FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

14. Alegria nublada


Fic: REGRESSO A HOGWARTS


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Capitulo 14


Gina amanheceu deprimida, na cama da Ala hospitalar. A visão continuava obstruída, justificando o delíquio desanimado ao acordar.
A poção que bebera na noite anterior perdera o seu efeito ao nascer do dia...

Tentando descontrair , se manteve quieta , auscultando os sons em redor. Buscando a origem de cada um deles.

Primeiro ouviu as aves lá fora chilreando e depois os passos leves de alguém se aproximando. E percebeu antes mesmo, que ela falasse , que era a enfermeira.


- Já acordou querida?- ela perguntou com uma voz matutina e fresca.


- Sim...


- Vou preparar um banho para você. Pois Harry me indicou que a viria buscar daqui por uma hora, para tomarem o pequeno almoço com Hagrid. E nós sabemos como ele é pontual.- a velha senhora sorriu.- Principalmente quando se trata de você.


- Está bem...- ela falou mais animada, enquanto a enfermeira a ajudava a levantar e a orientava até ao banheiro.


Algum tempo depois , Gina acabara de se enxugar sem ajuda, descobrindo que conseguia fazer algumas coisas sozinha, sem necessidade de estar a ver o que se passava em redor. Tal como se vestir e calçar e até pentear. Embora fosse frustrante não saber com que aparência estava.


- Muito bem!- a enfermeira aplaudiu efusiva.- Para quem não enxerga nada, você se arranjou sozinha e está com muito bom aspecto.


- É muito bom ouvir isso. – Gina sorriu mais alegre e com a boa disposição a tomar conta dela.



Minutos depois várias pessoas entraram na Ala hospitalar, imprimindo o eco dos seus passos no soalho antigo e desgasto pelo tempo.


- Gina você tem visitas!


- Que bom!...- ela falou feliz .-...Mas...eu ... quero pedir , para ninguém falar nada até eu adivinhar quem são.- falou, ao mesmo tempo que uns suspiros divertidos se ouviam perto dela.


Gina se aproximou do grupo sorridente e ao mesmo tempo surpreso , por a encontrar alentada daquela forma.


Inspirou devagar e depois sorriu.

- Seu perfume tem aroma de morango e...embora tenham sido molhadas em essência de framboesa, para perder o seu aroma intenso. As rolhas de cerveja amanteigada do seu colar, ainda mantém um leve odor da bebida que tapavam...você é a Luna!


- Acertou amiga!- Luna falou frenética, enquanto a abraçava.


- Que bom que você está bem!- Gina declarou sincera.


- Infelizmente você não está tão bem...mas está levando isso na desportiva...e me parece que com essa atitude positiva , daqui a poucos dias estará vendo na perfeição!.- ela acrescentou enquanto Gina se afastava dela e se aproximava doutra pessoa.


A jovem Weasley se concentrou e sorriu novamente.

- Colónia de pêssego e uma fugaz exalação de tinta de pergaminho...só pode ser Mione.


- Você está ficando boa nisso!!!- Mione falou beijando a futura cunhada na face.


- E você meu irmão? Quando é que perde esse costume de comer sapos de chocolate logo pela manhã?- Gina falou de repente, sentindo o aroma do doce preferido de Rony.


- Mas eu...eu...- Rony apertou a irmã com força nos braços.- ...sabe que eu não consigo perder este vício!


Todos riram e depois Gina andou um pouquinho para o lado. E reconheceu uma fragrância peculiar, mas de certa forma diferente.

- Difícil...- ela murmurou pensativa.-...não...não é a mesma coisa...a essência do perfume e seu odor pode até ser igual...mas tem uma particularidade...


- E que é que....?- Mione estava confusa com as palavras da jovem.


- Tem uma miscelânea de outras plantas e ervas perfumadas , que alteram a olfacção...acho que deve ser Nevile...


- Certo Gina!- ele cumprimentou-a divertido.- Acho que Harry não deve se importar que eu lhe dê um beijo?


- Claro que não!- ela rematou enquanto o amigo a beijava na face.


Abrindo um enorme sorriso ela esticou o braço, até chegar á outra pessoa. Cujo almíscar lhe era bastante familiar.

- Seu cheiro é inconfundível. A colónia masculina é igual á de Nevile. Mas sua pele a transforma num aroma atractivo, que faz meu coração bater acelerado no peito....- deu um sorriso brilante.-...só pode ser a pessoa que eu amo...Harry!


- Quer dizer que você não está apaixonada por mim , mas sim pelo meu odor?- ele perguntou divertido e todos riram.


- Claro que não seu tolo....o que eu estava querendo dizer é que sua química corporal altera o cheiro do seu perfume. Mesmo que todos os homens estivessem usando o mesmo aroma...eu reconheceria você no meio deles!...até mesmo pelo tactear...o tocar!- ela confessou corando muito.


- Eu sei...- ele completou enlaçando-a pela cintura e tomando seus lábios de forma arrebatadora.


A enfermeira pigarreou com um sorriso. E Harry olhou um pouco embaraçado.


- Desculpe senhora.- falou meio atrapalhado.


- Tudo bem Harry....eu só queria mesmo avisar , que está quase na hora do vosso pequeno almoço com Hagrid.


- É verdade. Tem razão.- ele falou consultando o relógio.- vamos andando?- ele perguntou ao grupo, enquanto entrelaçava os seus dedos nos de Gina.


- Claro...- responderam quase todos ao mesmo tempo.


- Obrigado enfermeira.- Harry agradeceu começando a andar em direcção á saída.


- De nada meu querido.- ela retribuiu simpática.- Não esqueça de passar cá mais logo com Gina , para tomar a poção para as dores de cabeça.

- Não esquecerei...



Entretanto num outro local longe dali...

- Então ela está cega?- perguntou uma voz fria.

- Sim minha senhora.

- Pelo menos aquela sua poção inútil serviu para alguma coisa...não matou mas lesou!- falou cruel.- Espero também que eles não tenham desconfiado de você!!!- vociferou de forma aterradora.

- Não. Eles pensam que foi apenas um acidente de percurso.

- Ainda bem!....Porque assim os meus novos planos vão ser um sucesso.

- Vão ser com certeza...

- Aqueles seis vão me pagar...principalmente Harry! Ele assassinou o meu querido e grandioso Voldemort!... Para ele eu preparei uma morte bem violenta!- gritou escabrosa.- Mas antes Harry vai sofrer com a tortura dos seus amiguinhos....- finalizou histérica.


(continua ...)


DEIXEM COMENTÁRIOS POR FAVOR!!!

Beijos

elsa

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.