FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. Encontro Indesejado


Fic: Amor ao primeiro tropeço, A Profecia Esquecida!


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Oieeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee
Gente, valeu por comentar na minha fic, prometo que não vo ficar enrolando pra termina ela...
Meus agradecimentos:


L²ùuuh Black: *--* num fala assim q eu vo fica me achando depois hein? olha o lado bom: pelo menos o Lupin lutou contra três comensais ao mesmo tempo e quase ganho! relaxa, q ainda tem muita coisa pra acontece...

Lana e Bia Weasley: q bom q vc gosto!!! num precisa c preocupa naum, juro q naum vo abandona minha fic, num costumo demora pra por os caps, soh qdu fico sem tempu....

Espero que gostem.........

Cap. III

Depois que todos os membros (ainda vivos) da Ordem retornaram à sede e ficaram sabendo da situação, Tonks começou a dizer seu plano.

-Pra começar, eu vou SOZINHA até a casa do Harry, ele é fundamental para o plano dar certo.

-Mas por quê?

-Se ele aceitar a proposta que vou fazer, o trarei até aqui e contarei tudo de uma só vez.

-Me deixe ir junto com você Tonks, por favor! – suplicou o Sr. Weasley.

-Não, eu vou sozinha, não quero arriscar a vida de mais ninguém hoje...

-Você está certa, não deve arriscar a vida de mais ninguém, isso inclui o Harry. – disse Gui.

-Mas...

-Nada de MAS, eu vou até lá para proteger você e o Harry, e está acabado.

Tonks e Gui saíram pela porta da frente e aparataram logo depois. O resto da Ordem ficou na cozinha discutindo os últimos acontecimentos.

-Nós vamos ficar aqui ser fazer nada? – começou Kingsley.

-É melhor assim, Tonks pode estar parecendo muito forte e equilibrada, mas ela está despedaçada por dentro. Vamos confiar no plano dela.

------------------------------------------------###-------------------------------------------

Na casa de Harry...

-Harry, eu sei que estou pedindo demais, mas eu não vou conseguir fic...

-Não precisa dizer mais nada Tonks, eu aceito o servicinho. – disse Harry sem pestanejar.

-Ah, Harry, muito obrigada! – Tonks se jogou nos braços dele e lhe deu um beijo na bochecha. Harry pode sentir as lágrimas que escorriam de seu rosto.

Voltando à sede, Tonks (quase) revelou seu plano, afinal:

- Muito bem, eu queria primeiro dizer que quem não quiser me ajudar não precisa, o plano é perigoso e eu não quero mais ninguém mort...

-Não diga isso querida. – disse a Sra. Weasley – ninguém irá... partir antes da hora por aqui, relaxe e nos conte seu plano.

-O plano é o seguinte: vou fazer o Harry de isca, ele vai caminhar pelo parque e fingir que está distraído para atrair os comensais que provavelmente devem estar por aqui, nós ficaremos escondidos ali por perto e veremos de onde eles saem. Quando eles tentarem atacá-lo, vocês três tem que mantê-los ocupados para que eu siga na direção de onde eles saíram. – disse ela indicando o Sr. Weasley, Gui e Kingsley.

-E nós faremos o quê? – disseram Fred e Jorge ao mesmo tempo.

-E DESDE QUANDO VOCÊS FAZEM PARTE DA ORDEM??? – ralhou a Sra. Weasley com os filhos.

-Está tudo bem Molly. Vocês irão vigiar os arredores para ter certeza que você-sabe-quem não está vindo ou que alguém irá alertá-lo. E você Molly, se puder, peço que ajude eles nisso. Bom, se não houver problemas (maiores dos que já temos) é melhor irmos...

-Na verdade, tem um problema sim, meu papel no plano ainda não foi explicado...

-Mas o q...?

Gina irrompeu na sala de repente e assustou a todos.

-Gina você está... louca? – Harry se segurou para não dizer “linda”, e consertou a frase a tempo. Gina estava radiante naquele dia, apesar da situação presente.

-Não Harry, e apesar de tudo o que você me disse no funeral do Dumbledore, - nessa hora ninguém nem respirava, todos queriam saber um pouco mais sobre o estranho relacionamento dos dois, mas Gina fingiu não perceber nada – eu quero ajudar no plano.

-AGORA JÁ CHEGA! FRED E JORGE SÃO MAIORES DE IDADE, MAS VOCÊ AINDA É UMA CRIANÇA!

-Eu sei mãe, mas eu não vou deixar Harry se arriscar sozinho. Não consegui pensar em outra cousa pra fazer a não ser inventar uma cena no parque, nós caminharemos por aí e eu FINGIREI que estarei terminando com você, e você FINGE que está muito triste e fica sentado no banco. Acho que não demorará muito para eles aparecerem depois disso, é mais fácil atacar homens abalados...

Todos olharam espantados de Gina para Harry, que estava quase babando pela “ex-namorada”.

-Bom, acho que podemos ir então. –disse Tonks, quebrando o silêncio repentino.

Eles saíram um por um e tomaram seus postos no parque. Gina e Harry começaram a andar, e no meio do caminho fingiram ter uma briga feia, Gina virou as costas pra ele e foi embora. Harry passou a mão pelos cabelos fingindo estar desesperado, parou no primeiro banco que encontrou e se sentou, aguardando o que iria acontecer a seguir.

Depois de uns 5 minutos, dois homens aparentemente inocentes entraram no parque vindo da direção oposta da sede da Ordem, Tonks os viu e fez um sinal para os outros. Harry achou que quando chegasse a hora de realizar o plano, ele ficaria muito nervoso, mas na verdade ele estava se sentindo com raiva. Raiva dos comensais que levaram Lupin, de Voldemort que sempre dava um jeito de estragar as únicas coisas boas que aconteciam a ele, e principalmente raiva de si mesmo, por ter terminado com Gina, mas sabia que era pro bem dela. Quando viu os homens se aproximando percebeu que estava na hora, abaixou a cabeça e esperou.

Tonks aproveitou a oportunidade e correu silenciosamente para a direção que eles vieram, lá encontrou uma porta que levava a um porão. A porta estava enfeitiçada, mas com alguma luta, ela conseguiu tirar os feitiços e abrir a porta, quando chegou lá embaixo percebeu que alguma coisa no plano tinha dado errado.

-Boa noite, senhorita. Acredito que o seu nome seja Nymphadora Tonks, não é?

__________________________***_____________________________

Oie gentem!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Gostaram desse cap??????????
Deixei uma surpresinha pro final, um verdadeiro "encontro inesperado". Vo dexa esse suspensezinho soh pra fica um gostinho d "quero mais" ^ ^
Comenta lá povão!!!
Até a próxima pessoal.....

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.