FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo



______________________________
Visualizando o capítulo:

4. "Não Acredito!!"


Fic: Quase Amor... será?


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________



“Não acredito”


Get this widget | Share | Track details




Por besarte
(Por beijar-te)
mi vida cambiaria en un segundo
(Minha vida mudaria em um segundo)
tu, serias mi equilibrio, mi destino
(tu, seria meu equilíbrio, meu destino)
besame y solo asi podre tenerte
(beija-me e só assim poder te ter)
eternamente en mi mente
(eternamente em minha mente)


Hermione continuou paralisada, se perdendo no olhar de Malfoy, e o perfume dele não cooperava... e do nada Malfoy lhe beijara, (N:A: pensaram que não heim..^^) encostando seus lábios no dela, e aprofundando um pouco o beijo.
Ela recuperada do transe, o empurrou fazendo ele cair no chão.

- COBRA ASQUEROSA COMO OUSA ME BEIJAR!!

- Pra te acalmar Granger... – passou os dedos nos cabelos – nunca vi pessoa tão nervosa como você.

Hermione saiu com tudo da sala, com Malfoy em seu encalço...

- Sei que meus beijos causam esse efeito Granger... – deu um sorriso, e aumentou o tom de voz para ela ouvi-la – NÃO PRECISA FUGIR!

Hermione seguia rumo ao salão comunal, entrou, atravessou, subiu as escadas e bateu a porta do dormitório...

-Merlim... – se sentou na sua cama olhando pra nada – fui beijada por Malfoy!!

“Serpente loira como me beija assim do nada... – tapou a boca se lembrando – e eu burra... porque não reagi logo, antes dele encostar aquela maldita boca em mim... – tentou para de pensar naquele acontecimento – Ah... me esqueci a profa. McGonagall vai estar me esperando... que droga, mas pra aquela sala com Malfoy eu não volto, mas nem ferrando... Ai ...pensa Granger...pensa...”

- Voce beijou o Malfoy Granger???

- Ahhhhhhh – Hermione levara um susto, era Parvati que tinha escutado o que ela tinha falado.

- Quer me matar de susto Parvati? – arregalou os olhos olhando para garota – que beijei Malfoy, tá maluca!

- Hum... – a garota a olhou não acreditando – eu ouvi muito bem quando você disse ‘fui beijada por Malfoy’... e aí ele beija bem?... – perguntou maliciosa – há boatos sobre o beijo dele...

- Voce escutou errado Patil... – não disse mais nada pois não conseguia inventar nenhuma desculpa.

- Sei, tá ok então Granger... – disse com desdém – olha não sou surda... tenho certeza absoluta do que ouvi. – Parvati saiu, deixando uma Hermione desesperada.

- PQP! – gritou colocando as mãos na cabeça – eu tinha que pensar em voz alta... agora já era... a fofoqueira da Patil vai contar para Hogwarts toda...

“Merlim, Merlim o que eu faço... – andava de uma lado para o outro impaciente, de repente parou – já sei vou atrás de Parvati, tenho que fazer algo...”

Y no me has dado tiempo de disimularte
(E não me dá tempo de disfarçar)
que te quiero amar
(que te quero amar)
que por un beso puedo conquistar el cielo
(que por um beijo posso conquistar o céu)
y dejar mi vida atras
(e deixar minha vida pra trás)

Hermione saiu às pressas tentando alcançar Parvati Patil, afinal era sua imagem que estava em risco, “Ela pode muito bem contar para todos que EU beijei o Malfoy, mas na verdade é o contrario... – olhava pelo salão comunal – ou pior ela pode aumentar a história... por Merlim, onde eu fui me meter!” saiu pelo corredor procurando ela.

Mas no caminho Mcgonagall a parou.

- Muito bem, estava procurando voce Senhorita Granger...não falei pra esperar na sala!!
Pois bem vamos a minha sala agora!

- Mas professora...

- Nada de ‘mas’, tenho que falar agora com voce – sem esperar resposta se virou – vamos!

Hermione a seguiu com uma cara de fracasso... e choro... (N/A: T.T...)

- Muito bem, o que tenho para falar é sobre a competição... tenho que lhe passar mais uma tarefa... Bem sei que vai lhe parecer estranho, mas a outra tarefa que teremos será
uma competição de artes, aonde os alunos poderão mostrar seu talento.

- Talento! – exclamou chateada – Mais essa agora Hogwarts virou um circo ou algo assim!

- Enfim, os alunos receberão essa mensagem amanha pela manha pelas corujas.

- Você e o Sr. Malfoy somente irão organizar o concurso, conferir as inscrições e o resto.

- Professora, acho que isso não vai dar muito certo, poucos vão querer participar.

- Talvez sim, mas teremos vários prêmios para os participantes, talvez isso estimule, e os monitores terão que incentivar também.

- Ok professora, entendi o recado. – disse derrotada.

- Qualquer duvida me procure Srta. Granger – McGonagall disse levando Hermione até a porta.

- Mais essa agora... um concurso de talento... – passou a mão pela testa – Nossa esqueci!! – saiu rápido da sala – Preciso ir atrás da Parvati! – a procurava pelo corredor, entrara no salão principal, procurando por Parvati mais nada dela... ela chegou até Rony e perguntou:

- Rony você viu sua namorada a Parvati??

- Não, a vi hoje... – pensou melhor no que Hermione tinha lhe dito – ei..ela não é mais minha namorada.

Hermione revirava os olhos ignorando Rony e sairá a procura dela...

“Onde será que ela se enfiou? – Hermione passou o dia procurando por ela e nada de Parvati aparecer, estava agora no salão comunal esperando – não saio daqui enquanto ela não aparecer!”

Amassava a almofada que estava jogada ao seu lado, olhava toda hora para entrada... quando seu pensamento vagou no que tinha acontecimento do beijo...

“Eu... pensando no beijo daquela cobra que nojo!...Hermione...aquela cobra deve ter te envenenado...”

Quiero pertenecerte ser algo en tu vida
(quero te pertencer ser algo em tua vida)
que me puedas amar
(que voce me possa amar)
con un abrazo fuerte hacerte una poesia
(com um abraço forte fazer uma poesia)
renunciar a lo demas
(renunciar os demais)

Ouviu vozes vindo para o salão...tinha certeza que uma era do... Malfoy, e ela não queria encontrar com ele... rapidamente subiu para o seu quarto.

- Draco, agora estamos ferrados - dizia Blaise sentando perto da lareira – quero ver quem vai ser o capitão do time de quadribol... já pensou se Potter é o nosso capitão!

- Você se preocupa demais Zabini, já tenho tudo em mente em como fazer para EU ser o capitão do time. – disse Draco com uma cara pensativa.

- Hum... eu preocupado? E essa sua cara é o que?

- Nada! – falou meio irritado – Apenas tenho que pensar em como fazer para conseguir isso... afinal ‘os fins justificam os meios’ – disse Malfoy agora sorrindo.

- Tá bom Draco vou deixar voce e sua incrível cabeça Maquiavélica aqui... – disse com desdém – vou durmir..

Blaise subiu as escadas, após alguns minutos Draco também subiu para seu quarto com pensamentos a mil.




Não encontrar com Malfoy era o que Hermione queria, mas como estão no mesmo ano moram na mesma Casa, não deu pra evitá-lo por mais de uma semana, afinal estão respirando o mesmo ar quase o tempo todo, uma hora acabaria o encarando.

Hermione estava já saindo da aula de Transfiguração, foi a primeira a sair, tentando evitar algum contato com Malfoy. Logo já tinha ido para o jardim.

- HERMIONE!! - gritava Gina no jardim, a ruiva correu a alcançando.

- Que foi Gina?

- Preciso falar com voce!!

- Oras então fala, aproveita agora, porque tenho varias atividades para fazer...

- A Parvati anda contando umas mentiras sobre voce, acho que voce não vai gostar... – Hermione ficara pálida... ‘Parvati fofoqueira...eu sabia que não ia durar muito...’

- Mas então é verdade Hermione? – perguntou curiosa – você beijou o Malfoy?

- Não... – respondeu rápido - você acha que eu ia beijar aquela cobra do Malfoy? – pois a mão na cintura – Gina acho que você me conhece o suficiente pra saber que não...

- É... foi o que achei – falou fazendo com que Hermione acalmasse – mas afinal o que houve?

- Hã... nada não Gina... é uma mentira da Parvati...

- Não sei não, voce me parece tão nervosa... – colocou uma mão no queixo.

- Ok Gina... – colocou uma mecha do cabelo para trás da orelha – espero que você me entenda porque Parvati não entendeu... vou lhe explicar com calma... – parecia que conversava com uma criança – me entenda... eu estava na sala de aula esperando Malfoy, lendo meu livro, quando do nada ele me beijou... – Gina arregalara os olhos – imagina... ELE me beijou!

- Mione, tudo bem você me explicou que ele lhe beijou... – tentou não sorrir – mas e voce? Voce o beijou?

- Claro que não... – respondeu como se fosse obvio - Deus me livre!

- Mas então... – tinha uma expressão pensativa no rosto – ele te agarrou a força... e te beijou?

- É.. – lembrava o que tinha acontecido – foi por aí.. me prendeu de um jeito... – ‘aqueles olhos dele são extremamente perigosos’

- Olha Mi... – segurou a mão dela – acho tudo isso muito estranho, muitas meninas trocariam de lugar com você para poder beijar Malfoy... mas de uma coisa a respeito de voce eu tenho certeza... – Gina largou a mão dela falando sério – esse beijou mexeu com você! E afinal porque ele lhe beijou??– sem esperar qualquer reação de Hermione ela a deixou só.

- COM CERTEZA MEXEU, E FOI COM MEUS NERVOS... - Hermione gritava para Gina que estava já um pouco distante. Porque me beijou pensava Hermione....ao certo nem ela sabia, mas de certo foi pra zoar ver minha reação...oras ..porque afinal ele ia me beijar?!!

- VOCE SABE QUE NÃO É DISSO QUE ESTOU FALANDO... – a outra depois respondeu.

Y en cada frase oculta de lo que tu digas
(e em cada frase oculta que voce dizer)
en un beso hablara
(em um beijo falará)
ya no me queda duda solo ven y escucha
(já não me resta duvida só vem e escuta)
decidamos comenzar
(Decidamos começar)

Hermione também resolveu entrar, estava pensando no que Gina tinha lhe falado, quando a pessoa que ela menos queria ver apareceu e segurou seu braço... Draco.

- Granger!! – ele falara como sempre com muito desprezo – Que historia é essa de espalhar que eu te beijei?

Hermione gelou e virou o encarando... e puxava seu braço que ele tinha agarrado.

- Como assim espalhar que eu te beijei? – respondeu num tom pior que o dele – Pirou na batatinha Malfoy?

- Você está me evitando desde aquele dia, e agora vem com essa fofoca...

- Se enxerga! – puxou o braço mas ele ainda não havia largado – Imagina que eu ia contar para alguém que você me beijou... e aquele ‘ato’ – enfatizou a palavra – que eu não posso chamar de beijo... foi uma atitude nojenta de uma cobra peçonhenta e nesses dias que estive ausente estava me recuperando do susto de ser quase morta... – falou tudo muito rápido e ele ainda estava calado – e eu te evito Malfoy desde o dia que pisei em Hogwarts e te conheci... e mais uma coisa... – puxou com toda a sua força e ele finalmente largara seu braço – não se aproxime de mim...

Draco a olhou com desdém.

- Tá ok Granger – disse sorrindo – negue o quanto quiser, se voce ficou assim por causa de um simples beijo imagina se fosse o MEU beijo de verdade.

- So-me da mi-nha fre-nte!! – disse entre dentes, Hermione entrou furiosa para o castelo, pensando no que ele tinha falado.

“Um pequeno beijo... santo Merlim aquilo foi o suficiente para criar essa confusão” – pensava Mione.

“Granger, Granger... - Malfoy a avistou saindo - nossa conversa ainda não acabou...”

- Draco, estava te procurando... – Blaise apareceu o chamando – o treino de Quadribol já vai começar, o time da grifinoria também está lá pra treinar, vamos tem que decidir quem vai ser os jogadores e o capitão

- Vai indo... – disse como se aquilo não tivesse nenhuma importância – tenho que resolver uns pequenos detalhes, logo estarei lá.

Malfoy saiu novamente a procura de Hermione, afinal ela era essencial para seu plano dar certo. O primeiro lugar a procurar foi a biblioteca, (bem na mosca) porque ela se encontrava lá.

Por besarte
(Por beijar-te)
mi vida cambiaria en un segundo
(Minha vida mudaria em um segundo)
tu, serias mi equilibrio, mi destino
(tu, seria meu equilíbrio, meu destino)
besame y solo asi podre tenerte
(beija-me e só assim poder te ter)
eternamente en mi mente
(eternamente em minha mente)


/////////////////////////end of 4 cap. //////////////////////////////

N/B: Oie! Genti! Então... adoro a musica desse cap! É mto boa! Huhuhuhu
... olha pessoas a culpa naum é minha se o cap demora pra sair... ela me da em cima da hora pra betar então fica difícil... mas é isso.. continuem com a gente!
Bjinhos
Debyh Wood


N:A//: Anna Otaku...^^
Oiiiiiiiiiiiiiiii antes de tudo>>>>>

Obrigada a todos que leram minha fic..^^!!
Bom serei breve porque..estou lotada de provas e trabalhos...XD..XD...pqp ne..>.<

Bom sempre atualizo minha fic a cada semana mas...
Perdi meu 4 capitulo..vcs não imagina a raiva..sempre pensei que esse negocio de perder a fic pq o pc deu problema ou o disquet se perdeu fosse ladainha de autor...>.< (serio)
Mas não...aconteceu comigo...T.T...meu 4 capitulo..todinho pro lixo (perdi o disqueteXD)...
E tem outra coisa...dividir o PC entre 3 pessoas não é fácil...luto para poder escrever minha fic...xD...as vezes escrevo no papel..e depois passo pro PC...T.T.

Bom nesse capitulo, fiquei em duvida de escrever se ela beijava ou não o Malfoy...deu que ela beijou..achei melhor assim...XD...não foi bem um beijo..beijo ..mas ta começando..^^
Bom...olha esse capitulo foi meio sofrido...u.u..., não st´atão bom sei lá..mas aí está...
A musica foi da banda LU, em espanhol..^^ muito bonitinha a musica.

Outra cosia não sei se é Blaise Zambini, Zabini, Zabbini...já vi um monte de nome diferente em varias fics...portanto qualquer erro me desculpem.


Agradecimentos a :
.Glaau Radcliffe. ♥ >> Oii !!!...o/...muito obrigado pelo comentário, adorei vc ter comentado, att sua fic ne...to indo lá pra ver viu..

Mione Malfoy >>> Viu..viu a Minerva não foi inconveniente..^^..sei que não foi tb o que muitos esperava (um beijo cinematográfico)..mas é o que disse..tenham calam..huhu..
mas é..sempre te via em todas fic de D/Hr...vc é famosa no meio...*.*..

Laah potter Obrigada!!^^...e tb adoro seus comentários viu huhu..mas é ne..tem que parar nessas partes boa..se não o povo não volta pra ler...
Mas a sua fic menina como me para naquela parte fiquei esperando anciosa a cont... do encontro deles... aí acaba...T.T..é o que eu falo, autoras são maldosas.

Bela Black To muito feliz com seu comentário , ñ gostar de ler D/Hr e ler minha fic e achar boa é emocionante...T.T....(dando pulos de alegria), Arigato!!..^^

Sonekinha_89 outra famosa tb aqui no meio...\o/...(sim vc está em todos D/Hr)..estou feliz de vc ter lido minha fic...\o/...não some viu.....


E tb muito obrigada a todos que acompanham a fic..^^
Não deixem de comentar por favor..^^..o/ isso é importante para me animar e continuar a escrever minha fic......\o/....\o/...

Até...\o/..o próximo..............não percam...!!!

Anna P. otaku..o/

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.