FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

5. Pequenas confusões


Fic: REGRESSO A HOGWARTS


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

CAPITULO 5


As férias do Natal chegaram. E com elas a agitação própria da quadra festiva.


Harry acompanhou Gina, na viagem até á “Toca”. Rony e Mione já lá estavam, pois tinham chegado um dia mais cedo.


A jovem Weasley tinha lágrimas nos olhos quando abraçou os pais, o irmão e a amiga.


- Meu Deus...quantas saudades eu tinha de vocês todos!- ela falou emocionada.


- Harry, meu querido...- a senhora Weasley apertou-o nos braços de forma maternal como peculiarmente fazia .-...como vai você?


- Eu estou bem senhora Weasley, obrigado.- ele retribuiu com um sorriso, enquanto o chefe da família se aproximava e lhe apertava a mão com estima e apreço.


- Artur, reparou que ele está mais magro?- Moly Weasley falou para o marido e depois se voltou novamente para Harry.-...você não se anda alimentando direito pois não?


- Mamãe, deixe o Harry respirar!- falou Rony divertido.- você sempre querendo engordar todo o mundo!


- Mas eu me preocupo com ele , como se fosse meu filho também...- falou sentida.


- Ele sabe mamãe...mas agora deixe-nos conversar...- Rony falou arrastando o amigo para a sala, enquanto Mione e Gina subiam até ao primeiro andar.


- Estamos ficando velhos Artur...- Murmurou a senhora Weasley.


- Pois é minha querida...mas em compensação, temos uma família maravilhosa.


- É verdade, você tem razão...



Entretanto no andar de cima as duas garotas conversavam...


- Eu ainda não entendo uma coisa Mione...


- O que você não entende?


- Se Harry trabalha no departamento de Defesa no Ministério da Magia. Porque razão está ele a dar aulas em Hogwarts?


A amiga sorriu dum jeito misterioso.


- Você não suspeita pois não?


- Porque havia de suspeitar. Isto para mim tem sido tudo tão estranho, desde que começou o novo ano lectivo...- Gina fitou a amiga e confidente.-...mas acho que você e meu irmão, sabem de algo mais e não me querem dizer.


- Eu lhe diria, mas acho que deve ser Harry a explicar-lhe tudo.


- Mas o quê e porquê? Eu estou cada vez mais confusa!- falou desesperada.- Sei que tem um motivo, mas não entendo porque mo tentam esconder...mas eu já devia estar habituada a ficar de lado mesmo.


- Me diga uma coisa Gina...você...ainda está apaixonada pelo Harry?- perguntou de repente.


- Você sabe que sim...- os olhos de Gina encheram de lágrimas.-...eu tentei esquecer, dar a volta ao que senti...mas amar Harry é como uma doença incurável, uma maldição...por isso tenho medo. Medo de passar a vida á espera de alguém que simplesmente me vê só como amiga...


- O amor verdadeiro ás vezes passa por grandes provações, até alcançar a felicidade...talvez não esteja tão longe assim...


- Já estive mais optimista Mione.- ela falou com um sorriso triste, limpando as faces húmidas com as costas das mãos.- E depois Parvati me contou uma coisa que me deixou intrigada.


- Como assim?


- Ela falou que todas as relações de Harry falharam...as coisas não deram certo...porque ele só amou uma mulher na vida, de quem ele sempre ocultou o nome, para a proteger. Parece que foi a única justificação que ele arranjou para dizer a Cho e ás outras namoradas, para não continuar com elas.


- E você acreditou nessa história?


- Não sei...mas se for verdade ...quem será essa mulher misteriosa? Você deve saber se ela existe ou não?


- Isso é outro assunto que só Harry lhe poderá responder. – Mione acrescentou com um sorriso enigmático.


Gina olhou pensativa e murmurou:


- Ou então será uma...das muitas mentiras de Parvati...


- Uma da muitas mentiras de Parvati?


- Sim...- falou afectada.-...você não sabe o que ela armou comigo...eu...


- Diga Gina...


- Eu vou lhe contar...mas me prometa que não vai contar nada a Harry.


- 0.k. eu prometo.- Mione assentiu com seriedade.


Gina pigarreou nervosa e relatou todo o sucedido ao pormenor, enquanto o rosto de Mione se ia toldando de preocupação.


- Eu ia destruindo a minha amizade com Harry por causa disso. Eu fui tão infantil ao lidar com a situação, que ainda hoje me envergonho de ter ido falar com a professora Minerva , para desistir das aulas de Defesa.


- Você quis desistir das aulas de Defesa?!...- Mione estava chocada.


- Sim...mas depois me senti muito mal!- ela falou transtornada com as recordações.


- E Parvati? O que ela lhe disse depois disso?- Mione estava estupefacta.


- Nada. Eu não voltei a falar no assunto com ela. Nem sequer lhe pedi explicações sobre o enredo que ela armou. Contudo noto um brilho estranho e assustador no olhar dela, cada vez que fala comigo ou me vê com Harry.


- Meu Deus Gina! Você devia contar tudo isso a Harry!


- Por favor Mione , eu lhe pedi que...


- Eu sei , eu prometi que não vou contar. E o que se promete , tem que se cumprir. Mas não me obrigue a concordar com isso. E acho que você tem que começar a tomar cuidado com essa garota.


- Luna me disse a mesma coisa.


- Ela está certa.- Mione falou tensa.- Tenha muito cuidado com o que fala com Parvati e não lhe confie segredos...


Alguém bateu na porta naquele momento.


- Garotas, vocês estão nuas ?- uma voz masculina perguntou.


- Não seja atrevido Ronald Weasley!- falou Mione enquanto abria a porta.


- Ora...eu até estava sendo educado. Além disso todo mundo está esperando por vocês lá em baixo para almoçar. Até os gémeos que chegaram á cerca de dez minutos e ficaram massacrando Harry com os novos inventos mágicos que criaram.


- Pois sim...-ironizou Mione , enquanto beijava o namorado suavemente nos lábios.


- Eu vou tomar um duche rápido.- Gina informou.- vão na frente que eu desço num instante.


- 0.k. mas não demore Mana. Seu professor está ansiando pela sua presença.


- Cale a boca Rony...- Mione falou empurrando-o para fora do quarto.


- Mas querida...


- Até já Gina...vou levar seu irmão daqui para fora. Antes que os dentes lhe caiam de tanta gracinha que diz.- Mione acrescentou enquanto saía e fechava a porta atrás dela.



Dois dias depois, Harry , Gina, Mione e Rony seguiram para Paris.
Fleur e Krum disponibilizaram um transporte mágico para os levar. Uma diligência puxada por unicórnios prateados que os levou até França num instante, para uma Fazenda alugada para o casamento, nos arredores de Paris.


O Palácio deslumbrante, pertencente aos Domínios da Magia, tinha tanto de belo, como de grandioso. Rodeado por harmoniosos jardins de flores exóticas e de Estátuas de Cristal. Tinha no sopé , um Lago de águas brilhantes , onde deslizavam Cisnes resplandecentes com asas douradas e outras criaturas marinhas encantadas. E em seu redor, dispostos pelo gramado bem tratado, haviam Bancos em estilo gótico, com recostos ogivais, que convidavam ao descanso e descontracção.


Os quatro amigos respiraram fundo, perante a extraordinária paisagem á sua frente.


Fleur e Krum vieram recebê-los de forma afectuosa e feliz.

A cerimónia iria decorrer dali a dois dias. E os noivos pareciam ansiosos pelo momento do enlace.


- Espero que gostem do meu País e que aproveitem para passear bastante.- Fleur falou com simpatia e um sotaque acentuado, mas verdadeiramente divertido.


- Eles vão gostar muito meu amor.- Krum falou embevecido, sem que a pronúncia alquebrada da língua servisse de obstáculo á paixão que sentiam.


- Vamos entrar...- Fleur anunciou.-... Acho que devem estar cansados da viagem.


- Um pouco...- Mione assentiu com um sorriso.


- Espero que gostem dos quartos e dos aposentos que lhe preparámos.- Fleur declarou enquanto entravam na porta principal do palácio.


- A julgar pela aparência exterior...lá dentro deve ser lindo!- Gina murmurou dum jeito profundo e a jovem noiva sorriu.


Entretanto mais atrás Krum sorriu e olhou para Harry.


- Sua namorada é linda! Percebo porque a manteve tanto tempo escondida.


Harry se engasgou embaraçado.


- O que foi? Disse alguma coisa que....?


- Não Krum.- Rony riu divertido.- Gina é minha irmã.


- Eu e Gina somos só amigos.- Harry falou agitado.


Victor Krum escancarou os olhos, corando um pouco.


- Bom não posso negar que estou bastante surpreso. Desculpe o engano.


- Tudo bem.- Harry anuiu mais calmo.


- Mas não posso negar que vocês os dois fazem um belo par.- O búlgaro declarou sincero.


Rony gargalhou.


- Bom já não sou o único!


- Ei o que vocês, estão falando aí atrás?- Mione perguntou enquanto subia as escadas de mármore polido e luzidio.


- Nada com interesse Mione.- Harry falou tentando mudar o rumo da conversa.- Falávamos da paisagem...


- Sim, sim da paisagem...- Rony piscou o olho a Krum reprimindo o riso.


- A julgar pela cara do meu irmão...aí tem coisa!- Gina falou fazendo uma careta, ao mesmo tempo que percebia um leve rubor no rosto de Harry.


Foi a vez de Fleur ficar surpreendida.


- Você...é a irmã de Rony?


- Sim...


- Então você é Gina!- Fleur olhou incrédula.- Não sei como não a reconheci logo. Você está...um pouco diferente...o que eu quero dizer...é que aquela doce menina que você era se transformou numa mulher e tanto...


Gina corou um pouco.


- Você me deixou sem jeito agora...


- Ai desculpe.


- Harry e você são ...?


- Somos só amigos.- Gina explicou perturbada, enquanto seus olhos encontravam os de Harry.


Krum e Fleur olharam-se em pânico.


- Acho que já fizemos asneira....- murmurou Krum com uma careta, enquanto a noiva mordia os lábios nervosa.


- O que foi?- Harry perguntou desconfiado.


- Os quartos....- Fleur tentava explicar.- Eu pensei que você e sua acompanhante fossem um casal....e que....partilhavam a mesma...cama ..entende?...Agora não sei como vamos remediar a situação. A lotação do palácio tá lotada com a maioria dos convidados.


Mione trocou um olhar perplexo com Rony. Enquanto Harry e Gina se olharam paralisados.



(continua...)



Deixem comentários por favor!

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.