FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

2. Cap 2 – A descoberta


Fic: Eu Grávida Como JL CAP 9 ON


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Cap 2 – A descoberta


 


Pov. Lílian Evans

Dei graças a Merlin, quando o dia terminou. Aquele enjôo incomodo me acompanhou o dia inteiro, ás vezes ele sumia, mas logo voltava. O pior é que o Potter não pareceu sentir nada, porque o mundo tem que ser tão machista? Isso é injustiça.

Mas voltando ao presente, a única coisa que eu lembro era estar estudando na minha cama, provavelmente eu dormi. Porque isso não pode ser real, eu nunca, N-U-N-C-A, me encontraria nessa situação com o Potter. Nós estávamos dando OS AMASOS em quarto, na cama.

Eu estava deitada na cama, e ele por cima sem blusa. MERLIN da onde o Potter tirou aquele tanquinho? Não sei quando as roupas começaram a ser tiradas e quando foram terminadas.

“Merlin, estou virando Tarada”

Mas quando dei conta estávamos ambos nus.

“Ele era lindo – aiaiai estou ficando pior que o Sirius”

Pele com pele, as mãos do Potter contornavam minha cintura subindo para meus seios ao mesmo tempo em que seus beijos saíram do meu pescoço e chegaram ao mesmo lugar. E começaram a brincar por ali.

“Aquilo era bom”

Quando estávamos indo para melhor parte “Vou me internar” a Lena berrou e me tirou do meu sonho, não não Pesadelo. Isso sim UM PESADELO, muito bom. Lílian Evans você endoidou. AHHH

O enjôo voltou com tudo, e nem vi mais nada. Voei para banheiro, e vomitei.


 


Pov. Sirius Black

Eu acordei com os gemido do Pontas do meu lado, “ Lily huumm Lily”. Merlin me livre de virar um idiota assim, depois diz que não é viado. Peguei um livro que o Aluado esqueceu do lado da minha cama e joguei no Pontas. É como sou o melhor batedor desse colégio acertei em cheio nele, que acordou na hora.

- Almofadinhas eu vou te matar, estava na melhor hora do sonho. SEU IDOTA

Eu comecei a rir, mas parecia que tinha algo errado com a minha voz. Enquanto isso o James colocava o óculos e fazia cara de espanto.

“AI MERLIN, POR FAVOR, POR FAVOR, NÃO DIZ QUE A PORÇÃO ME FEZ VIRAR FEIO. NÃO PODE, E CONTRA NATUREZA!”

- Lena?

- Lena o que seu idiota, é o Sirius, lindo, gostoso, lindo, maravilhoso, lindo

- Desculpa “Sirius”, mas eu estou vendo a Lena – Disse um ex-Pontas rindo da minha cara, "eu vou matar ele" 

- Acho que vais ter que aumentar o grau dos óculos, SEU VIADO

- C-E-R-V-O por favor

- Cale a boca vocês dois tem gente querendo dormi, nem todos são como vocês dois que vão dormi durante as aulas – Aluado liberando seu lado maroto

- Lena? O que estas fazendo na cama do Sirius - perguntou menina com uma voz tímida

- Alice tas louca? Estas precisando de óculos também? Ou e o efeito de dormi na mesma cama que o Aluado? – Rá eu continuo o mesmo, deixei os dois mais vermelhos que o cabelo da Lily – Sou eu Sirius Lindo Gosto Black

E todos caíram na gargalhada. Me levantei e me olhei no espelho e dei O senhor berro, que sai super fino.

“VOU MATAR AQUELE FILHO DA P. DO PROFESSOR”


 


Pov. Marlene Mckinnon

A Lily estava colocando o estomago para fora lá no banheiro, enquanto eu me olhava no espelho. Mas onde era para estar Marlene Mckinnon estava Sirius Black. Era eu no corpo daquele maroto.

- Sirius?

- Até que fim Lily! Ta doente?

- Só enjoada, mas já passou. Como conseguiu entrar aqui? Cadê a Lena?

- Sou eu Marlene Mckinnon no corpo do Black

E comecei a chorar. A Lily logo veio ao meu lado, como se não acreditasse em nada que eu disse, mas quando viu lagrimas de verdade acho que percebeu que não era mesmo o Black, coração de pedra.

Passando uns segundo escutamos o berro que parecia muito com meu, vindo do dormitório masculino.

- Acho que Sirius descobriu que é mulher agora

- Cala boca Lily, vamos lá agora.


 


Minutos depois

Quando chegamos ao quarto dos marotos. Eu tive certeza que eu não era à única que estava surtando com aquela historia.

Encontrei-me, bem encontrei meu corpo, andando de um lado pro outro, exclamando palavras desconexas, em estado muito deplorável. O meu lindo e maravilhoso cabelo negro estava um horror, o meu rosto estava inchado de tanto dormi, estava usando roupas largas que caberiam quarenta pessoas ali dentro.

- O que você fez com meu cabelo Black? Parece um ninho de rato

- Fica quieta Lena, e muito cabelo para pentear. O que isso no meu rosto – o idiota ficou olhando para mim, ou para o corpo dele, da na mesma – Seu olho, não meu olho, está vermelho. Estavas chorando com meu corpo perfeito? Assim vai acabar com a minha imagem DE HOMEM

Idiota. Ele está preocupado com a imagem dele e os outros riam de nós, amigos assim para que inimigos? Mas agora pensando bem, eu ‘sou’ Sirius Black com seu corpo muito GOSTOSO a minha disposição. Vou aproveitar. DROGA, meu corpo lindo está à disposição dele, o maior cachorro que eu conheço.

- Vem aqui agora Black, me devolve o meu corpo

É literalmente me joguei em cima dele. Só que eu esqueci que estava maior, mais pesado e acabei esmagando meu lindo corpinho.

“Acho que vou voltar a dormi, quem sabe isso é um pesadelo”


 


Pov. James Potter

Depois de finalmente separar Marlene e o Almofadinhas, este contendo atualmente um corpo feminino com hematoma no rosto roxo que a Lily fez sumir com maquiagem. “O Almofadinhas esta usando maquiagem, RÁRÁ”. Podemos conversa civilizadamente.

- Então resumindo o que o Aluado falou – eu disse num tom serio “Viu Lily eu posso ser adulto” – Lena você ira ser o Almofadinhas, e o Sirius será você ok?

A Lena concordou, mas o cachorro pulguento pelo jeito estava ainda em duvida

- Minha querida Lena, vai virar lésbica? Por que Sirius Black lindo gosto perfeito, ou seja, eu, não é alguém que vive fazendo voto de padre por ai

Isso ainda vai dar briga, mas quem está na pior é o pulguento ele vai ter TPM, menstruar, também não vai ficar com ninguém. Até o fim da semana, temos um suicídio.

- Nem comecem a discutir vocês dois – berrou uma ruivinha muito estressada – Se não quer estragar sua imagem Black finja namorar a Lena, assim não faz voto de castidade – “ele não vai concorda, e quase pior que virar padre, e ficar de coleira – literalmente falando no caso do Sirius” – Ficando juntos um ajuda o outro a como se comportar. BLACK SENTADO E CALADO, - Sirius tentou falar algo, mas a ruiva logo o cortou “Que medo da Lily agora” – ou finja namorar a Lena ou como você diz vira padre. Eu vou tomar café que estou com fome.

- Apoiado, apoiado

Falou o Rabicho idolatrando a ruivinha como se fosse uma deusa.

“Eu vou matar esse rato desgraçado, ai Lily é meu desafio. SÓ MEU”


 


Salão principal

A Lena e o Sirius chegaram de mãos dadas, fazendo apenas com esse pequeno gesto Hogwarts inteira ferver. Meninas corriam chorando, outras não acreditavam. De onde estavas sentando escutávamos vários comentários

- Não dura nem uma semana

- Aquela vaca da Mckinnon

- ... eu sou muito mais bonita que ela..

- Six disse que me ama

- Tadinha da Mckinnon vai ter muito chifres, o primeiro é meu.


“ISSO VAI SER UM MÁXIMO”

Estávamos quase na metade do Café, e a Lily estava com uma cara muito estranha e até agora não tinha comido nada, apesar de ter alegado estar com fome. Alice quase forçou ela comer um pedaço de torrada e logo a ruivinha saiu correndo emburrando todo mundo que estava na frente. Eu com um bom cavalheiro, tudo bem estava só curioso mesmo, talvez um pouco preocupado, sai atrás dela e vi entrando no banheiro feminino. Sentei-me na frente e aguardei.

“Se em 5 minutos ela não aparecer eu invado! Será que ela está bem? Eu não estou preocupado”


 


Pov. Remo Lupin

Depois da Lily sair correndo com a cara verde e o James disparar como um cachorrinho atrás dela “E depois diz que não a ama”. Chegou o correio e com ele as cartas do Frank. Uma para Alice “Obvio” e outra para mim “DROGA”.

Remo Lupin

Olá como vai? Aprontando muito?

Tudo bem, vou para de enrolar e vamos para parte que interessa Alice Fins minha noiva e o trabalho ridículo de porções.

Lice já me mandou uma carta explicando o trabalho e como vocês estão se virando através de magia. Então depois de muito refletir e me acalmar decidir não fazer nada e agradeci a Merlin de ela ter caído com você em vez do tarado do Black.

Porém que fique claro que se o senhor se aproveitar um pouquinho da situação se considere morto, em vista uma morte bem dolorosa.

Frank Logobottom

Noivo, é o único homem na vida da Alice


 


Pov. Alice Fins

O Frank foi tão compreensivo, diz que confia em mim, que me ama, que se quiser ele fala com diretor e suspende o trabalho.

O Remo também recebeu uma carta e pelo jeito não foi nada de mais. Ele só esta pálido, mas continua respirando.

Pov. 3° Pessoa

Livro de regras da Marlene e Sirius já estava pronto. Todo dia de manhã, a Lena arrumaria o Sirius, que se comportaria de forma impecável, respeitador e delicado. Em troca, receberia a Lena azarando sonserinos, sendo simpática com as garotas.

- Sabe Lena, agora depois do susto. Percebi que eu estou em posse do seu corpo 24h por dia e exclusivamente para mim.

- Nem termine essa frase Black, primeiro agora eu vou ser o idiota do Sirius então pare de me chamar de Lena, segundo eu não falo assim como um ser das cavernas, terceiro se você não quiser virar Gay, não ouse fazer nada com meu corpo

- Você não teria coragem Mcki..Black. Eu te transformaria em uma vagabunda

- Queridinho eu seria a vagabunda mais quente desse colégio. E você se tentar algo vai ser o Maior Gay que o mundo já viu, entendidos nova lenazinha?

- Depois eu que sou idiota, vamos para aula


 


Pov. James Potter

473, 474, 475, 47..

Finalmente o Lírio ruivo apareceu. Eu comecei analisar para ver o que tinha errado, mas ela continuava perfeita apenas mais pálida, mas sem duvidas linda, sexy “Chega James Potter estas virando obcecado, ela é apenas um desafio muito lindo”

- Tudo bem?

- Ah Potter, o que esta fazendo aqui?

- Que educação Evans – exclamei ironicamente - você saiu correndo e eu vim ver o que era, então?

- Não é da sua conta Potter – falou com raiva e completou ironicamente – aprendeu a falar Evans? Viu não é tão difícil – e a ironia continua – agora você pode ir falar para professora do jardim de infância que sabe uma nova palavra, talvez ganhas uma estrelinha?

“Estrelinha? Deve ser coisa de trouxa”

E saiu andando pelo corredor, mas nunca ninguém vira as contas para mim.

- então LÍLÍAN, tudo bem?

- o que esta fazendo aqui ainda?

- tentando ter uma conversa civilizada – exclamei em tom deboche

E sabe o que a Lily fez? Mostrou a Língua e saiu correndo.

“Depois eu que sou o infantil”


 


Pov. Lílian Evans – biblioteca

Esse já era 12°livro que eu procurava a porção que o professor Slughorn me deu para tomar, procurei e não achei nada. Deve estar na seção restrita, mas ninguém vai me deixar lá para tentar dar o fim no efeito da porção. O engraçado que eu já vomitei, fiquei tonta, comi mais que o normal, e o ridículo do Potter nada.

- Monitora, monitora Evans. Esta tendo uma confusão no final do corredor

Lá vai eu trabalhar, que criança fofoqueira.

Quando cheguei lá, quase cai no chão. O corredor estava coberto com uma gosma preta e bem no centro pendurados pela barriga se encontrava o time de quadribol da Sonserina além dos garotos do 7° ano também sonserianos. Estavam todos, até aqueles que tomaram as porção do senhor Slughorn e se encontrava transformados, vestido roupa intima feminina com palavras piscando em suas barrigas, coxas, braços.

Me coma garanhão!

Me Chama de cachorra

Me joga na parede

Vem aqui meu amor

Estou fervendo

Sou sua escrava sexual


Foi quando eu vi meu ex-melhor amigo Severo Snape que possuía um corpo feminino (pela porção) e utiliza uma lingerie vermelha escrita nas nádegas Tio Vold morde aqui, que eu gosto

Os marotos e minhas amigas estavam lá rindo iguais umas hienas e eu tive que acompanha-lós.

- O que está acontecendo aqui? – exlamou a Professor Mcgonagall – senhorita Evans?

Gelei na hora e vontade de rir foi esquecida – por um curto espaço de tempo

- Não sei professora, um primeiranista veio me chamar e acabei de chegar senhora

- Quem foi responsável? Senhor Lupin algo acrescentar?

- Não senhora, também acabei de chegar

“nem a minha mãe acreditaria nessa cara de anjo do Remo”

- Todos para seus salões comunais, monitores me ajudem acabar com isso.

“DROGA”


 


Pov. Remo Lupin

Depois de 1 hora conseguimos terminar. Minha vontade era deixar os sonserianos andando assim pelo colégio, mas a professora Mcgonagall não gostou muito da minha ideia perfeita.
Alice ficou ajudando, já que não podia sair sem mim e a professora não me deixou parti.

Estávamos perto da torre, Lily e Lice conversavam sobre o trabalho de herbologia, quando a ruiva começou a ficar pálida e a suar frio

-Lily? Lily? – exclamou aflita Alice

- Calma estou bem, e só uma tontura

Eu olhei desconfiado, não era a primeira vez que ela passava mal hoje, segundo o Pontas ela passou um bom tempo no banheiro e a Lena afirmou que a viu vomitar hoje de manhã

- Sabe Lily, eu acho melhor você ir à enfermaria – ela negou – não é a primeira vez que você passa mal hoje – desta vez me ignorou e continuou andando.

“Merlin, como alguém pode ser tão teimosa?”

Eu e minha dupla logo alcançamos e não demorou muito a vermos o Pontas engolindo uma Lufa no meio do corredor. Quando percebeu que estava sendo observado largou a guria e como sempre foi atrás da Lílian dizendo que a garota o agarrou.

“Como se alguém acreditasse. James era muito cara de pau.”

- Remo?

- O que foi Lice?

- Estou preocupada com Li, ela passou mal de novo, enjoada, tontura, fome acima da media, mudança de humores

- Falando assim, até parece que ela está grávida

“AIAIAIA será?”


 


Pov. 3° pessoa – Sexta feira

Os dias passaram “normais”.

Lena e Sirus ainda se acostumavam com seu novo corpo, os dois se aproveitavam as escondidas da situação. Alice e Remo construíam uma amizade e se tornaram os “pais” do grupo, Pedro vivia sumindo ou reclamando que estava com fome e dores pelo corpo.

James continuava implicando com a ruivinha, mas na verdade estava preocupada. Ás vezes, ela gritava com ele, outras começava chorar e sumia por um bom tempo. Sem tirar os enjôos constantes, o cansaço e as tonturas.



Pov. Alice Fins

- Lílian Evans toma logo essa porção

- Lice essa porção é como um teste de gravidez, para que eu vou toma - lá?

- Eu sei o que ela é, eu e o Remo – gesticulou para o loiro ao meu lado – estávamos pensando que talvez esse seja o efeito da porção do professor

- Não, não, impossível. Esse tipo de porção e extremamente difícil de fazer, demora muito tempo e nem deve ser legal usa-lá 

A Lily não estava facilitando nem um pouquinho. Eu vou forçar ela beber.

- Ou a senhorita toma essa porção por bem, ou te faço engolir – falou o maroto loiro – ou quem sabe eu chamo o James..

- Tudo bem – ela pegou a porção e bebeu em um gole – tomei e agora

- Você ira urinar e vai sair uma cor – eu falei – azul se for gravidez de verdade, rosa um pseudo gravidez, branco se for nada

Mas antes de eu consegui explicar melhor a Lily vou para o banheiro.


 


Pov. Marlene Mckinnon – Salão comunal

Estávamos eu, o Sirius e o James esperando o assunto particular que o casal acorrentado tinha com a ruivinha. Enquanto o Pedro invadia cozinha, parece que quanto mais velho ficava, mais fome aquela coisa sentia.

Eu estava sendo um maroto nós outros dias, e tive que concorda era super divertido.Vivia azarando o Snape e o chamando de Ranhoso, coisa que sempre quis e a ruiva nunca deixava.

O Six estava me interpretando muito bem, com raras exceções quando alguém o convida para sair pensando ser eu. Ele azarava o guri antes mesmo de terminar a frase.

Já eu tinha que aturar as idiotas das fãs deles, UMA ATÉ TENTOU ME AGARRAR, ainda bem que a Lily me salvou falando que o diretor queria falar comigo urgente.


 


Pov. Lílian Evans

Tudo bem Lílian Evans, respire. Qual eram mesmo as cores? Amarelo, rosa, verde. Roxo, azul, preto. AAAh não lembro.

- Lily? – disse Alice

- Qual é a cor que eu quero que apareça?

- Rosa Lily, rosa

Vamos olhar. Era Rosa, um rosa Pink berrante. Comecei a respirar novamente nem sabia que tinha parado de respirar.

“Ufa nada de mais extraísses na minha vida”

- Então Lily sai daí logo – Berrou novamente minha amiga, quando sai do banheiro os dois acorrentados me olharam e o maroto perguntou – Fala logo, estou curioso, Deu rosa?

- Deu rosa sim, viu eu disse que não era nada disso

- Lily – Alice falou com bastante calma “LÁ VEM MERDA” – Rosa é uma pseudo gravidez

E de repente tudo sumiu.


 
Se estiverem gostando deixem algum comentario para que eu possa continuar postando. Espero que gostem, já tenho mais da metade da Fic pronta  

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 7

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Lily Proongs em 22/09/2011

muito booa

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por gabyhosanas em 08/09/2011

To rindo ak, assim tem algusnerrinhos crasos de português e digitação que podem ser consertados se vc ler bem a fic antes de postar, mas tirando isso está muito boa mesmo, eu estou adorando e rindo demais, bora para o proximo cap!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Angeline G. McFellou em 18/08/2011

rsrrsrrsr Vida dificil a desse povo não?

rsrs Eu já esperava que o Sirios se aproveita-se da ituação mais a Lena tbm?

Que safadinhos....

O.o Lily esta Pseudo Grávida, que bonitinho (se elea cair nas garras do James antes do Fim do anos a cor do teste muda para azul).

rsrsrs Remo achou mesmo uma pareceira para por ordem nesse povo?

 que bom.

rsrsr Amei o capítulo, curiosa pela continuação, att assim que der, por favor.

Beijos...

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Sah Espósito em 18/08/2011

Não vou fazer comentário agora... só uma correção

 

é aula de POÇÕES e não PORÇÕES TA BOM!!!

 

 

E continua sim!

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Alice E.D.S. em 18/08/2011

Obrigada pelos comentarios meninas, ireia postar um dia sim e outro não, até chegar a parte que já tenho escrita que são 9 capitulos 

 

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por patrícia m prongs em 18/08/2011

amando,posta mais ;D

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Lizzie Riddle em 18/08/2011

nss eu to adorando.. posta mais!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.