FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo



______________________________
Visualizando o capítulo:

9. Cap. 7 part 2


Fic: Eu Grávida Como JL CAP 9 ON


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Oi meninas desculpa a demora. Aproveitando vou fazer a propaganda de algumas fic minha "Vende-se um maroto" (http://fanfic.potterish.com/menufic.php?id=41273), "Amor não tira férias" (http://fanfic.potterish.com/menufic.php?id=41275).
Sim meninas o James tem sérios problemas e NC james e lily esta muito perto. Enquanto isso vamos para o fim do capitulo. 

 
Pov. Sirius Black

SOCORRO! SOCORRO!

- ABRE LOGO ESSA DROGA DE PORTA, PONTAS – berrei

- EU VOU TE MATAR BLACK – berrou a voz da futura assassina 

- AAAAH 

Flashback 

Já andava a meia hora e não tinha achado nenhuma gostosa que queria me queria. Eu sei também estou chocado. Acho que todas necessitam de óculos. 

- Oi – falou uma garota tão feia quanto o Snape, uma morcega – Soube que gostaria de companhia, eu também – falou piscando 

- Olá – peguei a minha varinha e vi que ela não fez nenhuma expressão – você é bruxa? – perguntei quando a transformava em uma Angelina Jolie. Bem melhor.

- Meu primo é – falou sorrindo

- Vamos dar uma volta?

- Claro, você é muito bonita – eu a puxei para um beijo, tinha que acabar esse celibato, mas ela beijava MUITO mal, mas babava que beijava. Nojinho, como diz a Lice. 

Ficamos dando voltas, enquanto ela falava sem parar e tentava inutilmente me beijar de novo. Ela seria perfeita para minha vingança. 

Quando aparatei junto com a garota na casa dos Potter. A grande maioria se encontrava na sala, menos o casal vinte.
 
Pov. James Potter 

- Eu vou matar o Sirius- falei contendo a minha raiva, quando eu e a Li terminávamos de colocar nossas roupas

Aquele projeto de amigo tinha que atrapalhar justo na hora H. Meu corpo ainda queimava de desejo pela ruivinha que agora estava morrendo de vergonha se recusando a me encarar

- PONTAS PONTAS – berrou o idiota do outro lado da porta

Vi a minha baixinha tremer com o berro, provavelmente pensando se alguém descobrisse o que estávamos preste a fazer. Segurei seu braço e a forcei me encarar e percebi seus olhos verdes vivo cautelosos. 

- Lírio, eu te amo. Não precisa ficar envergonhada, isso vai acontecer mais cedo ou mais tarde para todo mundo. A única diferença e que alguns fazem por amor outro apenas pelo prazer. E nós vamos fazer quando chegar a agora e vai ser por amor Li – vi aqueles olhos que tanto amam brilharem, seus lábios inchados se abrirem em meio sorriso e as suas bochechas corar – Eu te amo. Mas agora eu vou matar aquele cão sarnento – fazendo a rir

“Ela também quer se vingar do pulguento”
 
Pov. Marlene Mckinnon 

VOU MATAR O SIRIUS. 

Ele esta namorando com o meu corpo, como ele esta namorando? Eu não estou com ciúmes, só protegendo meu corpo.

Escutei o barulho dos meus amigos vindo atrás de mim e a porta do quarto abrir “Hum sozinho no quarto o maior tempão. HUMM”. A nova-ex-namorada do futuro cadáver implorava para não tacar a faca no Six.

“Mas adoraria tacar nela, enfiando lentamente e depois mergulhando de novo”

- O que esta acontecendo aqui? – falou o James muito brabo 

“Acho que ele não gostou da intromissão”

- O Sirius esta namorando aquela garota e a Lena quer o matar – falou o Remo preocupado

- Posso ajudar Lena? - perguntou o maroto de óculos com brilho estranho nos olhos

- Claro James.
 
Pov. Sirius Black 

- Vocês não podem privar o mundo de mim, o ser mais belo, mais perfeito, mais..

- CALA A BOCA – berraram todos, ferindo o meu pequeno ego

- Lena se você me matar e bem possível que aconteça algo com você – falei desesperado – e você Pontas, se tocar o dedo em mim sua mãe te deixar de castigo pelo resto da sua vida – completei feliz

- DROGA, esqueci disso – falou a Lena

- Pulgento posso não te matar, mas você é um maroto existem outras formas de se vingar – MERDA – Vamos Li 

- Pimentinha, por favor. Não deixa esse garoto mal fazer isso comigo – falei fazendo cara de cão que caiu da mudança

- Não me envolva nisso Sirius, e pimentinha e sua mãe
- Não Pimentinha, ela é uma Vaca gorda, chata, feia e muito má

- NUNCA MAIS OLHA NA MINHA CARA SEU IDIOTA – falou a Lena

- Vamos minha namorada – falou a KATECHATA

“merda”

- vamos jogar verdade e conseqüência – falei. Atraindo atenção de todos.
 
Pov. Remo Lupin 

O pontas pegou a garrafa enfeitiçada do seu pai para jogos iguais a esses. No qual nós força a falar a verdade e não cumprir o desafio resultado na maior dor de barriga do século, que duraria 3 meses. A boca respondia e base perguntava. 

Giramos a garrafa e : 

ALICE X KATE

- Verdade ou desafio? – perguntou a Lice

- Desafio 

IH lá vem problemas, a Lice esta sorrindo que nem o Almofadinhas e olhando para mim. AHH

- Quero que você beije o pé do Remo – DROGA – bem lentamente

A atual namorado Sirius veio me olhando com pavor. Eu não havia tomado banho desde que sair da escola e depois de correr para impedir um assassinato. Não devia estar com os melhores cheiros. Mas a garota não desistiu e cumpriu a promessa me fazendo cócegas na sola do pé.
 
Pov. 3° pessoa 
 
JAMES X SIRIUS 

- E ai? O que vai querer, pulguento? - perguntou o moreno 1

- Cala boca VIADO, e eu quero desafio – falou o moreno 2 sorrindo

- CERVO por favor e viado é teu pai - comentou o maroto de óculos

- Viado é obvio que não é, eu nasci. Mas idiota com certeza – falou rindo 

- Quero que você – falou o James com um sorriso maroto – flerte com o primeiro homem que passar na rua e se ele não te der o fora tem que beijar 

- O QUE? – berrou o Sirius

- Isso é a minha vingança – falou rindo 

- Eu não vou fazer isso – tremeu – AI QUE DOR DE BARRIGA DOS INFERNO. Vou fazer. Mas não se preocupa vou ganhar o maior fora do universo

Sai o garoto deixando todos rindo da situação
 
Pov. Sirius Black

Tudo bem. É simples. 

Transfigurei as minhas roupas em trapos, pintei meu rosto e corpo de tinta preta, comi muita cebola, passei uma loção do Pedro – simplesmente horrível e corri para frente da casa. Deixando todos para trás espiando, enquanto a Marlene tentava me matar, por destruir sua bela imagem RÁ, foi ela que começou ficando com o GAY.

Para o meu azar ou talvez minha alegria o primeiro homem, bom pelo menos em teoria, que apareceu foi o loiro oxigenado do Lúcio Malfoy e minha querida e horrível prima Nacisa Black. O casal de albinos andava como se tivessem com saco de posta embaixo do nariz, como eles dizem “classe”

- E ai doutor – falei abraçando o Malfoy e empurrando a minha amada prima para uma poça de lama “OPS” – deixa essa baranga e vem fugir com a gostosona aqui – e deixei meu hálito de cebola na sua cara – vamos ser muito felizes gatão

- Desinfeta sua trouxa imunda esta sujando minhas veste –“ IDIOTA” – Vamos Ciça 
Antes dele ajudar a mulher, agarrei e fingir querer beijar o albino que logo berrou

- ME LARGA SEU VERME, LOUCA

- Vamos sair meu loirinho? – Falei debochadamente. Mas como isso é demais para aquele cérebro albino, ele achou que estava arrasando corações. Pobre coitado, todos querem ser um Sirius Black, mas ninguém consegue. 

- NUNCA - pegou a Ciça e saíram correndo

Acabou o desafio. Finalmente.
 
Pov. 3° pessoa 
 
REMO X LÍLIAN 

- Verdade ou desafio? – perguntou o maroto

- Verdade – respondeu a garota

- Que chata Li – falou a Lena

- É verdade – começou o maroto CDF – que você gostaria de beijar o Pontas? – desafio

- NÃO – respondeu a garota fazendo o James fechar a cara. Porém ela começou aperta a barriga e berrou – SIM

Todos encaram a ruiva perplexos, enquanto o Pontas sorria e comentou:

- Podemos resolver isso agora ruivinha

- CALA BOCA POTTER – berrou a garota muito vermelha, girando a garrafa novamente
 
SIRIUS X FRANK 

- E ai Frank o que vais querer? – exclamou o Sirius

- Desafio

- Hoje a noite, vocês três – apontou para o próprio Frank, sua noiva e o Aluado – vão aproveitar aquela cama gigante e fazer..

- NÃO NÃO – berrou Lice e o Remo completou – Você não pode nós força a fazer nada e o desafio do Frank

- Eles tem razão – comentou a ruiva 

- Droga – murmurou o animago – Então quero que você Frank fique 24 horas vestido e se comportando como uma mulher

E girou mais uma vez a garrafa
 
MARLENE X LÍLIAN
- Lily nada de verdade, então como só sobrou desafio – falou a garota confiante 
enquanto a ruiva apenas concordava – Você vai lá em cima coloca sua roupa mais sexy e desce. Porque você vai dançar Britney Spears pro James – finalizou a morena 
- O QUE? 
- Olha a dor de barriga Li – comentou e se virou para o garoto – e você James me deve uma
- Todas Lena, todas - comentou o maroto alegre
 
Pov. James Potter 

A minha ruivinha apareceu com micro short jeans e um top preto . mesmo com aquele barrigão de 8 meses, ela estava muito sexy. Deixava-me louco por ela, todo meu corpo tremendo de desejo pela aquela menina.

- Eu não sei dançar de um jeito sexy, Lena – falou a minha baixinha muito corada

- é só rebolar pimentinha – comentou o Sirius – se você não tivesse “grávida” do Pontas, eu te pegava – falou piscando

Joguei uma almofada no meu ex-melhor amigo e fixei meus olhos na Lily. Talvez ela o preferisse a mim. Mas para minha felicidade ela revirou os olhos e disse:

- Sem comentário Sirius - e eu completei – Resumindo pegava uma ova 

Levantei-me e abracei a minha ruiva e falei para todos

- Ela é minha, apesar dela ainda não admitir que eu sou o amor da vida dela – todos riram, a se eles souberem o que o Sirius tinha atrapalhado

- Vai dançar AGORA – berrou Alice feliz – vou colocar aquela musica que mãe da Lena nós ensinou.
 
E som da melodia de How I Roll encheu o ar (http://www.vagalume.com.br/britney-spears/how-i-roll-traducao.html)
Burn it all down
Need to buy another round
Tell to loud up the sound of the speaker
Knee socks
Put tequila on the rocks
Till you make your body pops to the speaker
A Lily começou a rebolar e acabei fixando os meus olhos no seu corpo, eles corriam olhando cada detalhe, subindo para seu decote e descendo pelas suas coxas e fixando naquela área que tanto mexia com seu balanço, claro que sem segunda intenção 
Burn it all down
Need to buy another round
Tell to loud up the sound of the speaker
Show your knee socks
Put tequila on the rocks
Till you make your body pops to the speaker
- Se solta – falou a Lena 
Logo a ruiva começou atender o pedido da amiga e já dançava de maneira mais sensual, rebolando, girando, descendo, subindo, passando a mão pelo seu corpo, me enlouquecendo aos poucos. Fazendo todo meu corpo queimar. 
(I wanna go) downtown where my posses at
(Because I got) nine lives like a kitty kat
(You wanna roll, that's how I roll)
 
- VAI LÁ PIMENTINHA – berrou o Sirius. Enquanto a ruiva mexia todo o corpo no ritmo da musica 

(I wanna go) ding-ding when I hear that bass
(I'm not a douse) my finger if you wanna taste
(You better know, that's how I roll)

Eu estava tentando me controlando, mas este já estava no meu limite. Quando ela parou de dançar, seu corpo estava ofegante, seu rosto vermelho por causa do seu esforço e os fios ruivos grudados no seu corpo. Linda. 

"Acho que necessito de bom banho de água fria, mas também tenho quer ter um deste show vip, só eu e ela, com uma cama bem próxima."

- Lilian e melhor você lá comer algo e descansar – comentou o Aluado – você esta grávida lembra? - Nós dois acenamos 

- Vamos Li? - Peguei a no colo e fui levar-lá para a cozinha, apesar de ter outras idéias na mente, mas primeiro o bem estar da minha bonequinha. Ela estava pálida, não devia ter deixado ela ter continuado com aquilo. Mas eu queria que ela continuasse. Droga.
 
Pov. 3° pessoa

A brincadeira durou até a madrugada. Logo após o show da Lily, os trocados expulsaram a Kate da casa, enquanto o casal se beijava na cozinha, mas logo foram interrompidos pelos chamados dos amigos. 

Continuaram apenas com desafios. Resultando em um James dançando macarena, Alice vendo bala na rua, Remo desfilando de cueca no meio da estrada, Lena comendo 1kg de couve de Bruxelas, da Lily ficar sentada no colo do maroto de óculos até o fim da noite, do Sirius beber um garrafa de whisky de fogo e o Frank se declarar para uma privada.

Na manhã seguinte era véspera de natal. Senhor e senhora Potter só chegariam a noite e ainda não conseguiram ver a ruiva grávida, deixando a senhora Potter angustiada pensando na irresponsabilidade do seu filho – ela ainda não sabia da verdade sobre a gravidez. 

A responsabilidade da ceia ficou encarregado pelos jovens bruxos, as garotas foram fazer a comida e os garotos a decoração.
 
Pov. Lílian Evans

A ceia já estava pronta e a decoração apesar de simples estava perfeita. Os outros se arrumavam para começar as comemorações, eu já estava pronta usava um vestido soltinho azul marinho, meia calça preta e botas cano longo também preta, meu cabelo estava solto com leves ondas.

Olhava a vista que a varanda da casa dos Potter possuía.

Senti seu perfume primeiro e não tardou suas mãos envolverem minha cintura e seu rosto repousar a curva do meu pescoço. 

- Uma flor pelos seus pensamento? – falou conjurando uma rosa vermelha – e duas flores por um beijo seu – conjurou 2 lírios brancos – aceita? – beijou meu rosto

- Apreciando a vista – comentei pegando a rosa e virando o meu corpo e ficando com nossos rostos quase colados – sobre o outro pedido – dei um beijo no seu rosto – ai esta. Agora meus lírios 

Ele riu e me puxou para um beijo decente, um beijo calmo e cheio de sentimentos, nossas línguas dançavam sensualmente, seus braços me puxavam para mais perto.

- James? – chamou uma mulher e senti meu rosto corar

O maroto virou-se e pude encarar a senhora Potter, uma mulher baixinha, magricela, de cabelos negros e olhos do mesmo tom do que do James

- Merlin – falou a mulher assustada fixando os olhos na minha barriga.
 
Pov. James Potter

- Olá mãe – falei baixinho me colocando na frente da ruiva e entrelaçando nossas mãos

– Essa é Lílian Evans – completei quando eu vi o primeiro indicio que ela ia me matar, ou seja, o tom azul do seu rosto

- Olá querida, sou Sarah Potter – falou simpática toda raiva sendo dirigida apenas a mim

- Prazer Senhora Potter 

- Pode me chamar de Sarah. Agora você James Andrew Potter – meu sorriso despencou – seu irresponsável – CALUNIA. Eu sou um santo. – Temos muito que conversa falou apontando a saída da varanda

Dei um selinho na minha ruivinha e segui minha mãe até seu quarto.

- Então seu irresponsável, acho que esta na hora de você crescer. Aceitar a responsabilidade de ser pai. Achar um emprego e claro casar 

– CASAR? 

- A menina já deve estar quase ganhando o meu neto. Eu sou muito nova para isso. Jim eu tenho cara de avó? – perguntou desesperada

- Não mãe e você não vai ser avó de verdade – e relatei a historia completa. 

- Mas você estão namorando? – perguntou ela contente

- Acho que sim, mãe – falei envergonhado e vir O sorriso aparecer no rosto da minha mãe

- Ela é linda, Jim
 
Pov. 3° pessoa 

A véspera de natal foi tranqüila, todos beberam, comeram, conversaram e se divertiram.

Lena e o Sirius fizeram as pazes e rumaram para um canto da sala enquanto se falavam em sussurros. 

Alice e Frank combinavam coisas sobre o casamento e trocando palavras carinhosas. Remo conversava com Pedro, que tinha voltado da viagem com os pais com expressão muito cansada. 

James cumprimentava os amigos dos pais e conversava muito com a ruiva. Esta andava muito cansada, com dores nas costas e nos pés e acabou indo se deitar cedo. Minutos depois sendo seguida pelo maroto de cabelos arrepiados. 

O maroto entrou no quarto da ruiva e encontrou a menina saindo do banho usando uma camisola rosa bebê e com as mãos nas costas. A barriga estava enorme e muito pesada.

- Vem meu Lírio, vou te fazer uma massagem nos seus pés, costas e – deu um sorriso malicioso e sussurrou no seu ouvido – a onde mais você desejar – fazendo a garota corar.
 
Pov. Lílian Evans 

James foi até o banheiro e voltou com o meu pote de hidratante e se ajoelhou a minha frente – eu estava sentada na beirada da cama.

O maroto começou a massagear os meus pés e logo subiram para minha panturrilha, joelhos, coxas, apertando-as. Sua mão tentou subir ainda mais, mas impedir antes que isso saísse do controle igual da ultima vez

- Jay seus pais estão em casa – ele fez uma careta e foi para atrás de mim massagear minhas costas e deu um beijo no meu pescoço e depois fazendo uma trilha deles até minha orelha, mordendo o meu lóbulo inferior

- Lírio a porta esta fechada – e me puxou para seu colo, e me calando com um beijo intenso que fazia todo meu corpo implorar por mais.

Senti seus dedos correndo pelo meu corpo e os meus buscando uma fresta em sua camisa.
 
Pov. James Potter

Suas mãos frias tocavam toda extensão da minha barriga e costa deixando um rastro de calor enorme por todo meu corpo.

Depois que passarem, pelo menos para mim, horas nos beijamos paramos entre selinhos e mordidas leves, para buscar ar. Mas meus lábios nunca saíram daquele corpo perfeito, correndo pelo seu pescoço até a altura do decote e voltando para seus lábios vermelhos e inchados. 

Minhas mãos percorriam suas coxas apertando, subindo para sua cintura a trazendo para mais perto, fazendo pequenos círculos na sua barriga, correndo meus dedos pela sua costa e acariciando seus seios perfeitos a fazendo gemer.

Não sabia qual de nós imitias certos sons, mas isso não era importante. Finalmente a ruiva se livrou da minha camiseta e beijava meu pescoço me fazendo ofegar. Meu órgão masculino pulsava, pedindo atenção, sendo visível para ruiva que corou, mas antes dela me afastar a beijei com urgência. Estava começando a levantar a camisola, quando..

- ESPERO QUE ESTEJAM VISTO O TIO ANDREW ESTÁ VINDO PARA CÁ – berrou o Sirius 

Nós separamos no susto, a ruiva se encostou na cabeceira da cama, respirando com dificuldades e eu voltei a fazer massagem nos seus pés. Meu pai entrou e pude perceber o alivio no seu rosto por nós encontrar vestidos. Qual o problema com meu pais, eu sou quase um padre. 

- Jim? Eu preciso falar com você – falou meu pai, me despedir da ruiva e o segui
 
Escrito do Senhor Potter

- O que foi pai? – perguntei assim que sentei no seu escritório 

- James, você esta namorando a senhorita Evans pelo que sua mãe andou me contando – eu acenei, não tinha porque negar depois do flagra que minha mãe nós deu – Então só para lembrar, eu não quero ser avô de verdade muito cedo, ok? – eu ri – Mas gostaria de te contar sobre a Ordem da Fênix. É uma organização fundada pelo professor Dumbledore para enfrentar você-sabe-quem e seus seguidores

Meu pai começou explicar seu funcionamento e convidou eu e os marotos para participar dela, assim que saímos da escola. É claro concordei.
 
Pov. Lílian Evans

O dia de natal foi perfeito comemos, dançamos, cantamos, jogamos, brincamos na neve, namorei e sem tirar os presentes.
Remo ganhou vários livros e um relógio (dos marotos); Pedro vários doces; Alice ganhou roupa, maquiagem e jóias (do seu noivo); Frank recebeu livros, doces e perfume (da sua noiva).
Sirius ganhou dos marotos uma caixa contendo todos os tipos de coisas necessárias para pregar uma peça em alguém, da Lena uma lingerie vermelha, de mim um livro sobre transportes trouxas – segundo o James o sonho do Sirius é ter uma moto, dos noivos doces e dos donos da casa um canivete multifuncional. Da sua casa, o maroto recebeu uma carta dizendo que infelizmente ele sobrevirá mais um ano e um livro sobre puros sangues.
A Marlene ganhou roupas de quase todo mundo, menos dos marotos que lhe deram um livro “100 passos para ser um Homem com H maiúsculo”
James recebeu dos seus familiares doces, dos seus pais um kit para cuidar da sua vassoura, dos noivos livros sobre quadribol, da Lena um manual de ser um namorado perfeito e de mim uma blusa preta e um relógio. 
Já eu ganhei roupas das meninas, da minha irmã um vaso horrível, do meu pai um aparelho trouxa (notebook), doces do Pedro, livros do Frank e Remo, lingerie preta do Sirius (acho que ainda estou vermelha), brincos do senhor Potter, um guia de como ser uma boa bruxa do lar da senhora Potter e um colar lindo de ouro com um pingente de coração do James. Este abria e tinha uma foto minha e dele. 
Voltamos para escola no dia seguinte devido eu estar preste a ganhar ao qualquer minuto. Eu não nem um pouco nervosa, só ando mais enjoada, com mais desejos, indo banheiro direto, carente (coisa que o James amou), bipolar, cheia de dores, nem um pouco nervosa. 
FIM DO CAPITULO
 
Acabou esse capitulo, espero que gostem e continue comentando adoro comentários de vocês. Beijos

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 4

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Eluna em 12/10/2011

Muahuahuahuahuahauhauhauh!Doide pelo parto da Lils!Só uma coisa que me deixou agoniada nessa fic foi que na epoca dos marotos em hogwarts computadores nem existiam e a Lils ganhou um notebook...

Sou meio historicamente correta e essas coisas me agoniam,mas a fic é ÓTIMA!

Bjos

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Mónika Black em 11/10/2011


adoreeeiiii !!!!!!!!!!! Ja estou a imaginar o parto da Lily, vamos lá ver se o James não desmaia ao lado dela xD

Estou super curiosa e ansiosa pelo proximo capitulo.

Att assim que der, estou a adorar a sua fic.

Beijinhos :)

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Angeline G. McFellou em 10/10/2011

rssrs To até imaginando o parto do Lily, ela gritando e ameaçando o James de Morte e ele desmaiado do lado.

rsrsrs Bem ninguém pegou eles impçrópriamente, graças ao Sirius, mas mesmo assim.

Curiosa peli próximo capítulo.

Att assim que der, por favor.

Beijos....

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Elisa Carvalho em 10/10/2011

Ameiii!! To doida pra ver o parto da Lily, com certeza alguém vai desmaiar no meio!

Bjooos e att assim que der.

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.