sucesso algum, pois o ruivo o máximo que fazia era rir.

-Calma Nicolly, espera...-Falou rispidamente levantando-se da cama.

A morena fez o mesmo e ficou o fitando com cara de anjo.

-Sim amor, agora deixa eu ver o que você tem pra mim okay?-Sorriu falsa e estendeu a mão.

O ruivo segurou nas pequenas mãos da namorada e as beijou docemente.

-Nick, o que eu vou te dar agora é a prova de que te quero comigo pra sempre e que espero que nunca nos separemos.

-Nossa!O que é?-A morena suspirou em fingido encantamento e fez cara de manha.

Fred sorriu meigo e mostrou em suas mãos uma caixinha azul de veludo.
Sua felicidade era visivel, e quando Nick viu o que havia nas mãos do namorado, com certeza já sabia o que tinha lá!

-Fred, não me diz que...-Murmurou maravilhada.

-Quer ser minha pra sempre Nick???-Perguntoua brindo a caixinha e mostrando duas lindas alianças de ouro.

-Eu...-Olhou das alianças para Fred, que parecia um pouco acuado.-Meu Deus, as alianças são lindas e é claro que quero ser sua pra sempre...Além das fronteiras e todo o resto...-Falou dando de ombros e indo abraçar o namorado.

Ficaram abraçados por um bom tempo.Apenas sentindo-se.E sabiam que estavam sendo unidos por um incrivel laço e sentimento naquele momento.E isso era muito bom e lindo!

-Você é a mulher da minha vida Nicolly, e isso eu acabei de te provar...

-E você é o homem da minha vida Fred, e isso eu vou provar agora...-Murmurou passando de uma forma ousada as mãos pela barriga do namorado, logo depois dando um beijo nele.

-Nicolly, não me provoque...-Murmurou abafando um gemido.

A morena apenas sorriu provocante e se dirigiu até a cama, sentando-se de forma ousada.

-Agora você decide Fred...




-É, estamos aqui fora...-Murmurou irônica, o qeua rrancou uma simples gargalhada de Harry.

-Sério?Eu nem tinha percebido!-O moreno murmruou.

-Exatamente!Foi por saber que você não tinha capacidade nem de distinguir dentro e fora, que te avisei...-Retrucou, sem nehuma emoção.

-Chega Gina, vamos parar de irônias!

-Sim Harry, e o que você quer agora?-Perguntou virando-se para olha-lo.

-Se eu disser que quero você!Iria acreditar?-Perguntou num murmurio.

Seu mundo praticamente desmoronou naquele momento.Sentiu suas mãos suarem e ficarem escorregadissas, sua visão ficou turva e jurou, que se naquele momento não tivesse encostada na sua arvore de estimação iria ao chão como uma verdadeira pamonha.

Sua audição estava lhe enganando?Era isso não era?

Ou Harry realmente tinha lhe dado a maior indireta de sua vida?E por Merlin...Não sabia porque estava se importando com aquilo, mas o fato era que ainda gostava daquele moreno provocante e ouvir isso saindo dos lábios doces e sexys dele era como chocolate após dementadores!!!Algo entorpecedor e incrivel.

Sinceramente, queria dizer que amava Harry e que ele era perfeitoso e incrivel.E que quando ele falava com aqueles lábios dele, sentia uma enorme vontade de beijá-lo.

Sim, sim, sim!Iria dar uma boa resposta para aquele ser irônico e ver se o que ele queria era tirar uma com a sua cara, e se não...Beijaria ele???

Porque...Sinceramente pra falar a verdade, é que não podia imaginar-se andando ou tendo um namoro com o Deus Grego Harry Potter, o menino que sempre amou des dos seus 10 anos de idade, e isso já era fato.

Mas se amar fosse ser idiota, trouxa e ingênua -como um dia já foi-, Merlin, estaria lá no chão como uma pobre ameba.E isso nunca poderia ocorrer, pois amava além de tudo a si mesma, do jeito que era, mesmo querendo mudar algumas coisinhas -Mentira, queria mudar várias coisinhas- mas do que isso importava naquele momento não é?E ao invés de ficar parecendo uma idiota olhando pra ele pensando na morte da bezerra, tinha que responder.

-Olha Harryzinho, se você quisesse a mim, teria dito isso a muito tempo, pois eu te conheço seu idiota!-Falou apontando o dedo para ele, que riu com vontade.-E ah, se você me quer, vai ter que me aceitar com algumas regras...Primeiro, o homem que ficar comigo tem que servir somente a mim, lavar louça, cozinhar, dormir só depois de mim, e ah...Engrachar minhas sapatilhas!-Terminou num suspiro.

Harry ficou mais um tempinho rindo, mas logo parou, e no lugar da risada segurou de forma carinhosa nas mãos da ruiva.

-Gina, sem brincadeiras okay?

-Vai me dizer que realmente quer ficar comigo?-Perguntou sentindo as pernas voltarem a ficar bambas, mas ignorando isso.-Ia ser legal, ter um marido escravo como você!

-Você bebeu ruiva?-Perguntou olhando-a como se ela fosse anormal.

-Ah sim!Agora você voltou ao normal.-Falou suspirando fingidamente em alívio.

-Eu sempre estive normal...-Murmurou observando a ruiva separar suas mãos das dela.

-Me achou maluca hoje né?

-Porque?-Perguntou erguendo uma sobrancelha.-Maluca eu já te acho todo tempo.

-Aff Harry, não me irrite.Estou dizendo isso porque não vim para o baile com vestido.

-Achei interessante...!Não achei você maluca por isso!-Respondeu encostando-se na árvore e ficando ao lado de Gina.

-Pensei que queria desistir de cantar por isso...-Suspirou e cruzou os braços em frente ao peito.

-Eu nunca desistiria Gina...Em nada que diz respeito a você!-Concliu lentamente.

Novamente o turbilhão de sentimento e sensações.Era tudo muito estranho, mas do que isso importava né?Nunca achou verdadeiramente que Harry a notava e não seria agora que iria achar, apenas com simples palavras.

-Porque está me dizendo essas coisas Harry?Odeio quando brincam dessa forma comigo.Agora já está sabendo.-Falou mal humorada, olhando para o horizonte onde havia uma linda lua cheia e o céu completo por estrelas que brilhavam de uma maneira realmente graciosa.

A noite estava bela e estaria mais ainda se tivesse certeza que Harry não estava brincando com seus sentimentos.Mas tudo bem.Deixa pra lá... Iria superar!Já havia superado coisas piores...

Isso não queria dizer que sua vida era um lixo, mas talvez...O depósito!-brincadeira-, as vezes se achava besta de mais...!E não era?

-Eu estou falando o que sinto, mas talvez ache que é brincadeira!-Ergueu as sobrancelhas e crispou os lábios.-E mesmo que fossem brincadeiras!Elas bem lá no interior tem um pouquinho de verdade!

-Então...-Suspirou para se acalmar.-Está dizendo que quer ficar comigo???

Harry sorriu e apenas ficou a olhando.

A ruiva estava com as bochechas completamente coradas e os lábios vermelhinhos como cerejas.A pele alva como pessêgo e os cabelos -mesmo presos- pareciam uma cascata de fogo e tentação.

Não queria parar de fitá-la pois talvez visse que o mundo era duro de mais e que seus pobres sonhos poderiam se transformar em pesadelos.Mas do que valeria alguém se nunca arriscasse em uma mínima coisa que fosse?

Será que poderia simplesmente dizer que amava Gina, e assim sua história de amor acabaria feliz?Ous erá que realmente amava Gina?Não queria enganá-la e muito menos a si mesmo, e era exatamente por isso que tinha a dúvida do que deveria ou não, fazer naquele momento, onde seus olhares estava juntos num só compasso, e os batimentos de seus corações estavam acelerados e amava vê-la com os lábios entreabertos e a feição de dúvida e medo.

Medo do que?Medo pra que?Só queria ver o bem daquele menininha que tanto amava, e seria injusto vê-la com medo de si, que nunca suportaria vê-la chorando novamente.E seimplesmente segurou-se no dia da sala de música, porque o medo era seu...Medo de que ela viesse a ficar mais chateada.

Mas agora não podia negar a si mesmo que o queria era ficar juntinho dela pra sempre!Sentir aquele cheiro doce e aconchegante!Se não podia ter seus pais e os amava, podia amar Gina e tê-la não é mesmo?

Mas ai vinha a questão.Ela também queria isso?O tempo passou, e ela mudou!

Todos seus sentimentos viraram tempestade e se confundiram...No calor de um olhar e no frio da distância.

-Harry, me responde...-Pediu respirando ofegante e olhando para ele para constatar qeue stavam a milímetros e uma pequena movimentação faria seus lábios se roçarem.

Gostava disso.Podia sentir o o cheiro selvagem e de menino num campo, que ele possuia!!!

E aquele geito sexy, arrogante e despojado dele, era o toque que faltava para enlouquecer qualquer garota.

E ele realmente estava querendo deixá-la mal com esses joguinhos de sedução.E praque seduzi-la?Queria que ele fosse pro escambal e a deixasse sozinha com sua transparencia.Pra que enxergá-la agora?Quem disse que queria isso?Estava tudo bom enquanto seus sentimentos estavam congelados e perdidos em alguma porta do seu coração.

Mas isso realmento piorou quando ele entreabiu os lábios e pôde sentir o hálito febriu e quente dele...

E simplesmente não conseguia desgrudar os olhos daquela boca incrivel...

-Okay!Não vai me responder né?-Perguntou tão baixo que o moreno teve que ler os lábios dela para entender.

-Posso responder de outra maneira?-Perguntou rouco e sério de mais para seu gosto.

-Des de que seja uma resposta!-Concluiu tomando cuidado para não olhar novamente para os lábios...Arg, sexys!

Harry levantou uma das mãos e pousou-as de uma forma carinhosa no rosto em brasa de Gina, que não sabia se era por vergonha ou puro desejo árduo.

Sabia o que ele estava fazendo, mas porque tinha tanto medo e sentia-se como uam menina que daria o primeiro beijo?Odiava esse medo idiota, mas...O sentia!

E será que o momento que mais esperou em sua vida toda iria acontecer?Será que Harry aceitou-a do jeito que sempre foi?Será que ele não ligava por não ser bela?estava amando cada vez mais HArry, e não iria fazer objeção nenhuma quanto aquele beijo, pois desejava isso, tanto quanto ele.Mas...Ele desejava????

Ele fazia caricias doces em seu rosto, causando arrepios junto de cargas elétricas em todo seu corpo.Eram sensações tão idiotas que nem sabia o porque, se já havia ficada com vários outros garotos e que não fez sentido algum em sua vida.

Ele aproximou mais ainda seus lábios, fazendo-os se tocarem.Ambos estavam fervendo em puro desejo sôfrego e não via a hora de qeu o ato estivesse totalmente consumado.

Fechou seu olhos e já não queria saber de mias nada pois seu corpo fora totalmente tomado pelo desejo e só queria sentir Harry e seu orpo junto do dele...E se entregaria totalmente à aquele desejo se fosse isso que precisasse para tê-lo consigo e ouvir o sonhado 'Eu te Amo'.

-Harry...-Murmurou lentamente.

Não sabia se queria que ele continuasse com aquilo, ou se parasse e fosse embora de lá, deixando-a sozinha.Não sabia se estava lá viva o se já estava morta no inferno e não se recordava do acontecido.Ou se estava até mesmo no céu...Com um anjo super gostoso!

Ele sorriu sexy e caliente, envolvendo-a pela cintura com a outra mão livre.E Merlin, isso fora muuito bom!E não ia ficar como uma múmia apenas olhando pra ele.Ergueu suas mãos e passoa pelo pescoço dele, que sorriu feliz ao perceber que também queria estar com ele...

E finalmente ocorreu o que mais esperava.Seus lábios se encontraram por total e uma única sintonia ritmica.Fora como em seus sonhos de menina e não sabia se tinha um ataque cardíaco ou se tornava ousada e provava para aquele Potter, que com uma Weasley não se brinca, deixando-o exitado e sem ação.

Claro!Obtou pela opção numero 2.

Suas linguas se movimentavam ora de uma forma lenta e carinhora, ora outra de uma maneira sôfrega, ousada, exitante e caliente, o que fazia seus hormônios adolescentes ficarem a mil...E já estava ficando louca com o calor que envolvia todo seu corpo junto da vontade de tirar a camisa dele e fazer coisas que nunca imaginou querer.

Naquele momento e perguntava se aquilo mesmo estava acontecendo e se ainda era Virginia Weaslet que estava bejando Harry Potter!

Mais uma vez se sentiu vítima de sentimentos conflitantes.Por um lado queria continuar beijando loucamente no ritmo sensual, mesmo sabendo que seguir por tal caminho de nada realmente lhe adiantaria...Mas amava tanto Harry, que qualquer objeção estava passando despercebida por seus olhos.

E a única coisa que queria naquele momento...Era apreciar e se dar ao seu amor...Ao garoto que sempre esteve em seu coração...Harry!A tentação qeu finalmente conseguira beijar.

CONTINUA...

N/A: E ai amores!!!!!!Finalmente terminei!!!!!!Me perdoem pela demora interminavel, mas mesmo postando de noite, ainda é sábado!!!rsrs!Acabei de terminar o capituloe já estou colocando no ar, pois como prometi postar hoje, não podia falhar...Não com vocês!
Espero realmente que gostem dese capítulo!Foi feito com todo meu amor e carinho e espero mais ainda que o COMEÇO do tão esperado beijo tenha sido satisfatório pra tds vcs!Aguardem o próximo cápitulo pois terá mais do beijo e muitas outras surpresas que sei que irão amar.

Infinitos beijos para aquelas pessoas que lêem e comentam e bjins pras que num comentam tbm.

Amo tds vocês, por saber q curtem a fic e terem a paciência de esperar!!!Não sei qaundo vou posta ro próximo cápitulo mas espero que seja em breve pois não quero receber mais nenhum Avada Kedavra por comentário.

Por favor me deixem suas sinceras opiniõe ssobrew o capitulo pois estou MORRENDO de medo de não ter chegado até suas expectativas.E se não...Por favor me pedoem e me dêem algumas dicas e ajuda sobre o que errei.

Estou hiper anciosa mesmo!Estou esperando os comentários e sei qeu até lá não terei mais unhas nas mãos.

Bjaum e por favor, COMENTEM MEU BLOG!!!!!!Eu faço ele com tanto carinho e quase ninguém comenta.Ai vai o endereço e por favor não deixem de dar pelo menos um oi okay:

www.gingerfitzgerald.blog.uol.com.br


Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.