FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. Lembranças


Fic: Juro Solenemente Que Te Amo


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

N/A: Olá!! Tava com saudade de postar já... Mil desculpas pela demora... Mais foi realmente preciso. Vocês vão perceber que esse capítulo ficou bem maior que os outros dois. A explicação pra demora é que eu escrevo os capítulos à mão e depois tenho que digitar tudo no PC. Como esse ficou maior demorou mais pra bolar, escrever e digitar. Quero agradecer os comentários que me deixaram muito feliz! E espero que venham mais comentários positivos como os de vocês! Vou aproveitar pra avisar também que à partir do dia 1º de fevereiro os capítulos vão ser postados semanalmente, porque voltam as aulas (último ano galera! Huhu!!) e acaba minha rotina de internet às 0:00 hrs. Quem quiser me pode me add no MSN pra trocar idéias, também ficarei muito feliz com isso! Como já me estendi demais fico por aqui. Bjuss e até o N/A no final do capítulo, rs!

Boa Leitura! ^ ^


* Esta história é totalmente baseada na série de livros Harry Potter da autora J.K. Rowling, portanto todos os direitos reservados a ela. *
______________________________________________________________________________________________

Capítulo III - Lembranças

A viagem havia sido longa. Estava chovendo quando o trem alcançou seu destino. Remo e Lílian se separaram novamente do grupo para acompanhar os novos alunos do primeiro ano. A maioria dos alunos vestiam suas capas e capuzes a fim de se proteger da chuva até chegarem às carruagens. Judy saiu da cabine sem se dar o trabalho de despedir-se dos Marotos e juntou-se à algumas meninas de seu ano. Pedro conseguiu lugar em uma carruagem composta por alunos mais novos (foi a única que conseguira). Tiago e Sírius também se separaram, já que cada um deles seguiu viagem em uma carruagem repleta de meninas. Foi uma escolha difícil para os dois, já que eram muitas carruagens e muitas meninas querendo a presença deles.
Chegaram em Hogwarts e tomaram seus lugares. Como sempre, os alunos estavam muito agitados, mas o barulho da jovem professora Macgonagal entrando pela porta com os novos alunos fez as conversas cessarem. O chapéu seletor cantou, os alunos foram selecionados e agora todos aguardavam pelo discurso do diretor e pelo banquete (na verdade, este último era o mais aguardado).

– Bem vindos à hogwarts, alunos do primeiro ano! – começou Dumbledore. – E parabéns aos alunos do sétimo ano que chegaram brilhante mente à etapa final. À todos os outros, um ótimo ano! E o que estamos esperando? Que se inicie o banquete! – sorriu ele.

Os pratos se encheram e, como sempre, os alunos do primeiro ano ficavam maravilhados. Os outros apenas papeavam e comiam. Ao acabarem o banquete, Dumbledore levantou-se novamente.

– Vamos agora aos avisos. É preciso avisar aos novos alunos que mesmo depois de tantos anos a Floresta Proibida, continua sendo proibida! Como sempre os alunos á partir do terceiro ano poderão visitar Hogsmade com a supervisão do diretor de cada casa. Os alunos do quinto e sétimo ano devem preparar-se, isto quer dizer, estudar dobrado, para os NOM’s e NIEM’s. Quanto aos outros, apenas agradeçam por ainda não estarem ou já terem passado de um destes dois anos. – todos riram. – Brincadeiras á parte, os alunos do sétimo ano terão algumas recompensas pelo esforço com os exames. Um calendário generoso de eventos foi criado para que relaxem um pouco devido a tensão que irão sofrer neste ano de tantas escolhas, e vai ser afixado no mural de suas casas. – os alunos do sétimo ano olhavam-se curiosos, e os outros comentavam que era uma injustiça. Dumbledore não discutiu sobre isso. – Todo o resto que precisarem saber, será dito pelos diretores de suas casas e pelos monitores. Agora podem ir até seus dormitórios, e desejo novamente um maravilhoso ano!

Todos os alunos levantaram-se ao mesmo tempo, causando um costumeiro alvoroço. Aquele era o dia em que a sala comunal ficava lotada, pois todos queriam comentar sobre suas férias. Também era de costume os marotos aprontarem alguma, para “estrearem” o ano. Não demorou muito e uma explosão foi ouvida do lado de fora do corredor. Os alunos começaram a se agitar e correr em direção a porta para saber o que tinha acontecido. Lílian estava conversando com Judy e mais duas meninas do sétimo ano, quando ouviu a explosão.

– Lá vamos nós... – disse entediada. – Isso já está se tornando cansativo, todo ano a mesma coisa... – ela subiu alguns degraus da escada do dormitório feminino e gritou para que todos a ouvissem. – Silêncio todos vocês! Todos voltem a seus lugares imediatamente. – os alunos obedeceram e ficaram em silêncio. – Assim está melhor. Senhores Potter e Black, façam o favor de me acompanharem até a porta.

Os alunos voltaram a conversar e Sírius e Tiago foram ao encontro dela.

– Sabe, isto já está se tornando cansativo, se querem armar alguma coisa pelo menos inovem! – disse ela num tom cansado. Ela nem gritava mais, já estava acostumada com esta cena.
– A nossa surpresa é nova este ano, amada Lily! – disse Tiago com aquele costumeiro sorriso maroto que só ele sabia fazer.
– É Evans! – ele apenas sorriu.
– Infelizmente, dessa vez não foi a gente, Evans – completou Sírius.
– Vocês são os únicos que armam essas confusões no primeiro dia de aula!
– Então temos um concorrente! – retrucou Tiago.
– Olha ali! – apontou Sírius para um menino que entrava sorrateiramente na sala com o rosto e mãos sujos.
– Hei garoto! Venha aqui! – berrou Lílian para o menino que primeiramente se assustou, e depois foi vagarosamente ao seu encontro. – O que você estava fazendo?
– Soltando fogos Felibusteiros. – respondeu ele normalmente.
– Você é do primeiro ano?
– Sou.
– Sabia que isto é proibido?
– Sabia.
– E por que fez?
– Só pra descontrair. – disse o menino sorrindo. Lílian o olhava incrédula.
– Ah garoto! Muito bom, muito bom! Você poderia ser um maroto se não fosse tão novo! Qual seu nome? – perguntou Tiago.
– Ralph.
– Prazer, eu sou Tiago Potter e esse é meu amigo, Sírius Black. – Tiago apertou a mão do garoto, Sírius fez o mesmo.
– Uau! Vocês são uma lenda!
– É sim, nós sabemos... – disse Sírius sorrindo.
– Chega! – berrou Lílian, parecia ter saído do choque. – O que você fez foi errado! Acompanhe-me, por favor!
– Ok... Até mais! Vocês são bem legais caras! – despediu-se o garoto.
– Que novidade... – disse Sírius para Tiago.
– Hei, garoto! Vê se não apronta muito hein! Ainda somos nós que fazemos as coisas por aqui! – disse Tiago. Ralph acenou positivamente enquanto ouvia o sermão de Lílian.
– Ai, ai, essa nova geração... – comentou Sírius.
– Nem me fale Almofadinhas, nem me fale! – sorriu Tiago.

A noite veio e passou rapidamente. Tudo voltaria ao normal pela manhã, quando os alunos voltariam as suas rotinas. Logo cedo, Lupin afixou o calendário de eventos da Grifinória. Um pequeno alvoroço se formou em frente ao mural ao longo que os alunos desciam dos dormitórios. Lílian e Judy desceram ainda cedo. Enquanto Lily foi anotar os eventos Judy ficou arrumando seu material. Após tudo arrumado ela foi ao encontro da amiga e juntas seguiram para o salão principal, tomar o café da manhã.

– E então? Quais são as novidades que Dumbledore prometeu?
– Várias! Esse ano realmente será repleto de diversões, além dos estudos... – respondeu Lílian.
– Mas conta logo Lily! Que atividades são essas?
– Deixe-me ver... – disse Lílian segurando o pergaminho de modo que pudesse lê-lo. – Teremos as visitas à Hogsmade, um baile estilo medieval após os NIEM’s além do baile de formatura, um dia de folga a cada vez que a nossa casa ganhar no quadribol, dois dias de folga antes dos NIEM’s e uma visita ao Ministério da Magia para sabermos mais sobre as profissões que vamos seguir.
– Nossa! É ótimo! Dois bailes em um único ano?! Tenho que começar a pensar nos vestidos e na lista de meninos à se candidatar para ir comigo!
– Bobagem Judy! Até lá você pode até estar namorando.
– Merlim me livre disso! E desperdiçar a diversão de escolher meu acompanhante? Não mesmo!
– Ai, ai. Acho que você nunca vai mudar! – disse Lílian sorrindo.

Ainda na sala comunal da Grifinória e bem atrasados para o café, se encontravam os Marotos.

– Sinceramente! – exclamou Remo. – Nós vamos perder o café! O Pedro já até foi na frente!
– E qual a novidade? Ele sempre vai... E nós podemos perder a primeira aula, mais não o café! – disse Sírius vestindo a capa e se dirigindo para a porta.
– Relaxa Aluado, nós já estamos indo, olha só, já estamos do lado de fora! – mostrou Tiago ao saírem da sala comunal.
– O que dizia no calendário Aluado? – perguntou Sírius.
– Tem alguns eventos legais. Depois das aulas vocês poderão ler com calma. Acho que o que mais vai interessar vocês são os dois bailes, o de formatura e outro medieval, depois dos NIEM’s.
– Maravilha! – disse Sírius com um enorme sorriso. – Baile é igual a garotas e garotas é igual à diversão! Tem coisa melhor?
– Eu convidaria a Lily, mais ela nunca iria aceitar...
– Para com essa paixão platônica Pontas! Tem garotas mais bonitas! – reclamou Sírius.
– Eu não estou apaixonado, você sabe, eu só quero ela na minha lista...
– Engana minha avó Pontas! Isso está virando obsessão! Pensa em todas as garotas que vão se convidar pra ir com a gente cara!
– E você vai com quem?
– Com a mais bonita, oras! – respondeu Sírius Remo revirava os olhos entediado com a conversa.
– Da Grifinória?
– Provavelmente...
– Então você vai convidar a Beauxton?
– Ta maluco Pontas? A garota é intolerável!
– Sabe Sírius, eu andei pensando em uma coisa esses dias... – falou Tiago.
– O que? – perguntou Sírius curioso.
– Por que você nunca convidou a Beauxton para sair? Ela é a aluna mais bonita da Grifinória, depois da Lily é claro – concluiu ele. Sírius corou.
– Porque ela é uma idiota e garotas como ela não estão na minha lista! Levando em conta que ela ia me dar tantos foras quanto você recebe da Evans diariamente. – respondeu ele. Foi a vez de Tiago corar.
– As mocinhas vão parar de falar pra respirar? Já chegamos! – interrompeu Remo.

Era de praxe os dois se sentarem ao lado de Lílian e Judy, tanto que Pedro estava sentado perto delas quando chegaram. Mais desta vez os dois Marotos passaram direto pelas duas e se sentaram longe. Apenas Remo sentou-se ao lado delas, não estava a fim de continuar ouvindo a mesma conversa.

– Que milagre é esse? – perguntou Lílian.
– O que? – disse Remo confuso.
– O Potter não veio me encher hoje!
– Ainda bem! Ele ia trazer o Black, e ele é intolerável! – disse Judy revirando os olhos. Remo teve a impressão de já ter ouvido isso antes, só que de Sírius.
– Está sentindo falta dele, Lílian? – perguntou Lupin sorrindo.
– É claro que não! – respondeu ela corando. – A propósito, por que você não se sentou com eles hoje?
– Estão falando demais por causa do baile... Quase fiquei surdo no caminho pra cá!
– Sei como é... – disse Lílian olhando para amiga que fez cara de desentendida. – E é claro que o Potter e o Black já estão tramando suas “galinhagens”!
– Eles não são tão galinhas assim! – defendeu Remo.
– Depende... – começou Judy. – Já que o Black é um cachorro nato!
– Como você sabe? – perguntou Lupin temendo que Judy e Lílian tivessem descobertos que os Marotos eram animagos.
– Todo mundo sabe! As atitudes dele fazem com que mereça esse título carinhoso. – respondeu ela irônica.
– É melhor esquecermos esses injurios da vida e comermos, antes que as aulas comecem! – disse Lílian por fim.

O café acabou e todos foram para suas aulas. O sétimo ano da Grifinória tinha os dois primeiros turnos de História da Magia, para a alegria de Tiago, Sírius e Pedro, que aproveitaram as aulas para dormir mais um pouco. Tiago achava impressionante o fato de dormir, acordar e a aula ainda não ter acabado. Mas, quando acabou, todos trataram de sair rapidamente. Judy foi abordada por alguns admiradores da Sonserina, Crabbe, Goyle, Malfoy e Snape faziam parte do grupo. Lílian combinou de encontra-la na próxima aula, pois não estava afim de ouvir um “sua sangue ruim idiota!” tão cedo. Os Marotos saíram da sala logo em seguida.

– Que ridículo! Não sei o que esses idiotas vêem na Beauxton!
– Evidentemente o que você não vê, caro Almofadinhas. – disse Tiago sorrindo. – Mais olha lá! Não é o Ranhoso?
– É sim! Vamos lá! – disse Sírius andando rapidamente.
– Ranhoso! – exclamou Tiago. – Como foram suas férias?
– Não precisa responder! – disse Sírius rapidamente. – Foram péssimas, não foram? O shampoo como sempre estava em falta!
– Cala essa boca Potter! E você também Black! – disse Lúcius Malfoy irritado.
– E você Malfoy? Vejo que faz o oposto, já que seus cabelos parecem tão bem cuidados... – retrucou Tiago.
– E mais longos! – continuou Sírius. – Diz aí, você está se inspirando nas veelas né? Eu já desconfiava... Está deixando seu lado feminino tomar conta de você!

A confusão havia se formado. Era feitiço pra cá, “idiota é você” pra lá . O tumulto começou a ficar maior, e no fim o resultado foi o mesmo. Professora Macgonagal separando a briga, sonserinos para a ala hospitalar e Marotos ilesos e sorridentes indo para a diretoria. Acabaram chegando todos atrasados na aula. Grifinória perdeu vinte pontos e os Marotos ganharam três dias de detenção. O resto do dia correu calmamente. Às dez horas da noite, restavam poucos alunos dispersos na sala comunal. Os Marotos estavam, milagrosamente, fazendo suas tarefas, com exceção de Pedro, que já havia ido se deitar sem fazer nada. Remo estava quase terminando e tinha muitas de suas anotações copiadas por Tiago e Sírius. Os dois não estavam nem na metade quando Lily e Judy passaram por eles com livros fechados e muitos pergaminhos escritos.

– Lily, meu amor! – chamou Tiago. – Você já acabou suas tarefas?
– Evidentemente, Potter! Por quê?
– Você pode me emprestar algumas anotações então...
– É claro que não! As tarefas são individuais!
– Garanto que você emprestou pra Beauxton!
– Faça-me o favor Potter! – reclamou Judy. – Eu já acabei todas as tarefas da semana! Não preciso que ninguém me empreste nada!
– O que?! – exclamou Sírius incrédulo. – Como você pode ter terminado enquanto nós ainda estamos na metade das tarefas que temos que entregar amanhã?
– Qualquer um que não tenha o cérebro programado para pensar apenas em garotas consegue tal façanha Black! – respondeu ela ainda mais irritada.
– Falou a santa! Vive rodeada de garotos pelos corredores!
– Inveja é uma coisa tão feia! Pelo menos eu não vivo arrumando encrencas e colecionando detenções!
– Desculpem interromper a discussão, – disse Lílian – mais a Macgonagal mandou avisar que os senhores encrenqueiros terão detenção amanhã, às oito da noite. Ah, e que ficou muito decepcionada com você Remo, – ele corou. – muito mesmo!
– Agora se nos dão licença vamos dormir, porque ao contrário de vocês nós já terminamos nossas tarefas! – disse Judy indo em direção à escada do dormitório, sendo seguida por Lílian.
– Boa noite, querida Lily! E sonhe comigo! – disse Tiago enquanto elas subiam as escadas.
– Já disse que pra você é Evans! E sonhar com você não é sonho, é pesadelo, e dos graves! – berrou ela de cima da escada e entrou no dormitório.
– Não sei o que eu fiz pra ela me amar tanto...
– Esquece Pontas, essa é uma pergunta que só o “amor” dela pode te responder. – disse Sírius.
– Mudando de assunto... – interrompeu Remo. – Vocês viram no que me meteram? Eu sou monitor! Não posso ficar levando detenções por causa da birra de vocês com o Ranhoso.
– Para com isso Aluado! Você viu a cara nojenta dele? Sírius gargalhava relembrando a cena que se passou mais cedo.
– Por que vocês implicam tanto com ele?
– Nossa Aluado! A gente nunca te contou? Na verdade a gente nunca foi com a cara dele mesmo, mais teve um motivo inicial. – disse Tiago.
– Não, mais já que entrou no assunto, pode contar!
– Bom, tudo começou...

**************Remembrance (Lembrança)***************

Era uma linda manhã de sol. Tiago Potter, um garotinho de onze anos, entrava pela primeira vez no expresso de Hogwarts. Ele procurava uma cabine, quando avistou uma com apenas um garoto dentro.

– Olá! – disse ele para o garoto. – Posso ficar aqui?
– Claro, senta aí! Também sou novato. – respondeu o garoto de cabelos negros e olhos azuis.

Os dois começaram a conversar e logo se tornaram amigos. Quando ouviram o carrinho de doces se aproximar da cabine saíram para comprar alguns. O carrinho estava parado na cabine ao lado e uma garotinha de cabelos ruivos era a última da fila. Os meninos aguardaram em frente a cabine, até que o carrinho chega-se até eles, para não entrar na fila. Um garoto de cabelos sebosos, nariz grande e pele oleosa saiu da cabine em frente e entrou na fila.

– Olá! – disse o garoto para a menina ruiva.
– Olá! – respondeu ela.
– Prazer, meu nome é Severo Snape!
– O prazer é meu! – disse a garota sorrindo.

Eles conversaram por um bom tempo, pois um garoto do terceiro ano da Lufa-Lufa comprou os últimos doces e a senhora teve que repor o estoque do carrinho. Eles conversaram sobre vários assuntos e podia-se notar que o garoto demonstrava uma certa afinidade pela ruivinha. Até que...

– Você, bem... Quer dizer... Você é bem bonita sabe... – disse o garoto encabulado.
– Ah, obrigada! – respondeu a menina corando.
– Mais você ainda não me disse seu nome...
– Oh, me desculpe! Me chamo Lílian Evans! – disse ela sorrindo.
– Evans!? – berrou o garoto. – Uma das mais novas sangue-ruins de Hogwarts?
– Como ousa? – disse ela indignada.
– Você nem deve saber o que isso significa!
– Eu li em Hogwarts, Uma História! E essa é a pior ofensa para alguém que nasceu trouxa!
– Pelo menos não é burra! Que nojo! Eu vou sair daqui antes que você me contamine! – e o garoto saiu da fila direto para sua cabine. A pobre garotinha saiu correndo e chorando, também indo para sua cabine.
– Sabe Sírius... Nós devíamos pregar uma peça nesse idiota qualquer dia desses... – disse Tiago para o novo amigo.
– É verdade. Vai ser divertido!

********************Fim da Remembrance*****************

– ...E foi assim que nós arrumamos um motivo pra mexer com o Ranhoso. Nós só te conhecemos em Hogwarts, Aluado.
– Nossa como o Snape é ridículo! Quem vê pensa que ele é sangue-puro!
– Nós não sabíamos que ele era mestiço na época.
– Mas vocês só mexeram com ele no segundo ano né?
– Sim, mais não na primeira vez que você está lembrado. No primeiro dia que mexemos com ele você estava na sua fase “aluada” e não estava com a gente. Mais você sabe, no segundo ano nós já estávamos famosos, já éramos os Marotos. As vezes fico impressionado como chegamos tão rapidamente ao auge! – disse Sírius no que Tiago concordou sorrindo triunfante e remo revirou os olhos sorrindo. – Mas deixa eu te contar, eu e o Pontas estávamos passando pelo corredor quando avistamos ele perturbando um garotinho do primeiro ano da Corvinal. Nós percebemos que aquela era a hora de “brincar” um pouquinho com o humor dele. Fomos andando rapidamente ao encontro dele e falamos como se o conhecêssemos há tempos...

*****************Outra Remenbrance**********************

– Snape! Meu velho amigo! – disse Tiago sorrindo. O garoto começou a andar mais rápido mas o Maroto o seguiu e passou o braço pelos seus ombros, seguido por Sírius, que fez o mesmo do outro lado. – Sabe, há muito tempo nós estamos pensando em lhe convidar para ser um Maroto!
– Sério? – respondeu Snape confuso.
– Não! – responderam Tiago e Sírius juntos, gargalhando furiosamente. Snape ficou furioso e se não fosse o bastante Tiago ainda conjurou alguns ovos que se quebravam em cima da cabeça do garoto. Os dois Marotos saíram triunfantes e o pobre Snape correu como um louco de um lado para o outro tentando fazer os ovos pararem de quebrar.

*****************Fim da Remembrance*********************

– ...Foi coisa pequena, nós éramos muito pirralhos pra aprontar com ele o que a gente apronta hoje. Mais valeu a pena! – sorriu Sírius.
– As histórias de vocês não são lá grande consolo mais já serve pra eu ter adorado acertar aquele feitiço na cara do Ranhoso! – todos riram.
– Acho melhor irmos dormir agora... Amanhã será um grande dia... De broncas por não termos feito as tarefas. – disse Tiago desanimado, espreguiçando-se.
– Broncas pra vocês caro Pontas e Almofadinhas, pois eu já terminei! – triunfou Remo. E os três subiram exaustos para o dormitório masculino.

______________________________________________________________________________________________

N/A: E então? O que vocês acharam desse capítulo? Gostaram da Lily dando uma de Hermione no 1 ano? rsrsrs . . . Gostaria de saber se vocês preferem esse tipo de capítulo, mais longo, ou os mais curtinhos. Dessa vez é muito importante que vocês deixem seus comentários pra eu saber como resolver esse dilema, rs. Como sempre, opiniões, críticas e sugestões serão sempre bem-vindas!



Como de praxe, no próximo capítulo... rsrsrs:

“– Cara! Você ta afim da Evans! – disse Sírius incrédulo. – Você realmente gosta dela!
– Não gosto não!
– Imagina se gostasse!
– Ta bom Almofadinhas, eu confesso... Mais o que eu vou fazer agora?
– Sei lá Pontas! Tenta se jogar da Torre de Astronomia... Deve dar certo!”

*********************************************************

“– Sabe Lily, eu falei com o Tiago...
– Que Tiago? – interrompeu ela.
– O Potter, oras!
– E desde quando você chama ele de Tiago, Judy?
– Desde hoje... Ele não é uma pessoa ruim depois que se conhece...
– Por Merlim! Você está ficando louca? Não está gostando dele né?
– Claro que não Lily! Ele é apenas um amigo agora. Me desculpe mais tem meninos mais bonitos na Grifinória...
– De quem você está falando?
– De ninguém! – respondeu Judy corando. – Mais me fala, por que você ficou tão irritada pelo fato de eu ser amiga do Tiago?”




Bjus e Até o Próximo Capítulo!


Jeje Black

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.