FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

9. A Sétima Lembrança


Fic: Lembranças Marotas


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

N/A: SORRY, não consegui me conter e postei esse capitulo! Acho que vai ser o ultimo da noite... uhaushaush... Bem... Só isso.. Comentem!

-Senhor Potter? – exclamou prof. Binns.
-Sim professor? – perguntou Tiago.
-O senhor está passando bilhetes? – perguntou prof. Binns.
-Sim – disse Tiago. Sabia que se mentisse ia ser bem pior.
-Com quem o senhor está se correspondendo? – perguntou o professor.
“Pronto” – pensou Lílian – “Estou perdida” – disse ela choramingando.
-Ainda não tinha passado o bilhete professor – disse ele olhando para o livro.
Lílian olhou assustada para o garoto. Porquê ele, em sã consciência, não havia denunciado-a? Lílian olhou para o garoto agradecida e o professor falou:
-Então creio que uma semana de castigo está bom, por não prestar atenção na aula e passar bilhetinho a alguém – disse ele olhando de relance a Lílian.
-Tudo bem – disse Tiago olhando para o livro.
-7:30 amanhã em minha sala – disse o professor.
Tiago confirmou com a cabeça e não falou mais nada até o final da aula. Lílian ainda olhava para Tiago como se não tivesse acreditado no que havia acabado de acontecer.
Saiu daquele mundo quando Victória a chamou:
-Lily vamos se não nós vamos nos atrasar para a... – A menina loira parou e ficou olhando para a amiga que ainda estava parada – Lílian! Lílian! Mundo mágico para Lílian Evans! Merlin garota, o que você tem? – perguntou a menina quando viu que a menina havia saído da “transe”.
-Não, nada. Vamos – disse ela dando um sorriso amarelo.
-Estranho o Potter não ter te entregado – disse a amiga. – Nem parecia ele – disse.
-Eu que diga – disse Lílian.
-Falando em Tiago, olha quem vem vindo ai – disse Vick apontando para um menino moreno que andava com a cabeça baixa. Assustou-se quando trombou com um menino do segundo ano.
-Desculpe-me – disse Tiago e tentou sorrir. O menino sorriu e foi logo embora. Tiago pelo visto não havia visto quem estava na sua frente e continuou andando até que:
-Potter – Lílian gritou num impulso só.
Tiago parou e olhou para trás. A menina estava mordendo o lábio inferior como sempre fazia quando estava nervosa ou intimidada, Tiago já havia reparado nisso.
-O que foi? – perguntou ele.
-È... Eu só queria dizer... Obrigada por não ter me dedurado – disse Lílian, e voltou a morder seu lábio inferior.
Tiago sorriu para a garota e falou:
-Eu que passei o bilhete primeiro. Se eu não tivesse passado eu não teria ficado uma semana de castigo não é mesmo? – disse ele sorrindo.
Lílian queria dizer “Bem feito, quem mandou você passar o bilhete!?”, mais só de Tiago não tê-la dedurado, ela apenas sorriu e virou-se.
Ao ver aquele sorriso o estomago de Tiago deu uma reviravolta. Tiago não estava se importando de perder uma aula, nem sabia se teria uma aula naquele momento. Sua mente agora estava longe de Hogwarts, de aulas, ou de qualquer outra coisa. Estava concentrado naquela imensidão de cabelos ruivos. Estava concentrado no sorriso da menina. Nos grande olhos verde-esmeralda de Lílian Evans. Sentou no lago e bateu em sua própria cabeça e disse consigo mesmo:
-Não Tiago, você não pode se apaixonar por alguém! Muito menos se esse alguém for Lílian Evans! Ela te despreza totalmente e... Você é Tiago Potter! Tiago Potter, o rei das travessuras! Tiago Potter, um maroto! Tiago Potter, o que varias garotas correm atrás! Você não pode se rebaixar a esse ponto de se apaixonar por Lílian Evans... – Mais ele parou nesse ponto – Apesar que ela é linda – disse ele e atirou uma pedra no lago – E eu gosto de desafios – disse ele agora sorrindo.
-Tiago? – disse alguém atrás dele.
O menino pulou e colocou a mão em seu coração. Victória estava parada ali olhando-o. Ele sorriu ao ver quem era e falou:
-O que foi? – perguntou ele.
-A McGonagal mandou eu te procurar – disse a menina sorrindo. – E tenho certeza que a sua mãe não vai gostar nada se souber que você andou cabulando aula – disse ela sorrindo.
-Minha mãe não vai ficar sabendo – disse ele sorrindo também.
-A, mais vai mesmo se você não levantar esse bumbum daí imediatamente – disse ela indo até o garoto e pegando-o pela orelha e puxando-o.
O garoto soltou um gemido e foi andando, sendo puxado pela menina.
-Só porque você é minha prima não significa que pode sair por ai puxando minha orelha – disse ele.
-Numero um: Sou sua prima de segundo grau. Numero dois: Tenho direito de fazer o que eu quiser. Numero três: Cabular aula é uma coisa muito feia, até mesmo para você. E numero quatro: Vamos logo que eu estou perdendo a aula. E a Tia Anna não vai ficar nada feliz em saber que a sua sobrinha teve que botar seu filho para dentro da aula aos gritos. – disse ela sorrindo.
-Eu não estou gritando – disse ele.
-Ainda. Se você não me acompanhar, vai fazer muito mais do que gritar – disse ela sorrindo.
-Se você me responder uma coisa, eu te acompanho – disse Tiago sorrindo marotamente.
-O que queres priminho querido? – perguntou ela.
-De quem Lílian gosta? – perguntou, um pouco intimidado.
Victória o fitou e perguntou:
-O que você esta pensando Tiago Potter? – perguntou encarando-o.
-Nada – disse ele.
-Para a sua informação, Lílian só gosta de três pessoas – disse ela. Vendo a cara abismada que Tiago tinha feito, ela continuou – Dos pais, dos livros, e de mim – disse sorrindo.
-Haha estou falando sério – disse ele.
-Sério como? – perguntou ela sorrindo.
-De quem ela gosta. De qual menino? – perguntou novamente.
-Nenhum – respondeu em total desprezo – Lílian não pensa nem um pouco em namorar. Se você quer saber, acho que é a ultima coisa que ela quer. Ela prefere sair com o professor Binns do que com um garoto – disse ela continuando andando.
-Você acha que eu teria chance? – perguntou ele.
-TIAGO POTTER? Você? Meu primo? Meu bom e querido Merlin, o que você fez com o meu primo? – Victória agora encarava-o, mais era notável o sorrisinho escondido em seu rosto.
Tiago fez uma careta e disse:
-Não é nada disso que você esta pensando – disse ele.
-No que é que eu estou pensando? – perguntou Victória sorrindo.
-Que eu realmente gosto dela – disse ele. Foi difícil falar, já que nisso, pareceu que seu coração havia o chutado.
-Então, por que perguntou? – disse ela.
-Segredo de maroto – disse ele sorrindo e saindo correndo.
-James Tiago Potter, volte aqui imediatamente ou eu vou contar para todo mundo que você usa cueca de sapinho! – gritou ela. Mais o grito foi em vão, já que Tiago estava nesse mesmo momento, a metros de distância dela, sorrindo, como sempre.
Tiago agora tinha acabado de chegar na porta da sala de Mcgonagal. Entrou e todos os olhares se dirigiram para ele, principalmente o da professora.
-Potter, aonde você estava? – perguntou a professora.
-Não estava me passando muito bem – disse Tiago, mentindo.
-Então creio que estava na Ala Hospitalar – disse McGonagal encarando.
-Não exatamente – disse ele, ignorando o sorrisinho dos alunos da sonserina.
-Então Potter, como pode provar que estava passando mal, e não cabulando aula? – perguntou a professora encarando-o. Tiago pensou consigo mesmo:
“Agora eu estou realmente perdido”, só que...
-Não professora, o Potter esta falando a verdade, ele não estava com uma cara nada boa agora pouco – disse a voz de Lílian.
Como Lílian era uma aluna modelo, McGonagal falou:
-Então serão retirados 5 pontos da Grifinória graças ao seu atraso Potter. Fique feliz que não foi nada mais grave – disse McGonagal voltando-se ao seu livro.
Tiago sorriu para Lílian, que apenas falou:
-Agora estamos quites. – disse ela, voltando a leitura.
Sirius olhava o abismado. Aonde que o seu amigo havia ido sem tê-lo chamado? Mesmo se fosse para matar aula, Tiago contaria a Sirius. Do nada, Pufth, Tiago some. Sirius acompanhou o amigo sentar ao seu lado mais nada disse. Quando terminou a aula, Os quatro marotos levantaram. Como Tiago não havia falado nada, explicado algo, Sirius adiantou-se:

N/A: Thanam! Gostaram do capitulo? Achei legall... SUPRESA!! NINGUEM, nem a Mari nem eu imaginamos que a Victória era prima do Tiago. Nem sei donde surgiu isso. Eu só queria que alguém aparecesse atrás do Tiago no momento de reflexão. E Lílian não ficaria muito legal, nem Sirius nem Lupin. Pensei até no Snape, mais ai daria briga. Até que... BINGO... Victória! Uhuhsuashuahs... Bom... só isso... Espero que gostem... Saíram lucrando em? Três capítulos no mesmo dia! ;D

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.