FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

29. Chantagem Invertida


Fic: Segredos de uma Vida Quase Normal


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Capítulo 29 – Chantagem Invertida


 


Depois da reunião, Harry e Gina foram encontrar com Tiago, Lilian e Suzy no shopping. Mereciam uma comemoração.


Encontraram Hermione e Rony com eles.


- Eu tive que arrastar o Rony daquela quadra pra cá. – disse a morena. – Se deixasse ele ficava arremessando aquela maldita bola até cair esgotado.


- Nossa que ironia. – disse Gina. – Antigamente era ele que tinha que te arrastar para fora da biblioteca.


- Não era bem assim, eu não passava tanto tempo assim lá. – disse Mione.


- Quem ficou presa na biblioteca depois que a Madame Pince a fechou? – perguntou Lilian.


- Eu. – disse ela, corando. – Mas não estava sozinha, se lembra?


- Bem, mas foi por minha causa que saímos de lá. – disse a ruiva.


- Você sabe arrombar portas? – perguntou Harry.


- Não, mas meu namorado sabe. – disse ela. – Foi antes de nossa briga.


- Isso é feio. – disse Suzy.


- Só faço isso para salvar as pessoas. – disse Tiago para a irmã.


- Ah, bom. – disse ela. – Assim pode.


- Falando em salvar as pessoas. – disse Gina. – você podia ter avisado. A gente podia ter reagido e ter acontecido algo.


- Precisávamos que vocês tivessem as reações que tiveram. – respondeu Tiago. – Qualquer coisa diferente do que aconteceu e não pegaríamos ninguém.


- Eu sou uma excelente atriz. – disse Gina.


- Pode até ser, mas ele não. – disse Lilian apontando para Harry.


- Isso é verdade. – disse a ruiva e todos riram.


- Ei, eu posso representar. – disse Tiago fazendo todos rirem.


 


 No dia seguinte, Draco Malfoy olhava raivoso para Harry, mas não falou ou mesmo se aproximou. Aparentemente recebera instruções para não criar problemas, e estava fazendo um esforço para isso.


Mas ele não era o único que causava problemas para o moreno. Snape estava tentando que ele cometesse um erro na aula, e ter um motivo para implicar com ele.


Só que Harry não caiu em suas armadilhas, frustrando mais ainda o professor. Que segundo boatos, tinha uma amizade com Lucio Malfoy. E mais uma vez viu um Potter se dar bem.


Porém a pessoa que mais queria estragar a felicidade de Harry era seu primo.


Algumas pessoas passavam por Harry e riam. Harry já conhecia isso, Duda voltou a ação e contou algo que devia ser humilhante.


A boa noticia que eram poucas pessoas que faziam isso. E nunca quando tinha mais pessoas por perto, em especial, Gina, Lilian e principalmente Tiago.


Isso incomodava, mas já estava acostumado com isso.


Até que viu Duda mostrar algo para um grupo da turma de Lilian.


- Espero que não seja pornografia de novo. – disse ele para o primo. – Seu pai não está com moral aqui para te safar outra vez, e colocar a culpa em mim.


- Não sou estupido de perder minhas revistas outra vez. – disse Duda, e abriu um sorriso presunçoso. – O que tenho aqui tem seu nome.


- Mesmo? Não me lembro de você entrar no meu quarto nos últimos dez anos. – disse Harry.


- Você tem certeza?  Reconhece isso? – retirando um bicho de pelúcia da mochila e jogando para Harry.


- Meu ursinho de pelúcia, o único que você não destruiu? – disse Harry.


- Então é verdade. – disse um dos meninos.


- O que é verdade? – perguntou Gina, de forma que fez os meninos tremerem.


- Que ele dorme com o ursinho. – disse outro rapidamente.


- Poderia ser. – disse Harry sem nenhum constrangimento.  – Se eu não tivesse entregue para sua mãe, quando ela recolheu roupas para doar para vitimas de um furacão. Acho que eu tinha quatro anos. E como eu disse você não entra no meu quarto a mais de dez anos, não poderia pegar nada.


- Eu tenho a chave. – disse Duda, mas sem confiança.


- Tem mesmo? Você sabe que eu mudei assim que mudamos, né?


- Acha que sou estupido? – perguntou Duda.


- Preciso responder? – disse Gina.


- E se eu durmo com o ursinho, porque só tem cabelo loiro aqui? Sempre tive os cabelos negros.  – disse Harry.


- Então quer dizer que quem dorme com o urso é o Duda? – perguntou um dos garotos.


- Segundo essa foto sim. – disse Tiago aparecendo atrás dos garotos.


- De onde ele surgiu? – perguntou alguém.


- Eu não vi? – disse outro olhando atrás deles e só vendo uma parede de tijolos.


- Não me parece ser montagem. - disse um.


- Está na hora da aula, de matemática. – disse Tiago dispersando o grupo.


- Aposto que ele ainda vai chegar antes da gente. – disse um deles.


- Duda, isso já cansou. – disse Harry. – Eu não fiz nada pra você. E o ódio de seu pai só o fez sofrer. Quer isso para você?


Duda não falou nada.


- Vou falar de forma que você entenda. – disse Tiago. – Você não enche o saco do Harry e essa foto some. Ninguém a viu, nem verá.


Duda saiu correndo.


- Eu poderia tê-lo ameaçado. – disse Harry.


- Você é bonzinho de mais para isso, Pontas. – disse Tiago.


- E que graça teria ser amigo de um vampiro se não podemos usar ele para espantar trouxas? – perguntou Gina.


- Bom, Lilian está me esperando para aula. – disse Tiago, sumindo pela parede.


- Eu sei que ali tem uma passagem secreta, mas o efeito dele sumindo ainda é o mesmo. – disse Gina, começando a andar para a sala de aula.


- Ele tem experiência nisso. – disse Harry.


- E como ele conseguiu aquela foto?


- Eu tenho algumas para poder usar em casos assim. – disse Tiago com um sorriso maroto. – E se é para assustar, melhor usar alguém que já tem fama. E agora ele sabe que não adianta invadir o meu quarto pra roubar as provas contra ele. Estão com outra pessoa, que não tem escrúpulos de usar contra ele.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 3

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Lana Silva em 28/02/2012

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
Amei o capitulo.
Finalmente me atualizei.
Tô amando a fic, tá super legal aqui
bjoos e louca pelo próximo capitulo! 

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Bárbara JR. em 26/02/2012

Aaai adoro ver esses caras se ferrando! Tiago é 10 mesmo. Adorei o capítulo :DD

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Natascha em 25/02/2012

ficou ótimo!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.